História Após o amanhecer. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Until Dawn
Personagens Ashley "Ash", Beth Washington, Christopher "Chris", Emily "Em", Hannah Washington, Jessica "Jess", Joshua "Josh" Washington, Matthew "Matt", Samantha "Sam"
Tags Beth, Josh, Sam, Until Dawn, Wendigo
Exibições 79
Palavras 1.504
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


OEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE...
Muito obrigada pelos favoritos e comentários que está fanfic está recebendo, mais uma vez MUITO OBRIGADA ;3
Bem, esse capítulo é com a tão amada (pelo menos por mim hehe) Samantha Giddings ou Sam como todos a chamam, ou também pode ser Sammy como o Joshua a chama SHAHSA
Ok, esse capítulo como no anterios, vai ter alguns trechos de música, não sei porque, mas músicas me inspiram bastante na hora de escrever, principalmente quando é na primeira pessoa... A música é da cantora sul-coreana e integrante do grupo Girl's Generation/SNSD, TaeYeon, é a música de debut solo dela, vou deixar o link nas notas finais.
Chega de enrolação e vamos para o capítulo, espero que gostem! <3

Capítulo 2 - Borboleta que voa.


Fanfic / Fanfiction Após o amanhecer. - Capítulo 2 - Borboleta que voa.

Samantha Giddings.

 

Passada a longa noite, desejo embarcar no caminho para uma viagem novamente.

Por que não? Neste mundo, uma palavra desperta meu coração…

 

A luz do sol batia em meus olhos, finalmente um novo dia. O dia anterior foi repleto de sentimentos pesados, eu não iria apagá-los de minhas lembranças nunca, mesmo que desejasse por isso. Foi ótimo rever a família Washington, a Beth, o Josh… Eles estavam tristes, e não é uma tristeza que pode ser apagada ou esquecida, eles sempre terão isso com eles, mas será a saudade que nunca irá embora da vida deles.

Olhei para o despertador na escrivaninha. Cinco da manhã, um ótimo horário para dar uma corrida para começar o dia bem e com pé direito. Vesti uma roupa de exercícios, escovei os dentes, tomei um forte café e comi umas frutas, e sai para correr.

Como é verão em Vancouver, o dia amanhece cedo, lá pras quatro e meia da manhã e só se põe às oito. O clima estava agradável, os pássaros cantarolando logo de manhã, a brisa fresca e uma boa música clássica nos ouvidos para acompanhar esse começo de dia. Correr, escalar, esse tipo de coisa que para muitos é exaustivo, para mim era um prazer, eu me sentia viva, a adrenalina que corre pelas veias, é algo indescritível.

Cheguei em casa ofegante, tudo estava um completo silêncio de dar medo a quem teme a solidão. Eu sentia falta dos meus pais, mas eles também precisavam descansar e curtir mais a vida. A primeira coisa que fiz foi tomar banho, liguei a torneira da banheira e coloquei essências e sais dentro dela, a água estava morna, bem do jeito que eu queria. Meus amigos sabiam como que eu amava um bom tempo no banho, principalmente Josh, que muitas vezes me provocava por causa disto.

“Não quer ajuda para tomar banho?” Imitei a voz dele e me pus a gargalhar pela tentativa falha.

Assim que terminei o banho, vesti um pijama qualquer e peguei meu celular. Vinte mensagens de Beth? Que estranho, ela quase nunca me envia mensagens. Decidi então ligar para ela.

“Finalmente Sam, pensei que tinha falecido.” Ela falou do outro lado da linha.

“Ah oi… Porque você me enviou várias mensagens?” Todas mensagens diziam a mesma coisa, Sammy.

“Eu preciso da sua ajuda, Chris já está aqui, ele resolveu me ajudar…” Ao fundo ouvi sons de tiros, ele devia estar jogando. “Eu sei que você está de férias, assim como todos nós… E eu quero que você arrume uma mochila, uma mala, sei lá o que você vai trazer, porque você irá ficar duas semanas aqui na minha casa.” Ela falou simplesmente.

“O quê?”

“Qual é Sam? Eu te explico quando você chegar aqui, beleza?” Ela desligou.

Balancei minha cabeça negativamente, Beth era impulsiva na hora de decidir e planejar as coisas, mas tenho certeza que se ela me chamou e o Chris, ela está planejando algo… Vamos lá arrumar a mochila.

Após pagar o táxi, lá estava eu em frente a Mansão Washington, uma das várias que a família mantinha em seu nome. Parei perto do interfone, Beth conversou comigo toda entusiasmada, ela devia estar feliz por ter conseguido me trazer até aqui. Quando ia subindo a escadaria para a porta de entrada, Beth já me esperava.

“Que bom que veio… Precisamos conversar agora, aproveitar que Josh está dormindo.” São dez horas da manhã e ele está dormindo? “Chris pausa o jogo.”

“Só mais um pouco, falta quase nada para eu zerar The Last Of Us…” A morena então ameaçou tirar o videogame da tomada, Chris bufou derrotado. “E aí Sam!” Me sentei ao lado de Chris, e Beth estava sentada no chão a nossa frente.

“Eu não chamei vocês aqui por acaso…” Ela estava séria. “O meu irmão, após a morte de Hannah, o desaparecimento dela, e tudo mais…” Ela suspirou tristemente. “Ele ficou mais fechado, os sorrisos dele são só para mostrar uma falsa felicidade, o olhar dele perdeu o brilho, que antes era perceptível por todos, porque apesar dos problemas que ele carrega dentro de si, ele sempre teve uma puta de uma vontade de viver loucamente, mas agora ele anda tão diferente, e eu estou com medo de que ele não esteja tomando seus remédios, mas eu vou falar com ele… Ele simplesmente fica na defensiva.”

“Não precisa falar mais nada Beth, eu entendi o que você quer falar para nós…” Eu a encarei, ela estava com os olhos tão tristes. Apesar de Beth demonstrar uma imagem forte, ela estava abalada pelo enterro de Hannah, e agora Josh… Isso deixaria qualquer um na corda bamba, sem saber o que fazer. “Eu irei ajudar! Afinal, lembra do que eu falei ontem… Então que quarto eu irei ficar?” Beth sorriu.

“Bethinha, transformo as palavras da Sam nas minhas.” Ela encarou Chris, ela odiava aquele apelido, mas ele só fazia para provocá-la.

 

Pétalas de flores murcham.
Eu tive momentos difíceis, mas segui uma pequena luz.

 

Já era o horário de almoço e nada de Josh descer para comer, nem que fosse uma maçã. Então me levantei e fui fazer um prato de comida para ele, ele teria de comer. Diferente mim, Josh era chegado em uma carne, mas seu alimento preferido era pizza, já eu sou vegana, não como nada derivado de animais… Aí está uma grande diferença.

Bati uma, duas, três, quatro, cinco vezes na porta e nenhuma resposta, então entrei em seu quarto. As paredes na cor cinza, uma parede em especial com listras cinzas, brancas e pretas, tal parede onde haviam vários retratos e quadros. Um deles era na formatura do high school, Josh e Chris sorriam para foto enquanto seguravam seus diplomas, em outra foto estava eu, Hannah, Beth e Josh, nós fazíamos caretas, eu nem me lembrava mais desta foto.

“Ei.” Eu tomei um susto e quase deixei o prato cair no chão.

“Meu Deus, Josh!” Coloquei a mão em meu coração que batia rapidamente. “Você podia ter me matado de susto.”

“Quem entrou no meu quarto foi você.” Verdade.

“Mas eu bati na porta, ninguém respondeu, e eu trouxe comida, até porque você não desceu para comer.” Ele começou a me encarar de maneira estranha e em seguida ele sorriu de lado.

“Eu não estou com fome de comida, estou com fome de outra coisa.” Ele saiu andando em direção ao guarda-roupa, então eu percebi que ele estava somente com uma toalha amarrada na cintura. “Se eu soubesse que você estava aqui, eu teria pedido a sua ajuda para o banho.” Ele me encarou novamente.

“Ha ha ha, muito engraçado Josh.” Deixei o prato em cima da cômoda e saí do quarto dele o mais rápido possível. “Pervertido.”

 

---x---

 

Já havia anoitecido, e eu estava sentada nos degraus da escada de porta de entrada da mansão. Particularmente hoje o céu estava maravilhoso, estrelas brilhando por toda parte, a lua estava cheia. Eu guardaria a imagem desse céu na minha cabeça por toda a minha vida. Então fechei os olhos sentindo a leve brisa, com toda certeza eu devia estar com um sorriso bobo nos lábios, mas porque se importa?

 

Momento em que eu fecho meus olhos,
o tempo para…

 

De repente ouço os gritos de Beth, ela estava brigando com alguém, e esse alguém com toda certeza deveria ser Joshua. Me levanto e saio do meu transe. A porta de entrada é aberta com violência, Josh está com a feição endurecida e Beth não está muito diferente.

“O que está acontecendo?” Fiquei na frente de Josh, não permitindo que ele seguisse andando.

“Esse babaca quer sair para encher a cara.” Pelo tom de voz dela, ela estava furiosa.

“Eu não sei porque você me trata como criança! Todos aqui me tratam como criança!” Ele fuzilava a irmã com o olhar, logo ele me fitou entristecido. “E você só trouxe eles para cá, para serem minhas babás.”

“Mas você precisa de ajuda Joshua.” Os olhos castanhos dela começaram a lacrimejar.

“Eu não estou aqui para ser sua babá, mas sim para te ajudar, não porque os outros me pedem, mas porque você é uma das pessoas mais importantes na minha vida…” Ele ainda me encarava, só que agora ele estava sério. “E não venha contradizer o que eu acabei de lhe dizer…” Bufei frustrada. “Só não tente afastar as pessoas que te amam de você, ok?” Ele estava com a cabeça baixa, mas logo saiu andando. Será que as minhas palavras não significaram nada pra ele?

Quando ele já estava saindo pelo portão para entrar no táxi que o esperava, corri em sua direção e segurei o seu pulso, ele me olhou surpreso.

“Sammy, por favor…”

“Eu não vou pedir para ir com você, porque eu sei que serei uma presença indesejada…” Circulei o seu pescoço com meus braços, parecia que ele não iria corresponder ao abraço e confesso que isso me deixou aflita, mas logo senti seus braços apertando minha cintura. Então aproximei meus lábios de seu ouvido. “Mas tenta voltar bem, ok?”


Notas Finais


Espero que tenham gostado ;D
E... Eu esqueci o que ia escrever ;-;
Ah, lembrei! Aceito críticas construtivas pessoal. Vários bjos e quejos pro cês! :3
TaeYeon - I - Link: https://www.youtube.com/watch?v=4OrCA1OInoo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...