História Apenas meu hibrido (Jackson Got7) - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~KYMSeoul

Postado
Categorias EXO, Got7
Personagens Jackson, Kai, Mark, Personagens Originais, Sehun
Tags Exo, Got7, Jackson, Sekai
Visualizações 88
Palavras 379
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oii gente ,espero que gostem❤

Capítulo 3 - Three


Fanfic / Fanfiction Apenas meu hibrido (Jackson Got7) - Capítulo 3 - Three

   Nossa como o Mark  é filho da puta, vou até  meu porquinho da índia e faço carinho nele.

      Eu estou apaixonada pelo Jackson,  puta que pariu, é viciante mexer em seu pelo lisinho.

         Fico  naquele apartamento a tarde toda até Sehun e Jongin, voltarem do baile funk.

—Vocês  estavam aonde?- eu me levanto ainda alisando Jackson

—Nós fomos pra uma igreja- diz Sehun

—Fomos para um sexshop- diz Jongin

         Falaram os dois juntos.

—Cala a boca Jongin, nós  fomos pra igreja  rezar- diz Sehun nervoso

—Mas tava escrito sexshop- Jongin fala inocentemente

—Cala boca Jongin- Sehun disse dando um tapa na cabeça de Jongin

—Que sacolas são essas?-Falei pegando as sacolas e as abrindo

--Mais que porra é essa?- Vejo um vibrador,  e umas roupas rosas junto com lubrificante

—Vou excluir essa imagem da minha mente- Digo largando a sacola

        Sehun puxa Jongin pro quarto.

—Bando  de safados.

 

         Saio da minha casa pra pensar na vida, e vejo Mark sentado no banco da praça.

—Você tá fazendo o que/

—Ai caralho- Ele deu um gritinho meio fino

—Quer dizer, Oi- Falou Mark com uma voz grossa, para disfarsar

—Tu só paga de hetero mesmo

—Você  viu o beijo?- Ele pergunta receoso

—Vi, idai?- perguntei tentando demonstrar insignificância

—Você não se importa?

—Sei lá , tanto faz- Eu iria  sair dali, até  Mark segurar meu pulso.

—Júlia, eu te amo

—Ata

—Legal

—Interesasante

—Você  que namorar comigo?- ele pergunta se aproximando

—Pode ser, cola na grade gatinho.

       Ele tira uma aliança da puta que pariu e põe  no meu dedo.

      Ele inicia um beijo de língua, e coloca suas mãos  em minha cintura.

     

—Posso te chamar de amor?

—Não, mas pode me chamar de biscoita, ai você  vem me comer

—Só se for agora novinha goxtosa

         Logo depois nós  começamos a rir sem algum sentido.

        Nós fomos pra uma sorveteria, e compramos coxinha.

       (Era daquelas que vende sorvete e também  alguns salgados)

      Depois de muita  melação, finalmente  voltamos pra casa.

 

      Eu e Mark entramos em meu apartamento.

— Tem um alfa nessa casa?

—Só  o Sehun.

—Não, eu estou sentindo outro alfa.

—Não tem nenhum outro alfa aqui.

     Eu e Mark  fomos até  a cozinha e encontramos um homão da porra totalmente nu, tentando fazer  comida.

       Logo que ele se vira, Mark  coloca a mão  em meus olhos, me fazendo não  olha pra quele corpão.

  

    Novamente, aprenda a ser Filho da puta com Mark estraga prazer Tuan.


Notas Finais


Obg por lerem até aqui, até o proximo capitulo😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...