História Antes da Fama. - Capítulo 34


Postado
Categorias Avril Lavigne
Personagens Avril Lavigne
Exibições 10
Palavras 317
Terminada Sim
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 34 - Senhorita Filha de Escuridão.


Fanfic / Fanfiction Antes da Fama. - Capítulo 34 - Senhorita Filha de Escuridão.

Leve, e Releve!

P.O.V'S AVRIL LAVIGNE

Então, eu simplesmente senti uma pancada na cabeça e para mim, horas depois, eu acho, eu acordei. Assim que eu abri os olhos, estava tudo escuro, tentei apalpar algo que estivesse por perto de mim para que eu pudesse ter uma noção mínima da onde é que eu estava, mas a única coisa que eu senti foi que meus pulsos e meu tornozelos estavam amarrados e que a pessoa que me prendera aqui fizer a gentileza de me colocar sobre um colchão. ''Pelo menos isso'', eu pensei, irritada. Cacete, a casa em chamas e eu não vi alguém chegar por trás de mim e de me prender? Isso é que eu digo que é não saber se defender. Então, por algum milagre inesperado, uma luz se acendeu. Forcei meus olhos a piscarem repetitivamente mais do que o normal para que os mesmos se acostumassem a luz forte, quando isso aconteceu finalmente, eu olhei para a frente em direção a porta e levei um susto. O homem parado na frente da porta era alto, loiro e a cor de seus olhos eu não consegui identificar.

-Salve, ó filha de Escuridão. -Ele disse, me reverenciando assim que percebera que eu, finalmente, acordara.  -Estávamos a sua espera, senhorita, no que posso ajuda-la?

-Preciso que me diga quando tempo eu estou aqui, que me livre dessas correntes e me diga, também, o que aconteceu com os meus parentes.-Eu disse, soando mais firme do que pretendia. Mas isso era bom, não era?

-Você está aqui há três dias, senhorita;-Disse o homem me livrando das correntes, e eu simplesmente arregalei os olhos.-Bom, seus parentes, até aonde eu fiquei sabendo, estão bem.

-Qual é o seu nome?

-Justin.

-E porque me chamas de filha da escuridão?-Ele arregalou os olhos como se o que eu acabara de falar fosse um xingamento.

-A-A-A senhorita não sabe?-Ele perguntou, gaguejando pateticamente.

-Não.....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...