História Apenas amigos? - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Daniel Sharman, Dylan O'Brien, Katerina Graham
Personagens Daniel Sharman, Dylan O'Brien, Katerina Graham, Personagens Originais
Tags Daniel Sharman, Dylan O'brien, Sexo
Visualizações 6
Palavras 714
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - A "FF"



Eu não ia fazer a "FF", até porque os únicos que sabem e a Letícia, Luís e Isaac, no máximo ia rolar uma seção de filme, acho que o único que não vai reclamar da "FF" e o Luís... Eu beijei o Luís, isso deveria ser estranho, tipo como se eu tivesse beijando um irmão, mas não foi assim que aconteceu... Balanço a cabeça para afastar esses pensamentos, e vou na padaria comprar algumas coisas para hoje a noite, pego pipoca,refrigerante, barras de chocolate, e pago no caixa, e volto pra casa, tomo um banho e visto o meu pijama que é um short azul claro e uma blusa da mesma cor com bolinhas brancas, faço um coque e vou pra sala escolher alguns filmes, pego algumas cobertas e traviseiro e coloco sobre o sofá, pego no meu celular e tem algumas mensagens da Letícia falando que não vai mas ir na "FF" porque na casa do Pedro vai ter uma festa e ela foi convidada, menos uma, agora vai ser só eu, Luis e Isaac, não demora muito e escuto o Isaac chamar aqui em casa vou até a porta para ele entrar, ele está com uma calça de moletom preta e uma blusa fina de manga comprida azul escuro e com chinelos, olho pra ele, por mas que esteja bonito ele não vai assim em festas.

- Antes que você pergunte, eu já sabia que não faria festa, você e muito "certinha" pra isso, e outra sua casa e do lado da minha e eu não escutei músicas alta.- fala sorrindo

- Eu não sou "certinha", talvez eu esteja planejando uma festa mas de noite e você foi o primeiro a chegar.- fala 

-Nesse caso eu estou com roupas apropriadas comparando com a sua.- ele me olha de cima a baixo.

Dou espaço para ele passar e entramos dentro da minha casa ele se joga no sofa.

- Ok não vai rolar a "FF", mas vai ter noite de filmes.- Falo como se fosse a coisa mas legal que existe e ele taca um traviseiro no meu rosto.

- Eu vou descontar, mas antes que tal fazer pipoca?.- falo sentando no sofa também.

-Só se você me ajudar.- fala vindo pro meu lado.

-Deixa eu pensar.- Falo olhando pra cima.- Acho que não.

Ele fica em cima de mim prendendo o meu corpo com o seu, e segura minhas mãos com as suas.

-Acho que você não está em um momento de escolher.- fala sorrindo

- Eu ainda não vou ajudar.- falo sorrindo.

- Então você que pediu.-  encaro ele, o que ele está pensando em faz... Paro de pensar quando ele morde minha orelha e começa a rir perto dela, não sei vocês mas quando alguém fala ou rir perto da minha orelha faz cócegas,começo a rir, pedindo pra ele parar, mas ele continua, ele começa a morde de leve meu pescoço, eu começo a parar de rir a os poucos, ele levanta o rosto e me encarando, ele tinha um sorriso no rosto.

-Vai fazer pipoca?.- pergunta.

- Não.- ele olha pra mim e depois seus olhos vao até a minha boca, então ele encosta seus lábios nos meus, no começo foi um beijo calmo mas quando ele soltou minhas mãos e colocou uma mão por baixo da minha blusa, eu coloquei as minhas na sua nuca puxando ele mas pra mim, ele afastou um nossos lábios para respirar, coisa que eu estava tendo dificuldade, Ele volta a me beija e minhas maos ja estao passeando pelas suas costas, sinto suas mãos quentes apertarem meu peito, arranho as suas costas com minhas unhas, ele estava quase tirando minha blusa quando escutamos o Luís me chamar, Isaac para o que estava fazendo e sai de cima de mim, levanto do sofá e arrumo minha blusa abro a porta e o Luís entra, ele olha pra mim e para meu cabelo que não estava muito bonito, depois olha pro Isaac que estava com os cabelos um pouco bagunçados e sua blusa um pouco amassada.

-O que vocês estava fazendo?.- Luís pergunta olhando de mim para o Isaac, antes de meu celebro inventar alguma desculpa retardada, vejo um traviseiro acerta a cabeça do Luís.

- Guerra de traviseiro, se tivesse chegado antes teria participado, a propósito a Davina estava indo fazer pipoca agora pra começarmos a ver filmes.- 


Notas Finais


Eu demorei mas tá aí.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...