História Apaixonado pelo irmão da minha namorada - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jin, Rap Monster
Tags Bts, Hyujin, Namjin
Visualizações 391
Palavras 1.547
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Lemon, Shonen-Ai, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiiiiii najas~ Já somos 70 '-' Como assim? OBRIGADA MINHA GENTE. EU REALMENTE VOS AMO e.e Até às notas finais <3

[Spoiler: Esse capítulo ficou uma merda porque fiz na pressa só para vocês terem capitulo hoje! Se não entendeu algo, pode bem me perguntar, beijos .-.]

Capítulo 6 - Cíume? Claro que não...


Fanfic / Fanfiction Apaixonado pelo irmão da minha namorada - Capítulo 6 - Cíume? Claro que não...

POV Namjoon

- Eu realmente amei este momento! - falou sussurrando ao meu ouvido.

Logo se sentou novamente no meu colo e começou a rebolar. Eu gemia e ele ria. Agarrei a sua cintura e pressionei com força contra mim e ele arfou.

- Hum, não conhecia este seu lado, Seokjin.

- Ninguém conhece...

Dei um sorriso malicioso quando ele olhou para o meu membro e mordeu os lábios. Nos virei e eu fiquei por cima logo lhe dando um beijo.

Coloquei a minha mão dentro da sua camisa e a tirei. Olhei para ele e lambi os lábios. Voltei a olhar para o seu rosto e percebi que estava corado.

Me aproximei do seu rosto e mordi o seu lábio inferior. Parei e lhe dei um grande sorriso. Ele ficou ainda mais corado e revirou os olhos.

Deitei a minha cabeça no seu pescoço e a cada vez que eu respirava, ele gemia por causa dos arrepios.

Desci a minha boca até ao seu mamilo direito e chupava-o enquanto brincava com o outro. Ele agarrava no meu cabelo e puxava-o. Parei de chupá-los e desci até à sua cueca. Ele percebeu e parecia muito tímido, porque colocou as mãos como se quisesse tapá-la.

Tirei as suas mãos de lá, entrelacei os nossos dedos da mão esquerda e com a direita tirava a cueca dele. Tirei ela por completo e o membro dele "saltou" para fora quando bateu no meu rosto. Eu agarrei nele e comecei a masturbá-lo. Ele gemia manhoso. Eu sorria de forma inocente fazendo ele dar gargalhada. Comecei a chupá-lo e ele tentava não gemer, mas isso era impossível.

- V-Você é muito bom. - dizia ele entre gemidos. - Mas não vou ser o único a gemer aqui não, Daddy. - ele disse a última palavra bem sexy que me causou arrepios de prazer.

Me fez parar e me colocou sentado na cama. Tirou a minha calça juntamente com minha cueca e meu membro bateu na sua cara.

- Vai ser bem gostoso chupá-lo, oppa!

"Para de me fazer sentir prazer de você, pirralho! Eu te amo, Jin."

Lambeu a minha glânde, mas logo colocou tudo na sua boca. Se engasgou mas ninguém se importou realmente com isso.

Eu estava quase gozando na boca dele, mas o fiz parar.

- Fica de quatro. - fiz biquinho.

Ele deu um sorriso provocante e assim o fez. O penetrei com a língua e ele gemia bem sexy. Quando a sua entrada já estava bem lubrificada, entrei nele sem dó algum e ele gemeu de dor, mas ao mesmo tempo de prazer. Fiquei parado na sua à espera do seu "sinal". Ele rebolava e eu sabia que já o podia estocar.

Dei estocadas fortes e atingi a sua próstata várias vezes.

- Eu quero rebolar em você.

Fiz o que ele pediu e me sentei na cama. Ele subiu em mim e cavalgou forte.

Acho que a única coisa que realmente se ouvia na casa, eram os nossos gemidos e corpos se chocando. Talvez, se alguém passasse frente à casa, nos ouvia.

Agarrei no seu membro e o masturbava. Ele gemia ao meu ouvido.

- Namjoon...

Eu já estava realmente bem "preenchido" pelo seu amor. Me aproximei da sua orelha e mordi-a.

Ele rebolava enquanto mordia o meu pescoço.

- Ah, eu te amo, Seok. - falei no seu ouvido.

- Não geme assim no meu ouvido não, oppa. Eu também te amo.

Ficámos assim mais um tempo e gozámos juntos.

Trocámos os lençóis de novo e dessa vez, dormimos e de conchinha.

De manhã

- Acorda, amor. Já está de dia!

Ele falou virando para mim.

- Amor?

- Oxi, sim. Você gosta de mim não? - falou com uma cara triste e se levantando.

- Quem disse que eu não gostava? - falei puxando ele para a cama de novo.

Me coloquei em cima dele e lhe dei um beijo apaixonado.

- Agora sim! - falou com um olhar mais feliz.

Eu saí de cima dele e fomos para o banheiro. O Jin encheu a banheira e eu entrei primeiro. Jin entrou, e ficou de costas para mim. Ele lançou a cabeça para trás e eu mordi e dei uns chupões no seu pescoço.

Depois ele se levantou mas não saiu do banho, e sim se sentou em mim e começou a rebolar. Eu masturbava-o enquanto ele ficou a rebolar e a cavalgar (rápido e devagar).

Ficámos a "brincar" até que nós dois gozámos e saímos da banheira. Fomos para o duche e tomámos banho. O banho foi repleto de beijos, carícias e declarações de amor.

~~ Quebra de Tempo ~~

Era de tarde e fomos dar um passeio pelo parque. Jin foi comprar alguma coisa para nós comer.

Uma menina chegou perto de mim e eu percebi que ela devia ser uns anos mais nova que eu.

- Olá.

- O-Olá...

- Qual seu nome, pequena? - dei um sorriso fofo.

- K-Kyra...

- Kyra?

- S-Sim.

- Que belo nome. O meu é Namjoon, prazer.

- Prazer o meu! - disse ela mais confiante.

Ficámos a conversar durante um tempo. Ela me contou que tinha uns 17 anos e eu 20.

Ela ia me beijar e eu ia deixar quando...

Jin estava a olhar para nós com um olhar triste, mas logo ele se aproximou e fitou a menina com um olhar metralhador.

- Quem é esse, Namjoon?

- Sim Namjoon, quem sou eu? - perguntou Jin com uma cara de quem não sabia do que nós estávamos a falar.

- Kyra, esse é Jin. Jin, essa é Kyra.

- Ah, esse é seu irmão, Namjoon?

- E essa é sua nova namorada?

- Não Kyra, ele não é meu irmão. Jin, deixa de ser assim, ela não é minha namorada não.

- Tudo bem Jonnie, pode ficar com sua "amiguinha" aí, eu vou voltar para casa. Ah! Tome a sua comida. - ele jogou na minha cara a comida e saiu a chorar.

- Quem era ele afinal?

- Namorado, da minha irmã...

- Da sua irmã?

- Sim, eu acho.

- Como assim?

Eu lhe expliquei o que tinha acontecido entre mim e ele para essa menina que eu tinha conhecido hoje e que, realmente, parecia estar interessada na história.

- VOCÊ NAMORA COM ELE? - ela gritou e se levantou com cara de nojo. Ainda bem que não tinha ninguém no parque.

- Você acha que eu sou doente?

- NÃO CARA! Eu sou fujoshi! Eu amo gays! Ups, desculpe. Homosexuais! Eu realmente também sou...

- Sério?! Vamos ser amigos para sempre então.

Ambos caímos na gargalhada e ficámos ali mais umas horas. Até que eu ia para casa.

- Ei, quer jantar lá Kyra?

- Melhor não, ele vai pensar que algo está se passando entre nós.

- Por favor? - fiz cara de cachorro abandonado.

- Owt, que fofo... Tá então, vamos!

Chegámos lá e quando Jin ouviu a porta abrir, desceu as escadas a correr e chegou feliz à porta.

- Finalmen-

Ele reparou na Kyra e o seu sorriso desapareceu.

- O que essa menina está aqui a fazer?

- Ela vai jantar connosco.

- Ah tá. Faz o jantar então, eu não fiz nada e não estou com vontade de fazer.

- Jin...

- Vou subir para o meu quarto. Quando acabar o jantar, me chama.

Ele saiu da sala. Eu fui fazer o jantar e Kyra se ofereceu para me ajudar. Nós fizemos bifes com arroz.

- JIN! VEM PARA A MESA! - chamei.

Ele desceu e comemos em silêncio até que Kyra quebrou o silêncio e explicou tudo para Jin. Jin deixou o seu ciúme de lado e conversou o jantar too com Kyra.

- Ei, eu também existo né?

- Desculpa, Namjoon. - falaram em coro e os 3 rimos.

Acabou o jantar e levantámos a mesa.

- Quer dormir aqui Kyra? - perguntou Jin.

- Sério?

- Claro, miga. Eu te amo.

- Tu ama o quê, SeokJin?

- Eu te amo, Namjoon. - disse com um sorriso de orelha a orelha.

- Ata. Melhorou viu? Kyra, pode dormir no meu quarto, eu vou dormir com o Jin no seu.

- Vocês dormem juntos também? Hm... Lemonada a caminho!

Caímos na gargalhada com essa frase. "Lemonada a caminho!" Que menina mais engraçada!

- Boa noite Kyra! - eu e Jin falámos no mesmo tempo.

- Boa noite meninos! Podem fazer uma coisa por mim para eu adormecer melhor?

- Claro, o que é? - perguntei.

- Quero ver vocês se beijando!

- Aaah, safada!

- Sou mesmo, migo.

Jin se colocou em bicos dos pés e passou os braços no meu pescoço, eu segurei a sua cintura e beijámo-nos.

- QUE FOFOS~ Shippo NamJin!

- Namjin? - perguntámos em duo.

- Sim, o vosso ship. Nam de Namjoon e Jin de Jin né? Namjin é igual a LF, Love Forever.

- Obrigado, mona! - falou Jin lhe dando um abraço.

- Bem, agora vamos dormir sim. Até amanhã meninos!

- Até, Kya.

E então assim foi. Kyra dormiu lá em casa, no meu quarto. Enquanto eu fui dormir com Jin no seu quarto.

- Boa noite, SeokJin.

- Boa *boceja* noite... - logo adormeceu.

"Eu  te amo, criança. Dorme bem..."

 

 

 

 

 


Notas Finais


Obrigado por ler até aqui <3 Se é daquelas que entra numa fic yaoi seja de BTS ou de qualquer outro grupo/o que você goste e só procura o lemon, TAMO JUNTA MIGA!

Mintira, eu leio tudo, mas confesso que maioria das vezes tenho preguiça e salto algumas partes :D

Posso vos pedir um favor? "Clarum que siem ~~" Sério? Obrigada. Então vamos lá:
Minha amiga tem uma fanfic de DL (Diabolik Lovers), que pode estar com alguns (MUITOS) erros (sorry miga) e eu queria vos pedir se podiam dar olhada? Ela aceita críticas construtivas. Se poderem ir lá, fico muito agradecida <3 Vou deixar o link aqui em baixo.

Se chama: Vampires and a Human (será realmente Human?)
Link: https://spiritfanfics.com/historia/vampires-and-a-human-sera-realmente-human-6654570
Foto de capa e foto dos cap aqui *Levanta a mão e acena* que fiz <3

Obrigada por ajudar aqui a tia <3

Ittekimasu e até ao próximo episódio Lemon-L (Lemon Lovers e.e)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...