História Apaixonada pelo professor - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 13
Palavras 373
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Minha vida é uma droga


Fanfic / Fanfiction Apaixonada pelo professor - Capítulo 2 - Minha vida é uma droga

Eles vieram até mim, e ele disse:

-Bem...essa aqui é Gyulia, minha aluna e ela vai te ensinar como ser comportada comigo

-Eu ñ preciso disso...

-Ah,precisa sim!-disse ela

-Eu vou ter que deixar vcs sozinhas, pq eu tenho um problema pra resolver.Ñ criem confusões.

Ele saiu e ficamos nos duas sozinhas na sala, dava pra sentir um clima bem tenso entre a gente.

Ela chegou mais perto e mais perto, até me puxar pelo braço e...

~Despertador tocando~

-Pohha...eu sempre tenho esse tipo de sonho e eu nunca termino.

Agora Yanni tem 19 anos e hoje é seu primeiro dia de aula

-Bom... Quem disse que eu vou pra aula? Eu vou sair para esvaziar minha cabeça e depois tomar uns drinks.

Eu mudei muito, minha amigas que sempre achei q ficassem do meu lado pra sempre me abandonaram, ñ tenho amigos e possivelmente nunca terei um namorado...Minha vida tá tão foda que já pensei em suicídio, e me corto as vezes...

~quebra de tempo~

Já eram 21:00 e eu ainda estava no bar. Até que chega um homem e senta do meu lado

-Oi garotinha, vc está sozinha?

Já sabia o que ele queria por isso levantei e fui embora, mas ele me puxa pelo braço e diz:

-Ñ finga que estou falando com vc!

Ele me dá um soco forte na cabeça e que desmaio. Ñ me lembro de nada , mas quando acordo, eu estou em casa,toda machucada, mas em casa.

-Aishhh, o quê que aconteceu? - me pergunto

Ñ vou perder meu tempo fazendo perguntas bobas, eu reviro meu quarto tentando achar a minha arma. Eu acabo a  encontrando e  encontro minha velhas lâminas.

Eu sou muito fraca pra resistir a isso, pego elas e começo a me cortar, como se o meu mundo acabasse naquele momento.

Então eu ouço alguém abrindo a porta e dizendo:

-Vc acordou! Mas cadê vc ?

Eu tranco a porta do banheiro e falo :

- Quem é vc?

-Eu sou o homem que te salvou e que te trouxe para cá. Há..meu nome é Bruno, e o seu?

-Yanni...mas vc pode voltar pra sua casa agora já que eu estou bem.

-Ah é, mas eu queria ver seu rosto de novo...

 

 


Notas Finais


Estão gostando?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...