História Aposta - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Naruto Uzumaki, Sasuke Uchiha
Tags Naruto, Sasunaru
Visualizações 76
Palavras 3.333
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa noite gente
Vamos lá para mais cap.
Espero que gostem
Boa leitura

Capítulo 10 - -



“Chega uma hora em nossas vidas que precisamos decidir o que é melhor para cada um, nem sempre essas escolhas vão ser fáceis e principalmente nunca vão ser do agrado de todos, mas mesmo sendo difícil precisamos ser fortes e seguir em frente para enfrentar cada obstáculo que venha a surgir diante de cada escolha feita.
Eu escolhi esse caminho para seguir julgando ser o melhor para todos que estão a minha volta, sei que ninguém vai entender o porquê disso tudo tão repentinamente, mas foi o certo a se fazer.
Fizemos ótimas memórias nas últimas semanas, é assim que vou me lembrar de cada um de vocês e é assim que quero que se lembrem de mim, nunca duvidem do meu amor por vocês, não importa o que vai acontecer de hoje em diante ou como vou viver só o que precisam saber é que faço tudo isso por amor.
Não se preocupem comigo e não percam o seu tempo tentando saber onde estou, eu não quero ser encontrado. Vivam suas vidas da melhor maneira possível, encontrem alguém para amar, se divirtam e aproveitem tudo de bom que a vida tem a lhes oferecer, só assim posso ficar em paz e ter certeza que tomei a melhor decisão.
Sei que minha escolha vai faze-los sofrer e eu sinto muito por isso, mas está feito e agora não tem mais volta.
Adeus.”


No domingo de manhã Ino e Sakura vieram tomar café com o amigo como faziam sempre, estavam preocupadas, pois na noite anterior Sasuke disse que seu irmão havia levado Naruto para casa por não estar se sentindo bem. Depois de procurar pelo loiro o único vestígio que encontraram dele foi essa carta de despedida. Imediatamente ligaram para Sasuke, talvez o moreno soubesse de alguma coisa, pouco tempo depois ele estava ali e não podia acreditar no que estava escrito naquele maldito pedaço de papel.

Sasuke - Se essa é mais uma das suas brincadeiras podem parar por que não tem graça nenhuma.

Sakura - Acha que a gente iria brincar com algo tão sério.

Ino - Eu te liguei porque pensei que poderia saber de algo. O que foi que aconteceu ontem? Você fez alguma coisa pra ele?

Sasuke - Não! Eu só o apresentei para a minha família e todos foram muito atenciosos com ele. Itachi até se ofereceu para trazer ele pra casa.

Sakura - Itachi? Quem é esse?

Sasuke - É o meu irmão mais velho, eu vou ligar pra ele e ver se ele percebeu alguma coisa estranha com o Naruto.

- Aniki pode falar agora?

- Claro. O que aconteceu?

- Por acaso percebeu alguma atitude estranha do Naruto ontem?

- Eu não teria como precisar isso, afinal fazia só alguns minutos que havia o conhecido, mas acredito que não. Quando o deixei em casa parecia bem, por quê?

- Ele foi embora só deixou uma carta de despedida e sumiu. Todas as suas coisas estão aqui, nem se quer o celular ele levou.

- Já entraram em contato com os pais dele? Pode ser que eles saibam de alguma coisa.

- Vou fazer isso agora mesmo obrigado.

- Me avise se precisar de alguma coisa.

Ino - Então ele sabe de alguma coisa?

Sasuke - Nada, mas disse algo óbvio. Vocês tem o contato dos pais dele, pode ser que eles saibam de alguma coisa.

Sakura - Claro como não pensamos nisso antes, vou ligar agora mesmo.

- Bom dia Sakura.

- Bom dia Kushina-san, desculpe estar ligando cedo em pleno domingo, mas é importante.

- Eu já estou ciente de tudo, podem ficar tranquilos que ele está bem.

- Que bom. Se ele está aí com vocês eu fico mais aliviada.

- Ele não disse para onde iria só disse que ia morar com um amigo, eu sei que Naruto não faz nada sem um propósito. Não sei para onde foi ou com quem ele está, mas me garantiu que ficaria bem e que mandaria noticias toda semana.

- Isso é loucura como pode estar tão calma? E se ele estiver sendo forçado por algum maníaco a fazer isso, vocês precisam fazer alguma coisa, ir a policia sei lá qualquer coisa.

- Sakura eu conheço meu filho melhor que ninguém e se ele tomou essa decisão eu vou apoia-lo e sugiro que façam o mesmo, confiem nele.

- Tá bem obrigado pelas informações e tenha um bom dia.

Ino - Isso é loucura...de maneira nenhuma que eu vou cruzar os braços e fazer de conta que está tudo bem.

Sasuke - Vamos pensar no que aconteceu nos últimos dias de diferente que pode ter influenciado ele a tomar essa decisão?

Sakura - Os presentes. Só pode ser isso.

Ino - Claro! Ele começou a ficar estranho depois que começou receber esses presentes. Teve um domingo que eu cheguei aqui e ele parecia furioso, tinha acabado de receber uma enorme cesta de café da manhã que fez questão de me dar. E lembram que ele estava com um baita hematoma no rosto, óbvio que alguém socou a cara dele.

Sasuke - Foi depois desse dia que ele ficou mais esquisito ainda e ficou querendo sair juntos o tempo todo.

Ino - Lembrei mais uma coisa. Naquele mesmo dia depois de receber algumas mensagens ele ficou todo agitado e me mandou embora dizendo que iria sair com um amigo.

Sakura - Amigo? Nós temos os mesmo amigos e nenhum deles saiu com Naruto nos últimos dias. Só pode ter sido o tal admirador misterioso que mandou essas mensagens.

Sasuke - Que bom que ele não levou o celular, é claro que não vai ter mais nada nele, mas eu conheço alguém que pode recuperar, nem que seja parte do conteúdo que foi apagado pode demorar, mas vai ser a única pista que vamos ter para seguir.

Sasuke pegou o celular e a carta, trancaram a casa e cada um seguiu o seu caminho tentando entender o que poderia ter levado Naruto a tomar tal decisão e a conclusão que tiveram foi a mesma, alguém estava o chantageando e ameaçando, só podia ser isso, tinha que ser, essa era a única justificativa para seus atos.
Na segunda-feira nem foi para a escola, não podia esperar nem mais um segundo para desvendar esse mistério. Pegou o celular e foi na casa de um conhecido que entendia dessas coisas ele iria adorar esse desafio, deixou o celular com ele e pediu que assim que conseguisse qualquer coisa era para avisar que ele vinha correndo.
O moreno ligava todos os dias para o amigo, mas levou uma semana toda até que ele finalmente recuperasse algumas mensagens.

- Sasuke eu consegui recuperar algumas coisas, mas acho que você não vai gostar disso.

- O que foi que você conseguiu?

- Só algumas mensagens e eu prefiro que você veja.

- Estou a caminho.
====XxX====

- Então o que foi que conseguiu?

- Veja você mesmo.

“Quero te ver hoje, mais tarde passo para te buscar. Use uma das camisas que te dei e o relógio, vou te levar pra jantar e nem pense em negar ou eu dou um jeito dessa linda foto chegar às mãos do seu namoradinho. O que será que ele vai fazer quando souber que não é o único a possuir esse corpo delicioso? Até mais tarde meu lindo.”

A mensagem era seguida de uma foto onde aparecia claramente Naruto transando com outro cara na mesma cama onde haviam feito amor pela primeira vez, era a prova que precisava para saber que o loiro realmente estava sendo chantageado, mas não pelos motivos que se passavam por sua cabeça.
Estava sendo traído todo esse tempo, não podia acreditar que trocou juras de amor com alguém tão baixo que se vendeu por alguns presentes caros. Agora tudo fazia sentido, ele fugiu deixando apenas uma carta de desculpas por ser um covarde que não teve coragem de confessar o que estava fazendo pelas suas costas.
Agora só precisava mostrar para Ino e Sakura o tipo de amigo pelo qual elas estavam se preocupando e perdendo noites de sono.

- Muito obrigado, você não imagina o quanto isso é importante pra mim, essa foto e essa mensagem vão mudar a minha vida.

- Eu não sei o que exatamente está acontecendo, mas não se deve julgar um livro pela capa.

Sasuke estava tão furioso que não levou em consideração a importante dica que seu amigo lhe deu. Marcou de se encontrar com Ino e Sakura mais tarde para mostrar o que havia descoberto.

Sakura - Eu vim correndo te encontrar espero que seja algo importante.

Ino - Pela sua cara não é nada bom.

Sasuke - Não, pelo contrário é uma ótima noticia, eu já não me importo e não quero saber de mais nada que tenha relação a esse....vejam vocês mesmas. Essa é a mensagem que ele recebeu naquela noite que você estava lá e ele te mandou embora.

Ino - Não pode ser, tem que ter uma explicação pra isso.

Sakura - Você está querendo dizer que ele estava te traindo?

Sasuke - E o que mais poderia ser? Olhem bem o que está escrito na mensagem, ele estava saindo com esse cara pelas minhas costas, estava me traindo e ficou com vergonha de admitir por isso fugiu dessa maneira.

Ino - Não! O Naruto que eu conheço não faria uma coisa dessas, disso eu tenho certeza.

Sasuke - As pessoas mudam quando se trata de dinheiro Ino, ele se deslumbrou por esse cara que pode dar a ele todas essas coisas caras.

Sakura - Ele não faria uma coisa dessas.

Sasuke - Façam como quiser eu não me importo mais, só não falem mais comigo a respeito dessa pessoa eu não quero mais saber dele, pra mim agora ele é só um erro do passado.

Ino - Tudo bem você tem o direito de pensar o que quiser, mas eu não vou desistir, eu vou descobrir a verdade e você vai se arrepender de cada palavra que está dizendo.

Sakura - Se é assim que você pensa e vai agir diante da primeira provação que passam você não merece ter o amor dele. Lembre-se de tudo que passaram juntos, do que ele nos falou quando nos deu as pulseiras e do que ele escreveu na carta, Naruto é o tipo de pessoa que daria a vida para o bem daqueles que ama, ele jamais se venderia por alguns presentes caros.

Sasuke - Eu....me desculpem, mas eu estou sem rumo e realmente não sei o que pensar, cada vez que olho essa maldita foto eu fico mais e mais irritado.

Ino - Eu entendo, vou ficar com o celular não se importa né?

Sasuke - Não me importo pode fazer o que quiser com ele. Eu já fiz o que tinha que fazer, vou indo agora que amanhã temos aula.

Sakura - Eu te acompanho até a porta.

Depois que Sakura foi pra casa Ino passou horas analisando cada pequeno detalhe daquela foto na esperança de encontrar alguma pista sobre esse homem misterioso. Infelizmente o número que enviou as mensagens estava restrito, iria tentar conseguir alguma coisa com a operadora da linha telefônica, mas não seria nada fácil já que esse tipo de informação só é fornecida para o proprietário da linha.

“- Nem que leve meses, mas eu não vou desistir e pode ter certeza que vou descobrir o que está acontecendo.”

Todos os dias depois que saia do trabalho ia direto para a casa de Naruto e ficava procurando qualquer coisa que pudesse conter o número de algum dos seus documentos. Por mais desanimador que fosse ela não desistiu e não perdeu as esperanças de que iria encontrar algo. Levou umas três semanas até que finalmente achou uma cópia da sua identidade que estava muito bem escondida dentro de um livro que o loiro usou quando fez um cursinho tempos atrás.
A casa estava uma baderna só, mal se conseguia andar de tanta bagunça que a loira fez, mas valeu muito a pena com essa cópia da identidade poderia conseguir a informação que precisava. Sem esperar nenhum segundo a mais pegou o celular do amigo e ligou para a operadora se passando por mãe dele.

- Boa noite em que posso ser útil?

- Boa noite eu preciso de um relatório detalhado dos últimos dois meses das ligações e mensagens desse número.

- A senhora é a proprietária da linha?

- Não, mas sou mãe dele e ele sendo menor de idade tenho todo direito de saber essas informações.

- Entendo senhora, mas preciso de um documento de identificação do seu filho para confirmar o cadastro.

- Claro estou com ele em mãos....quanto tempo vai levar para que eu receba essas informações e o mais importante é que esses números privados apareçam.

- Em dois ou três dias todas as informações solicitas vão ser enviadas para o e-mail que a senhora me confirmar.

- Muito obrigada pela sua ajuda tenha uma boa noite.

Só mais dois dias e teria em mãos o número do infeliz que estava fazendo mal para o seu querido amigo.

- Minha nossa, mas o que foi que aconteceu aqui? Levei um susto quando vi a luz acessa e vim ver o que era.

- Eu consegui Sakura, consegui.

- O que....conseguiu o que?

- Em dois ou três dias a operadora da linha telefônica do Naruto vai mandar no meu e-mail todos os registros de ligação e mensagem do celular, com isso nós vamos descobrir o que foi que aconteceu de verdade.

- Isso é incrível, como conseguiu que passassem essas informações.

- Eu revirei a casa toda até encontrar uma cópia da identidade dele, com isso eles me passaram as informações.

- Isso explica toda essa zona. Precisamos avisar o Sasuke sobre isso.

- Não comente nada a respeito com ele, vamos esperar até eu ter todas as informações em mãos só depois falamos com ele. Agora me ajuda a botar tudo em ordem.

- Fala sério...olha pra toda essa bagunça vamos levar a noite toda pra arrumar isso.

- Não precisamos arrumar tudo hoje, vamos arrumando todo dia um pouco assim a gente se distrai um pouco e mata a saudade do nosso querido amigo. Precisamos deixar tudo em ordem para quando ele voltar.

Em dois dias a casa estava mais arrumada do que antes e as duas amigas não podiam estar mais felizes enquanto encaravam a tela do notebook de Ino, o tão esperado e-mail havia chegado e nele estavam todas as informações que precisavam para desvendar esse mistério. Ino olhou com muita atenção todo o relatório enquanto Sakura ligava para Sasuke. Combinaram de se encontrar na casa de Naruto, assim não precisariam se preocupar e lá ninguém iria lhes atrapalhar.

Sasuke - O que era tão importante que não podia falar pelo telefone?

Sakura - Conseguimos o número do telefone que mandou aquelas mensagens para o celular do Naruto e pelo relatório esse mesmo número ligou na manhã do dia que Naruto foi embora.

Ino - Eu tive muito trabalho para conseguir esse número não podemos perder mais tempo vamos ligar agora mesmo e descobrir o nome desse infeliz. Eu vou...droga esqueci meu celular em casa, liga do seu Sakura.

Sakura - Vai ter que ser você Sasuke eu estou sem créditos.

Sasuke - Que decadência, me passa logo esse número.

Respirou fundo e discou o número que após chamar três vezes foi atendido.

- A que devo a honra dessa ligação maninho, bateu saudades ou aconteceu alguma coisa?

- ....quem....quem está falando?

- Como assim quem? Por acaso tem outro irmão, sou eu Itachi. O que aconteceu Sasuke?

- Nada de mais....eu só estava ligando para confirmar de quem eram alguns contatos que tenho registrado no celular sem um nome antes de apagar, mas agora que sei de quem é vou colocar o nome então desculpe se te atrapalhei, boa noite.

Sasuke estava em choque, só podia ser uma piada, não tinha como ser ele, não podia ser ele.

Sakura - Que foi Sasuke? O que o cara falou?

Ino - Conseguiu descobrir o nome dele? Fala garoto....

Sasuke - It..Itachi...

Sakura - Itachi? Esse não é o nome do....não pode ser.

Ino - Isso deve ser algum engano tem certeza que discou o número certo? Me deixa ver isso.

Sasuke - Agora tudo se encaixa, por isso que Itachi insistiu tanto em trazer Naruto pra casa naquele dia e foi depois que viu meu irmão que Naruto começou passar mal. Como ele teve coragem de fazer isso com o seu próprio irmão?

Ino - Por acaso tem alguma foto do seu irmão no celular quero confirmar uma coisa.

Sasuke - Tenho sim, mas que importância tem saber a aparência dele agora?

Ino - É ele mesmo. É tudo culpa minha, se eu não tivesse feito aquilo as coisas seriam diferentes.

Sakura - Feito o que? Do que você tá falando?

Ino - Aquele dia que você fez o pedido de namoro esse cara apareceu na loja querendo parabenizar o Naruto pelo belo trabalho que estava fazendo e como a Sakura não tinha me ligado ainda eu não podia deixa-lo voltar pra casa ainda. Esse cara chamou o Naruto para conversar e como ele é cliente da loja eu o convenci a conversar com o cara até que vocês dessem o sinal, pouco tempo depois ele voltou todo assustado dizendo que o cara deu em cima dele e queria ir embora. Foi nesse dia que tudo começou.

Sasuke - Não fique se culpando por uma coisa dessas, eu conheço meu irmão e sei que quando ele decide que quer alguma coisa ele vai atrás até conseguir. Agora o que está me preocupando são os métodos que ele usa para conseguir o que deseja.

Sakura - Agora que sabemos com quem ele está não podemos perder mais tempo, vamos lá na casa do seu irmão e vamos trazer o Naruto de volta.

Ino - Você tá louca, não podemos agir sem pensar. Eu passei horas analisando aquela foto e eu sei que parece absurdo e vou entender se não acreditar, mas se você reparar bem o ato que está sendo consumado não me parece nem um pouco com uma transa consensual.

Sasuke - Calma lá eu sei que o Itachi pode ser assustador às vezes, mas ele não faria uma coisa dessas.

Sakura - Com base no que você deduziu um absurdo desses Ino?

Ino - Eu passei a foto pro meu notebook e fiz um tratamento na imagem que ficou bem melhor e pude ver detalhes que no celular não dava pra ver. Aqui....dá pra ver que ele está com os braços presos acima da cabeça e sua boca está com uma mordaça e se ampliar a imagem dá pra ver que bem no cantinho do lábio dele tem sangue e o rosto também está vermelho, deve ser o hematoma que ele tinha no outro dia.

Sakura - Lamento dizer, mas eu acho que a Ino tem razão. Pensa bem isso aconteceu uma semana depois que você pediu ele em namoro e eu conheço o Naruto desde que éramos pirralhos e posso afirmar que ele não é esse tipo de pessoa.

Sasuke - Então tudo que eu sei sobre meu irmão é mentira, se ele foi capaz de cometer uma atrocidade dessas o que mais ele pode estar fazendo com ele?

Ino - Naruto é o tipo de pessoa que daria sua vida se isso fosse salvar um amigo, Itachi deve estar usando esse amor que ele sente por nós como arma para chantageá-lo, deve ter ameaçando fazer mal pra gente se não fizesse o que ele queria, por isso ele disse na carta que tudo que estava fazendo era por amor.

Sakura - O que vamos fazer então?

Ino - Tenho que pensar com calma e preciso do máximo de informação que você conseguir sobre seu irmão Sasuke. Vamos resgatar nosso amigo das garras desse maníaco.


Notas Finais


Por hoje é isso
Sei que tem muita gente furiosa com a Autora-san aqui
mas eu prometo que as coisas vão melhorar
Amanhã tem mais emoção para vocês
Bjus


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...