História Ao Avesso - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saga Crepúsculo
Personagens Bella Swan, Edward Cullen
Exibições 42
Palavras 2.559
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 15 - Capitulo 15


A cama se movimentou muito perto de Isabella e isso fez ela acordar, porém logo parou de se movimentar então ela pensou que era uma das meninas se mexendo, tentou voltar a dormir e não conseguiu, abriu os olhos e olhou para os lados Melissa dormia quando em cima de Edward totalmente aberta na cama, o outro dormia de bruços com os braços embaixo do travesseiro, ela se virou para olhar Elizabeth e não foi totalmente uma surpresa quando não encontrou a garota na cama, suspirou se desembrulhando, esperava que ela não tivesse na janela novamente, anotou mentalmente para botar grades nas janelas.
   Desceu da cama e foi em direção da sala, Elizabeth não estava na janela, olhou para a porta e verificou se ela estava trancada, suspirou aliviada ao ver que estava, saiu em direção ao quarto de Melissa, ao abrir a porta escutou um gemido de dor, ligou a luz e não viu Elizabeth, seguiu para o closet e arregalou os olhos ao ver a situação da criança, ela estava agoniada e puxava os próprios cabelos, enquanto com a outra mão se beliscava, tinha um olhar vago e sussurrava coisas que Isabella não entendia, a mulher estava estática no lugar, tinha sangue pelas pernas e braços da pequena, seus braços estavam mordidos e eram mordidas fundas a ponto de sangrarem, fios de cabelos castanhos estavam no chão, suas pernas se debatiam e ela só sabia gemer ou sussurrar palavras desconexas.
   Saindo de seu transi Isabella correu até a menina, ela segurou as mãos pequenas que ainda estava em seus cabelos, Elizabeth começou a se debater e sussurrar.
— Me solta, me soltaaaa - Ela tentava se esquivar dos braços da mãe ao mesmo tempo em que chorava, Isabella segurou as mãos dela com força e prendeu as pernas entre as suas, Elizabeth ainda se debateu por alguns minutos parando depois ofegante, chorosa e pálida, ela parecia não ter mais forças em seu corpo, então Isabella a pegou colo, indo para seu quarto, deitou a menina na cama e se deitou ao lado dela, Elizabeth não conseguia para de chorar e Isabella apenas a olhava sem conseguir falar nada, pela primeira vez ela não sabia o que falar ou o fazer.
— Isabella desliga a luz, por favor - Edward resmungou de olhos fechados alheio à tudo o que acontecia a sua volta.
— Eu to suja - Elizabeth disse olhando para suas pernas e braços sujos de sangues, Isabella decidiu limpa-lá antes de botar ela para dormir, então se levantou novamente e pegou Elizabeth no colo sujando também sua roupa
— Isabella! - Edward disse bravo novamente, ela revirou os olhos
— Já vou desligar - Ela rosnou desligando a luz e saindo do quarto, levou Elizabeth para o outro banheiro, lá tirou a calcinha da menina e a botou embaixo do chuveiro, ela gemeu de dor com o contato da água quente em suas feridas - Você tem certeza que quer continuar embaixo da água? - Perguntou a menina, não sabia como agir com ela, estava acostumada com o jeito de Melissa que não tinha pudor e já chegava exigindo o que queria, não como Elizabeth que esperava por ela ser a adulta e responsável ali
— Quero, já passou - Disse fraco olhando para o chão que estava vermelho pelo sangue, Isabella pegou um frasco despejando o sabão de cheiro tão infantil que Melissa tinha cismado que queria no mercado, passou levemente pelo corpo de Elizabeth, hora ou outra escutava a menina gemer, então ela suavizava os movimentos, depois de se enxaguar, ela embrulhou a menina com a toalha e a levou para o quarto de Melissa botou ela em cima da cama e começou a seca-la.
— Porque você estava fazendo isso? - Perguntou o mais calma e suave que conseguiu ser, sabia que se fosse grossa a menina só a expulsaria do quarto e não iria falar nada
— Eu não sei - Disse chorosa olhando para a mão da mãe que secava seus braços
— Tem certeza que não sabe? - Isabella reforçou a pergunta se virando para o closet atrás de um pijama, voltou a menina a encarava
— Ele vai me bater quando eu voltar e me jogar no quarto - Ela contou sussurrando, Isabella respirou fundo
— Você não vai voltar - ela reforçou firme
— Eu vou - Insistiu
— Não, você não vai - Isabella repetiu passando a blusa pela cabeça da criança, Elizabeth não insistiu dessa vez apenas ficou calada - E ele não vai fazer nada com você, nunca mais, se ele ousar falar com você ou com Melissa você vai correr e me contar, ok? - Perguntou Isabella encarando a filha
— E ao Edward também? - Perguntou
— Sim, a mim e ao Edward - Ela afirmou
— Tá bom - Ela concordou, Isabella a pegou no colo e a levou para o quarto, dessa vez se deitou com Elizabeth e a menina se aproximou dela meio tímida, segurou o colar que a mãe usava e ficou mexendo nele até adormecer.
  Isabella não conseguia esquecer a imagem de Lizzie se auto-mutilando, precisa conversar com Edward amanhã, mas não podia deixar que aquilo voltasse a conhecer, um bom tempo depois ela conseguiu dormir novamente.
     Edward acordou com seu celular vibrando, bufou ao ver o nome do amigo no visor, Jacob era amigo de Edward de longa data, um safado solteiro que também trabalhava para Edward como investigador.
— Fala viado - Edward atendeu se ajeitando na cama vendo as outras três mulheres dormido.
— Tá onde boca de ovo? - Ele perguntou, Edward riu com o apelido ridículo que o amigo tinha o chamado
— Na casa da Isabella - Ele respondeu
— Ixi, tá na casa da patroa - Jacob zoou
— Fala logo o que você quer! - Edward resmungou
— Só pra avisar que Brianna tá descontrolada atrás de você, aquela mulher tem um pacto com o diabo só pode! Chegou aqui no seu escritório e quebrou tudo, Leah não consegui falar com você e está louca sem saber o que fazer - Edward se sentiu na cama bravo, Leah e Jacob se pegavam de vez em quando e ela era a secretaria dele, provavelmente seu celular de contato profissional deveria ter descarregado
— Eu vou matar Brianna, já mandei ela me deixar em paz, porra de mulher nojenta - Ele rosnou entrando no banheiro, já tinha tido várias namoradas e já terminou com mais da metade delas, elas costumavam correr atrás dele depois dos términos, porém Brianna estava sendo um pouquinho pior - Diga a Leah que chame alguém pra limpar meu escritório e que eu ja vou pra ir - Ele mandou, depois se tocou de um detalhe - O que você tá fazendo no meu escritório Jacob? - Perguntou
— Só vim me divertir! - Ele avisou divertido
— Filho da p... - A ligação foi encerrada antes que ele terminasse, aquele vagabundo tinha ido transar com sua secretária em seu escritório, era só o que faltava mesmo, bufou botando o celular encima da bancada e entrando embaixo do chuveiro.
   Voltou para o quarto e Melissa estava descendo da cama com os cabelos bagunçados e o rosto sonolento.
— Bom dia princesa - Ele desejou indo até ela e a segurando nos braços, beijou a bochecha dela e ela deitou em seu ombro
— Bom dia, o senhor vai sair? - Ela perguntou olhando pra ele que estava vestido com um terno de trabalho
— Vou trabalhar - Ele disse indo para cozinha, encontrou Marta e a cumprimentou, tratou de deixá-la a par da presença de Elizabeth, a mulher ficou meio confusa mas como sempre foi discreta e não fez muitas perguntas, ela serviu o café da manhã pra Melissa e Edward na sala de jantar, enquanto os dois comiam Isabella entrou na sala falando ao telefone.
— Quem diabos faz um aniversário em plena segunda feira? - Ela perguntou a Alice abismada
— Eles vão viajar amanhã Isabella, Alec quer levá-los a Disney a semana inteira e só volta na outra segunda, então decidiram fazer hoje mesmo - Isabella revirou os olhos, hoje seria o aniversário de Noah e ela nem se lembrava desse detalhe, tinha recebido o convite a uns dois meses atrás e tinha o jogado em algum lugar por aí
— Tá bom Alice - Ela quis encerrar a conversa
— Você vai não é? - Perguntou
— Não sei - respondeu sem muito interesse
— Isabella! - Ralhou a irmã do outro lado
— Tchau - Ela disse e desligou se sentando em uma cadeira observou os dois ali que a olhava - O que foi? - Ela perguntou
— De quem é o aniversário? - Melissa quis saber
— De ninguém - Não disse que era de Noah pra Melissa não inventar de ir, não sabia que estava preparada para ver o pai ainda
— É do filho do seu irmão? Ele mandou um convite lá pro escritório pra mim - Isabella olhou emburrada para Edward
— Do Noah? Nós vamos né? Vai ser muito legal, ele me disse que ia ser dos vingadores - Melissa disparou a falar e Isabella bufou enquanto Edward ria, logo Elizabeth entrou na sala, ela vestia uma roupa de frio então não dava pra ver seus machucados, ela entrou olhando para os próprios pés envergonhada.
— Bom dia - Edward desejou
— Bom dia - Ela retribuiu baixo
— Lizzie nós vamos a um aniversário hoje do Noah, ele é nosso - Melissa ia falar que Noah era primos dela o que Elizabeth tendo a mente que tinha logo ligaria a Charlie, então Isabella interrompeu
— Melissa, toma o seu chocolate antes que esfrie - Mandou
— Mas...
— Rápido, eu vou trabalhar hoje, não posso me atrasar.
Edward saiu um pouco depois, tinha que ver a merda que Brianna tinha feito em seu escritório e expulsar o Jacob de lá.
   Isabella teve que levar as duas meninas com ela para o seu trabalho, Emma arregalou os olhos ao ver Elizabeth, a chefe não explicou muita coisa, apenas o básico sobre a menina.
    Emma as encaminhou para uma sala separada onde elas ficariam brincando e desenhando, Isabella sabia que com as duas na mesma sala que elas não iria conseguir trabalhar e ela precisava fazer isso já que não ia ao escritório fazia uns três a quatro dias, teria que trabalhar o dia todo para compensar, respirou fundo olhando a pilha de papéis em sua mesa e um papel com números que ela teria que ligar, soltou o ar dos pulmões e começou o trabalho.
    O tempo passou rápido e para o alívio de Isabella ela tinha terminada mais da metade do trabalho pela manhã, foi se atentar ao horário quando Melissa abriu a porta reclamando de fome.
— Estou com fome - Ela resmungou, Isabella a olhou por cima dos óculos de grau que ela usava para leitura
— Você não trouxe uns lanches Melissa? - Ela perguntou
— Trouxe, mas já acabou - Isabella olhou para o relógio em sua parede e percebeu que já eram uma da tarde, jogou o papel em cima da mesa e tirou o óculos
— Onde está Elizabeth? - perguntou enquanto guardava o óculos dentro de sua bolsa
— Na sala desenhando - Melissa respondeu
— Vá chamá-la nós vamos almoçar - Disse e Melissa correu pra fora, ela pegou a bolsa e saiu da sala, logo as meninas apareceram e elas foram para o carro, John já as esperavam.
— Boa Tarde senhora, pequenas - Ele desejou abrindo a porta
— Boa tarde - Elas retribuíram
— John nos leve ao Bistrô Moderne na Times Square - Isabella mandou, ele assentiu acelerando o carro.
    O restante do dia foi calmo, elas almoçaram, compraram algo para dar a Noah de presente e voltaram para o escritório, Melissa tinha infernizado para que ela comprasse uma boneca de pano que tinha ali e ela teve que comprar uma pra cada, Elizabeth estava muito quieta durante o dia o que não passou despercebido por Isabella, mais quieta que o normal.
    A noite chegou e Isabella corria de um lado a outro em sua casa para arrumar as duas meninas, não tinha falo com Edward o dia todo e não sabia se ele iria ao aniversário, ela saiu do banheiro enrolada na toalha e viu Melissa deitada sem roupa em cima de seu vestido que ela iria usar, molhando e amassamos seu vestido.
— SAI DE CIMA DO VESTIDO, VAI SE VESTIR MELISSA! - Ela gritou brava tirando a garota de cima da cama, Melissa se debateu se soltando das mãos da mãe
— SUA LOUCA! QUER ME MATAR DE SUSTO! - Melissa gritou de volta
— EU VOU TE MATAR É DE PANCADA MELISSA, VAI SE VETIR JÁ ERA PRA VOCÊ ESTÁ PRONTA— Isabella estava irritada porque ja tinha uns vinte minutos que tinha deixado Melissa tomada banho e de dentes escovados no quarto dela pra ela se vestir e a menina ainda estava nua.
— EU JÁ VOU ME VESTIR SUA DESCONTROLADA— Isabella sabia que esse apelido de descontrolada era coisa de Edward
— Cadê Elizabeth? Espero que ela esteja pronta também - Avisou alto para que a garota pudesse ouvir
— ELA ESTÁ— Melissa gritou batendo à porta.
    Minutos depois elas estavam prontas já saindo de casa, Melissa inventa que está com dor de barriga e precisa fazer coco, Isabella respira fundo e se senta esperando a garota, depois escuta o grito dela a chamando para limpar sua bunda, a mãe bufa irritada e vai para o banheiro fazer ela se limpar sozinha, depois tu muita discussão das duas Melissa de limpa e finalmente elas saem, atrasadas como sempre.
    À entrada do salão de festa estava repleto de balões vermelho, azul, verde e amarelo, as meninas ficaram encantadas com a entrada que tinham algumas pessoas vestidas dos personagem recepcionando, elas deixaram os presente na caixa, cada uma o seu já que Melissa implicou que não iria levar o mesmo presente junto com Lizzie, fazendo Isabella ter que comprar dois.
    A decoração do ambiente estava fantástica, tinham vários tecidos espalhados pelas paredes, várias mesas para os convidados, mas separado tinha uma parte apenas para as crianças se divertirem, com pula-pula, escorrega, piscina de bolinha, alguns outros brinquedos de parque, área para que as crianças fossem pintadas, barracas de sorvete, doces, churros e várias outras coisas, o aniversário tinha tudo do melhor e não faltava nada.
   Isabella sentiu uma mão pequena se apertar a sua e um corpo de aproximar do seu quando se fundando a sua perna, olhou para baixo e era Elizabeth, observou a menina com os olhos cheios de lágrimas e se deu conta de que ela tinha visto Charlie que estava mais afastado sentado com Renné e outras pessoas, Isabella a pegou no colo, Charlie ainda não as tinha visto, avistou Alice acenando pra elas sentada em uma mesa com Jasper e Emmett, Melissa também viu e saiu correndo até a tia, sendo seguida pela mãe.
    Assim que se sentou Isabella olhou ao redor, avistou Stephany que acenou pra ela, alguns sócios dela também a cumprimentaram de longe e por ultimo viu a mesa do Edward, la estavam seu pai, mãe, Rosalie e a estupido da Brianna, ele mexia em seu celular e não tinha a visto ainda, ou fingia não ter, Isabella sentiu a raiva subir a sua cabeça e ela se ajeitou na cadeira junto com Elizabeth que estava em seu colo, a menina não queria sair dos braços da mãe, respirou fundo, com certeza aquele aniversário não  seria tranquilo, pelo menos não pra ela.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...