História Aprendendo a amar - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias 50 Tons de Cinza, A Bela Adormecida, A Bela e a Fera, A Breve Segunda Vida de Bree Tanner: Uma História de Eclipse, A Cabana, A Culpa É Das Estrelas, A Garota da Capa Vermelha, A Hospedeira, A Mediadora, A Menina Que Roubava Livros, A Rainha Vermelha, A Seleção, A Teoria de Tudo, Alice no País das Maravilhas (Alice in Wonderland), Anjos e Demônios, Anna e o Beijo Francês, As Crônicas de Nárnia, Beijada Por Um Anjo, Belle, Branca de Neve, Cidades de Papel (Paper Towns), Como Eu Era Antes de Você, Como viver para sempre, Contornos do coração (Easy), Coraline, Diário de Uma Garota Nada Popular, Diário de uma Paixão, Divergente, Divina Comédia, Garota Exemplar, Gossip Girl, Halo, I'm the King of the Castle, Jogos Vorazes (The Hunger Games), Lola e o Garoto da Casa ao Lado, Marley e Eu, O Código Da Vinci, O Diabo Veste Prada, O Diário da Princesa, O Diário de Anne Frank, O Diário de Aurora, O Diário Secreto de um Adolescente, O Flautista de Hamelin, O Garoto da Casa ao Lado, O Gato Preto, O Grande Gatsby, O Guia do Mochileiro das Galáxias (Hichhikers Guide To The Galaxy), O Hobbit, O Iluminado, O Inimigo, O Inverno Das Fadas, O Lado Bom da Vida, O Lado Mais Sombrio, O Mágico de Oz (The Wizard of Oz), O Menino do Pijama Listrado, O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares, O Teorema Katherine, Oliver Twist, Originais, Os Cárpatos, Os Filhos do Capitão Grant, Os Instrumentos Mortais, Os Meninos da Rua Paulo
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Drama, Romance
Exibições 78
Palavras 910
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Espero que gostem... por favor comentem e votem pra mim saber se voces estao gostando ou nao!
.-.

Capítulo 2 - Novo dia


Acordei e eu estava sozinha na cama , Miguel nao estava lá. Me levantei e fiz minhas higienes matinais , escutei alguem andando pela casa , terminei de me vestir com um shorts jeans e uma regata preta . Procurei por Miguel mas ele nao estava la .
-Senhora Cavalcante ?- uma voz me chamava. -Uma senhorinha japoneza estava la , ela era muito fofinha , queria abraça-la , rouba-la e fugir .-Meu nome é Saiury, eu sou a domestica da casa . Seu Miguel pediu pra te avisar que nao vai demorar . Se você precisar de alguma coisa eu vou estar la na cozinha . O café ja esta na mesa .
-obrigada .
Ela saiu, fui para a mesa e tomei um suco . Peguei meu celular em uma das minhas malas e comecei e usar o whatssap entrei na conversa da ana e perguntei se estava bem mas ela nao recebeu .
Nao tinha nenhuma mensagem , queria conversar com alguem. Comecei a ver fotos antigas de varias pessoas , senti alguem me beijando na buchecha.
-Bom dia -ele disse.
-Bom dia, tudo bem ?-Ele se sentou do meu lado .
-Uhum... Estava na casa dos meus pais .
Coloquei minha mao em seu rosto e comecei a olha-lo e Ele estava me abraçando .
-Sra. Caval..., opa mil desculpas. -Saiury entrou na sala com um pedaço de bolo.
Me levantei e fui até ela .
-Tudo bem .
Ela sorriu para mim com vergonha.
-É que Sra. Cavalcante se parece com minha filha que morreu . E ela gostava tanto desse bolo . Eu achei que a Senhora ia gosta tambem - ela Eu nao gostava muito de doce mas ela estava me dando e eu amava o fato dela ainda ter o sotaque japonês era lindo.
Peguei o prato e fui para a sala . Miguel estava assistindo criminal minds sentei do seu lado e beijei o seu rosto.
-Saiury é um amor. -disse comendo um pedaço do bolo e dando um para o Miguel.
-Ela trabalha na nossa familia a anos . Cuidou de mim e do meu irmao . Ela e tipo uma segunda mae . Quando eu tinha uns 13 anos e me avisaram que eu seria preparado para um casamento e talz eu meio que me revoltei e peguei o meu patinete e a minha mochila com duas bolachas e toddynho e fugi para um parque de diversoes. Ela me achou,  e me levou para a casa dela . De noite ela explicou que eu ficaria com uma menina legal e se essa menina nao fosse ela iria brigar com ela .
Rimos da situaçao, porque eu era essa menina.
-Espero que eu seja legal.
-voce é.
Olhei para ele.
-Posso fazer uma coisa?
Ele assentiu, acho que ele sabia o que eu faria pois estava serio . Sentei em seu colo e beijei a sua boca. Só paramos pela falta de ar. Ainda com as maos no rosto dele falei:
-Desculpa... eu...-mas ele nao deixou .
Continuou me beijando, me deitou no sofá para ficar por cima de mim e terminamos o beijo com alguns selinhos.
-Obrigada.
Ele me deu outro selinho .
-Eu que agradeço, estava querendo te beijar a um tempo.
Ele saiu de cima de mim e me ajudou a levantar , voltei para o seu colo .
-Hoje vamos em um jantar.
-Aonde?-perguntei.
-Na casa dos meus pais , eles querem conhecer as noras.
-Que bom , estou com saudades da Ana.
-Ana? Quem é Ana?
Corei, sai do colo dele e me sentei do seu lado .
-Uma amiga , ela se casou com o seu irmao e até agora não me deu noticias.
Ele tentou forçar um sorriso.
-Deve estar tudo bem.
Eu assenti.
Horas depois eu e Miguel fomos nos arrumar , tomei um banho demorado , lavei o meu cabelo e passei creme no corpo , fiz uma maquiagem begie e passei um gloss , coloquei um vestido estampado com flores verdes e azuis  .e um salto preto . Miguel estava com uma roupa social basica .
-Você esta linda.
Sorri. Peguei minha bolça com o meu celular e algumas outras coisas e fomos.
A casa dos pais do Miguel era muito grande, tinha dois andares , e era muito iluminada a noite, tinha um homem na guarita, igual la em casa, um seguraça na porta, e varias coisas. Saimos do carro e estavamos caminhando de maos dadas até a porta . Na minha cabeça estava se passando:
-Ju do mal: nosso eles vao te odiar!
-Ju do bem: Nada a ver eles que te escolheram!
E essa era uma briga sem fim. Eu estava quase suando frio .
Entramos na casa e fomos recepicionados por uma menina , ela tinha olhos cor de mel e cabelos bem curtos . Miguel soltou a minha mao e a abraçou.
-Maninho que saudades. Essa e a Juliana ....
-Só Ju.-falei e sorri.
-Meu nome é Alice.
-Prazer-disse.
Ela me abraçou, uma menininha loirinha devuns 3 anos veio correndo e pulou no colo da moça.Ela me encarrava ate que falou.
-MAMAE ,MAMAE ELA E IGUAL A PRINCESA DO MEU LIVRO .
-Verdade meu amor. Vamos ter que mandar fazer um vestido para a ana tambem . Nao é mesmo filha?
-Sim mamae.
Ela pulou do colo da mae e saiu correndo.
Fomos conhecer o resto da familia que estava em algum lugar da casa.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...