História Apaixonado por Velocidade - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Carros, Escolar, Hentai, Naruhina, Naruto, Romance, Sasusaku, Velocidade
Exibições 49
Palavras 3.313
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Esporte, Festa, Hentai
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá pessoal espero que gostem, estou refazendo a minha primeira fanfic, então comentem o que vcs acharem tá. boa leitura.

Capítulo 1 - Naruto e Hinata


Fanfic / Fanfiction Apaixonado por Velocidade - Capítulo 1 - Naruto e Hinata

Naruto on

Oi, me chamo Uzumaki Namikaze Naruto, tenho 16 anos, Sou Japonês, Loiro, com olhos azuis e com pele bronzeada, É estranho você ver um japonês bronzeado mais isso tem uma explicação, com 10 anos de idade fui embora de Tóquio junto com a minha família, para morar no Rio de Janeiro , Brasil (ai já vio neh, praia, futebol, surf), para que meu pai Namikaze Minato possa instalar mas uma de suas empresas de Engenharia de Automóveis, isso mesmo velocidade é com ele mesmo, digamos que é a paixão da sua vida, (não digam isso pra Uzumaki Kushia, minha mãe ela é muito brava) e eu meio que herdei essa paixão, mas também passei toda a minha vida rodeado de  carros esportes, de todos os jeitos e modelos que vc possa imaginar. Eu estou agora dentro do jatinho particular da minha família quase chegando em Tóquio, estou voltando sozinho, durante esses seis anos eununca tínha voltado ao japão, mais pelo menos agora é definitivo, estou louco pra rever Sakura-chan e o Teme do Sasuke, eles são velhos amigos de infância que eu ainda costumo conversa pela internet.

Acabei de desembarca e já vejo o Velho tarado, ele é meu padrinho e se chama Jiraya, mais eu o chamo de velho tarado porque realmente ele é um velo tarado.

Jiraya: hahahaha, como vc está pequeno grande Baka (disse Jiraya gargalhando ao me ver)

Naruto: Não tão mal quanto vc Ero. (Disse isso o abraçando)

Fomos direto para o carro que o Jiraya veio, um Bentley Continental Branco, bem luxuoso e tals, mais não fazia muito a minha cara, o percurso foi bem rápido ele me deixou em uma casa, melhor dizendo uma mansão, com um grande gramado e um caminho até a  feito com piso em madeira lisa com uma piscina enorme, dois andares com o interior da parte de baixo toda exposta já que era quase toda de vidro, mas o que mais me chamou atenção foi a garagem, ela era grande e meu pai pediu para o Velho tarado deixar 5 modelos de carros, que eu ainda não sabia quais eram por que estavam cobertos, fiquei olhando tudo em volta até que meu padrinho falou.

Jiraya : Bem eu estou indo pra casa, se divirta e traga muita mulher pra essa casa ( ele disse isso com um sorriso sacana)

Naruto: Mais espera ai, vc não vai mora comigo?

Jiraya: Claro que não, seu eu fosse morar com vc, como eu iria trazer mulher pra minha casa? (ele disse disse isso entrando no Bentley e saindo )

Entrei e fui direto pra cozinha estava morrendo de fome (que novidade), preparei a comida mais deliciosa de todo o planeta, um Ramen comi e repeti umas duas vezes e fui ver meu quarto. Ele era bem espaçoso, tinha uma cama gigante, um closet e um banheiro.

Naruto: Dava para mora uma família nesse quarto (falo isso pra mim mesmo)

E sigo para tomar um banho quente, já que estava fazendo um pouco de frio, saio me seco com uma toalha, e a jogo em cadeira perto de uma escrivaninha, visto uma calça de moletom cinza e uma camiseta branca e vou dormir já que amanhã bem cedo eu tenho aula, não que eu me importe muito com aula, mas é que vai ser o primeiro dia, e eu quero ver aqueles dois Bakas, e quem sabe encontro umas gostosas por aí.

7:00 horas me acordo com aquele barulho FDP do despertador, não gosto de acorda cedo, mas ta valendo dessa vez, me levanto vou ao banheiro e faço minha higiene matinal, visto uma calça jeans preta rasgada na altura do joelho, uma camisa branca com detalhes laranja no ombro e uma caveira de moicano tbm laranja, calço um tênis adidas com as três listras azuis e ponho uma jaqueta preta com o nome ALFA, a minha equipe de competição de corrida no Brasil, desço as escadas e vou para cozinha onde tem um café da manhã já preparado por alguma empregada da casa, como alguns sanduiches com suco de laranja e saio direto para garagem, tiro o pano que encobria o primeiro carro da fila e dou de cara com uma Lamborghini Veneno preta, sorrio um pouco, não de surpresa muito menos de admiração, por que sempre convivi com carros desse nível, mas é que esse é o mesmo modelo de carro que ganhei a minha primeira corrida pelos ALFAS, pego a chave que está em um armário na garagem e saio com ele. Procuro no GPS o endereço da konoha High School, a melhor escola do Japão e uma das mais conceituadas do mundo, quando chego ao endereço, me surpreendo (E olha que isso é meio difícil) ela é enorme com grandes portões na entrada e alguns seguranças na entrada, que veem falar comigo

Segurança 1: O senhor poderia se identificar?

Naruto: Claro, me chamo Uzumaki Namikaze Nar...

Ele nem me deixa completar e já me dá passagem, todos no Japão conhecem minha família e provavelmente já sabiam da minha vinda.

Segurança: siga em frente senhor e tenha um Bom dia.

Assim que passo pelos portões vejo muitos alunos e principalmente alunas no pátio gigante do colégio, Normalmente todos olham em direção da minha Lamborghini, eu vendo isso faço barulho acelerando umas três vezes e estaciono o carro, e todos continuam olhando na direção que eu estava, saio do carro percebo que todos continuam olhando pra mim e que sou o único que não estou de uniforme, até porque é meu primeiro dia, coloco meu Ray ban wayfarer e sigo caminhado, percebo uma Loira de Olhos meio roxo, lilás sei lá um olho meio estrando, mais muito gostosa me secando descaradamente do um sorriso de lado e prossigo, venho caminhando em direção a um corredor até que sinto uma mão no meu ombro e depois ouço alguém dizendo: Não é que o perdedor está de volta. Olho para trás e vejo o Teme do Sasuke.

Naruto: Não me digam que nessa escola aceitam veadinhos emos, (Sorrio sarcasticamente)

Sasuke: pois é e ainda por cima, putinhas loiras de farmácia (ele fala de um jeito meio serio)

Naruto: Como vai irmão tudo bem? (falo isso pegando na mão dele e dando uma abraço curto)

Sasuke: tudo baka, e a tia Kushina veio?

Naruto: por que vc se interessa tanto pela minha mãe?

Sasuke: fazer o que sou apaixonado por ela (ele diz rindo)

Naruto: Ta bom. Não nem ela nem meu PAI vieram, to sozinho, estava cansado de pega brasileira, não que eu não goste daquelas bundas maravilhosas, só  querendo mudar de aries sabe.

Sasuke: entendo, mas aí, tem festinha hoje numa boate que eu conheço, uma rapaziada vai tá lá vc vai neh?

Naruto: desde que lá tenha além dessa rapaziada, Vodca e alguns belos pares de peitos eu to dentro.

Sasuke: Você é igual ao seu padrinho sabia.

Naruto: Sabia (digo isso rindo enquanto digo no corredor, indo para a diretoria)

Me despeço do sasuke e entro na sala da diretora sem bate, e presencio uma cena, um tanto quanto constrangedora. Meu padrinho caindo de boca em um enorme par de peitos, que provavelmente seria os da diretora. Faço um barulho imitando uma tosse e os dois olham para mim, se soltam e o velho tarado vem falar comigo enquanto a loira dos peitões arruma a blusa.

Jiraya: O que vc está fazendo seu grande Baka? (Ele pergunta nervoso)

Naruto: Eu vim estudar lembra? (Eu falo com tedio)

Jiraya: por que não foi para a sala? (Fala ainda mais nervoso)

Naruto: por que não sabia onde era e tinha que vir na diretoria, (falo isso dando um leve tapa na sua cabeça)

Já chega! (Fala A loira que meu padrinho tava pegando)

Tsunade: Me chamo Tsunade Senju e sou a diretora desse colégio, vc deve se chama Uzumaki Naruto certo?

Naruto: Certo

Tsunade: vc vai ficar na sala 7, primeiro ano do ensino médio, depois das aulas passe aqui de novo para pegar seu uniforme, já que apenas nas sextas é permitido vir sem ele, agora pode se retirar e ir para a aula. (Ela fala com uma voz autoritária que faz arrepiar de medo)

Naruto : O... ok... certo... estou indo (falo com medo na voz)

Jiraya: hahahaahahaa, é um Baka mesmo (Fala rindo)

Tsunade: Naruto, da próxima vez, bata na porta, entendido?

Naruto: entendido (falo saindo daquela sala os deixando a sós de novo)

Pego meu celular e vejo as horas, já que provavelmente estaria atrasado, fico mexendo nele em quanto me desloco, até que sinto algo batendo de frente para mim, me fazendo cair, e ficando em cima de mim, e uma voz doce dizendo meio tremula

Des... Desculpa. 

Hinata on

Oi Eu sou Hyuuga Hinata, tenho 16 anos, sou Japonesa, tenho o cabelo azulado naturalmente, uma pele branca até demais, e olhos perolados, não fiquem com medo de mim por favor não é que eu seja algo anormal, mais sim genético, todos da minha família nasceram com os olhos assim, moro em Tóquio desde de criança, sou filha de um empresário do ramo aeronáutico, (isso mesmo ele fabrica aviões, jatos, helicópteros e etc..) Hyuuga Hiashi, minha mãe morreu no nascimento de minha irmã mais nova Hanabi, ela tem 12 anos e uma personalidade bem diferente da minha, enquanto eu sou extremamente tímida e reservada, minha irmã podemos dizer que ela é um pouco extravagante. Estou muito nervosa esses dias já que vou troca de escola, bem pelo menos eu vou ter Sakura e Ino perto de mim, elas são ótimas amigas, mesmo eu sendo toda travada, elas nunca se preocuparam com isso e nunca me deixaram na mão, nem quando eu fui dispensada por aquele idiota do Kiba, nos namoramos por três messes mais ele acabou terminando comigo por que fica forçando a barra, sempre querendo sexo e eu ainda não estou pronta isso, toda vez que ele via com esse tipo de conversa eu corava tanto que mais parecia um pimentão e muitas das vezes desmaiava de vergonha. Estou eu dormindo tranquilamente quando de repente quase moro de um ataque do coração, senti algo pulando em cima do meu corpo me fazendo acorda de uma maneira que eu pulei da cama, quando olhei uma peste de cabelo castanho bolando de rir, por ter me acordado.

Hanabi: onee-chan vc deveria ver sua cara (disse ela com a mão na barriga de tanto rir)

Hinata: não faça mais isso Hanabi (falei corada)

Hanabi: pare de ser chata onee-chan, hoje temos que acordar rápido para arrasarmos na nossa nova escola

Hinata: eu tinha esquecido que vc iria estudar na mesma escola que eu. (Falei com a cara de tedio)

Hanabi: vamos! Vamos! Temos que nos aprontar vai que vc conhece um gatinho lá rsrsr (ela fala com uma cara de safada)

Hinata: não acredito que vc é minha irmã mais nova sabia (falei com uma cara de espanto)

Hanabi: Sabia, mais vamos cuidar que também quero conhecer um gatinho (falou ela piscando um dos olhos)

Hinta: tudo bem então Hanabi, mais sai do meu quart que eu quero tomar banho e me trocar.

Hanabi: o que que tem, nós somos meninas, vc pode ficar pelada na minha frente que eu nem ligo,

Hinata: mais eu ligo (falo isso com o rosto completamente corado)

Hanabi: nem vem com essa, que dizer que ninguém nunca te viu assim?

Hinata: claro que não (mais corada ainda)

Hanabi: então quer dizer que vc é virg...

Eu não deixo ela completa o que ia dizer e a empurro pra fora do quarto, vou até o banheiro, tomo um banho quente, já que está fazendo frio, faço a minha higiene matinal, e vou em busca de uma roupa pra vestir, decido usar uma calça jeans preto não muito colada e blusa com um pequeno decote arredondado da VANS, uma sapatilha com lacinho e uma jaqueta longa que vai até depois da minha cintura. Desço e vejo que Hanabi também já está pronta, parece que essa menina nunca senti frio, ela está vestida com uma calça cintura alta azul que vai até perto do umbigo e uma mini, mini, mini blusa que só vai até debaixo do seus seios, com manga curta preta é um tênis NIKE rosa

Hinata: já tomou seu café?

Hanabi: sim, so estava esperando vc

Hinata: então tudo bem, vou só pega uma maça e a gente vai, a proposito o papai está?

Hanabi: não ela ainda não voltou de viajem

Hinata: iss explica essa sua roupa

Nessa hora nos duas rimos porque sabemos como nosso pai é ciumento com agente, principalmente com Hanabi, que é a mais nova.

Hanabi: Onee-chan nós vamos para a escola com o carro do papai?

Hinata: Não Hanabi, eu não gosto daquele carro

Hanabi: mais nos temos que chegar causando (ela fala isso pondo a mão na cintura)

Hinata: Qual o problema com a minha Ranger Rover Evoque?

Hanabi: nada, ela é legalzinha mais lá muitas pessoas podem ter, vamos no do papai, vamos no do papai, vamos no do papai!!!! ( a última parte ela ficou falando como se protestasse)

Hinata: tudo bem Hanabi, só dessa vez.

Hanabi: Eu te amo Onee-chan, tenho certeza que o nosso carro vai ser o mais top de toda escola (diz isso me dando um beijo)

Acabo de comer minha maça e pega a chave do carro do papai e vou para garagem, chego lá destravo o Astom Martin One-77 prata e vamos. Chegamos um pouco atrasadas, já que o transito estava digamos que lento (eu dirijo bem devagar hihi) na entrada do colégio falamos com ums seguranças e ele nos da passagem, chegamos 20 minutos atrasadas e ainda temos que ir na diretoria, Hanabi diz que vai no banheiro enquanto eu pego informação das nossas salas de aula, saio correndo de cabeça baixa por alguns corredores que por acaso estão totalmente vazio e em silêncio assim que dobro no corredor que dá direto na sala da direção sinto um impacto como se estivesse dando de cara com uma parede, fazendo eu cair no chão, e em cima de alguém, quando levanto a cabeça, vejo uma cabeleira loira e um par de olhos tão azul como o mar, era um garoto lindo, talvez o mais lindo que já vi em toda minha vida, no mesmo instante meu rosto cora e eu falo:

Hinata: De... Des... Desculpa

Naruto on

Desculpa, foi a única coisa que ouvi antes de olhar de lado e ver celular todo destruído. A garota se levanta e em seguida faço o mesmo, ela se mantem de cabeça baixa, eu achando isso um pouco estranho olho por a extensão de seu corpo, e sejamos francos; QUE CORPO, ela usava umas roupas meio frouxas e tals, mas mesmo assim estava na cara que ela era gostosa pra caralho , uns peitões enormes, coxas grossas, uma bunda quase tão boa quanto as das brasileiras que eu pegava no Rio de Janeiro, uma pele tão branquinha que chegava a quase ser transparente, um cabelo em um tom azulado que contrastava muito bem  com a sua pele, em resumo; eu queria muito foder com ela.

Naruto: Caralho velho meu IPhone já era.

 Quando falei isso ela finalmente levantou o rosto e parecia que estava a ponto de explodir de tão vermelha que estava, e de novo meio travada me pediu desculpas, mas quase não ouvi direito, por que tinha um par de olhos perolados me fazendo ficar bobo (um pouco mais que o normal) na verdade nunca tinha me sentido desse jeito perto de uma mulher, perto de um Dodge Charger 1970 talvez, mais de uma garota não, nunca na minha vida, o engraçado que agora era eu a gaguejar.

Naruto: Ah... tu... Tudo bem... é... só... Um Celu... Celular. (Não que eu me preocupasse com preço, mais era um IPhone 6s Plus 168 gigas comprado no Brasil, ou seja ele foi caro pra caralho)

Hinata: Me... me... desc... Desculpa eu não queria fazer isso, é ... que eu to meio atra... atrasada.

Naruto: Tudodo bem, linda assim vc pode tromba comigo quando vc quiser (falo colocando uma da mãos na nuca e sorrindo)

Ela ficou mais vermelha que antes, e não sei por que achei isso tão bonitinho, mais tão bonitinho que me dava tesão

Naruto: Bem, muito prazer em lhe conhecer atrasadinha, eu me chamo Uzumaki Naruto. ( falo isso com um grande sorriso no rosto)

Hinata: Mui... muito Prazer, Naruto-kun, eu... eu me chamo Hyuuga Hinata (Ela falou meio Tímida)

Naruto: Bem, a gente se ver por ai, espero que da próxima vez nem eu nem vc estejamos atrasados, e nem caídos pelo corredor (falo isso rindo e indo em frente mas olhando pra aquela garota)

Eu só ouço um leve sussurro.

Hinata: a... até mais...a...a...atrasadinho

Ouvindo isso dou um sorriso de canto é prossigo para a sala 7, onde seria a minha primeira aula.

Hinata On

Não sei por que tudo isso aconteceu, não sei porque  eu o chamei de Naruto-kun, não sei por que eu o chamei de Naruto-kun, não sei porque chamei de atrasadinho, eu até entendo a minha timidez, por que ela se aplica a todo mundo, mas as pernas bambas, a boca seca, isso não, mas aqueles olhos azuis, são tão tão tão lindos,  o sorriso dele é hipnotizante, ele é alto, musculoso, e aquela voz roca faz arrepiar qualquer um, sem falar do cabelo que é loiro tão loiro, que chega a ser dourado, balanço a cabeça em sentido negativo para espanta aqueles pensamentos, e vou direto para a sala  da diretoria, bati na porta e espero autorização para entrar depois de uns 2 minutos eu tenho permissão para entrar, e vejo uma mulher loira e um homem alto de cabelo comprido e grisalho, me apresento e peço informação sobre as salas de aula onde eu e Hanabi iremos ficar, a diretora Tsunade informa que minha irmã ira ficar na sala 19, enquanto eu irei para a sala 7, aceno com a cabeça e saio dali, encontro Hanabi que ainda me espera em frente ao banheiro, a mesma parecia estar meio de boca aberta.

Hanabi: Onee-chan vc devia ter visto o loiro gostoso que eu acabei de ver (ela fala isso com uma cara de asafada)

É sério que essa menina só tem 12 anos? Mas espera aí?

Hinata: Não fale assim Hanabi, vc é muito nova para usar esse tipo de linguagem.

Hanabi: Tudo bem, tudo bem, mais que ele era gostoso isso ele era (ela fala isso rindo)

Eufico vermelha quando ela diz isso, como uma menina dessa idade já pensa tanto nisso, mas sera que o loiro é o atrasad... o Naruto-kun? Saio dos meus pensamentos quando Hanabi chama a minha atenção

Hanabi: Onee-chan, onde eu vou estudar (estudar essa peste? Tá bom!)

Hinata: sala 19 Hanabi

Hanabi: e vc?

Hinata: sala 7

Hanabi: se vc vir algum loiro gostoso, vc me avisa tá bom onee-chan!

Se ela soubesse que eu já esbarrei em um, cai por cima dele, fiquei em cima dele, e até quebrei o celular dele. Eu fico corada lembrando da cena e falo.

Hinata: Hanabi pare com isso, e tenha cuidado, não se perca, não fale com estranhos, e se compor...

Ela me interrompe me dando um abraço bem forte.

Hanabi: não se preocupe onee-chan, eu sei me virar sozinha

Ela diz isso e sai saltitando pelos corredores, eu fico olhando mais um pouco e vou em direção a sala de aula, até tinha esquecido que estou atrasada, agora quase uma hora atrasada, saio correndo, chego na minha sala e nem lembro de bater, vou entrando direto e quase morro do coração, eu me esbarro direto em alguém, parecia que tinha dado de cara de novo com uma parede, uma parede loira, bronzeada e de olhos azuis, eu e minha mania de tropeçar em paredes.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...