História Antes que seja tarde!


Escrita por: ~


Sinopse:
As vezes não damos o devido valor a quem está próximo de nós. Isso se torna em uma dor e um arrependimento sem fim quando a perdemos!
Não há segunda chance, há apenas tristeza e lembranças.

"Natsu –... Enquanto eu puder, estarei com você, serei seu porto seguro... Mas pode chegar o dia em que não poderei lhe confortar... Pode chegar o dia em que não poderei mais estar ao seu lado – falou em um tom mais baixo, mas que não escapou dos ouvidos da loira."
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Categorias Fairy Tail
Personagens Grandine, Jude Heartfilia, Layla Heartfilia, Lucy Heartfilia, Natsu Dragneel, Sting Eucliffe, Wendy Marvell
Tags Nalu
Exibições 1.892
Comentários 98
Palavras 7.481
Terminada Sim

Fanfic / Fanfiction Antes que seja tarde!
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Insinuação de sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Capítulo Único
98
1.892
7.481

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por ~stephenee
Capítulo 1 - Capítulo Único
Usuário: ~stephenee
Usuário
Meodeoso! Meu coração não é o mesmo depois de ler isso! Pelo amor de Deus, autor, me diz que você também é médico, porque ainda estou sobressalta! Kkkkkkkkkkkk.

Ah, bom, tudo bem com você, autor-san? KKKKKKKKK. Deve estar estranhando minha pessoa, já que nunca me viu em suas fanfics ou até mesmo recordar do meu “nome”. Bom, você tá certo! Eu apenas sei o como o senhoro faz o coitado do Natsu sofrer, kkkkkkkkk. Mas também sei que é um grande escritor! Contudo, essa foi a minha primeira experiência lendo algo que é de sua autoria.

Ao ler a sinopse, eu juro que teria drama e que eu ia me afoitar de choro.
O primeiro parágrafo foi algo simples, então eu estava tranquila. Começou a abordar a amizade de Natsu e Lucy, e conclui – ainda na parte que ele jogava as pedras em sua janela – que o vinculo entre eles é muito forte, até o ponto de fazer ele a acordar e esperar pra se arrumar. Que amigo paciente!

Na aula, quando o rosado começou a pensar na Lucy, percebe que você “trocou as versões”. Mas como assim? Percebe-se que as maiorias das histórias que circulam de alguma forma fazem as mulheres sofrerem por amor. Não que eu nunca tivera visto algo assim antes, porque eu já vi! Todavia, sua pessoa tem algo que faz tudo ser maravilhoso e sentimental. Se eu gostei de ver essa versão? Bem, eu não gostei... Eu amei! É tão bom ver uma fanfic em que a Lucy é meio que a “malvada” com a pessoa que a ama.

Em relação a nossa loira, ela realmente estava perdendo o juízo! De certa forma fora até bom o Sting ter terminado com ela, apesar das palavras grossas. Porém, devo me lembrar que por causa desse término, elaborou alguns deslizes na vida dos amigos Dragneel e Heartfilia.

Sinceramente, me doeu muito quando ela pediu pra o Natsu sumir da sua vida. Caramba, eu senti a facada dele! Ela foi totalmente idiota! E o que mais me doeu foi ver o Natsu aceitar aquilo. Não por estar decepcionado por ele aceitar aquilo, todavia por ver as chances de que poderiam ser impossíveis.
Contudo, ainda bem que ela, por determinado tempo, decidiu ir se desculpar com ele.

E, meodeoso, como a Wendy é fofa! Eu imaginei aquele gnomo de jardim com um olhar tristonho. Nossa como ela é fiel as palavras do irmão! Kkkkkkkk. Graças que vossa mãe Grandine decidiu se intrometer antes que Lucy fosse embora.

Ta, ta,ta! Essa foi parte foi a qual eu comecei a me “soltar” de anseio, kkkkkkkkkk. Eu fiquei tipo “PASSA LOGO POR ESSA MALDITA PORTA!” com a loira. Céus me deixaram em agonia, kkkkkkk.
Contudo, prosseguindo, eu estava na esperança de que Natsu finalmente iria se declarar para ela... Mas a Lucy tinha que ser tão idiota assim, Vini? Ah, que raiva! (Eu ainda a amo mesmo assim). Ele teve motivos para se exaltar daquela maneira, porque já deveria estar farto de tantas as vezes que tentou abrir os olhos dela, e ela ainda comentar sobre o suposto amigo do ex-namorado. Se eu senti pena dela? Um pouco, porém achei algo bom.

Meu coração ta até pesando, porque eu vou falar dessa parte... E, meodeoso, o Natsu entrou no quarto dela! Como o coração fica nesse ponto?! Bom, batendo rápido pelas coisas estarem evoluindo. Eu gostei do jeito em que a conversa foi fluindo, ele se desculpando, ela se questionando. Todavia, enfim chegou a parte que quero comentar: a declaração. Puts, aquelas palavras que ele declarava acabou totalmente com o meu raciocínio! Que palavras belas e lisonjeadas! Até eu senti a pressão da Heartfilia. Contudo, ele foi acrescentando algumas coisas que me deixou com medo inicialmente... Aí nessa parte que comecei a transbordar possíveis ideias, até que elas realmente aconteceram no próximo parágrafo.

É aqui que eu digo o quanto me destruiu, o quanto fez o meu coração pesar. Ta vendo o que você faz com o core dos leitores, Vini? Pode cuidar de ser cardiologista! Da parte em que sua mãe deu a notícia. Da parte em que ela entrou na casa dele desesperada. Da parte do velório e de seu atropelo... Foi cada fio de lágrima desejando descer. Para ser franca, essa parte foram o tanto pesadas, que minhas emoções pareciam estarem descontroladas. Agora eu entendo pelo fato dos leitores lhe adorarem tanto!

Só que então, o senhor acabou comigo de novo, kkkkkkkkkk. Eu amei por ter sido o sonho, mas ainda tava com o pesar no coração. Eu fiquei confusa... Como eu iria reagir? Já tava aos meios dos desesperos até que uma esperança aparece. Senti-me bipolar, kkkkkkkkk.
Contudo, não posso negar de que tudo ocorreu tudo bem... Ah, Layla de vela? Essa é boa! XD

E o momento que ela começou a acariciar o rosto dele? A parte em que seus olhos brilhavam? A parte em que ela quase o beijou? Como posso defini-las? Talvez emoção fosse a resposta correta pela combustão que me causou. Eu me senti tão feliz ao ver que as coisas deram certo. Além de que foram engraçadas as reações do Natsu. Coitadinho, nem fazia ideia de que algumas horas iriam morrer... Tá bom, isso foi cruel! Kkkkkkkkk.
Mas não tinha palavras melhores para terminar do modo que você terminou! Uma declaração, um juramento, uma felicidade. Isso me tocou profudamente.

A Lucy é uma pessoa sortuda por ainda tê-lo ao seu lado! Hoje em dia é difícil – não impossível – ver alguém batalhar para lhe dar conforto. E, se não acabarmos dando valor a aquela pessoa, ela poderá simplesmente sumir de nossas vidas. Vemos isso não apenas em relações amigáveis, mas também familiares. Como daquele pai que lhe deu amor e você não o deu valor... Até o dia em que fora embora. Isso é uma alerta não só para os jovens, mas também pela humanidade obscura e traidora que poder caminhar ao nosso lado.

Você faz à menor ideia da obra que criou nessa one? Você deu uma lição de como a vida pode causar reviravoltas. De que o homem também pode sofrer pelo amor de uma mulher. E de que a mulher não é a única que pode sofrer pelos pretendentes.

Eu realmente tive que retomar forças para escrever esse comentário – que deve estar horrivelmente enorme –, pois ao acabar de ler, se passou um filme na minha mente. Dei vários suspiros, se lembrando dos diálogos que preenchiam na minha cabeça. Dar-se-ia pra transformar em um filme? Com certeza! A platéia iria molhar a pipoca com lágrimas, kkkkkkkk.

Eu lhe agradeço por me despertar essas emoções logo na primeira experiência. Eu sei que você não pediu por isso, mas mesmo assim obrigado por presentear seus escritores com um enredo assim, mesmo que ele seja único. Eu não duvido a capacidade de suas estórias chegaram ao mundo... Pois se um dia conseguir alcançar a humanidade com suas palavras encatadoras, iria revolucionar o mundo dos livros, kkkkkkkkkk.

Bem, tudo isso é que eu tenho a dizer. Resumindo algumas partes, definindo outras.
Beijkss!
Postado por ~Lemonnada-chan
Capítulo 1 - Capítulo Único
Usuário: ~Lemonnada-chan
Usuário
Gente... O que posso dizer?? Essa fanfic é realmente maravilhosa...
Essa fanfic nos faz refletir bastantes sobre nossas atitudes

No inicio ao ver os pais da Lucy falar um com o outro sobre como dariam a triste noticia eu até brinquei um pouco dizendo "Falar o que? kkk O Natsu morreu?" mas até que eu li o resto e vi que o que eu havia brincado era verdade. Realmente eu comecei a chorar.

Essa fanfic mostra que muita das vezes nos não damos valor naquelas pessoas que estão sempre conosco, que não nos abandonam por nada, as vezes nem lembramos de agradecer. E na vida nos não temos uma segunda chance como a Lu teve.
Quando perdemos a pessoa, é ai que vamos refletir sobre como devíamos ter a valorizado,sobre como deviamos ter dado todo nosso amor e carinho a essa pessoa.

Eu chorei muito,tanto de tristeza quanto de alegria, essa fanfic me fez refletir sobre minhas ações com alguns amigos meus, com minha família. E vou realmente me esforçar pra mudar essas atitudes!

Eu realmente amei a fanfic 💚 espero que você escreva mais One's como essa , que nos faça refletir sobre nossas ações.
Postado por ~Koalacornia-Nee
Capítulo 1 - Capítulo Único
Usuário: ~Koalacornia-Nee
Usuário
Hmmmmmm oque dizer? Simplesmente amei! Eu já li essa one várias vezes e estou aqui lendo de novo! Eu ainda me pergunto porque não comentei da ultima vez que li!

Bom Victor oque posso dizer? Sempre que lembro dessa one eu fico na bad, mesmo já sabendo de tudo essa one destruiu a minhas estruturas emocionais, na primeira vez que eu li chorei rios de lágrimas, tive que ir no banheiro umas 5 vezes pra limpa o rosto já que não conseguir ler direito ;-; foi que nem quando eu li Fazendo meu filme fiquei na bad durantes 2 dias, olha até escrevendo aqui eu to lagrimando!

Oque a one ensinou? Valorize aquilo que você tem! A Lucy teve muita sorte porque teve um segunda chance, ela aprendeu a valorizar aquilo que se importava mais com ela do que tudo! Nem sempre todo mundo tem uma segundo, ou por acaso não? Não sei, nunca passei por isso. Mas acredito que sim, vai ver que em algum lugar no mundo isso já aconteceu? Nada e impossível

Eu fiquei mais confusa que a Lucy! É tipo, na one Victor parece que você conseguiu compartilhar a dor da Lucy a dor de todas pro leitores, de uma forma que eu não sei como! Na parte que o Natsu se declarou pra Lucy eu sabia que tinha alguma coisa, então veio a bomba! "Natsu morreu" e fiquei tipo "Não, não e possível! T^T" quando percebi já tava chorando que nem uma doida. Minha mãe até perguntou oque aconteceu, eu disse "um sem coração destruiu minhas estruturas emocionais" ela ficou bem confusa kkk viu oque você faz Victor?

A one tem um moral enorme! Como eu já disse "Valorize aquilo que você tem antes que seja tarde" que nem quando a Erza disse pro Gray nos jogos mágicos sobre a Juvia

Ah.... Acho que já desabafei kkkk ^^' só digo um coisa:

Parabéns Victor, essa foi a melhor one que eu ja li na minha vida
Postado por ~DroyLee
Capítulo 1 - Capítulo Único
Usuário: ~DroyLee
Usuário
Vini, sério, eu estaria mentindo muito "hard" se eu falasse que você não é foda em escrever FanFics. Você tem muita ideia boa cara, que coisa. O que me intrigou quando eu conheci suas histórias foi exatamente a forma que você escrevia, simples e objetiva, e ainda em forma "Script" eu tinha um preconceito com esse tipo de história simplesmente por que a imagem desse tipo de texto não é bem vista em FanFics simplesmente pela maioria ter uma gramática horrível e pouca narrativa.
Ao contrário das suas obras, eu juro que encontro mais detalhes em um texto seu do que em várias FanFics de forma "padrão" aqui no Spirit. Não pense que eu ainda tenho esse preconceito com o Script, mudei depois de conhecer seu trabalho.
Eu sinceramente passei a madrugada toda lendo novamente "A Loira que Apenas eu Posso Ver", e eu sinceramente senti as mesmas coisas que da primeira vez que li tudo, inclusive eu peguei quando você ainda estava postando ali os capítulos finais da história, quero dizer, na minha primeira leitura da história.
E esse One-Shot me deu uma ideia muito boa de algo que eu queria fazer a bastante tempo já, porém nunca pensei em uma forma de trazê-la para uma história legível, só que com sua história e o final de Clannad After Story (Ignore, sei que não tem nada haver, porém tem coisa haver com minha ideia) eu acho que já sei inclusive o que vou escrever.
Enfim, eu jurei que por um momento essa seria uma daquelas One-Shots Trágicas sabe? Mesmo assim curti muito, e Vini, eu li em algum lugar, eu posso até estar confundindo com outro membro mas, é sério que depois de algumas FanFics você vai parar de escrever? Bom, não de escrever, mas de postar aqui no SS. Enfim, eu já estou prolongando demais isso daqui, continue assim e até meu próximo comentário :v
Postado por ~LifeTheKid
Capítulo 1 - Capítulo Único
Usuário: ~LifeTheKid
Usuário
São exatas 1:00 da manhã... acabo de lerro essa história que me fez chorar poriginal três motivos:
1 - Ela me doeu muito... chorei rios, cachoeiras, mares, oceanos... planetas e universos inteiros de lágrimas.
2 - Essa história se assemelha muito com a minha própria vida, e ainda se assemelha... me surpreendeu como também foi parecido com um sonho que tive a muito tempo.
3 - Eu me vejo no natsu... sem coragem... sempre achando que só vou estragar a amizade... ou que só vou sofrer mais.

Tio Vinilu... É sério eu pediria para parar de me fazer chorar assim, se não escrevesse tão bem e com tanto espírito e com tanta alma... É como se você com simples palavras abraçasse minha alma e me acalmasse minha mente.
Hoje tive um dos dias mais torturantes de todo esse ano, e ler esse pequeno (eu queria mais) texto feito da mais pura verdade de quem realmente tem um amor me fez bem. Me deixou Alegre de novo! Mesmo eu chorando tanto! Kkkkkkkkkkk.
É... eu lhe daria um abraço agora se eu pudesse... concluindo, eu amei esse oneshot.
Espero por mais e que não pare de escrever tão cedo!