História Como água e fogo . - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Agua, Amor, Fogo, Homo, Lesbian, Lésbica, Opostos, Poderes, Sobrenatural
Exibições 109
Palavras 1.658
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Shoujo (Romântico)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Capítulo 7


Fanfic / Fanfiction Como água e fogo . - Capítulo 7 - Capítulo 7

* Narração especial 03: Mary Louise*

Eu havia acordado assustada, tive um dos piores pesadelos da minha vida.

Na verdade foi uma lembrança do que houve na cachoeira...

* Flashback

Eu estava treinando com o meu pai quando eu me senti tonta e do nada adormeci, e acordei com Michel na minha frente...

- Olá Mary- ele disse, então passei com os olhos pela minha volta é pude ver que eu estava presa ..

- Michel, oque é isso?!- eu perguntei sem entender...

- Ingênua Mary... Você não reconhece um feitiço de absorção?- Ele disse deslizando sua mão pelo meu rosto...

- Um feitiço de que? - Eu perguntei novamente, sem entender, ou sem acreditar no que estava ouvindo

- Absorção Mary, deixe me explicar melhor... Eu estou pegando seus poderes emprestado, só que não estou pensando em devolver...

- Michel, não, porque você está fazendo isso ?- eu disse, foi então que eu senti as minhas forças diminuindo

- Ah Mary, por favor... Você é filha de um classe 2,e você nem usa todo esse poder.. Você pode me emprestar um pouco, se isso der certo,quem sabe, você não sobrevive..-ele disse lançando algum encaminhamento no círculo feito ao meu redor, então eu parei de sentir meu braço,era como se ele tivesse secado...

- Você vai me matar!! Michel não faça isso, por favor...- eu disse com os olhos cheios de lágrimas

- Ah Mary.. Relaxa, você não vai morrer agora, nem amanhã, você vai morrer aos poucos, assim como vc fez comigo...- ele disse

- Me desculpe Michel, mas eu não me lembro de ter te matado, ai ! - eu disse, tentando me livrar das cordas...

- Mas eu me lembro muito bem de quando você me tratou como um lixo pra ficar com a Angie...- ele disse furioso

- E eu sou obrigada a te amar ? Me desculpe só que você não manda no meu coração, e eu e Angie somos só amigas, e eu precisava de alguém que não iria me machucar, eu ja estava machucada o suficiente...- eu disse rezando em pensamento para que Angie aparecesse...

- Sim, mas já que não quer me amar, você também não vai amar ela, nem mais ninguém. - ele disse , e então meu pai apareceu..

- Pai, me tira daqui ele vai me matar...- eu disse, com a voz mais rouca já que estava perdendo forças..

- Desculpe Mary, mas, é pro seu bem, você tem mais poder do que pode controlar...- ele disse...

Eu realmente não acreditava no que eu estava ouvindo, o meu Pai, está achando que melhor pra mim era morrer.

- Você tá falando sério?! - Eu gritei, e então me silenciei ao ouvir de longe aquela voz que eu seria capaz de reconhecer entre outras mil.

- Mary !- Era Angie, ela gritava desesperadamente, então eu sorri, Angie iria me proteger como sempre.

Meu pai havia se retirado naquele momento.

- Mas que saco, essa garota fica se metendo nas nossas aventuras amor..- ele disse se aproximando do meu rosto, e eu virei...- Alex, dê um jeito nisso...- e só então eu percebi que Alex estava lá, ela me lançou um olhar, e sussurrou alguma coisa...

- Com certeza Alex vai dar um jeito nela, agora, voltando ao assunto, vamos intensificar isso daqui, e eu já te deixo ir..

- Michel me solta... Por favor..-  eu disse quase que num sussurro...

- Mary, me ame por favor...- ele sussurrou, ironizando..

E então ele começou a sessão de tortura, aumentando a voracidade do feitiço, ficamos assim por quase uma hora até Alex voltar...

- Angie está no acampamento, você já pode deixar ela ir Michel...- Ela disse.

- Alex, eu sei oque estou fazendo.- Michel protestou...

E então eles começam a discutir verbalmente, e eu ia perdendo forças, até desmaiar e acordar no quarto de Angie...

- Você demora pra acordar, em... Achei que por você ser uma 3, os feitiços funcionassem mais fácil em você mas okay...- Alex disse

- Oque você fez com a Angie ? Eu quero ver ela ! - eu disse tentando me levantar, então Alex fez um sinal de "pare" com a mão e então eu congelei..

- Eu não fiz nada com ela Sra Blue, Angie está bem, seu irmão acha que você se perdeu bateu a cabeça, e desmaiou, e Angie acha que passou mal, e não se lembra de nada antes de sair daqui....

- Você apagou a memória dela, você é louca! Devolve agora ! - eu gritei em protesto.

- Garota, você quer matar a Angie? Se ela souber oque Michel está te absorvendo ela vai tentar mata-lo, e eu conheço o Michel como ninguém, ele vai fazer oque tiver que fazer pra te fazer sofrer. E Angie não tem culpa disso, e se você é tão amiga dela quanto diz, se afasta dela, se não quiser que ela morra também...

* Flashback

E logo depois do susto eu me levantei, e fui pro banho..

Assim que terminei, eu vesti meu uniforme, uma blusa de frio, trancei meu cabelo de lado, peguei minha mochila , a arrumei, e saí.

Era muito cedo, mas como eu estava pálida demais não queria ninguém do clã me interrogando...

Logo, o sinal bateu, eu teria aula de matemática, e logo depois história...

Junto com Angie..

Eu suspirei, passei as duas primeiras aulas, só pensando no nosso beijo, em como aquela boca tinha um compasso perfeito com a minha...

Vez ou outra tentava copiar oque estava no quadro, mas o máximo que conseguia escrever sem pensar nela era uma linha e meia...

Mas claro que eu só estava pensando nisso, porque era o primeiro beijo de língua que eu dei em uma menina, e mais nada.

Aliás Angie é quase uma irmã pra mim, e eu sou hétero...

E assim se passaram as duas primeiras aulas...

Assim que o sinal da terceira aula, eu fui tomar água, se Angie me visse do jeito que estou faria um chilique.

Então logo depois fui pra sala, mesmo no caminho eu já tive algumas tonturas, mas continuei andando, deve ser porque eu nunca tinha bebido água na vida, e sim, meus rins funcionam perfeitamente, eu sou feita de água, aliás se estou viva hoje é por causa do meu dom, então não preciso tomar água, não até hoje.

Quando cheguei lá, não tinha quase ninguém, então me sentei, e fiquei esperando a aula começar....

A aula ocorreu bem, e Angie e eu trocavamos olhares mas não era nada demais, ela até me devolveu minha caneta, e ao sentir sua pele em contato com a minha pude sentir um choque, mas só peguei a caneta e fingi que nada aconteceu...

O professor passou um trabalho em dupla e nos escolheu como dupla, acho que vou ficar com zero nesse trabalho...

E então a aula passou, eu me sentia um pouco bem pela presença de Angie, eu me sentia protegida...

Então eu pude sentir como se Michel tivesse aumentando o feitiço mais uma vez..

Nesse momento o sinal toca e eu saio correndo dali, até arranco alguns olharem, incluindo o de Angie, mas não me importo tanto...

Vou correndo pro banheiro feminino, e começo a vomitar água, até começar a ficar fraca, Michel estava me matando...

Então pude ouvir os passos de Angie...

Ela diz algo que eu não identifiquei, e então eu disse..

- Angie... Água...- eu disse, já sem forças, ela me ajudou a sentar, e me trouxe um copo d' água...

Ela me levou na cantina, onde comprou uma garrafa de água mineral para mim, e me levou para a enfermaria...

Eu cheguei lá e a enfermeira me fez algumas perguntas, simples, e então ela me pediu para que esperasse, para ela chamar um doutor, o mesmo decidiu me internar, porque alegou que eu estava desidratada.

Eu, uma classe 3 do clã da água, desidratada.

Eu fiquei lá, deitada, fazendo nada, pensando na Angie, até sentir novamente aquela dor, porém, mais forte, muito mais forte, o suficiente para me fazer gritar, então a enfermeira entrou no quarto e me sedou...

( ... )

Algumas horas depois e eu acordo, sem sentir dores, na verdade sem sentir nada...

Eu praticamente não sentia meu corpo...

Eu não sei se aguentaria àquilo mais uma vez...

Então eu chamei a enfermeira, que logo veio me atender, e pedi para falar com Alex...

Então ela se retirou e logo Alex apareceu..

- Michel está pegando pesado...- ela disse...

- Ele vai me matar..- eu tentei dizer...

- Eu posso resolver isso...Mas aí você terá que me fazer um favorzinho..

- Você não pode resolver, é um feitiço escala 5, ele vai me matar assim que Michel quiser...

- E quem disse que foi Michel quem fez o feitiço? - Ela disse rindo...- E então... Temos um trato ?

- Oque eu tenho que fazer...? - eu murmurrei

- Sumir da vida de Angie, ignore ela, corte todo e qualquer contato com ela..- ela disse

- Angie não vai aceitar isso tão fácil..- eu disse...

- Eu estarei lá para ajudá-la a te esquecer, pode ficar tranquila...

- Alex, se você quiser ter algo a mais com Angie, você não precisa tentar me matar, eu e ela não temos nada, pode ficar à vontade..

Eu menti, imaginar Alex em meu lugar me machucava, pensar que Angie poderia se apaixonar por ela..

Beijar ela...

Balancei a cabeça, Alex tinha dito algo mas eu nao tinha prestado atenção..

- Nós temos ou não um trato garota ? - ela disse me encarando...

- Temos Alex, nós temos um trato. - eu disse, e duas sensações enviaram meu corpo, uma de ser cheia novamente, não totalmente, mas generosamente, e uma dor surreal, de estar fazendo oque estou fazendo com Angie, mas é pro seu bem... Como Alex disse, Michel poderia a machucar... E eu não suportaria perder minha pequena Angie, ela é tudo pra mim...


Notas Finais


Hii Girls ❤

Como você estão?

Espero que bem ^^

Mano que saudade 😿

Eu sei que eu demorei, por favor não me matem...

Mas é que eu não estava gostando dos resultados desse capítulo...

E então quando me convenceram que ele estava bom, eu resolvi postar, aliás, vocês conhecem um leitor ou leitora Beta, pra me indicar ?

Eu super agradeço , e se você mesmo não sendo um leitor beta quiser dar uma palavrinha cmg , é só me chamar aqui no Spirit, eu respondo assim que der, pq tipo, eu tô me acostumando com esse aplicativo ainda, e talvez por isso eu demore pra responder...

E gente...

Estamos chegando à 300 visualizações, é isso mesmo?! 😱

Xiiiiu, não vem me falar que isso é pouco, não estraga a minha felicidade, eu sei que comparado a algumas fanfics espalhadas por aí nn é nada, mas mds..

Eu nunca pensei que 10 pessoas leriam, imagine 300, eu tô amando tanto tudo isso ❤

E enfim, eu espero que gostem do capítulo, assim que der posto o próximo, tipo, assim que der, e que eu gostar de como ficou..

Então é isso...

Bjos lindas 😽

Eu super amo vocês ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...