História Apocalipse Zumbi - interativa - Capítulo 4


Escrita por: ~, ~army007 e ~Lilicandi

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Zombi Apocalipse zombi
Exibições 38
Palavras 894
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Terror e Horror
Avisos: Álcool, Canibalismo, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Voltamos!!! Aproveitem o capítulo. Hoje encontraremos um personagem.

Um aviso: a cada capítulo encontraremos um personagem, ou dois.

Capítulo 4 - Irmão?


Terça-feira 6:58

P.O.V  Lin 

Não sei o que aconteceu, mas não conseguia dormir, por dois motivos. Primeiro, estava com uma certa desconfiança, e um pouco de medo de ficar em um lugar tão grande sem mais ninguém. Segundo, não conseguia parar de pensar que minha mãe poderia estar morta, sem eu ter falado com ela ou a ter protegido. Terceiro, a Yang não parava de ter pesadelos e acordar do nada, então fiquei preocupado e não consegui dormir.  Optei então por explorar mais aquele lugar gigante. Lojas, galpões e qualquer coisa que tenha algo dentro. 

Enquanto olhava algumas lojas, vi algo que me interessou muito. No armário do fundo de uma loja de cosplay, havia armas e munições. O que mais me chamou a atenção dentre essas foi a Sniper!! Meu sonho tinha se realizado, bom, um dos sonhos. 

Peguei uma das sacolas que encontrei em uma loja e coloquei a maioria das armas dentro dela e deixei algumas para qualquer emergência. Continuei andando e procurando coisas para eu me distrair, mas escutei uma voz escandalosa que ecoava por todo o shopping , fui então até uma das escadas rolantes ( que não funcionava ) e olhei para cima. 

Yang- Lin!!! Onde você tá? 

-Para de gritar!!!! 

Yang- Você também está gritando!!! 

- Fica quieta e vem até aqui!!! 

Sai dali e adentrei em uma loja de roupas normais. Yang não conseguia ficar quieta, apesar de tudo ela conseguia ficar calma. Ela se animava e me animava. Mas ainda pensava na má realidade la fora. 

Yang - Lin. Você não acha estranho temos encontrado esse shopping aqui, tão cheio de coisas e mantimentos, tão grande e sem zumbis e pessoas? 

- Um pouco. Mas eu prefiro pensar que aqui é mais seguro que lá fora. 

Yang- e quanto a realidade? Vamos apenas esquece-la ? 

- Não disse que temos que esquecer. Disse que devemos apenas aproveitar enquanto temos isso. Pra que ir agora? Vamos ficar até que estejamos prontos para enfrentar o que nos espera lá fora. Ou você quer morrer lá? Como aquelas pessoas?

Yang- Não. Mas eu quero aprender a me defender deles. Nunca se  sabe quando vai precisar da experiência. Me ajuda por favor? 

- Tudo bem, mas acorda a Sakura. 

Sakura - Me chamou? 

- Ótimo!! Venham comigo! 

Saímos correndo pelo shopping inteiro até acharmos a sala de segurança só estabelecimento, quase morri de um ataque cardíaco, mas cheguei vivo. A porta estava trancada. Daí quebrei a maçaneta com um chute ( não sei de onde tirei essa força ) e entramos. 

Sakura- o que estamos fazendo aqui? 

- Vamos ver as câmeras de segurança. 

Yang - pra.... ahhhh!!!!! Sei o que você pretende!!! 

- Que bom. Agora procure uma saída onde tenha poucos zumbis. 

Yang- Sim senhor - Ela foi procurar e logo avisou - ali!!! - apontou - a saída quatro. 

- Então vamos. 

Yang, Sakura e eu corremos até lá. Abri O portão quatro para elas. 

- Matem esses zumbis. 

Yang - eu??? Você tá doido? Eu não sei fazer isso não! 

- sabe sim. Mate. 

Sakura - tem cinco aqui dentro!!! 

Olhei e fechei o portão estando apenas os cinco zumbis. 

- Mate-os! 

P.o.v. Yang 

Ele estava doido? Como eu ia saber matar eles? Haviam várias armas espalhadas pelo chão. Mas não sabia usar nenhuma. 

Quando vi que os zumbis se aproximavam muito, instintivamente peguei uma faca a acertei sua cabeça, assim fiz com mais três. 

- O que foi isso?? 

Sakura - atrás de você!! - olhei e vi Sakura matando o último com uma bala. 

Lin- eu sabia!! Você realmente jogou aquele jogo de zumbi!!! E você também Sakura! 

- Você fez isso porque sabia que tínhamos jogado!!?? 

Lin- Sim. 

Tudo fazia sentido!! Mas estava brava com ele. Então bati nele, em sua barriga. 

Lin- aii!!! Porra!! 

Olhei e vi que sua blusa estava suja de sangue, não muito, pois foi limpada 

- Lin!! O que aconteceu? 

Lin - eu me machuquei ontem. 

- e não me disse nada!? Sakura tem quite médico? 

Sakura - Sim eu peguei entes de virmos. Venha Lin! 

Subimos até o quarto de hotel onde estávamos "hospedados" e tratei de seus ferimentos. 

Porque ele é tão teimoso? 

P.o.v  Lin

Yang havia cuidado de meus ferimentos. Sua mão era suave e mal podia sentir dor. Fiquei olhando para ela até que percebo que ela também estava me olhando. Ficamos próximos até que.......

Sakura - eu estou com fome!! - até que saímos do transe - querem comer? 

Apenas acentimos com a cabeça e voltamos ao normal e comemos. 

Quebra de tempo 

Depois que comermos, descansamos um pouco e conversamos também até que o assunto foi parar em seres humanos que poderiam estar vivos. 

Yang- você acha que tem alguém la fora? 

- Não tenho ideia. 

Sakura - tem poucos zumbis agora. Querem ir ver? 

- poderia ser uma boa ideia. Mas e quanto a vocês? 

Yang - Nós vamos também 

- Mas.. 

Sakura - sem mais. Vamos pela saída dois. Ok? 

Yang- Sim

- Sim

Fomos as ruas que estavam praticamente desertas mas haviam alguns zumbis, que foram mortos. Foi divertido matar eles, confesso ainda mais com essas duas doidinhas. Vasculhamos vários carros para ver qual estava funcionando, pois o carro da Yang quebrou, fomos em várias lojas, até que escuto vários barulhos de tiros na rua , que parecem estar vindo de um prédio. 

Continua... 


 



Notas Finais


Desculpa por estar curto, mas eu estava ocupada hj. Amanhã tem o personagem. Ok?
Desculpem de novo. 😶😶


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...