História Apenas um gato de rua. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Naruto Uzumaki, Personagens Originais, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Gato, Kawaii, Naruto, Neko, Sasunaru
Exibições 355
Palavras 364
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


uhuu...espero que gostem.

Capítulo 1 - Chuva


Fanfic / Fanfiction Apenas um gato de rua. - Capítulo 1 - Chuva


acordei com as gotas geladas da chuva caindo levemente em meu rosto seguido de uma brisa fria... Respirei fundo me levantei do banco da praça em que eu estava deitado. Comecei a andar em passos lentos, observando tudo e todos a minha volta. Casais passeando apaixonados com seus guarda-chuvas abertos, cafés, lojas e outros comércios já se preparando para fechar, mães desesperadas com as roupas no varal... Em fim. Eu estava procurando abrigo, mas por onde eu passava as pessoas me olhavam com certa ‘’cara de poucos amigos’’ e fechavam as janelas ou persianas de suas casas. Parecia que elas tinham medo de mim, ou pior, nojo. Eu já não aguentava mais... Era dia após dia sem amigos, sem família, sem ninguém além de mim e a solidão. A chuva ia aumentando, assim como meus passos que quando tocados nas poças calçada faziam eu me molhar ainda mais. Todo lugar que eu pedia abrigo era a mesma coisa ‘’sai daqui garoto imundo’ ’ou ‘’saia daqui ou chamarei a policia’’. Oque passa na cabeça dessas pessoas? ‘’ele vai me roubar’’, ‘’não posso confiar em estranhos’’. Acho que elas pensam que sou como um gato de rua... Sujo, abandonado, por que ninguém quer ter que aguentar algo inútil igual a mim. Sento-me no chão com o roto entre os joelhos sentindo minhas lágrimas se misturarem com as gotas grossas de chuva.

sou só eu
eu e mais ninguém
a solidão não conta como um alguém
penso em fugir, penso em escapar
mais a única coisa que sei é que não dá
não dá pra fugir do que você é e sempre será
não dá pra escapar daquilo que sempre lhe atormentará
não dá.
 

E é com esse lindo poema que eu fecho meus olhos, na esperança de que tudo isso seja um pesadelo e que eu acorde. Mas não... Tudo isso é real... A chuva é real, as pessoas são reais... Meu sofrimento é real.

-hey, garoto. -sinto algo tocar em meu ombro. Quando me viro vejo um garoto de cabelos pretos e olhos ônix me encarando com um guarda chuva em mãos. Seria ele a minha salvação? Ou quem sabe só mais uma triste ilusão....


Notas Finais


deu pra entender tudo certinho? ok?
então....só digo uma coisa....são 00:04 e eu aqui escrevendo.agora tchau que eu vou capotar aqui e fui.......


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...