História Aquela noite.... - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Happy, Jellal Fernandes, Jude Heartfilia, Juvia Lockser, Lector, Levy McGarden, Loki, Lucy Heartfilia, Mavis Vermilion, Michelle Lobster, Minerva Orland, Natsu Dragneel, Rogue Cheney, Sting Eucliffe, Yukino Aguria, Zeref
Exibições 109
Palavras 1.348
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Hentai, Mistério, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Self Inserction, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Pessoal, mais um capítulo pra vcs, e eu espero que vcs gostem, pq eu escrevi com muito carinho.
Até as notas finais, beijão! 😊😘💗

Capítulo 14 - Declarações....


Fanfic / Fanfiction Aquela noite.... - Capítulo 14 - Declarações....

- Eu Te Amo Natsu... e eu não quero te perder! -aquelas palavras rodavam minha cabeça, ela tinha se declarado? Ela? A Lucy tem atitude, mas eu não posso deixar que ela domine a situação. 

Subi em cima dela, e aprofundei um beijo calmo como os outros, porém dessa vez com um toque de desespero, de possessão. Quando o ar faltou eu disse:

- Eu também Te Amo Luce... e eu não vou te perder! Não vou perder mais tempo pra ser feliz, e você me faz feliz! Ela me deu um sorriso doce, mas com um toque de malícia.

A Lucy era uma mulher que não pedia tempo, que tomava atitudes, e que fazia oque tinha que fazer. Eu tinha que mostrar pra ela que eu poderia ser superior. Sem perder tempo eu agarrei suas coxas e as envolvi na minha cintura, e sem nos separarmos do beijo a levei pro meu quarto. Vez ou outra ela me dava selinhos pelo pescoço, assim como eu.

       ~~~~~~~~~~~~《》~~~~~~~~~~~

LUCY ON

Lá estava eu agarrada na cintura do Natsu, eu tinha acabado de me declarar e fui correspondida. Eu estava aproveitando ao máximo sua boca, assim como ele fazia com a minha, e quando faltava o ar trocávamos selinhos e pequenas mordidas pelo percorrer do rosto.

Quando chegamos no seu quarto, ele me colocou delicadamente na cama, sem precisarmos parar o beijo, e depois que nos separamos ele me olhou com um sorriso que eu nunca tinha visto antes, não um sorriso malicioso, um sorriso doce, carinhoso.
Ele retirou sua camisa, e sem perder tempo sua calça também. Ele realmente queria fazer isso, e eu também.

Eu não podia apenas ficar encarando aquele corpo que antes de roupa eu já achava maravilhoso, mas que agora quase sem nada eu tinha certeza que ele tinha um corpo perfeito. Então, comecei a tirar meu vestido, acho que ele gostou da minha iniciativa, eu com certeza adiantei muito a vida dele.

- Você tem muita atitude Luce.... sabe muito bem como enlouquecer um homem. -ele disse com um sorriso malicioso e com aqulea voz rouca que só ele sabe fazer.

- E você sabe como me enlouquecer! -provoquei também. 

Quando eu percebi ele já estava em cima de mim totalmente nu. Começados um beijo lento e apaixonado, enquanto isso ele retirava meu sutiã, e sem que eu me desse conta ele já estava acariciando meus seios. Eu agarrava seus fios rosados e com a outra mão explorava seu corpo inteiro. Eu já havia transado antes com o Loki, porém dessa vez eu me sentia amada e sentia que realmente amava ele.

Ele não demorou para entrar em mim (ele já estava de camisinha), começamos bem lentamente, e eu sentia o prazer em seu rosto quando eu gemia seu nome. Enquanto fomos acelerando o ritmo trocavamos carinhos, mordidas e beijos apaixonados.
Ficamos assim por alguns minutos até alcançarmos nosso limite juntos. 

- Eu Te Amo Luce! -ele disse baixinho no meu ouvido. 

- Eu também te amo Natsu! -e assim terminamoa a noite, abraçados e aliviados por tantos esclarecimentos e revelações. 

Eu sinto que agora minha vida começou de verdade, eu finalmente desvendei meu mistério, eu finalmente posso estar ao lado dele, do meu rosado!

     ~~~~~~~~~~《》~~~~~~~~~

NATSU ON

Essa com certeza tinha sido a melhor noite da minha vida. Eu sentia que havia amado ela de verdade e que havia sido amado.

Eu acabei de acordar e percebi que ela ainda está aqui, que bom! Encostei meu rosto em seus fios loiros, e me levantei pra tomar um banho. A partir de hoje eu mostraria meu carinho para todos, à começar por ela. 

Já havia tomado banho, e ela ainda dormia pesadamente, mas isso não era tão ruim já que eu queria preparar o café da manhã pra ela.

Estava fazendo panquecas, já que ela sempre deixou claro que amava. Também preparei um suco de laranja, algumas frutas vermelhas e uma calda como acompanhamento. Eu odeio café, e por sorte ela também não gosta. O cheiro daquilo me deixava com dor de cabeça, inclusive no trabalho eu só tomo chocolate quente com chantilly. 

Quando eu estava terminado de colocar tudo na mesa, olhei pra escada, e lá estava ela, com uma calça moletom e uma blusa curtinha, que deixava à mostra uma pequena parte se sua cintura bem desenhada. Ela observava meus pequenos gestos e ações com um olhar de ternura e carinho. 

- Bom Dia! -disse com um sorriso que nem eu lembrava que tinha. 

- Bom Dia! Dormiu bem? -perguntou com um sorriso no rosto. 


- Não poderia ter dormido melhor! -falei ainda focado em cortar as frutas vermelhas. -E Você ? 

- Foi a melhor noite da minha vida. -ela disse enquanto me abraçava pelas costas acariciando meus cabelos e beijando meu pescoço me fazendo arrepiar. 

- Que Bom! Vamos tomar café? -me virei e retribui o abraço depositando um selinho em sua boca.

- Vamos! Estou faminta. -ela disse se afastando de mim e dando pulinhos. 

- Eu também. Espero que goste, não ficou tão bom quanto o seu, mas eu fiz com muito carinho. 

- Que nada! Tenho certeza que está uma delícia, você cozinha a mais tempo que eu.

Soltei uma risada e fui colocar ração pro Happy, que já me olhava com um olhar pidão.
Tomamos café tranquilamente e depois nos preparamos pra sair, já que a Juvia e o Gray tinham nos chamado pra almoçar lá. 

Ela estava deslumbrantemente linda, com um shorts jeans azul, uma blusinha de frio com a imagem de um panda e um all star preto de cano médio.
Eu estava com uma bermuda jeans azul, uma blusa de frio preta e um vans preto. Estava fazendo um frio razoável em Magnolia naquele dia.

     ~~~~~~~~~~《》~~~~~~~~~~
Havia corrido tudo bem no almoço, a Lucy ficou deslumbrada com o apartamento do casal e com sua organização (oque eu sabia que era exagero, já que eles não tinham tempo de manter arrumado, mas tinham uma empregada que fazia isso).
Agora estávamos em casa, sem fazer nada sentados no sofá assistindo Minions.

- Nee Luce... -resolvi quebrar o silêncio 

- Hum? -resmungou ainda olhando pra TV. 

- Vamos em uma sorveteria que tem aqui perto de casa? Eu estou começando à ficar cansado de não fazer nada.

- Pode ser. Estou com fome.

Ainda estávamos com a roupa do almoço, então apenas lavamos o rosto de descemos. Fomos à pé mesmo, já que o estabelecimento era bem próximo dali, mas isso foi nosso maior erro.
Estávamos tranquilos tomando nosso sorvete, ou melhor, nosso açaí, até que do nada surgiu uma puta chuva que poderia arrastar qualquer um que estivesse passando!

- E agora?? -perguntou a loira me olhando com um sorriso sem graça 

- Fudeu! Apenas isso! -falei ainda tomando meu açaí e quando levantei a cabeça para olha-la, ela estava rindo docemente pra mim. 

Esperamos uns trinta minutos, e nada dessa chuva passar, já estava quase escurecendo. Já tínhamos comido quase todo o estoque daquela sorveteria. O bom da Lucy é que ela não é fresca e come muito! Isso me encanta.

- Luce, se importa de irmos pra casa na chuva? -perguntei, já que o vento e a chuva haviam diminuido um pouco. 

- Por mim tudo bem. Eu li uma vez que água da chuva faz bem pra pele. -quando ela disse isso soltou uma risada gostosa e eu a acompanhei. 

Paguei a conta, e fomos lá pra fora. Ficamos encarando aquela pequena média tempestade, até que ela segurou minha mão e saímos correndo. Pouco mais de cinco minutos já estávamos na porta do elevador esperando o mesmo. Tudo bem até ai, o problema é... nunca olhe pra uma pessoa depois de ter passado uma vergonha com ela, ainda mais se estiver em público. E nós cometemos esse erro, nos olhamos por breves segundos e começamos a rir igual duas hienas tendo convulsão. E o pior quando o elevador chegou, seguramos a risada por um tempo até que a pessoa que estava lá dentro saisse, e depois começou tudo de novo. Fazia tempo que eu não me sentia vivo assim, fazia tempo que eu não ria desse jeito. São sensações tão gostosas...



Notas Finais


Gente!! Escrevi meu primeiro hentai! Deve ter ficado bem ruim, mas já é um grande passo pra mim, já que eu estava bem preocupada em como escrever e se vcs iam gostar. Espero que tenham gostado. Me digam oque acharam nos comentários
✌🤗💋❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...