História Aonde eu vim parar... (imagine Kim TaeHyung) - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), G-Dragon, Got7, Jay Park, Monsta X, Seventeen
Personagens BamBam, G-Dragon, Hansol "Vernon" Chwe, I'M, Jackson, Jay Park, JB, J-hope, Jimin, Jin, Joo Heon, Jungkook, Min Hyuk, Personagens Originais, Rap Monster, Show Nu, Soonyoung "Hoshi", Suga, V, Yugyeom
Visualizações 1.163
Palavras 1.000
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiiii, td bem? Fiquem com mais um capítulo deste "casal" bjs!!! 😘

Capítulo 15 - Reencontro!!!


                 

XxX: _____ - Ouvi alguém falar atrás de mim, virei e dei de cara com o TaeHyung
              

  _____: Tae, o que faz aqui? - Ele não me respondeu, vi seus olhos se encherem de lágrimas, ele virou de costas para mim e começou a correr - Meninos, cuidem das minhas coisas, eu já volto - Falei para Jooheon e I'M deixando minha bolsa em cima da bancada.
                 

Comecei a correr pelo mesmo caminho q TaeHyung fez, eu saí da casa q rolava a festa e pude ver ele sentado em um banco do outro lado da rua, fui até ele e sentei-me ao seu lado, ele estava com a mãos em seu rosto não deixando eu ver seu rosto mas ainda assim dava para ver q ele chorava muito.
                 

_____: V... não chore, por favor. Não fique assim e me conte o porque de vc ter saído daquele jeito de lá? - Falei passando minhas mãos por seus fios de cabelos.
                     

V: C-como vc a-acha q e-eu fi-ficaria em ver a pe-pessoa q eu go-gosto con-con-versando com outros caras q nem se quer conhece direito? - Ele falava entre soluços enquanto olhava diretamente para mim, seus olhos e seu nariz estavam vermelhos.
                 

____: Tae...
                   

  V: A menina q eu gosto, a menina q eu já planejava ter um futuro junto está saindo até com outros meninos, q ironico nao é... eu acho q quanto mais eu sonho menos as coisas tem possibilidades de acontecer - Ele  falou isso fazendo meu coração se despedaçar em mil pedaços, eu nao sabia o q fazer e nem o que falar, eu automaticamente o abraçei.
                   

_______: E-eu não sei o q dizer - sem eu perceber uma lágrima escore eu meu rosto.
                     

  V: Não precisa falar nada, apenas fique aqui assim mais um pouco - Ele entrelacou seus braços em minha cintura me abraçando com força - Saiba q eu te amo.
              

   Ele separou o abraço, mas sem nem eu poder falar algo ele sela nossos lábios, ele pede passagem e eu sem pensar  duas vezes cedi, parecia q nossas línguas estavam com saudades uma da outra, elas brincavam dentro de nossas bocas, ele me puxa para mais perto e eu coloco minhas mãos em sua nuca aprofundando o beijo, ficamos assim por um bom tempo mas tivemos q nos separar pois a falta de ar se fez presente.
                  

 _______: Eu também te amo Tae... muito - Ele dá um sorriso lateral e me rouba um selinho.
                      

 V: Se vc me ama me prometa uma coisa...
                

________: Que coisa seria está?
                    

 V: Não saía com mais nenhum menino sem me avisar, e eu tenho q conhecer ele... ok?
               

_____:Ok mandão - Dei uma pausa mas continuei - A mesma coisa vale para vc, não saía com nenhuma menina q eu não conheça e sem me avisar, ok?
                      

V: Ok - Ele colocou Seu dedo mindinho em minha frente em sinal de comprometimento e eu entrelacei com o meu - Agora nenhum de nos podemos quebrar esta regra, entendido?
               

_____: Entendido - Me lembrei q tinha deixado minhas coisas com os meninos a dentro e falei - Eu já volto, só vou lá pegar minhas coisas q eu deixei com os meninos antes de sair correndo atrás de vc, me espere aqui - Ele assentiu com a cabeça e eu o dei um selinho e fui pegar minhas coisas.
              

Chegando lá os dois meninos me olhavam curiosos, parecia q tinham visto um fantasma do meu lado, sorri para eles e disse.
                      

_____: Vim aqui apenas para pegar as minhas coisas... Tchau - Estava preste a sair quando meu braço é segurado.
                        

JH: Passa pelo menos seu número para q nos continuar conversando.
                  

 _____: Claro... anota ai - Ele pegou seu celular e fez um sim com a cabeça para q eu começasse a falar - É ( _ ) ____-____.
                      

 JH: Agora sim, tchau, bjs - Ele falou com um sorriso no rosto.
                     

 I'M: Tchau _____, espero q possamos ainda nos ver algum dia.
                   

 _____: Também espero... tchau, bjs! - Falei e sai dali, logo vejo V ainda sentado no banco olhando para o horizonte, mas logo ele me viu e deu um sorriso, me aproximei dele e falei - E ai, demorei muito?
                     

 V : Demorou para quem ia apenas pegar suas coisas - Falou ele se levantando - Sabe do q eu me lembrei?
                

_____: Do que? - Perguntei curiosa.
                    V : Que vc está me devendo um presente - Meu Deus ele ainda não se esqueceu disso.
               

 _____: Esse presente ficou para amanhã se lembra... e amanhã bem tarde porque eu vi vc conversando com aquela vadiazinha lá na escola e eu não gostei nadinha disso.
                   

 V :Quer dizer q vc ficou com ciúmes? - Falou ele dando um sorriso convencido.
             

 _____: Sim fiquei... E também quero q vc fique bem longe dela ou vai sofrer suas consequências.
                  

 V: Tipo o que? - Ele falou me abraçando, separei-me dele e falei
               

 _____: Tipo... greve de um mês - Falei e ele me olhou com uma cara engraçada.
                     

V: Meu Deus, não vou nem mais olhar para aquela menina... não aguentaria ficar um mês sem vc - Ele me olhou e sorriu, eu também sorri ao ver seu desespero por eu ficar de greve - Mas por que está com tanto ciúmes assim dela?
                  

 _______: Porque hoje aquela piranha tava dando em cima do Suga na minha frente e ainda o forçou a beija-la, ele teve q me segurar para a menina não entrar em coma por minha causa.
                      

V: Nossa Senhora, agreciva vc em!! - Ele deu uma risada fraca.
                 

_______: Vc nem viu nada querido!!! - Falei dando uma risada a nasal - Vamos para casa ou vc quer ficar dormindo na rua?
                    

V : Vamos - Ele pegou em minha mão e fomos, desta vez até sua moto, uma Suzuki Preta, ele me entregou um capacete, subimos na moto ele deu a arrancada e logos começamos a andar...

                                     



Continua ...


Notas Finais


Desculpa qualquer erro, espero q tenham gostado, bjs e até o próximo!!! 😊😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...