História Laura - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Lei e o Crime
Tags Amores Proibidos, Ficção Adolescente, Romance, Sequestro
Visualizações 68
Palavras 295
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - Capítulo 3


 

Laura
( ... )

Há algumas horas atrás fui surpreendida por uma ligação do Daniel. Ele queria que eu o encontrasse atrás de um casarão abandonado 

 

E aqui estou eu agora.


- Mais que demora - Sussurrei batendo os pés na grama molhada 

 

- Cheguei - Sussurrou e segurou meu ombro 


- Desembuxa - Revirei os olhos 


- Porque tu quer me deixar - Se aproximou 


- Por vários motivos - Dei de ombros e sou surpreendida por suas mãos em meu pescoço apertando o mesmo

- Tu tá é me traindo né Vadia? - O Único que trai aqui é você seu inútil 

 

- Daniel! - Disse fraca , quase que um sussurro


- Eu vou te matar - Sorriu , OQUE ?


- Não... - Me soltou


- Você - Apontou uma arma em minha coxa - Nunca brinque comigo Vagabunda, ouviu bem Laura?! - Atirou uma vez e eu gritei de dor 


Ele saiu de lá sem me ajudar 

 

- Argh - Tentei me sentar - Aaai ! - reclamei 


Vejo minha bolsa jogada do meu lado , eu vou ligar para uma ambulância 

 

( ... ) 

 

- Conseguimos retirar a bala , mais ela perdeu muito sangue - Suspirou o médico enquanto eu o ouvia conversar com alguém 

 

- Eu posso doar meu sangue é o mesmo tipo que o dela - Disse animada 

 

 


1 Semana depois

 


- Lau, Você não pode ficar forçando! Isso aí vai inflamar - Ticiane estava brigando comigo, por eu ter levantado da cama e ido até a cozinha , ela colocou meu braço em seu ombro e me sentou na sofá - Você sabe quem atirou em você? - Suspirou


- Sei ... - Disse baixo 


- E QUEM É O FILHO DA PUTA?

-

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Gostaram ?

Capítulo não Revisado !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...