História Angelical¤Dance - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jikook, Ship's Bts, Yaoi
Visualizações 11
Palavras 6.669
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Incesto, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Acho que esse é o maior capítulo da fic, boa sorte pessoal e pra quem não gosta de Cap Grande, desculpa, é pela demora! Vou ficar sem postar um tempo sem postar, depois do 5. fiquem satisfeitos com esse é a parte dois desse por enquanto.

Gente, eu queria desde já agradecer a Clara que escreveu sobre cada um eu só adaptei ao capítulo, devo todo o capítulo à ela!

Boas notícias, a capa tá saindo! Logo, logo ela tá por aí e vou começar a colocas coisas nas fotos do capítulo então, vai ser mais organizado agora.

Eu tava pensando em fazer um vídeo sobre a fic, tipo um trailer, oque acham? Digam no comentários sobre isso e alguma críticas também. Boa leitura!

Capítulo 3 - O Jogo! (Parte 1!)


Por Namjoom* 

 Jin: Sim, comece! - O Jin disse sorrindo pra mim, e que sorriso meu Deus. Dou uma última olhadela pra ele não disfarçando nem um pouco antes de começar. Eu quero ele pra mim! Me levanto ainda o olhando e começo... 

Namjoon: bem... - sorri com os lábios sem monstrar os dentes. Eu acho que deixei explicitas minhas amáveis covinhas fundas - meu nome completo é Kim Namjoon, mas podem me chamar de Nam.. ou RapMon, como alguns a mim se referem. Eu adoro ler ou mexer na Internet. Leio muito pois isso me ajuda a compôr... Ah.. e sim.. eu componho às vezes (sempre). Eu não gosto.. an.. não gosto de ficar sem meu computador. Eu me imagino daqui a 10 anos sendo um rapper famoso e muito bem sucedido, então considero esse o meu sonho. Minha comida preferida é.. carne.. não.. macarrão... os dois! - ri - no momento eu estou gostando muito de "Butterfly", ouço quando quero dormir ou só descansar a mente. Quando se trata de amor Eu não sou muito difícil pra escolher. Eu estou afim de alguém no momento então essa parte da brincadeira será como uma dica. Acho que o que realmente me importa é o que a pessoa é por dentro, mas eu gosto muito da sua pele clara e cabelos castanhos. Essa pessoa é relativamente alta também. 

Jin: Hmmm - Disse passando a mão no queixo como se tivesse pegado uma resposta no ar e depois me olhar torto. Não entendi 

Jackson: Wow, Butterfly? - Ele coloca a mão no coração e faz uma cara de dor - Eu não te conheço tão bem como eu pensava 

Namjoom: Nem eu te conheço tanto, quem pensaria que seria tão dramático! 

Júnior: Aish, andem logo 

Bambam: Concordo! Vão logo 

Tae: É você BamBam 

JB: Sim! É pela ordem esqueceu? agora é o você - ele deu um tapa na nuca do BamBam que colocou a mão no mesmo lugar depois do tapa e se levantou 

Por BamBam* BamBam: Huumm.. ok.. - Meu Deus ela tá olhando pra mim, aquela garota me chama atenção desde o começo das aulas, me sinto confortável com sua presença. É só ficar tranquilo e calmo e ela não vai te achar um idiota. 

Continuo um pouco tímido . - meu nome inteiro é Kunpimook Bhuwakul - vi uns olhares meio confusos pela pronuncia do meu nome. Sorri - mas podem me chamar de BamBam.. ou como meus amigos da Tailândia me chamavam: Baby BamBam. - ele sorriram de volta e eu corei levemente - Assistir "The Simpsons" pra mim é uma boa e conta como algo que gosto. Eu não gosto que me interrompam.. isso me incomoda um pouco. - sorri fofo - conhecem Rain? - eles assentem dizendo "sim" - então.. eu sonho em me tornar uma estrela mundial como tal e expalhar minha música pelo mundo todo. Eu gosto de frango frito e.. -pensei- sopa.. é.. sopa.. Eu estou bem 'viciado' na música "Stay With Me" no momento, acho que a tradução combina comigo. No amor.. an.. acho que eu nunca parei pra pensar nisso.. mas eu gosto muito de sorrisos verdadeiros e sinceridade, então a pessoa ideal pra mim tem que ter essas qualidades. - terminei assentindo uma vez por costume. Eles são bem divertidos e gentis, acho que minha timidez logo some se eu ficar junto a eles. 

Jackson: Não se iludam, ele não é tímido com pensam- Ele dá um sorriso irônico e todos riram 

 Sara: Então surpresas virão, já vou me preparar! 

Namjoom: Interessada Sara? 

 Jimin: Uhhhhhhh, Sara é a rapidez em pessoa 

Sara: Para Jiminnn - Ela dá um soco nele que parece não ter sentido o mesmo e logo se vira pra ela lhe dando um sorriso, ela ri pra ele e volta o olhar pra mim. Ela é bonita, muito bonita. Como não reparei nisso antes? Essa brincadeira foi genial, vou anotar pra lembrar de agradecer o Jungkook depois. 

Por Taehyung* 

Tae: GENTE FOCA AQUI - gritei chamando a atenção com as mãos e vendo os mesmos rirem e me olharem, um dos olhares era dele e eu juro que senti minhas pernas amolecerem com seu olha sobre mim. Sorri e Comecei - Então.. me chamo Kim Taehyung, mas pode me chamar de Tae ou TaeTae ou V um dia eu conto a história desse apelido pra vocês! Enfi, decidam aí o apelido. Bom, eu adoro encontrar músicas desconhecidas então eu sempre procuro várias no meu tempo livre, isso vai pra lista de coisas que eu gosto de fazer, juntamente com assistir "Mori no Piano" um dos meus animes preferidos. Eu não gosto de ser deixado no vácuo, muito menos de deixar alguém no vácuo, então se um dia eu fizer isso, é pq eu odeio muito a pessoa. Eu sonho em ir pra França, turistar por lá com as pessoas, amigos, famílias, amor - olhei disfarçadamente pra Hoseok que continuava a manter seu olhar quente sobre mim. - minha comida preferida é japchae, embora eu goste de comer de tudo mesmo. Eu amo a música "You'ry me", eu escuto essa todos os dias. Eu acho que o amor da minha vida tem de ser bem divertido e encantador -sorri de lado - e faça chocolate quente pra mim... - rio pensando se esqueci de algo - Acho que é isso. - sorri de novo terminando minha apresentação. 

Hoseok: Legal a parte da França 

 Aya: Sinto um puta clima por aqui, me pergunto de onde vem 

Jae: Nem consigo imaginar de onde - Jae ri acompanhado de uma risada grande de Aya e eu coro. Pera aí... EU COREI? 

Hoseok: Engraçadinhos - Ele ri fraco com as bochechas rosadas, ele fica lindo assim, puta que pariu, oque ele tá fazendo comigo mesmo? Ah é, lembrei... NEM EU SEI 

Por JB* Eu estava olhando a loira na minha frente, ela tinha um sorriso pequeno juntamente a sua boca, e olhos azuis, ela parecia viajar no mundo dela com aqueles lindos cabelos com de ouro, à duas semanas eu fico aqui à observando e suspirando e todo final de sorriso dela, ela é tão linda, toda vez que nossos olhos se encontram meu coração dá um salto maior que o se costume, não sei oque à comigo. Eu sei que deveria estar prestando atenção na brincadeira, mas é impossível com ela presente aqui, oque estou pensando? 

 Aya: JaeBum? 

 Jackson: JBBBBBBBBBBB - A voz alta de Jackson em meu ouvido me tira dos meus pensamentos e eu quase dou um pulo 

JB: Que houve? - Eu disse bravo com Jackson, como ele pôde gritar no meu ouvido assim? Eu estava pronto pra matar ele quando ouvi uma voz angelical dizendo meu nome. Era a voz dela. 

Luna: JaeBum, é a sua vez - Ela disse com um sorriso tímido e meus músculos relaxaram na hora, me perco de novo em seus cabelos mas eu volto rapidamente à mim quando ela desvia o olhar, a amiga dela diz algo em seu ouvido e ela cora 

 Yug: Vai logo JB 

JB: Eu estou indo! então... meu nome inteiro é Im JaeBum, mas podem me chamar de JB. Gosto de assistir um bom filme prestando muita atenção em tudo, também gosto muito de cantar. Não gosto que sejam falsos comigo, até porquê eu nunca sou falso com ninguém, mas também odeio aquela sinceridade direta que muitas das vezes nos machuca. Eu sonho em ser cantor, ator e compositor. Quero me formar em artes corporais e/ou música e teatro e poder atuar em algum filme. Eu estou numa vibe diferente atualmente, gosto de músicas do tipo de "só bad", que no momento é minha preferida. Eu penso muito no meu amor - Olho pra Luna que olha atentamente para mim e meu sangue ferve - I-imagino uma pessoa simpática e tímida, que tenha gostos parecidos com o meu, mas não iguais, seja fofa, sonhadora e viva a minha vida comigo. E só isso mesmo. - sorri e todos retribuíram com carinho inclusive ela, aquele sorriso pequeno é minha porta pra insanidade, caralho Lunari! 

Por Jackson* Eu sou gay. Eu não saio falando mas também não escondo. Vamos se dizer que eu já fui muito galinha com todos que eu me envolvi até hoje. Mas meu Deus, bastou uma semana para eu me apaixonar pelo Mark, e eu neguei isso pra mim mesmo até ontem que eu e ele fomos pra casa juntos, ele rindo das minhas brincadeiras enquanto a gente caminhava em direção ao pôr-do-sol. Ontem eu tive certeza, eu quero ele pra mim - 

Hoseok: Vai Jack 

Namjoom: Não enrola Jackson 

Jackson: agora é minha vez cambada, SE PREPAREM - sorri e me levantei - bem... meu nome é Jackson Wang, mas podem me chamar de Jack, Puppy ou Oppa Jackson - Yugyeom me deu um tapa na minha perna- E também... - Fiz uma careta - podem inventar novos apelidos com isso também se quiserem 

 Yug: Não posso perder essa chance 

Jackson: Aish. Bem, eu amo ginástica e essas coisas envolvidas com esporte, fiquei sabendo que o pequeno ali também é bom - apontei pra Jimin - vamos jogar um dia! - ele fez um beleza com a mão e um olhar divertido. - Mas apesar de todos os esportes esgrima está no topo, eu amo praticar nas horas vagas ou nas não vagas - ri - meu esporte favorito. Bem.. não tem realmente uma coisa ou.. não sei... ou algo que eu não goste... Acho que.. não gosto de humilhação e homofobia. Eu gosto muito da música "Really Really" por que o ritmo é contagiante. Sonho em ser um jogador profissional. Jogar profissionalmente esgrima e também quero dançar e fazer Rap, se vocês me perguntarem qua desses sonhos eu escolheria pra seguir carreira em minha vida eu estaria encrencado. - falei pensando e logo sorrindo - aahh o amor.. - rimos com minha "atuação" e eu logo depois olhei pra Mark - Eu quero alguém que tenha gostos parecidos com o meu, que esteja disposta a passar uma madrugada acordada comigo pra ver o nascer do sol. E que acima de tudo saiba me fazer feliz. - sorri e pisquei, tentando não ser percebido por ele e logo me sentando novamente. 

Yug: Eu sabia todassss 

 Jackson: Se acha 

Aya: Esgrima é? Quero assistir um dia - Ela disse animada, Aya-Jun não é? Parece divertida, e eu vejo como o Yug olha pra ela, ele pode enganar a si mesmo, mas não passa em branco por mim, eu ainda vou perguntar à ele! 

Mark: Eu também quero - ele disse emburrado, Fuck. Que. lindo. Mark não pode ser humano 

 Jackson: Convidados para o show! - ri e dou tapa no ombro de Yugyeom 

 Yug: Porquê fez isso? -Ele disse rindo

Jackson: Sei lá - todos rimos - Você é o próximo Yug 

Por Yugyeom* 

Aya-Jun, um dia eu me peguei sorrindo e pensando em como ela é linda. Quando eu entrei nesse colégio à duas semanas eu estava só repassando oque eu ia fazer na minha cabeça "Esquecer a música, e me tornar um cirurgião como meus pais querem" Mas foi eu entrar naquela sala e bater os olhos nela, e já me veio várias melodias na cabeça, eu tive vontade de cantarolar o dia todo. É um sentimento novo pra mim e eu não faço idéia de como lidar com ele. As vezes eu penso em pedir uns conselhos para os meninos, só se passaram duas semanas mas eu acho que já tenho intimidade com eles para isso, não? Eu não sei. Eu sei que ela é uma das meninas que todos do colégio querem, mas ela simplesmente não sai da minha cabeça. Eu decide que por enquanto eu só vou observar ela de longe e ver se esses sentimentos vão embora, mas, quanto mais eu olho pra ela mais eu quero olhar e quando eu percebo eu já estou completamente perdido em seus cabelos castanhos claro e seu corpo cheio de curvas, coro só de pensar nele. Eu espero que ninguém tenha percebido isso, se me perguntassem oque é que eu sinto por ela eu ficaria perdido e não saberia oque responder. Ela é o poço de sentimentos e eu sinto que se eu continuar, vou acabar me afogando. 

Yugyeom: Uh, minha vez? Tudo bem.. - sorri e fiquei de pé - eu sou Kim Yugyeom, mas podem me chamar de Gyeomie ou Yug, vocês decidem. - sorri grande pra todos e quando direcionei o olhar pra ela, ela também me observava, e quando nossos olhares se cruzaram foi como um choque. Mantenha a calma Yugyeom. Corei - eu gosto muito de música, então, pra mim, acho que tudo relacionado a isso me deixa bem. Adoro companhias, ficar junto das pessoas que eu amo está na lista de coisas que eu gosto muito. - sorri vendo os outros sorrirem de volta, me senti feliz e até aliviado por eles não serem pessoas ruins, muito pelo contrário. - eu não gosto muito de brutalidade e falsidade... Acho que ninguém aqui gosta muito disso também - rimos - eu sonho em me tornar artista ou um k-idol, desde pequeno eu já cantava minhas próprias musiquinhas, é isso segue até hoje, já pensei em desistir, mas algumas coisas aconteceram e me deram o benefício da duvida, fico feliz com isso. Tenho um sonho de compôr e mostrar pra todos depois, mostrar pro mundo. Parece que nós temos sonhos parecidos aqui - disse me referindo a todos, rimos e muitos murmuraram uns "yeah" "sim's" e etc, o que me deixou feliz em ver que aparentemente vou me dar sempre bem com todos.. - gosto muuuuuiito de "Shine Forever", é realmente boa. - sorri grande - Sobre o amor da minha vida.. huuumm.. - tento não olhar pra ela, abaixando a cabeça, numa tentativa completamente falha. - acho que a pessoa pode ser divertido e brincalhona como eu, gentil e fofa. Que seja carinhosa comigo e ame somente a mim. Então.. acho que é isso.. - sorri me sentando. Eu gosto deles, vão ser bons amigos! - 

Aya: Shine Forever? Essa música está entre minha preferidas elas, são tão lindas - E-ela está falando comigo? - 

Yugyeom: Sim! É uma música linda! - Sorri grande! Quando eu percebo nós já estamos conversando sobre música e grupos, e ela me dizendo algumas músicas que ela dizia serem muito boas também e eu tento, tento de verdade prestar atenção mas, ela é tão linda! Me seguro para não corar 

Namjoom: RumRum - Nós dois olhamos para eles e percebemos que todos nos observavam e o BamBam e o Jackson até se seguravam para não rir 

Sara: O papo tava tão bom que até esqueceram da gente aqui? - Eu coro eu de imediato e quando olho para ela, ela também corou. 

 BamBam: Que fofos - Sara e BamBam começaram a gargalhar e depois de um tempo sendo acompanhados por todos os outros. Eu e Aya apenas mantivemos as cabeças baixas 

Namjoom: O casal Maknae! 

 Tae: Sim! - Eles dizem quase ilegível por causa das gargalhadas e depois de alguns segundos ali eu a olho de novo, ela é linda até mesmo corada e com vergonha. Que... Droga... 

Por YoungJae* Wow, ela é bonita, May-Jae né? Ela tem o meu nome -rio- como só reparei nela hoje? O próximo sou eu deixa eu ver oque tenho que falar... Jackson: Agora é você! Jae: Eu sei! bom.. - me levantei e fiquei de frente pra todos - meu nome é Choi YoungJae, mas podem me chamar de Youngie ou Jae. Err.. eu adoro animais, de todas as especies e tals. Adoro estudar a biologia deles.. - sorri simpático, fofo e ao mesmo tempo tímido - eu odeio maus tratos, violência e intolerância.. - corei.. estava nervoso.. e se eles não gostassem de mim?!.. ain.. - eu sonho em ser biólogo, cuidar de animais e de pessoas também.. sonho em fazer o bem a todos - sorri e corei, vendo os outros sorrirem felizes pra mim - gosto da música "milion reasons" a letra é bonita e o ritmo.. bem.. legal.. - ri e muitos concordaram. - imagino amor da minha vida alguém que seja como eu, introvertido e extrovertido, dependendo do momento. Alguém que me ame e esteja comigo em tudo.. é isso.. - sorri e me sentei. 

Suga: Quase fiquei sem piadinhas de tiozão, isso conta como meu surto matinal - Eu quase ri mas lembrei que ele me zoou e me contive com toda a força que tinha para não o fazer 

Jae: Você é o tiozão em si né, só dorme e faz piadas ruins 

 Tae: AQUELE AOVIVASSOOOOOOOOOOOOOOOOOOO - Namjoom já estava no chão gargalhando encolhido e ficando roxo pela falta de ar, ainda assim gargalhando e Jin tentava fazê-lo parar 

 Suga: Tae, você era do meu time caralho 

Jin: OLHA O PALAVRÃO - Todos rimos por longos segundo e depois fomos parando e nos corcertamos no círculo. 

Jae: Quem é o próximo? - Eu pergunto continuando a brincadeira 

Por Hoseok* Eu ainda tô agradecendo essa brincadeira por ter me feito saber mais sobre o Senpai e o seu sorriso. 

Hoseok: e-eu? Ok... - fui tirado de meus pensamentos sobre como o sorriso de Kim Taehyung é adorável - eu sou Jung HoSeok, mas me chamem de jhope, ou Hobi ou também só hope, como preferirem. Eu gosto muito da dança, bem clássico dizer isso né?!... Pois é.. - sorri - não gosto de brincadeiras pesadas, ou que falem sobre meus assuntos particulares, - falei lembrando do quanto eu sofria bullying na escola quando eu tinha 13/15 anos. Me zoavam pela minha opção.. sexual.. é.. - eu tenho um sonho de ser um rapper ou apresentador de TV, sonho com a dança também. Eu gosto muito da música "Mommae", esse tipo de rap me contagia. Bom.. o amor da minha vida.. -reparei mais uma vez no sorriso de Kim, mas bem disfarçadamente- pode ser de pele clarinha, tem que ter um beijo doce e que me transmita conforto, confiança e acima de tudo.. amor.. - sorri e corei quando ele fizeram "aawwnn" na última parte, e voltei a me sentar. 

Tae: Legal a parte do apresentador de TV - Ele imitando o que eu disse na vez dele. AINDA COM AQUELE SORRISO LINDO DO ROSTO ACABANDO COMIGO E ME DANDO VONTADE DE PULAR NO COLO DELE. SOCORRO! 

 Jackson: Outro casal se formando e você aí Namjoom! 

 Namjoom: Me deixa, eu já tenho planos

Tae: De que casal estão falando? 

Hoseok: Acho que eles falam de nós - digo corado 

 Nicoly: Vão pro próximoooo 

Seulgi: Eu vou só observar/escutar e usar tudo contra vocês depois! - Eu a ignoro, não gosto muito dela. 

Por Suga* 

Ainda tô meio abalado, durmo e quando acordo Tamile está me acordando com um dos sorrisos mais lindos que eu já vi e corada, me coração acelerou e ainda estou surpreso, porquê tô sentindo isso. Pelo amor de Buda oque é isso que eu tô sentindo?

Suga: minha vez? Se tivesse demorado mais um pouco eu tinha dormindo de novo.. vocês demoram pra caralho. - ri- vamos lá então... Bom.. Sou Min YoonGi. Uma vez me chamaram de "Suga" pelo fato do meu sorriso ser "doce" como alguns dizem, mesmo eu não concordando muito.. e pela minha pele ser clara e pálida como o açúcar.. aí pegou, então me chamem de suga. Eu não levo muito jeito pra dança como vocês, mas eu até pego algumas - sorri - mas eu gosto de fazer rap, gosto de escrever letras que jogam uma shade no ar, letras que mostram meus sentimentos e mostram como eu sou. Não gosto que me atormentem ou me encham quando eu estou com sono, mas podem ter certeza, eu sou um amor.. - rimos - tenho um sonho de ser um compositor e fazer parte de uma gravadora com um grupo, algo bem.. sei lá... Swag.. Eu tô numa vibe de rock agora, então eu tô curtindo muito "Do i wanna Know?". Eu nunca parei pra pensar sobre o amor da minha vida porquê eu duvido muito que um dia eu vá achar alguém.. masss - A imagem de Tamile vem em minha cabeça, porquê? Meu coração acelera sempre que penso nela, estranho - A pessoa pode ser calma e ter gostos parecidos com o meu. - sorri e me sentei de novo olhando de leve pra ela - 

Jackson: Um potinho de Swag, Rock e Rap 

Aya: Essa música é realmente boa!

Tamile: Uma das minhas preferidas!

Bmbam: Coincidência ou destino 

Sara: Eu fico com a segunda opção!

Suga: An An An

Por Mark *

Mark: eu.. vamos lá então.. Bom gente, meu nome é Mark Tuan Yi En, mas podem me chamar de Markie ou apenas Mark. Meu nome é bem curtinho, não me deram muitos apelidos que realmente pegaram, mas se quiserem me apelidar, ok. - sorri - bom, eu gosto de fazer rap, compôr letras rápidas e de aquecer a voz. Gosto de ensinar, uma curiosidade sobre mim, é que eu sou bem tolerante. - sorri gentilmente, gostei de todos ali. Acho que vou me dar bem com Jack, ele parece gostar das mesmas coisas que eu e eu também venho reparando bastante nele, toda vez que nossos olhares se encontram as borboletas na minha barriga acordam. Será que sou Gay? - eu não gosto muito de.. ah.. acho que a demora de irrita um pouco.. sou meio ansioso.. - rimos e muitos concordaram. - meu sonho é parecido com a maioria de vocês.. quero ser rapper ou um trainee em alguma gravadora. Ou até mesmo ajudar numa casa de adoção de crianças, eu amo crianças. Gosto da música "Fools", acho a letra dela linda e o ritmo me faz refletir. Sobre o amor da minha vida.. huum.. eu imagino uma pessoa alegre e tagarela como eu - rimos - alguém que fique sobre meus cuidados e que também cuide de mim. Alguém que realmente me ame.- vi que alguém gritou "fofo", ri e corei. Que gay shshzhahs, rimos e muitos fizeram "awwwn" 

Jackson: Lindo - isso saiu dos lábios dele quase imperceptível, Acho que ele queria dizer isso pra ele mesmo mas o burburinho parou bem na hora, eu me senti queimar, não só o rosto... oque ele fez comigo? Ele riu corado e olhou para outro canto desviando do olhar dos outros que ficarem em um choque meio risonho e eu tentei quebrar o silêncio 

 Mark: Han... Eu... É, você também! - QUE MERDA EU ACABEI DE FALAR? Ele virou bruscamente o pescoço pra mim e gargalhou e logo todos o fizeram também. A risada dele era engraçada e seu sorriso bonita. Finalmente me sentei e todos se recompuseram 

Aya: Que amor vocês - Fez um coração com os dedos e eu coro. Eu estou corando de novo. Tinha se tornado um abito quando o assunto é Jackson Wang.

Por Jin*

"TÁ MAIS QUE EXPLÍCITO QUE ELE TE QUER" Eu gritei pra mim mesmo quando o Namie me encarou, eu admite pra mim mesmo que gosto deles à exatamente um semana atrás, tão rápido e assustador. Como se um monstro tivesse engolido tão rápido que eu não senti a dor e agora estou em choque. 

 Jin: Moços e moças, minha vezzz - falei sorrindo brincalhão - sou Kim SeokJin, mais conhecido como "omma de vocês" - todos riram, inclusive eu. - Se precisam de algo, estou disposto à ajudar sempre que puder. Venham sem medo. Podem me chamar de Jin ou Jinnie. Eu amo cozinhar e cuidar de tudo e todos. Odeio teimosia e bagunça. Minha música preferida é "reflection", porque como o nome já diz, ela faz refletir. Eu tenho um sonho de ter um restaurante famoso de carnes e pratos chiques na Inglaterra. Maaassss - dei ênfase - meu maior sonho mesmo é ser cantor. Um vocal de uma banda ou até mesmo o visual. Imagino o amor da minha vida uma pessoa amorosa, que cuide de mim como eu cuido dele e de todo mundo. - Exatamente como eu imagino que o Namie seja, só faltou apenas eu citar o nome dele como exemplo - que me ame incondicionalmente. E... É só isso mesmo.. - sorri e todos retribuíram, sinto-me mais relaxado agora que já me apresentei.

Namjoom: Acho que posso me encaixar nessa qualidades. Vou adorar ser chamado de Appa 

Jin: Appa é? - Sorri meio maliciosamente como se não tivesse entendido. - SE BEIJEM - Um grito uníssono de todos invadiram meu ouvido de surpresa, um perfeito coral. Repeti a frase em minha mente e senti meu rosto ferver abaixando a cabeça.

Por Júnior* 

Eu vim para esta e escola com a finalidade de estudar e não ter paixões desnecessárias em minha vida. Mas ela estava lá, dormindo por aí e sentindo o vento bater em seu rosto, balançando seus cabelos castanhos lisos, e fazendo ela soltar suspiros. Ela não é uma paixão desnecessária. 

 Young: A minha vez? Ok.. vamos lá.. Meu nome é JinYoung, mas.. me chamem de Júnior. Eu gosto de tocar piano e assistir a filmes sozinho, mas também gosto de ter uma companhia às vezes. Eu odeio que botem pressão em mim, isso me irrita e me apavora, por favor, não façam isso -ri- Tenho um sonho de que minhas músicas alcancem o primeiro lugar em todos os music charts. Gosto muito de comer hambúrgueres. Minha música favorita é "Forever Young" pelo simples fato de eu me imaginar com uma mente jovem pra sempre. Imagino que meu amor - Olho pra ela, ela está absolutamente concentrada em mim, meu Deus. Linda... - seja fofa e risonha, tenha maturidade, gentileza e bom senso na moda. 

Jackson: VOCÊS VIRAM ESSE OLHAR APAIXONADO QUANDO ELE FALOU DO AMOR? PUTA MERDA - Disse e fez uma cara de super supresa 

Yug: AAAAAAAAA, O JUNIOR TÁ APAIXONADO 

 Jin: Quê? 

 Jackson: Vocês não viram aquele sorriso e o brilhinho nos olhos? VOCÊS ESTÃO CEGOS - PORQUÊ DIABOS ELES ME CONHECEM TÃO BEM. QUE MERDAAAA

BamBam: Eu já tinha percebido - ele riu misterioso e orgulhoso 

 Luna: Ue, porquê a surpresa? 

MayJae: É tão raro assim? - O Jackson levantou, se sentou na frente de May e começou a sacudir o seu corpo e disse:

Jackson: Você. Realmente. Sabe. Quem. É. O. Júnior? 

 Mark: Saí de perto dela Jackson - Ele disse com um tom de ciúmes e percebeu que todos tinham percebido o ciúmes e tentou concertar - É porquê você pode machucar ela!

Jackson: Desculpa - disse corado e voltou paro o seu lugar. O Mark salvou a minha pele de perguntas de todos eles, vou ter que agradecer depois. 

 Yug: VAMOS CONVERSAR COM VOCÊ DEPOIS JINYOUNG

Pov Jimin* 

Ah Jungkook, você me tira arrepios e suspiros que eu não de onde diabos eu tiro força pra esconder. Seus cabelos castanhos bagunçados sob sua cabeça, os olhinhos meio escondidos pela franja, a boca pequena quase sempre entreaberta. E o corpo magnífico, braços fortes, pernas fartas. Mas eu nunca vi você sorrir, e isso me preocupa, qual o motivo disso? Você não é feliz? Eu daria toda a minha vontade de sorrir pra você só pra eu ver você sorri com sinceridade pra mim ao menos uma vez; O fato de eu um nunca ter o visto só enche mais minha cabeça com pensamentos sobre você e eu me pego imaginando o quão você deve ficar bonito com ele estampado no seu rosto. Mas eu não posso ter você. Eu não posso gostar de homens. Eu não posso deixar que saibam que eu danço. Eu não posso mostrar com me sinto. Eu não posso.  O meu pai me mataria, eu tenho muito medo, então eu vou esconder. Vou esconder essa minha vontade de ser sincero com meus sentimentos e monstrar pra vocês oque eu estou me segurando pra não contar a duas semanas: Que eu não sou tão arrogante e ignorante quanto eu deixo passa para vocês. É mais seguro assim. Se ele fizer algo com vocês eu não me perdoaria. 

 Jimin: Agora sou eu, certo? Bem... Eu me chamo Park Jimin, mas me chamem de ChimChim.. ou como quiserem.. - sorri com os lábios, sem mostrar os dentes - bem.. eu gosto de praticar esportes.. me considero ótimo em todos que eu conheça e tem poucos que eu já não tenha praticado. E também sou considerávelmente bom em esgrima e eu estou ansioso pela nossa batalha Jackson - ri e pisquei pra ele. Olhei pra Mark que me olhava um pouco emburrado. Os esportes são uma das poucas coisas que eu sou forçado a fazer mas mesmo assim eu gosto. Não é como seu eu odiasse, só o odeio o fato de ter que me esconder atrás deles. Meu guardião! - eu gosto de cantar também, mas apenas quando estou só, não acho que minha voz seja boa o suficiente. Eu não gosto que... - "que me zoem por eu ser uma ''baleia encalhada'', como os garotos do colégio costumavam me chamar" - eu não gosto muito de... f-filmes de terror.. e essas coisas.. - sorri meio corado, eu deveria parecer mais forte, mas eles me olham acolhedor, eu posso pelo menos ser sincero com isso. - meu sonho é.. - "ser um cantor, vocal de alguma banda, como a maioria de vocês" meu inconsciente gritava pra eu dizer a eles mas eu fingi não escutar. - É ser um jogador de basquete ou de qualquer outro esporte profissional.. Eu gosto muito da musica "Heroes" e de todas as outras da Tove Lo e quase todas as músicas do Taeyang. Eu imagino o amor da minha vida - "como a estrela mais brilhante de um céu escuro, alguém que me entenda e que seja diferente de todos os outros. Um menino. "Jeon Jungkook." - alguém que goste de esportes e que goste de mim, acima de tudo. Que seja carinhosa - esse "a" me tira do sério - mas só quando é quando necessário... Que seja como eu.. - falei meio de cabeça baixa.. por que eu sou assim? Por que eu tenho receio de tudo?.. ah.. deixa... Sorri e me sentei novamente - e.. é isso... - Jungkook sorriu sem dentes como sempre e abriu a boca pra dizer algo mas logo à fechou novamente

Jackson: Eu também estou ansioso Jiminnie - Ele está sendo legal comigo, e eu não acho que seja pelo dinheiro nem nada, estou tão feliz! 

Jin: O Jimin é tão forte, que orgulho

Sara: Olha só, todo posudo ele! - Ela gargalhou

Tamile: Parece que teremos uma batalha de esportes - Nós rimos juntos, e eu olhei pra Jungkook pra ver se ele sorria com dentes, nada. Mas agora é a vez dele no joga, a ansiosidade já toma conta de mim

Pov Jungkook* 

Eu sabia que era errado. E a vida já me espancou por gosta dele. Esse "e" me trás mas lembranças. Eu só mandei minha carta para o sorteio de admissão para bolsista para a "Kalic-Gold Korean Faculty World" por uma singela esperança que me passou no momento e eu pedi a Deus para fazer com que eu fosse sorteado, do contrário eu não sei se aguentaria ficar naquela casa. E ele me escutou. 

Minha meta era estudar e esquecer aqueles dias da minha vida. E eu queria ser um bom homem com um mérito próprio em minha vida diferente dele, meu pai. Afinal, quando eu saí por aquela da minha "casa" eu não tinha mais ninguém, ninguém. Eu estava tão feliz no primeiro dia que cheguei aqui que e até ouvi música e não chorei por nenhuma lembrança, eu me sinto forte, uma pontada de esperança me invadia e uma pergunta vinha: Eu Poderia Ser Normal Novamente? 

Daí, aquela música desconhecida começou a tocar e eu o encontrei. Seu corpo pequeno fazendo aquele passos, que a cada movimento fazia meu coração acelerar cada vez mais se é que isso é possível. Quando ele me olhou, eu sinto sua dor, sua agonia. E de repentemeu sentimento estava ali, Ascenso novamente. Desde de quê isso aconteceu eu me assumi gay novamente depois de uma semana negando para mim mesmo e desviando do meus sentimentos. Eu não entendo como isso pôde voltar depois de tudo. Mas eu aceitei mesmo assim e decide procurar por aquele corpo pequeno dançante deseperadamente até acha-lo, não sabia nem oque eu ia dizer quando encontrasse, só queria acha-lo, eu podia sentir a doçura dele só pela dança, o olhar... 

Até que outra coisa nova me aconteceu. No começo da segunda semana eu achei amigos. Aquelas pessoas sorridentes que sempre me passam conforto. Mas lá no final do grupo, uma pessoa me chamou atenção. Ele se destacou, como quando você marca uma palavra no meio de um livro, ou vêum ponto vermelho no meio de um papel Branco, ou até mesmo um sentimento diferente, mesmo sabendo oque diferencia eles dos outros. E lá estava eu, observando cada detalhe dele e sonhando, suspirando e o coração acelerando a cada passo dele, ele não tem tanta doçura como o garoto que dançava, mas ele tinha algo que eu tenho descobrir oque é, algo que me faz querer descobrir oque ele escondia,  e sim, ele escondia, tenho certeza! 

Eu podia sentir isso! Algo que me liga à ele, algo que me faz achar que ele é o ponto vermelho no papel branco e quando estou perto dele parece que ele me lembra algo. Parece que eu perdi alguma parte da história, algo que eu deixei passar... Isso tudo é tão estranho, tantos sentimentos... Será que eles cabem em mim? Eu não desisti de procurar o garoto que dançava, e nem vou desistir do sentimento que Jimin causa em mim. Eu só tenho que descobrir oque eles significam. 

Xxx: Jungkook, agora é a sua vez 

 JK: - me assustei um pouco, eu estava voando em meus pensamentos e memórias e nem tinha percebido.. me levantei - Obrigada por avisar... b-bem.. me chamo Jeon JungKook, mas podem me chamar de... Me chamem como quiserem.. - sorri meio forçado.. eu ainda estava mal por aquilo e era incrível o jeito como eu ficava nervoso perto de pessoas, mas também era incrível que eles me passem um conforto enorme, se não tivesse esse conforto eu nem estaria aqui, com eles - eu gosto de ficar só, me dá tempo para pensar sobre... - droga, meus olhos marejaram.. respirei fundo e continuei.. - ouvir músicas calmas e... Relaxar sozinho.. pensar no quanto eu me odei... - parei de falar, voltei a frase e sorri.. ou pelo menos tentei.. aquele passado ainda me assombrava, eles devem me achar um idiota louco!. - pensar na vida.. e compôr com tudo que eu sinto... Eu não gosto de ficar perto de muita gente.. como ir em boates ou shows.. - engoli seco - isso me apavora, um p-pouco. Eu gosto da música "Nothing like us" minha música preferida. Eu amo todas as músicas do Justin, são boas músicas, e letras incríveis. Sonho em... - "ser feliz, casar com um cara que eu amo e adotar 3 filhos e um cachorro e cantar pra ele todo dia" - compositor. Sobre o amor da minha vida.. err.. - flashes começaram a vir em minha mente.. meu pai fazendo aquilo comigo.. O velório.. Meu pai me trancando.. aqueles gritos de ódio ainda rodeavam minha cabeça, tudo isso pelo simples fato de eu ser..." 

 Xxx: JungKook vc está bem? Quer um copo de água? Esta pálido! - A mesma pessoa que me disse que era minha vez, qual o nome dela mesmo? Aya! 

JK: - percebo que estou parado na frente de todos sem dizer nada.. porra JungKook.. por isso ninguém gosta de você.. você é estranho.. - ah, não obrigado - sorri (tentei) - eu só senti uma pontada na cabeça, mas está tudo bem.. E-eu.. não sei como é o amor da minha vida.. 

Xxx: como assim? Fala como vc imagina a garota dos seus sonhos. - outra pessoa que não lembro o nome. Ah não, eu lembro, Yugyeom! 

JK: - travei.. por que aquilo doeu? Por que eu sou tão inseguro? Aish se concentra JungKook.. - err.. e-eu não gosto de garotas.. - falei abaixando a cabeça e corando, sentindo meus olhos marejarem novamente. - eu vou entender se não me quiseram aqui.. tá tudo bem.. - olhei fracopra garota e pro garoto que tinha falado comigo, logo olhei pra Jimin que me olhava com uma expressão que não consigo dizer oque significa e sorri triste, saindo dali. Sinto meu pulso ser segurando. A mesma garota me segurou.. Me preparo pra ser atingido por um soco como meu pai fazia quando ele saia e voltava com cheiro de cigarro. Mas sou surpreendido com apenas a voz da garota e um afago nos meus fios. 

 Aya: Ei, fique aqui.. você é legal, fique com a gente.. nos não nos importamos com isso, 

 Yugyeom: Está tudo bem Jungkook! 

Jin: Tudo bem, nós queremos você aqui 

JK: -eles sorriram e aquilo me deixou melhor. Estava indo me sentar quando ela sussurra em meu ouvido- 

 Aya: você não é o único 

 JK: - sorri sem dentes, mas mesmo assim sincero e me sentei novamente.- 

Mark: Então JungKook.. conte-nos, como seria o garoto dos seus sonhos? 

 JK: fofo.. delicado.. ou não.. que me ame muito, mesmo que não saiba se expressar direito, que esteja comigo.. que além de namorado seja meu amigo e confidente pra tudo.. - falei olhei pra Jimin querendo sorrir mas meus olhos só marejaram fechei os mesmo e uma lágrima límpida desceu. Meus olhos se abriram quando eu ouvi o som estridente das mãos se chocando.. eles estavam sorrindo me aplaudindo. Eles pararam rápido, me deixando corado. Me elogiaram.. muito.. mas percebi que tinha um ali no fundo, o Jimin estava bem quieto e com uma pose máscula.. olhando aquilo me lembrei de algo e comecei a falar. - eu.. só me apaixonei de verdade uma vez na vida.. mas não deu muito certo.. a chama do meu coração se apagou.. mas no primeiro dia que chegamos aqui a noite essa chama se acendeu.. quando vi um anjo dançando atrás do campus.. mas eu acho que acabei estragando tudo... Pois ele foi embora... - Porquê me lembrei disso olhando o Jimin? Porquê tive vontade de contar? Qual foi a parte da história que eu perdi? De repente todas as meninas e o Jin estavam à minha volta menos a Seulgi que só ficou parada sem dizer nada. E quando tirei o olhar dela pela uma fresta entre o corpo de Luna e Jin e vi Jimin que estava com uma cara de choque e extremamente vermelho. Antes de eu questionar mentalmente o motivo eu fui interrompido por uma bateria de perguntas 

Nicoly: Vocês já se beijaram? 

 May: Você tem foto dele? 

Tamile: Ele é da nossa sala? 

 Luna: Meu Deus que romântico! Sara: Ele é da nossa sala? 

 Jin: Você conhece os pais dele? 

 Aya: Quem é ele? - Não entendi metade das perguntas mas aposto que não saberia responder nenhuma porquê eu... 

 Jungkook: ...Não sei quem ele é, estava escuro e eu não pude ver muita coisa, e como eu disse, ele correu de mim! - Disse triste, logo vendo todos se calarem. Depois de alguns segundos BamBam quebrou o silêncio 

 BamBam: Espera, você não sabe que ele é? 

 Jackson: Deixa eu ver se eu entendi, você não o sabe quem é o cara que você gosta? 

Jungkook: Eu sei quê é loucura, mas eu vou procurar, por mais que eu não saiba por onde começar 

 Suga: Como assim? A gente ajuda!

 Aya: É, vai ser como à caça ao tesouro 

JB: Mas na Real vai ser a caça ao anjo perdido! - Rimos e logo depois Yugyeom disse 

Yugyeom: Sim, podemos procurar mas a gente tem que terminar essa brincadeira primeiro, o sinal vai tocar! 

 Tae: Sim 

Jae: Depois você tem que dizer tudo que lembrar sobre ele 

Hoseok: Ok, vamos terminar. Agora é a vez das meninas! 

 Namjoom: Sim comecem agora é a Sara! 

 Continua... 

                            ~^~


Notas Finais


Matei vocês de tanto ler? Desculpaaa
Não esqueçam da favorita se gostarem das história, tem muita coisa vindo por aí!
BEIJOS DA IRMÃAYA! OBRIGADA POR LER!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...