História Aquelas Tres Palavras (ABO) JIKOOK - Capítulo 18


Escrita por: ~ e ~Sad_Girl_Bear

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7, Monsta X
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, Jackson, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Ki Hyun, Mark, Rap Monster, Suga, V, Won Ho
Tags Bts, Jikook, Jimin, Jungkook
Visualizações 751
Palavras 1.149
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Fluffy, Lemon, Shoujo (Romântico)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Herou, aqui é a Co autora. Fiquei com o cargo de escrever o lemon, eu realmente estou muito envergonhada de postar isso, mas vou fazer. Mil perdões se não estiver bom o suficiente mas estou dando meu máximo. Lembrando que, Jackson é alfa e o Mark ômega. Eu não irei pôr o nome do personagem antes da frase, por exemplo:
"Mark- você está me irritando Jack"
Meu modo de escrever é um tanto diferente, apenas relevem. O texto está inteiro na terceira pessoa, ou seja, na voz do narrador.
Boa leitura, espero que gostem. Qualquer erro, por favor avisem.

Capítulo 18 - Especial Markson (pré lemon)


Fanfic / Fanfiction Aquelas Tres Palavras (ABO) JIKOOK - Capítulo 18 - Especial Markson (pré lemon)

-É sério, eu e o Mark estamos apenas ficando. Não é nada sério, e não pretendo que seja por enquanto, eu não...- Jackson realmente não queria nada sério, pelo menos agora não. Mas tem uma explicação. Ele não quer que tudo o que sente pelo seu amado Ômega, seja esquecido pelo mesmo, ele não quer ser jogado para escanteio, não quer que Mark se canse de si. Agora a situação é...

-Huh, então acho que apenas você sabe disso meu caro, porque pelo visto isso não estava claro para o Ômega ali- Jongin, ou Kai como é conhecido, apontou com o queixo para o lado onde Mark se encontrava com as mãos abafando os soluços e lágrimas saindo como duas cachoeiras de seus olhos. Rapidamente Jackson se virou e esticou o braço na tentativa falha de tocar seu ômega que no mesmo instante se esquivou e o olhou com desprezo.

-Mark eu não...-tentou novamente uma aproximação, e novamente foi falho.

-fica quieto... sério, não esperava que fosse acontecer agora, comigo, um daqueles momentos clichés onde o bad boy diz "não foi isso que eu quis dizer" - afinou a foz fazendo movimentos com as mãos como se simbolizasse "nojinho", assim como ele diz - e o trouxa bom moço diz "eu não quero saber, fique longe de mim seu idiota" -repetiu o ato - mas sinceramente Jackson, eu não quero saber e fique bem longe de mim seu idiota, de preferência fique em uma distância razoavel em que eu não tenha o desprazer de enxergar seu rosto. Babaca. - passou as costas de sua destra em seu nariz uma ultima vez e fungou, logo dando as costas para o loiro que o encarava perplexo e saindo dali parando na pista de dança roubando um copo com um liquido estranho de um desconhecido.

-se ferrou jovem gafanhoto, resolva esse perrengue agora senhor "não é nada sério e não pretendo que seja..." - Kai soltou uma risada e deu dois tapinhas nas costas do alfa que nem se mexeu.

[▪▪▪]

Uma hora. Exatos sessenta minutos que Jackson sentou-se no grande sofá encostado na parede e permaneceu observando o ômega que agora estava dançando como louco na pista de dança. Estava tudo, ou nada, correndo normalmente até o loiro perceber um alfa estranho se aproximando e dançando colado a Mark, que nem percebeu ou fingiu que não. Ele deixaria ou permaneceria sa sua respeitando o tempo de Mark para desculpa-lo? E se ele se cansasse agora de Jackson e gostasse mais do alfa desconheciso? Ah mas é claro que ele não vai deixar.

Rapidamente em um pulo, literalmente, Jackson se levantou e correu em direção ao seu, ou não, ômega. O pegou pelo braço e seguiu em direção aos quartos. Eles precisam se resolver, precisam conversar e por "os pingos nos i's", nada melhor que ir para um local mais reservado, certo? 

Errado. Não quando se tem um ômega, totalmente sensual em uma calça de couro colada e uma camisa social com os dois primeiros botões abertos.

- ei seu idiota, o que pensa que está fazendo?! -perguntou se debatendo. Logo parou e analizou sua frase -cacete, você ta me fazendo virar um baita cliché essa noite hein. Caramba.

Sem responder, Jackson entrou em um quarto qualquer, o qual deduziu ser o quarto dos pais do dono da festa por causa da cama de casal e o quarto decorado de um jeito mais adulto. Empurrou e prensou Mark na parede, logo o encarando fixamente nos olhos. Mark derreteria naquele exato momento se não estivesse "de cara" por causa das palavras do alfa um tempo antes.

-me escuta, por favor -com aqueles olhos pidões que só ele sabe fazer, tentou derreter o garoto, já sem esperanças pois, sabe que Mark não é facil de reconquistar.

- qual a frase cliché da vez, hein? Vai, quero ver onde isso vai dar. -realmente, quase se jogou nos braços do alfa loiro e o enxeu de beijos, mas ainda está com um pé atrás. 

- me desculpe... mas eu...-parou no meio da frase, não sabia se falava ou não a verdade.

-você o que Jackson Wang?- estava ficando bravo com a demora, ele odeia ser curioso.

-aish, eu tenho medo Mark. Nos meus ultimos relacionamentos eu fui deixado de lado porque a pessoa se cansou de mim e eu amo você demais para aguentar que você me deixe também eu...- foi interrompido pelos lábios que tanto ama sentir. 

-shhh. Somos nós Jack, não seus antigos namoros ou seja lá oque. Somos eu e você, e sinceramente eu tenho este mesmo medo que você. Tenho medo que você perceba que sou insuficiênte para você, que não sou tão bom pra você. Mas... eu escolhi arriscar, e pretendo continuar me arriscando, não vou desistir de te conquistar para enfim termos um relacionamento sério. Eu também te amo demais Jack, pense, amor demais com amor demais, em uma marca apenas somaria com mais amor ainda, seriamos um Jack. Eu vou esperar você ficar pronto e vou continuar esperando para quando quisermos ter uma marca.

-mas...

-eu nunca irei me cansar de você. - segurou no pescoço do loiro mais alto, enroscando seus dedos nos cabelos da nuca do mesmo, logo também enroscando seus lábios e lingua na boca do outro. Um beijo que começou calmo, agora é um beijo intenso, o quarto agora está mais abafado, o calor dos corpos juntos estava enlouquecendo ambos.

Jackson numa tentativa de os unir mais, apertou e puxou para si a cintura do ômega, fazendo o menor arfar entre o ósculo e aumentar a intensidade do mesmo. Eles iriam pirar se continuassem sem se tocar, por isso o castanho tratou logo de passar a mão no abdômen do mais alto, mesmo que por cima da camisa. Pousou suas mãos na barra da camisa e a puxou para cima, agora podendo tocar melhor o corpo do outro, que fez o mesmo consigo e após passou a mão por trás do joelho do menor trazendo a perna dele na altura de sua cintura. A falta de ar se fez necessária e eles se separaram, não por muito tempo, logo estavam se beijando loucamente denovo.

Mark pegou impulso e pulou no colo do mais alto, que caminhou em direção da cama tombando na mesma. O loiro descia e subia as mãos pelas coxas fartas o bastante para si, rapidamente mais duas peças estavam ao chão,  suas calças. Não seria a primeira vez que fariam aquilo, mas é a primeira vez que se sentem em uma sauna, realmente o quarto estava mais quente que as outras vezes que fizeram tais atos. Aproveitando a concentração de Mark no beijo, Jackson passou sua mão pelo membro, já ereto do menor,que arfou forte pelo contato repentino, massageando e apertando o local com a palma da mão. Gemidos baixos eram soltos pelo castanho até o maior adentrar com a mão em sua box, que em poucos segundos foi parar no mesmo lugar que o resto de suas roupas.


Notas Finais


Este cap foi apenas para a introdução do lemon, estou quase sem internet, se não postava tudo hoje. Estou mais do que atrasada, era pra ter postado no máximo as 21:30 e agora é 22:14. Autora desculpe o atraso.
Aqui onde moro está chovendo muito, e como minha internet é incrivelmente maravilhosa, está bugando, eu estou p da vida por isso.
Lembrem de comentar caso tiver erro.
O lemon ta ó... tchaca tchaca na butchaca. Sksksksksk ela é piadista ela. Bye e sorry novamente.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...