História Apenas uma garota que odeia rosa - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Dakota, Debrah, Dimitry, Iris, Kentin, Kim, Leigh, Lysandre, Melody, Nathaniel, Personagens Originais, Rosalya, Viktor Chavalier, Violette
Tags Arminxdocete, Castielxdocete, Dakexdocete, Kentinxdocete, Lysandrexdocete, Nathanielxdocete
Exibições 129
Palavras 1.247
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Visual Novel
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiie minhas ZuZubas!!!❤
Mais um capítulo!!!!
Demorou... Mais saiu!!!
Espero que gostem...
E obrigada irmã... Pela ajuda❤❤

Capítulo 36 - Arthur... Meu pateta<3


Fanfic / Fanfiction Apenas uma garota que odeia rosa - Capítulo 36 - Arthur... Meu pateta<3

- Bom... Vc sabe desenhar? - Nath pergunta entrando na sala.
- Sei... Oque eu tenho que desenhar? - Entrei junto com ele.
- Algo relacionado a isso...- Ele fala me entregando um folha com a logo de uma banda.
- Ok... Eu só preciso de algumas coisas que estão no meu armário...
- Ok... espero vc aqui! - Ele fala sorrindo para mim.
- Tá... Eu já volto...- Sai da sala e olhei em volta e vi algumas pessoas que tinham ali, inclusive uns boy bem bonitos...
- MEY!!! - Alguém grita.-ARTHUR TONTA!!! - Grita novamente de longe e eu olho imediatamente.
- Arthur...? ARTHUR!!! - Vou na direção dele o abraçando.
- Lerda como sempre...- Ele fala retribuindo o abraço.
- Saudades idiota...- Falo sorrindo para ele, ainda abraçada.
- Saudades de vc também minha pequena...- Ele sorriu apertando o abraço.
- Tá diferente...- Olho ele por um momento.- Tá mais bonito...- Dou uma risada já esperando sua resposta convencida.
- Eu sempre fui bonito...- Ele fala fazendo pose... Sabia...
- Continua o mesmo convencido...- Arquio a sobrancelha.
- Então... Tenho várias coisas para te contar! - Ele fala mudando de assunto.
- Oba... Conta que eu quero ouvir!!! - Falo animada.
- To namorando.. Minha mãe tá grávida.. Vou morar aqui... - Ele para um pouco para pensar.- Eee.. acho que só...- Ele fala depois de um longo tempo pensando.
- Você tá NAMORANDO? Que orgulho... Desencalhou!!!
- É... Mas eu to pensando em terminar com ela sabe...- Ele fala fitando o chão.
- Porque? - Falo meio preocupada.
- Ela já me traiu e não está sendo mas a mesma coisa entre eu e ela...- Ele fala ainda fitando o chão.
- Nossa Maninho... Dá um abraço... Eu sei como é isso...- Abraço ele.
- Obrigado...- Ele fala retribuindo o abraço.
- Mey vc não vai pegar as... É... desculpa atrapalhar...- Nath fala meio sem graça.
- Nossa Nath... Desculpa mesmo... E-Eu esqueci...- Porque eu fico gaguejando?
- Não tem problema eu entendo, vou pedir para a Violette fazer o cartaz...- Ele fala dando um sorriso fraco.
- Não... Eu disse que ia fazer! Fica aqui que eu vou pegar as coisas!!! Vai ser rápido...- Nem dei chance dele responder e fui até meu armário pegar as coisas.- Pronto... Tá aqui...- Voltei com minha maleta.
- Pode continuar conversando com ele, tenho que ver umas coisas...- Ele fala meio que incomodado... Eu não busquei essas coisas pra nada!!!
- Sinceramente... Isso é meio criança...- Falo o olhando e ele dá de ombros. Isso é ciúmes do Arthur???
- Se quiser ir começando então...- Ele fala me olhando.
- Como quiser...- Entro na sala e coloco as coisas sobre a mesa.- Como eu começo?
- Começa pela logo...- Arthur fala entrando na sala.
- QUE SUSTO ASSOMBRAÇÃO!!! - Dou um pulo pro lado.- Oque tá fazendo aqui?
- Nossa vc não quer minha compania? Tchau tbm...- Ele fala se virando.
- Eu não disse isso...- Puxo a blusa dele.
- Tenho nada pra fazer na escola ai eu vim ver oque vc tá fazendo...- Ele fala se sentando em uma cadeira.
- Ok... Vai ter que usar suas habilidades de desenhista que você não tem Cof* Cof* e me ajudar...
- Posso usar minha habilidade de pintura que vc não tem Cof* Cof*
- Chato... Me ajuda aqui...- Começo a desenhar o logo.
- Quando terminar de desenhar me fala! - Diz ele pegando o celular.
- Pode me ajudar Arthur!!! Você veio aqui agora vai me obedecer... To parecendo minha mãe...
- Peraa aee... - Ele fala olha para a tela do celular.
- Perai... É? - Pego o celular da mão dele. - E agora?
- OUU vc fez eu perde o joguin...- Ele fala fazendo cara triste.
- Aii que dó... Parece até o Armin... Agora vem logo antes que eu decida olhar seu whatsapp!!!
- Vai Luciana 2...(mãe da Mey e do Lucas)
- Besta...- Olho a tela do celular dele e vêjo que o papel de parede é uma foto nossa.- Eu quero essa foto Arthur!!!!
- Devolve meu celular que eu te passo...- Ele estende a mão.
- Você não vai me ajudar...- Falo ainda segurando seu celular.
- Vou sim... To esperando vc terminar de desenhar!
- Eu já terminei... Olha aí...- Dei a Folha pra ele.
- Hmm.. - Ele fala e pega folha começando a pintar.
- Olha só... Arthur não é uma tábua...- Sim eu olhei a bunda dele.
- Serioo Mey? - Ele me olha dando risada.
- Eu não aguento... Foi mal...- Começo a rir da cara que ele fez.
- Tenha a santa paciência! - Ele fala balançando a cabeça negativamente.
- Hahaha... Já terminou nervosinho? - Me aproximo dele.
- To quase...- Ele fala finalisando sua "pintura".- PRONTOO!!! - Ele grita olhando com orgulho o desenho finalizado.
- Deixa eu ver...- Pego o desenho dele com um certo cuidado.- Não está mal... Só que você poderia ter feito de um jeito muito melhor...
- De que jeito? - Ele pergunta me olhando.
- Assim...- Pego um pouco de tinta azul e passo no rosto dele.- Perfeito!!!
- Sua idiotaa...- Ele fala passando tinta em meu nariz.
- Aiii... Arthur...- Passo a mão no meu nariz que estava vermelho...- Bora fazer Roxo!!!
- NÃOOO!!! Saii de pertoo...- Ele fala indo para trás.- Pera Mey!!! - Ele fala desesperado e o negócio inverte.
- Vem cá Arthur...- Pego um pote de tinta e vou me aproximando devagar dele.
- Parece que o jogo virou, não é mesmo? - Ele fala com um pote de tinta na mão e me prende contra a parede.
- SE VC ME SUJAR!!! - Eu ameaço e sou interrompida com um beijo dele... QUE SAUDADES!!!! Lembro até hoje do meu primeiro beijo... Que foi com ele... Assim ele me puxou para perto e eu senti um frio na barriga incomparável que parecia tinta... Eu ainda mato ele...
Eu pedi passagem com a língua pq eu estava gostando admito... Então eu explorei profundamente o interior de seus lábios, minhas mão já estavam em sua nuca, eu já não estava conseguindo respirar e assim separei nossos lábios.
- II... Vc ficou sem seu batom pera ae...- Ele falou e passou tinta vermelha em meus lábios.
- Arthur seu filho da mãe!!! - Passo a mão nos meus lábios.- EU TE MATO IDIOTA!!! - Vou pra cima dele e caio, porque eu não sei oque tem nas minhas pernas que me derruba em cima de todo mundo...(¬~¬)
- Assim vc vai me matar mesmo...- Ele fala com um sorriso malicioso.
- Idiota...- Falo o olhando com certa reprovação e tentando me levantar.(Autora:tudo mentira)
- Vc fica bonita de batom vermelho sabia? - Ele fala sorrindo.
- Eu fico linda de vários jeitos... Por isso os boy me quer...- Falo fazendo charme.
- Aii como vc é metida e convencida...- Ele fala dando risada.
- Você não é neh? - Dou risada dele.
- Terminaram? - Olho para o lado e vêjo Nath nos olhando com uma cara de poucos amigos.
- É... Sim... Terminamos! - Me levanto e pego o desenho, entregando para ele.- E aí? - Pergunto enquanto tentava tirar a tinta do rosto.- Esse negócio não sai?
- Tem que usa agua minha querida...- Arthur fala dando risada.
- Ok senhor sabe tudo... Vou no banheiro então...- Vou calmamente até a porta da sala e caminho pelos corredores.


Notas Finais


Espero que tenham gostado... O Próximo vai ter TRETA MALIGNA!!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...