História Apaixonado pelo meu sequestrador (Sugamon) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Lemon, Namgi, Pequeno Kim, Sequestro, Sugamon, Vkook, Yoonseok
Exibições 51
Palavras 713
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Lemon, Romance e Novela, Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oieee mais um cap fresquinho para vocês ehehehe

BOA LEITURA !!!

Capítulo 3 - Como matar um ser frágil ?


Fanfic / Fanfiction Apaixonado pelo meu sequestrador (Sugamon) - Capítulo 3 - Como matar um ser frágil ?

P.O.V's Namjoon

O que está havendo comigo ?? Você tem que ser firme em suas decisões Namjoon, me levantei e fui ao banheiro fazer minhas necessidades quando sai me deparei com uma cena tão fofa, Yoongi estava dormindo agarradinho ao meu travesseiro e encolhidinho no cobertor devido ao clima frio intenso que Seoul proporciona, sem perceber eu tinha um sorriso no rosto mas logo desfiz o sorriso e o acordei de forma não tão bruta por causa de seu ferido na barriga, como ele estava de barriga para baixo, subi em cima de si e apenas puxei fortemente seu cabelo o trazendo para mim, ele gemeu de dor e acordou rapidamente.

- É assim que eu gosto, vadia... anda, levante-se.

Pude ver uma lágrima sair de seu olho mas me surpreendi ao vê-lo sorrir e me desejar um "bom dia, Nammie hyung".... fiquei em silêncio e logo algum tempinho o respondi.

- Bom dia, pirralho.... ande logo, saia dessa cama.

Saí de cima dele e logo ele se levantou, coçando seus pequenos olhinhos acompanhado de um bico extremamente fofo... aish Namjoon larga de ser retardado... de repente SungJoo entra no quarto.

- Namjoon, o seu pai quer falar contigo e a sós...

- Ok... ei Joo cuida do Yoongi para mim.

Saio do quarto e vou até o escritório do meu appa e entro sem permissão e me sento na poltrona.

- Sim Namjoon, você pode entrar e se sentar nessa poltrona.

A ironia dominava sua fala junto a um sorriso falso e cheio de cinismo.

- Fala logo o que quer...

- Simples... mate Kim Min Yoongi.

Ele só pode estar zoando, claro que vou ter um enorme prazer de acabar com aquele pirralho.

- Com prazer...

- Ótimo, agora saia e faça seu trabalho.

Saio daquele escritório com o maior sorriso no rosto, fecho meus punhos prontinhos para entrar naquele quarto e fazer alguém morrer, entro com tudo e acabo assustando Joo e Yoongi que brincavam de "Cama de Gato".

- Joo, obrigado agora saia.

- Sim, Kim...

O garoto saiu e eu tranquei a porta sorrindo maldoso, Yoongi estava com uma feição confusa mas logo sorriu também, pobre garotinho.

- Hyung, hyung... olha só o que aprendi com o SungJoo.

Ele faz um biquinho que o faz parecer um bolinho de arroz, está vestido de uma calça moletom, um suéter e um cachecol, sinceramente.. como matar um ser frágil ? Não estou nem ai...

Pego Yoongi fortemente pelo seu braço e o jogo contra a parede fazendo ele cair e se encolher no canto da mesma, pego na gola de seu suéter e começo a socá-lo repetidas vezes, quando paro o ser pálido a minha frente sangrava pelo nariz e pela boca, seu maxilar estava roxo, seus olhos quase se fechando, suas pequenas e gélidas mãos pousaram em minhas bochechas e o pequeno ser sorria para mim, mas por que ??? Ele deu um impulso para frente e me abraçou, acariciou meus cabelos loiros.

- Eu prometo te entender um dia, Namjoonie hyung.

O mesmo caiu em meus braços, desacordado... por que e como fui capaz de fazer isso ?? Ainda mais com Yoongi.... peguei-o no colo e o levei para cama, acariciando seu rostinho, comecei a chorar por ser tão cruel com quem não mereceu.

- Me perdoe, Yoongi.

Deixo um beijo estalado em sua testa, pego um algodão e água para retirar o sangue seco dos lugares que tinham, e assim que tirei analisei seu rosto mais uma vez e me hipnotizei em sua boca, não sei o por quê de eu não ter me segurado mas ali estava eu beijando os lábios doces e finos de Yoongi, até que o mesmo acorda e assim que percebe a situação arregala os olhos e me empurra.

- N-N-N-Nam p-por que fez i-i-isso ??

- E-eu também não sei.

Ele estava totalmente corado, mas foi só um beijo.

- Por que está assim, Yoongi?

- P-porque... eu nunca beijei antes e meu namorado nunca me beijou.

A única reação que tive foi ficar pasmo com aquilo, como alguém namora um anjinho desses e não tem vontade de corromper?

- Q-quer mais um.

Mordi meu lábio a espera de sua resposta, e ele abaixou a cabeça então tomei como um sim.

 


Notas Finais


Ehehhh sou mal e Namjoon é bipolar

FIGHTING ~♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...