História Apenas um jogo... Ou não ~~ Call of Duty - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Call Of Duty
Personagens Personagens Originais
Exibições 5
Palavras 350
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Magia, Mistério, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpa pela demora😅✌ mas tô sem criatividade, e tbm pq ngm tá lendo isso mesmo 😒✌🌝

Capítulo 2 - Em um dia chato, as coisas mudam ~~ Call of Duty


Fanfic / Fanfiction Apenas um jogo... Ou não ~~ Call of Duty - Capítulo 2 - Em um dia chato, as coisas mudam ~~ Call of Duty

 John

        Estava no campinho de futebol sentado na grama observando o jogo, quando minha amiga se senta ao meu lado

Camilla : oi John!

John a olha e sorri : oii!

Camilla : você não deveria tá ali jogando?

John : tô cansado... -digo respirando fundo- só vou jogar de tarde

Camilla : ah... -ela olha o relógio- mas já está de tarde... É quase uma hora

Arregalo os olhos

John : então vou indo... Minha mãe vai me matar -digo rindo e dou um beijo em sua bochecha como sempre faço quando me despeço dela e me levanto

A olho e sorrio, olho para frente e dou alguns passos, logo começo a correr indo pra casa

(...)

Depois de almoçar e levar uma bronca de minha mãe, volto ao computador e coloco no call of duty

John : esse jogo realmente é bom

Falo a mim mesmo com um sorriso e entro em uma partida onde estão falando português, vou jogando, matando e morrendo, sem comentar nada no chat e sem ler nada também, a partida chega no fim e o jogo da alguns minutos para a próxima partida, logo vou para o chat

John(Chat) : oi glr

MaximusKalero(chat) : oi

Klebinho(chat) : oi

Olho a tela e reconheço Maximus

John(chat) : como vão? E... Maximus... Voce aqui??

Termino de digitar e o chat se fecha estranhamente

John : beleza né... -reclamo a mim mesmo

A partida começa e eu vou jogando normalmente, matando e morrendo, até que o chat aparece mas Maximus não respondeu, outras pessoas conversaram mas Maximus não, sinto algo estranho, que alguém me observa, odeio sentir isso. Continuo jogando sem me preocupar com a sensação, mas essa sensação piora e parece que alguém está muito perto, tiro meus olhos da tela e olho ao redor, meu quarto só avia eu, a janela tinha cortinas, nas câmeras ninguém por perto, so eu e minha mãe dentro de casa, ela estava na cozinha lavando a Louça como dava para ouvir o barulho. Comecei a ficar com um certo medo ao sentir que algo estava ainda mais perto, desligo o computador e saio de casa depois de dar tchau a minha mãe e volto ao campo de futebol.


Notas Finais


Bom... Foi um capítulo bem curto pois so queria começar as coisas estranhas com ele e pq estou sem imaginação de fazer algo... Obrigado e tchau


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...