História Aprendendo a dar valor LUTTEO - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Karol Sevilla, Ruggero Pasquarelli
Personagens Karol Sevilla, Personagens Originais, Ruggero Pasquarelli
Exibições 68
Palavras 1.095
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii, gente, bom essa é a minha "primeira" fanfic no spirit espero que gostem.😘

Capítulo 1 - -capítulo 1


Já se passava das oito da noite na mansão "balsamo valente".

Matteo como um bom marido foi chamar a esposa para jantar. Em vista que a mesma estava a horas trancafiada no quarto, fazendo sabe-se lá o que. 

Bateu na porta. E como não obteve resposta, adentrou o local. Perdendo o ar por alguns segundos, pois luna trajava apenas uma lingerie.

Matteo parou por um momento para observar o belo corpo da amada. Ela podia ser pequena. Mas,segundo ele, e muitos outros ela era gostosa. Tratou de tirar esses pensamentos de sua cabeça,antes que se animasse e por mais uma noite caísse na sua própria frustração.

Sua vida sexual indo de mal a pior.fazia exatamente três meses que ele e luna não Faziam amor,eram três meses de tensão sexual acumulada.para ser mais sincero somente ele estava nessa terrível situação, por que luna, procurava na rua o que segundo ela "não tinha" em casa.

Matteo:Er... Amor, não vai descer pra jantar?(perguntou com cautela fazendo com que ela se assustasse.)

Luna: Ai que susto matteo (rolou os olhos) eu já falei pra você não me chamar assim (sua voz soou enojada)

Matteo: eu não compreendo, porque?

Luna:porque é feio,é tosco, é coisa de pobre (disse seca) pode sair daqui não vou jantar. E se não for muito incomodo,gostaria que você só suba de novo quando eu estiver dormindo.para me poupar de ter que olhar pra essa sua cara. (Ordenou impassível.sua face estava,fria,sem emoções.internamente,festejava a sensação de te-lo posto pra baixo.)

Matteo:mas... (Ela o interrompeu)

Luna:Nada de mas.eu já disse que não quero jantar.agora vai,anda,some da minha frente (diz fazendo gestos com a mão para que o mesmo fosse embora.)

E assim ele fez.abaixou a cabeça e contendo as lágrimas saiu do quarto.luna assim que viu a porta se fechar caiu em gargalhadas.

Luna:ponto pra mim.(o sorriso satisfeito bailou em seus lábios)

...

Matteo mais uma vez jantou sozinho.aliás na maioria das vezes era assim que jantava , sozinho com seus pensamentos.luna sempre dava uma desculpa para não estar com ele,algumas vezes até dormia fora de casa.

Ele não era burro sabia oque ela estava fazendo.Nunca tinha visto,mas tinhas suas fontes,sempre lhe comprovavam que ela estava com outros.e a cada confirmação,seu coração apertava de uma maneira totalmente inexplicável. As vezes se culpava por sofrer tanto.por que tinha que amar quem não o ama? Por que não conseguia mandar no seu coração?

Talvez  se não fosse tão apaixonado por luna,se não a amasse tanto,sua vida seria melhor. As pessoas que o vêem em capas de revistas,pessoas que querem ser ele,se  soubessem o quão infeliz ele era.elas jamais teriam esses pensamentos.suspirou cansando,ele era tão ruim assim a ponto de sua mulher odiar?. Não queria ser modesto,mas sabia que não era feio.aliás muitas mulheres o diziam isso.mulheres muito bonitas por sinal, mas para ele nenhuma se comparava a luna Ele a amava demais para pensar na possibilidade de trai-la , além do mais se fizesse isso Sabia que jamais se perdoaria.

Matteo:é matteo você é um idiota (disse pra si mesmo)

Depois de arrumar a cozinha,matteo foi pra biblioteca ler alguma coisa enquanto esperava para que luna dormisse.talvez a hora de dormir fosse a melhor hora do dia pra ele.

Para sua sorte luna nunca reclamou de ter que dormir no Mesmo quarto que ele.então ele aproveitava que ela tinha o sono pesado, para observa-la.por isso que ele adorava a hora de dormir, por que é o único jeito de ficar perto de luna sem que ela reclame.

                No dia seguinte

luna acordou e viu que matteo  não se encontrava em casa.Deu graças a deus,odiava ter que escuta-lo logo pela manhã .

Foi em direção ao banheiro,fez sua higiene logo depois foi tomar banho.enquanto a água  quente caia sobre seu corpo relaxando seus músculos tensos,imagens do seu passado vieram a sua mente .e sem perceber lágrimas já desciam por sua face .

Luna: ora,luna não seja fraca.você prometeu que não iria mais chorar por isso (murmurou pra si e limpou as lagrimas)

Saiu do banheiro se arrumou elegante como sempre desfrutou de seu café sem a companhia seu marido,em seguida , seguiu rumo a sua empresa.para mais um dia de trabalho.

....

Chegando lá

Luna era temida por muitos funcionários.o que pra ela era ótimo, só mostrava que ela tinha poder sob aquele bando de pobres,como ela classificava.odiava gente pobre, só de ouvir isso já lhe dava náuseas. Passou por duas funcionárias que estavam conversando.

Resolveu deixar pra Lá. Porém quando ouviu o nome "balsamo" decidiu saber o que ia dar a conversa delas.todos que se encontravam ali já haviam percebido luna.exceto as duas funcionárias em questão,que continuavam com o papo animado.

XX:ai meu deus esse homem é muito lindo (disse olhando a foto de matteo na revista)

Quase ninguém ali sabia que luna era esposa de matteo. Ela não gostava que soubessem disso, Ela não gostava de ser esposa de matteo. O mundo não precisava saber do seu casamento.

XXY:E gostoso. Dava,dava mesmo,dava muito (afirmou safada)pena que é casado (suspirou triste)

XX: Eu não acredito nisso todos falam que ele é casado,mas eu nunca vi a mulher dele (deu de ombros como se não acreditasse naquela informação)

XXY:deve ser uma mulher tão feia, que ele tem vergonha de sair com ela (afirmou e a amiga riu)

Luna cada vez estava ficando mais irritada com aquelas imbecis.sua paciência estava no limite.

XX:ai eu daria tudo pra ser mulher dele (disse sonhadora)sejamos realistas eu sou bonita e gostosa.se a mulher dele é tão feia assim, eu posso muito bem ser a sra°balsamo(a outra iria responder mais luna as interrompeu batendo o pé direito no Chão fazendo o barulho ecoar por toda a recepção do local, fazendo as mulheres se calarem.)

XX:Er, S-Senhorita V-valente (disse nervosa,gaguejando)

XXY:Nós, hum,nós estavamos...

Luna:vocês estavam conversando em horário de trabalho.e pior estavam falando do meu marido (as mulheres arregalaram os olhos como assim marido?)

XX:marido?

Luna:sim,o meu marido.não que seja da sua conta.mas somos casados a um ano e meio, sejamos realistas (imitou a mulher) não sou feia,não mesmo (Luna não sabia oque estava acontecendo mas não gostou do jeito que a mulher falou de Matteo)da próxima vez que su pegar vocês falando do meu marido poderam  considerarem-se demitidas. E eu mesma irei cuidar para que vocês não consigam emprego nem de faxineira,em qualquer lugar do mundo.vocês não sabem do que eu sou capaz então é melhor ficarem atentas (ameaçou)

XX:desculpe,sinto muito (abixou a cabeça estava morrendo de vergonha)

Luna:e vocês(se voltou pros outros funcionários,o recado não é só pra elas.tomem cuidado com tudo que falam aqui.voltem ao trabalho(todos a obedeceram) bando de coitados (os insultou com nojo)

Rapidamente ela saiu dali indo em direção ao elevador.parou pra pensar e...o que ela tinha feito? Sentiu ciúmes de matteo?)

Luna: não,não,não luna valente você o odeia,entendeu o odeia(afastou aqueles pensamentos)




Notas Finais


Bom,espero que tenham gostado😊

Até o próximo cap😍

Beijinhos dá lary😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...