História Appa, eu te amo ! (YoonSeok) - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Filho, Loli, Pai, Romance Proibido, Yoonseok
Exibições 276
Palavras 1.186
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Famí­lia, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Cross-dresser, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei com bomba ... ou não hyeheue
Me desculpem se não esperavam isso mas eu tento dar o meu melhor.

BOA LEITURA !!!

Capítulo 7 - NamJinLe (Especial)


Fanfic / Fanfiction Appa, eu te amo ! (YoonSeok) - Capítulo 7 - NamJinLe (Especial)

P.O.V's Namjoon

Não acredito que ChenLe aprontava tudo isso na escola ... bom ele já sabe das regras e até de cor, babys maus merecem ser punidos, quando saímos da sala do diretor Yoongi estava brigando com uma menina... uma cena engraçada a menina apanhando pra caramba, aproveitei liguei para o Jin.

LIGAÇÃO ~ ON

EU: Jin, amor prepara as coisas que vamos usar hoje com nosso baby, ele agiu muito, mas muito mal na escola e fique apenas de box e blusa regata do jeito que gostamos, e espere na cozinha, ele ama esse cômodo.

JIN: Okay, amor beijos.

LIGAÇÃO ~ OFF

Desliguei e pegue ChenLe pela mão e o levei para o carro, ele entrou e eu entrei logo em seguida, fui dirigindo até que ele corta o silêncio.

- Appa ... desculpe por tudo, eu não fiz por mal é que você e o Omma nunca mais deram atenção depois que a gente transou na sala.

- Shhhh... não quero saber e você já sabe o que vai te acontecer em casa, baby mal.

Ele engole seco e eu aperto as coxas de ChenLe, ele cora na hora, chegamos em casa e saímos do carro, peguei-o pelo braço e o guiei para a cozinha, e o fiz sentar na cadeira.

Ele viu Jin e mordeu os lábios, e começou a suar frio. Peguei um pequeno agrado para o Jin na geladeira, um pirulito que nós três amamos, Jin se alegrou e começou a chupar aquele doce sensualmente enquanto ChenLe engolia seco.

P.O.V's ChenLe

Ah não... o Omma está tão lindo assim, o Appa começou a distribuir beijos e chupões pelo pescoço do Omma... enquanto isso ele gemia baixo, e no momento eu já estava excitado, Nam começou a masturbar o Omma Jin em minha frente, aquilo foi a gota d'água, eu fiquei duro na hora.

- Omma, Appa chega ... eu não to afim hoje.

- Não tem que querer nada aqui ChenLe, você será punido por todas as suas más criações e ponto final.

Subi correndo para o quarto, mas os dois puxaram meu pulso e eu fui prensado na parede com brutalidade, e gemi de dor.

- Você será punido, ChenLe, você ouviu muito bem o seu Appa não é?

- S-sim Omma.

Não falei mais nada e fui atacado, Omma beijava minha boca e Appa chupava meu pescoço, até que me levaram para seus quartos e me jogaram na cama. Tiraram minhas roupas, começaram a me torturar com movimentos lentos em meu membro.

- A-Appa... O-Omma... ahhhn... n-não me torturem por f-favoor.

Eles se olharam maliciosos, me levantaram e me fizeram ajoelhar.

- Chupa seu Appa, enquanto me masturba, se não fizer diretirinho, você sofrerá as consequência Le.

Apenas assenti e comecei a fazer o que me mandaram, os seus gemidos eram tão deliciosos, o membro do Appa era tão grande que ele me fez engasgar na hora que começou a ditar a velocidade, até que os dois gozaram, Omma em minha mão e Appa em minha boca, engoli tudo.

- Ele fez direitinho amor, mas a pele dele ta tão limpa.

Me jogaram de volta na cama, e Appa pegou uma cinta e deu para Omma, enquanto Nam me estapeava em uma parte das nadegás, Jin me dava cintadas na outra parte e eu gemia alto de dor.

- AAAH ... P-PAI ... M-MÃE .... T-TÁ DOENDOOOO.

- Você ainda não entendeu ChenLe? É para doer.

Appa disse com um sorriso largo em seu rosto, ainda me desferindo tapas e Omma continuava as cintadas. Eu chorava mas confesso que estava adorando, acho que sou masoquista só pode. Eles pararam e beijaram o lugar onde eu apanhava antes.

Jin ficou na minha frente enquanto eu estava de quatro, e me ordenou que eu o chupasse e o fiz, mas gemi alto quando semti Namjoon ir fundo em minha entrada com seu membro, voltei a chupar Omma, e Namjoon metia com força enquanto eu chupava o meu Omma, chorava e gemia em ssu membro.

- A- Appa ... m-mais... O-Omma me dá seu leitinho.. e-eu quero..

Os dois sorriram e continuaram, senti que o orgasmo de Jin  estava próximo então acelerei os movimentos e ele gozou em minha boca enquanto Namjoon jogou sua  cabeça para trás e preencheu meu interior caímos exaustos, eu fiquei no meio e os dois me abraçaram.

- Appa, Omma.

- Fala filho-- Disseram em uníssono.

- Ta doendo minhas nádegas.

Eles riram e eu corei, eles começaram a passar a mão, fazendo uma massagem deliciosa ao qual gemi baixinho de alivio da dor.

- Que delicia.

Mordi meus lábios, Appa chupou meu pescoço e Omma chupou minha nuca. Como minhas energias estavam gastadas eu me entreguei ao sono e dormi.

 

P.O.V's Yoongi

Comecei meu dia bem, sem dores e lembrei da noite romântica que tive com meu amor, ele é tão lindo dormindo, subi em suas coxas e comecei a dar selinhos em sua boca e ele sorriu.

- Que jeito delicioso de se acordar.

- Amor, acorda você tem que ir trabalhar e eu vou sair com meus amigos hoje.

Ele me olhou como se fosse me matar mas nem liguei.

- Você não vai sair por um mês mocinho.

- Appa,por que ??

Perguntei indignado e foi ai que lembrei da suspensão, que droga.

- Ué já se esqueceu ?

- Não mas appa deixa eu ir, é só hoje prometo

- Não é não Yoongi, não seja um menino levado.

Emburrei e cruzei os braços, ele acariciava meus cabelos e depois se sentou me fazendo ficar cara a cara com ele. Ele me fez deitar e ficou por cima de mim e distribuiu beijos, que amei receber.

- Tá bom papai vou cumprir meu castigo.

Disse enquanto acariciava seu pescoço com meu dedo indicador.

- Bom menino, mas agora lembrei que você me deixou com uma ereção doída uma vez e me deixou na mão.

- Espera.. você não ta pensando em fazer a mesma coisa né?

- BINGO !!

Ele começou a massagear meu membro e eu ficava gemendo para ele parar, até que fiquei duro e ele parou...

- Aproveite a punheta no banheiro, Min Yoongi.

filho da puta.

Me levantei e fui pegar meu celular, se ele não acaba o que começou por bem vai terminar por mal.

- Para quem está ligando ??

- Você já vai saber.

Fingi ligar para ChenLe e vou colocar o plano em ação .

- Oi Lezinho 

Ele me olhou cm um olhar mortal, como eu afeto rápido não ?? hahahahaha sou mal.

- Vem aqui em casa, é que estou com um problema no vão das minhas pernas.

Meu pai levantou da cama e veio em minha direção "desliguei a ligação" correndo, e ele me jogou na cama. Pegou em meu membro por baixo da box e começou a me masturbar até que gozei em minutos em sua mão.

- Pronto agora ele não vem mais.

- Ele nem ia vir até porque eu fingi ligar para ele.

Sai correndo pro banheiro dando risada e ele me xingava.

Adoro enganar o appa.


Notas Finais


Então ne ... kkkk

FIGHTING !~♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...