História Anny - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Ação, Drama, Ficção Cientifica, Suspense
Exibições 3
Palavras 425
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção Científica, Suspense
Avisos: Heterossexualidade, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - A Volta para a ''FANTÁSTICA'' casa


Me deram alta, poderia dizer que estou feliz , mas para ir para um lugar onde nunca iria desejar estar , obrigado prefiro continuar dentro do hospital .

Saímos do hospital , fomos para casa , chegando , meu pai saiu do carro abriu o portão , e entrou com o carro , depois teve que sair de novo e fecha -lo , ele entrou no carro , e dirigiu , contornamos a casa inteira , pensei comigo mesmo '' Que bizarro ter que morar aqui'' ,  meu pai parou o carro , em frente a casa , eu sai ao mesmo , entre dento dela a olhei em volta , subi as escadas fui até meu quarto , olhei e disse'' até que meu quarto ficou bonitinho'' , joguei minha bolsa em cima da minha cama , tirei meus sapatos , deitei , e fiquei pensando nas minhas boas lembranças , como sinto falta , acabei dormindo . Acordei com a porta do meu quarto batendo , tomei um susto , vi que estava chovendo , minha mãe subiu no me quarto e perguntou '' Você ira comer'' , eu a olhei sem entender nada e perguntei '' Mãe oque nós estamos fazendo nessa casa , nosso lugar não é aqui , eu vou enlouquecer aqui dentro , vamos embora '' , ela parecia estar não se importando e fez a mesma pergunta ''  Você ira comer''  , eu a olhei serio e afirmei '' Mãe , você entendeu oque eu te disse , ta bom vamos voltar ao começo , eu irei poder sair dessa casa'' , ela deu um sorriso meio estranho , fiquei com medo e ela apenas disse '' essa é sua casa se acostume a ela , se não ira jantar vai ter que ficar trancada dentro do quarto , até amanhã de manhã , esquece amiguinhos , aqui você terá muitos '' , eu arregalei os olhos e respondi '' Não vou jantar não , ta já pode ir'' , ela saiu do quarto e trancou a porta , eu bati na porta e elas apenas falou'' disse que se não comesse ia ficar trancada , como não quer ira ficar ai'' , olhei as janelas , peguei minha bolsa , abri - la , peguei o estilete , e começei a cortar me , repetindo '' ela não me trancou aqui , ela não é doida eu também não '' , meu braço começou a sangrar sem cessar , eu peguei um pano e o coloquei .


Notas Finais


Ola galera, gostaram ,então continuem lendo os próximos capítulos que irei postar!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...