História Aonde mora a felicidade? - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello, Harry Styles, Jensen Ackles, Kim Nam-joon / Rap Monster, Shawn Mendes
Personagens Camila Cabello, Harry Styles, Jensen Ackles, Personagens Originais, Rap Monster, Shawn Mendes
Tags Love
Visualizações 18
Palavras 450
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 13 - Não chore, eu estou com você


No bosque fazia muito frio e eu não sabia pra onde estávamos indo, não podíamos parar para dormir ou descansar, meu pai já estava preparando seus guardas para nos procurar. 

— Camila, pare - pediu Shawn.

— Não podemos, os guardas já devem estar vindo. 

— Me largue aqui, vá, eu não quero que eles peguem você.

Seus olhos se encheram de lágrimas.

— Você tem uma vida inteira pela frente, eu estou aqui todo machucado e sangrando, me deixe aqui.

— Não chore, eu estou com você. Eu te amo.

Falando isso dei um beijo em sua testa. Continuamos a andar, andamos e andamos até o dia amanhacer. Fomos parar em um lugar onde parecia ser outono, as folhas caiam e cobriam o rio com seu tom amarelado.

Eu estava cansada e dolorida, arrastar Shawn não foi fácil. O coloquei sentado encostado em uma árvore e fui buscar água para lavar aqueles ferimentos. 

Peguei uma folha grande e a enchi de água. Primeiro lavei seu rosto, o encarei e ri de sua expressão.

— Do que está rindo? - perguntou rindo junto.

— Dessa sua cara, está doendo?

— Não, arde um pouquinho.

Depois de tirar todo o sangue de seu rosto, fui buscar mais água para tirar da barriga.

— Posso? -perguntei

— Sim, claro que pode.

Lavei o corte e depois lavei novamente, só para garantir.

—Obrigado, senão fosse você eu teria morrido lá dentro- ele me puxou e seus lábios tocaram os meus. 

Aquilo foi tão bom, foi como se nossos problemas estivessem sumido. 

— Eu te amo tanto, Shawn- dizendo isso me deitei em seu colo.


Dormimos um pouco, bebemos um pouco de água e depois continuamos a caminhada. Shawn já conseguia ir sozinho sem precisar de ajuda, mas para garantir ele pediu que eu segurasse sua mão.


Andamos sem rumo até a noite cair e não encontramos nada, resolvemos parar e fazer uma cama com as folhas secas e descasarmos um pouco. 

Depois da cama pronto, nos deitamos e eu me aconcheguei em seus braços.

— Camila?

— Sim.

— Você acha que há alguma possibilidade de seu pai ter anunciado no jornal e na TV que estamos sendo caçados e a recompensa para quem nos achar?

— Eu não acho, eu tenho certeza.

-----------------------------------------------------------------

Antes de sairmos do lugar que estávamos abrigados, fomos até o rio próximo, lavei os ferimentos de Shawn, bebemos um pouco de água e partimos.

A caminhada não parecia acabar mais, eu estava exausta. 

— Amor, olhe ali- disse Shawn apontando para uma placa um pouco mais frente.

— Finalmente ! 

Seguramos nossas mãos com mais força e fomos ver a placa, quando nos aproximamos e lemos.


" Bem-vindo ao vilarejo Tuan"

Uma alegria tomou conta da gente, só não sabiamos que aquilo seria passageiro.

— Vocês realmente acharam que iriam escapar assim, tão fácil?

— Papai.








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...