História Antes uma amizade colorida do que um namoro sério sem cor - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Ladymon, Taekook, Vkook
Exibições 53
Palavras 1.059
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


TATATAAAAAM, OLHA EU AQUI <3

Espero que estejam gostando da fic meus amores <3
Pretendo sempre melhorar ;)
Boa leitura <3

Capítulo 3 - Preparado para rebolar até o chão?


Fanfic / Fanfiction Antes uma amizade colorida do que um namoro sério sem cor - Capítulo 3 - Preparado para rebolar até o chão?


Jungkook On.

Sentia que nesse exato momento escutaria uma linda declaração de amo de Taehyung, mesmo que ele seja meu melhor amigo e hétero. Mas como sou um tremendo iludido, esperava escutar de seus lábios um "eu te amo".

- Olha Kook, eu passei um bom tempo querendo te contar isso mas sempre acontecia algo que me impedia de dizer, e as vezes eu mesmo não tinha coragem o suficiente para te falar o que sinto por você. — Senti firmeza em sua voz, mas logo o mesmo arregalou os olhos e sua postura mudou da água para o vinho.

Taehyung abriu várias vezes a boca em uma tentativa falha de dizer algo, mas não conseguia dizer nada. Seu rosto estava começando a ficar corado e suas mãos esfregavam-se uma à outra.

- O que você tem para me dizer Tae? — Tentei o encorajar a continuar.

- Bom, e-eu tinha vergonha de falar que... — Gaguejou. - Que você é uma pessoa muito especial e te considero muito como um irmão. — Parei de o encarar na mesma hora.

Desviei meu olhar para os lados um pouco constrangido e com certa vergonha, havia imaginado tantas coisas que Taehyung poderia me dizer agora, mas nunca imaginaria que o mesmo iria dizer isso.

- Hum, ok, d-desculpa por te abordar assim. — Me amaldiçoei por minha voz ter falhado. - Tae, então já vou indo.

- Mas você não vai comigo? Eu posso te levar até em casa!

- Não precisa, sei o caminho de casa. — O respondi com certa arrogância, logo me retirei de sua frente e comecei a caminhar em direção a minha casa.

~~~~ QUEBRA TEMPO ~~~~

Cheguei em casa e minha mãe estava na sala assistindo uma de suas novelas, a ignorei e continuei caminhando em direção ao meu quarto. Quando cheguei ao meio das escadas, minha mãe me aborda chamando pelo meu nome.

- Kook, meu filho que cara é essa? — Se levantou do sofá e caminhou até à mim.

- Omma, é a mesma de sempre. — Desci as escadas indo de encontro com a mesma, logo a dei um abraço apertado.

- Te conheço o suficiente para saber que você não está bem. — Retribuiu o abraço e com uma mão livre acariciou os cabelos de minha nuca, logo se afastou segurando minhas mãos.

- Tá bom Omma... — Falei me dando por vencido. — Foi só um dialogo com o Tae que não me agradou, pronto, ta melhor agora?! — Sorri.

- Estou sim meu filho. — Sorriu. - Vá para o quarto e tome um banho.

Dei graças aos deuses por minha mãe não ter me enchido de perguntas, ela sabia muito bem que algo havia acontecido e que aquele não era o momento certo para perguntas. 

- Já disse que te amo hoje? — Sorri começando a subir as escadas novamente, mas parei pela metade e mandei vários beijinhos para ela.

- Bobo... — Gargalhou. - E não demore para vir comer.

- Não estou com fome. — Gritei terminando de subir as escadas.

- A é?! Então vou convidar a Diana pra passar uns dias aqui comigo. — Parei de caminhar e arregalei os olhos.

- Sabe o que é omma, eu estou com tanta fome que, olhe pra mim, só se vê pele e osso. — Dou um sorriso forçado.

Fui pro meu quarto e me lembrei do que a omma tinha falado sobre a Diana, comecei a ri sem graça. – Ai ai até parece que a Diana amaria passar uns dias aqui com a... “MINHA MAE”. Falei e fui para o banheiro tomar banho, comecei me despir, e logo quando terminei fui para debaixo do chuveiro, era lá que ia embora toda magoa e pensamentos sobre Tae que me deixavam triste. Aquilo tudo descia pelo ralo junto com a água.

Termino meu maravilhoso banho e me troco para descer e comer algo, porque com certeza não queria Diana aqui em casa.

~~~~ QUEBRA TEMPO ~~~~

Deitado na minha cama, descansando um pouco minha mente, sinto meu celular vibrar. Quando pego o mesmo vejo o nome "Gostosão <3" piscar na tela de bloqueio, ela uma mensagem de Taehyung, o mesmo se apelidou assim.

Mensagem On.


Gostosão <3

Oi, espero que não esteja magoado comigo ainda

Até porque

somos melhores amigos.

E eu não fiz nada :'c

Eu:

Eu magoado? jamais grande amigo.


Gostosão <3

Haaa muito bom saber que não esta magoado kkkk

Bom, eu quero te pergunta se posso te busca para te levar a festa..


Eu:

FESTA? COMO ASSIM EU ESQUECI 

AISSSH


Gostosão <3

KKKK, tudo bem, eu espero você ficar pronto! Passo aí as 14:00 Hrs pra te buscar!!


Eu:

Ta bom, vou prepara uma roupa aqui


Gostosão <3

Daqui a pouco passo ai para te buscar

Beijos <3

Eu:

Ok, Beijos <3

Mensagem Off.


Sento-me na cama e olho as horas pelo celular. -Aish já são 13:34.

Me levanto e vou para o closet escolher uma roupa, como seria uma festa não formal eu fui com uma causa preta e rasgada no joelho muito apertada que marcava minhas coxas muito bem, uma blusa branca e larga do Mickey e um tênis cano médio.

Termino de me arrumar e escuto a buzina do carro de Tae. Desço as escadas correndo dou um beijo e um abraço na minha mãe e saio correndo, ao sair pela porta acabo me deparando com Tae encostado na frente de seu carro. — Céus, ele está tão lindo.

Jungkook Off.

Taehyung On.

Estava encostado no carro esperando Kook mais não demorou muito e ali estava ele, meu deus, se ele não fosse meu melhor amigo, sei lá o que eu poderia fazer com aquele garoto vestido assim na minha frente.

Ele estava tão lindo com um look tão quente que já sentia sua presença de longe, ele vinha caminhando lentamente em minha direção. Quem olhasse nem falava que é um garoto de apenas 19 anos.

Notei que ele já estava bem próximo então abandonei meus pensamentos.

- Uau — Falei quando o mesmo parou em minha frente. - Você está bem gatinho. — O mesmo corou um pouco e sorriu em um tom bem brincalhão. Fizemos nossos toques de mãos, que eram bastante bizarros, e entramos no carro. - Preparado para encher a cara e rebolar até o chão?

- Claro, e você? — Gargalhou colocando o cinto.

- A eu?... estou. — Sorri fraco também colocando o cinto e sem delongas comecei a dirigir. - Na volta pegamos um táxi. 


Notas Finais


E AÍ :3 Gostaram ? Espero que sim :v
Obrigada por tudo anjos <3

ANTES QUE EU ME ESQUEÇA, quero agradecer a @TiaBuna <3 Diiivaaaaa (o que seria de mim sem ela, hum? Isso mesmo nada) Obrigada por tudo gataaa <3

Bom, críticas e sugestões serão sempre bem vindas :)

O que vcs acham que vai rolar nessa tal festa, hum? (Aquela carinha) kabsjkskska
Deixe sua sugestão :3

ATÉ O PRÓXIMO CAPÍTULO <3
Beijão da Lady <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...