História Aprenda com o Diário - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, TenTen Mitsashi
Exibições 41
Palavras 1.931
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Desculpem a demora. Espero que gostem desse cap.
Boa leitura a todos! :3

Capítulo 9 - Inesperado


A festa passou e os meninos não foram. Saíram com as meninas para um karaokê.

Eles se divertiram muito, enquanto elas faziam o maximo de esforço para não se aproximarem dos meninos.

Durante a semana Mikoto acertou os últimos detalhes sobre os noivados durante o jantar na mansão Uchiha. Claro, tudo em segredo.

Itachi ficava cada vez mais impressionado com as palavras de Anko no pequeno diário. E teve um conclusão terrível de se mesmo.

Sasuke fazia questão de todos os dias provocar a Haruno. E todos os dias a Haruno ficava subindo pelas paredes apenas para não voar no pescoço do moreno.

Neji ao mesmo tempo que lia o diário de TenTen, também a observava. Ela sempre foi estranha, mais duas palavras estavam amargas diferente de antigamente que eram doces.

Ino continuava cuidando de Gaara e isso fazia o ruivo aproveitar para olhar todos os dias para a mesma. Durante a madrugada lia o diário da loira, pois sabia que a essa hora ela não estaria acordada.

Já Naruto e Hinata todas as vezes que se viam coravam. Hinata sempre saia correndo deixando um loiro totalmente confuso para trás.

Duas semanas depois...

Sakura on

- Eu não aguento mais. - Falou Hinata choramingando.

- Acho melhor levar ela a um hospital. - Falou TenTen preocupado ajudando Hinata a se levantar.

- Você acha que a Hina pegou gripe? - Perguntou Anko me olhando.

- Ela ta vomitando muito. Não acho que seja gripe. - Falei olhando para a coitada.

- Hina, lava o rosto. - Pediu TenTen a levando até a pia do banheiro.

- Ela ta muito pálida. - Comentou Anko franzido o cenho.

Hinata abaixou a cabeça como se já soubesse o que tinha.

- Hina ta tudo bem? - Perguntei franzindo o cenho.

- H-hai. - Falou corada.

Okay... Tinha algo ai.

DING DONG.

- Deve ser a Ino. - Falei me retirando do banheiro.

Ao longe ouvi os gritos do loiro.

- Eeii, o que é isso? - Perguntei encontrando Ino batendo no loiro.

- O baka do Naruto tocou a companhia quando eu tinha a chave. - Falou brava.

Olhei ao redor vendo Itachi sentado no sofá com Gaara na cadeira de rodas ao lado dele, Sasuke perto da porta, Neji encostado na parede perto das escadas e Naruto passando a mão pela cabeça no meio da sala juntamente com Ino lhe lançando um olhar reprovador.

- Como a Hina ta? - Perguntou Ino quebrando o silêncio.

- Eu estou bem. - A voz falha de Hinata ecoou pelo cômodo antes que eu respondesse a pergunta.

- Como assim bem? Ta mais pálida que o normal. Virou fantasma por acaso? - Perguntou Ino gesticulando.

Hinata sorriu e corou, para logo em seguida abaixar o olhar. EPAAA!

- Hina, o que você tem? - Perguntou Naruto chegando perto da mesma.

- Eu... To... - Tentou falar mais sua voz não saia.

- EII O QUE ELES TÃO FAZENDO AQUI? - Perguntou TenTen com o cenho franzido.

- Eu vim ver a minha prima. Eles não sei. - Respondeu Neji com sua expressão de sempre.

- Ver sua prima? Você nem ta se importando com ela. - Falou TenTen com as mãos para o alto.

- A TenTen tem razão. - Afirmei olhando para Neji.

- Fala serio. Ele veio ver a prima. Aceitem logo! - Falou Sasuke.

- Não te chamamos na conversa Uchiha!! - Exclamei me irritando.

Sasuke já estava me provocando demais.

- Eu não vi a TenTen nem sequer o Neji te chamar na conversa também. - Retrucou com o sorriso debochado.

- Eu estou concordando com minha amiga! - Falei franzido o cenho.

- Eu estou concordando com meu amigo. - Falou com um sorriso de canto.

Respirei fundo.

Sasuke já estava a duas semanas me irritando. Nem quando a Hina ta doente ele me deixa em paz.

Por kami!

Passei as mãos pela cabeça e trinquei os dentes.

- AAAAHHHH, UCHIHA DESGRAÇADOOOO! - Gritei voando no pescoço de Sasuke.

- SAKURA LARGA O SASUKE! - Ordenou Itachi me puxando.

- Deixa ela matar ele. - Falou Anko empurrando o moreno mais velho.

Bastou isso para começar uma discursão de todos. Menos Hinata estava no meio.

- Gente para com isso. - Pediu e ninguém deu ouvidos a mesma.

Sasuke brigava comigo enquanto gesticulava o enforcamento que ia sofrer. Itachi reclamava com Anko dizendo que assassinato é crime. Neji e TenTen discutiam algo sobre ele não precisar está ali e Neji argumentava que era primo da Hyuga. Gaara discutia com Ino sobre ela controlar as amigas dela e ela mandava ele controlar os amigos dele. Enquanto Naruto discutia consigo mesmo.

Um barulho de algo quebrando foi ouvido por e todos olharam para o vaso quebrado nos pés de Hinata.

- PORRA CALEM A BOCA! - Gritou a Hyuga fazendo todos ficarem incrédulos.

- Você falou um palavrão? - Perguntou Naruto de olhos arregalados.

- EU TO GRÁVIDA! - Gritou mais uma vez ignorando a pergunta do loiro.

- O QUE?! COMO ISSO ACONTECEU? - Perguntou TenTen mexendo os braços.

- Acho que todos sabemos como acontece... - Comentou Neji olhando a prima.

- Naruto seu baka, não acredito que engravidou a Hinata! - Falei me direcionando ao loiro que estava agachado e roxo.

- Naruto? - Perguntou Gaara preocupado.

- Hina... Isso é serio? - Perguntou olhando seriamente para a Hyuga.

Todos olharam para Hinata novamente e ela começou a chorar balançando a cabeça afirmando o que tinha dito.

Olhamos para Naruto novamente e ele se levantou caminhando até a Hyuga.

- Não se preocupe, eu vou cuidar dos dois! - Falou a abraçando.

Começamos a bater palmas ainda chocados com a notícia.

- Isso é tão bonito. - Comentou TenTen secando as lágrimas.

- O Naruto ta ferrado. - Falou Neji ainda chocado.

*****

Neji on

- Eu não acredito que o Naruto vai ser pai antes de nós. - Falou Sasuke se jogando no sofá.

- Quando a tia Kushina contar para a mamãe vamos está ferrados. - Falou Itachi se jogando no outro sofá.

- Uchihas e suas manias de procriar. - Comentou Gaara rindo dos dois.

- Eu vou descansar. - Falei começando a subir as escadas.

Esses ai não tem jeito mesmo, os Uchihas e o Uzumaki estão ferrados na vida.

Acho que os únicos que ainda tem salvação somos eu e o Gaara.

Abri a porta entrando no quarto e em seguida a fechei. Me joguei na cama lembrando que o Naruto ficou na casa das meninas para ensaiar o jeito de falar com o tio.

Ino só voltaria depois.

Peguei o diário da chocolate e o abri na página que eu havia marcado.

" Hoje, por pouco, por muito pouco, o Hyuga ia morrendo. Como eu senti raiva de ver o Neji com outra. Fala serio. Mesmo que ele não queira ele deixa as meninas o tocarem. Enquanto isso não posso abraçar nem meu amigo gay."

Amigo gay? Que amigo gay é esse que eu não to sabendo de nada?

Fui para as duas folhas finais do diário vendo números de telefone.

" Sai, Nagato, Lee, Kiba.... "

De todos os nomes eu não conhecia apenas um.

Sai.

Deve ser esse.

Fechei o diário e me deitei. Desde quando eu tinha ciúmes desse amigo gay dela?

Eu to parecendo um baka. Convivência demais com Naruto.

*****

No dia seguinte...

Naruto on

- Certo, você entendeu tudo Naruto? - Perguntou Hinata preocupada.

Estávamos em frente a mansão Hyuga e a cada passo que dávamos Neji ria de nós.

- Hina, você já me perguntou isso dez vezes... - Falei e ela respirou.

- Por que eu tenho que vim junto toda vez que você vem visitar o tio? - Perguntou Neji ao lado da minha morena.

Hinata o olhou como se ele já soubesse a resposta.

- Três porquinhos indo para a boca do lobo... - Comentou olhando para a porta.

- Calma Neji. - Falou Hinata e o cabeludo sorriu.

- Quem precisa ficar calma aqui é você senhorita. - Falou e o pai de Hinata abriu a porta.

Okay, ele era assustador.

- Vamos entrem. - Falou olhando para os três.

Neji tinha razão, três porquinhos indo para a boca do lobo.

Entramos e nós sentamos com os outros Hyugas.

Uma menina de cabelos longos que parecia um pouco mais nova que todos olhou para mim e deu um sorriso malicioso.

- O naruto está bonito Hinata. - Falou e Neji olhou para mim.

- Hanabi se comporte. - Falou Hinata.

Espera. Eu não costumava brincar com essa piralha quando namorava com a Hina?

- Então porque vieram? - Perguntou o Hyuga mais velho se sentando.

- O Naruto precisa te falar uma coisa. - Falou Neji preocupado.

O Hyuga mais velho olhou para mim e depois para Hinata.

- Espero que não seja algo desonroso. - Falou e eu engoli a seco.

- Na verdade, eu queria pedir algo. - Falei e Hinata me olhou.

- Então peça. - Falou o Hyuga mais velho arqueando uma sobrancelha.

- Eu queria pedir a mão da sua filha em casamento. - Falei e Hinata arregalou os olhos assim como Neji e a Hyuga mais nova.

- Hein? - Perguntou Neji e eu o olhei mortalmente.

- Por que acha que pode casar com minha filha? - Perguntou o pai da minha morena.

- Eu a amo. Quero construir uma familia ao lado dela e o amor é o porque mais forte de um relacionamento. - Falei e ele sorriu.

Ele olhou para Hinata que ainda estava com os olhos arregalados. Olhou para mim e para Neji que tinha um sorriso satisfeito.

- Muito bem. E quando vai ser o noivado? - Perguntou se levantando.

*****

- Você auer mesmo casar comigo? - Perguntou Hinata.

Estávamos voltando para a cidade e ela parecia está enjoando o carro.

Neji procurava algum remédio que ajudasse no enjoou de Hinata.

- Sim. - Falei com um sorriso.

Hinata sorriu e colocou a mão na boca levando o corpo para frente.

- Quantos remédios a Sakura colocou aqui? - Perguntou Neji revirando a bolsa.

- Eu não sei. - Falou Hinata abrindo a janela do carro.

- Quer que eu pare um pouco? - Perguntei e ela assentiu.

Encostei o carro e ela desceu já vomitando.

Neji saiu do carro e olhou para Hinata e em seguida voltou a revirar a bolsa em busca do maldito remédio.

Segurei os cabelos da morena esperando que ela terminasse.

- Achei. - Falou Neji pegando uma garafa de água.

Ele se aproximou e estendeu o remédio juntamente com a garafa.

Hinata tomou e respirou um pouco.

- Ainda bem que você não enjoou na casa do tio. - Falou Neji rindo.

- Nem me fale... - Falei ajudando minha Hinata a entrar no carro.

Dei a volta no mesmo e entrei no banco do motorista. Neji entrou no banco de trás e Hinata respirava fundo no banco do passageiro.

- Vamos lá! - Falei girando a chave.

O carro apenas fez um barulho de algo morrendo e depois não fez barulho nenhum.

- Ta de brincadeira. - Falou Neji colocando as mãos no rosto.

- E agora? - Perguntou Hinata olhando para mim.

- Celulares. - Falou Neji pegando os três celulares.

- Neji? - Perguntei após ver o silêncio do mesmo.

- Estamos completamente ferrados. - Falou se inclinando.

Olhei para Hinata preocupado e vi que a mesma já dormia tranquilamente.

- Ótimo. - Falei suspirando e colocando minha cabeça no volante.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Desculpem qualquer erro. Espero que tenham gostado do cap. :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...