História Arctic Monkeys - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Vamps
Personagens Bradley Simpson
Tags Bradley Simpson, Connor Ball, Jamesmcvey, The Vamps, Tristan Evans
Exibições 8
Palavras 686
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Festa, Shoujo (Romântico), Survival
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpem a demoraaaa, não desistam de mim!
Boa leitura <3

Capítulo 7 - Capítulo 7


Fanfic / Fanfiction Arctic Monkeys - Capítulo 7 - Capítulo 7


Brad POV


 Lauren – Eu também gosto de você. - sorriu fraco e eu retribui.-


   Porque diabos eu não disse que gostava mais do que um amigo, estava me sentindo insuficiente demais. Eu não deveria ter dito aquilo, estragou o clima do beijo, que sem graça. Agora não sei o que fazer, pelo menos sei que ela é apaixonada por mim mais não admite assim como eu. Lauren me desviou desses pensamentos, me chamando para ir embora.


 James – Vocês poderiam ir lá pra mansão.


 Lauren – Acho que não...Amy, pode ir. 


 Amy – Não dá, eu tenho que fazer as malas pra passar um tempo na su casa. - sorriram.-


 Brad – Tá.. até em breve.


  Amy se despediu de James, carinhosamente. Lauren se afastou um pouco e eu caminhei lentamente com as mãos no bolso do sobretudo. Ela me fita rapidamente, fiquei parado a analisando até  dizer algo:


 Lauren – Se você quiser puxar assunto, pode falar. Mais não fique me observando assim.


 Brad – Porque?


 Lauren – Eu não gosto. - disse fitando o chão mais parecia irritada.-


 Brad – Mais você é linda.


 Lauren – Amy! - me ignorou.-


 Brad – Para de me ignorar. - me aproximo dela.-


 Amy – Desculpa, tchau Brad.


    Elas saíram e eu suspirei e fiz uma cara de decepção, James põe a mão no meu ombro e pergunta o que aconteceu. Enquanto iríamos para a nossa casa, contei tudo:


 Brad – Eu a beijei, mais não era a primeira vez. Eu pedi desculpa, mas não deveria, porque não foi a primeira vez. 


 James – Vocês se gostam?


 Brad – O que você acha? - pergunto o fitando.-


 James – Eu acho que sim, mais que tal se abrir pra ela. Sabe chama-la para sair, sem ser em um encontro do Arctic Monkeys. - riu.-


 Brad – Não sei se seria uma boa idéia.


 James – Eu acho que sim, tudo vai ficar mais esclarecido. Vocês vão de entender e parar com essas discussões bobas.


  Chegando em casa, vejo Connor jogando vídeo game, passei direto indo para a cozinha. Mais sou barrado por Tristan, ele pergunta se está tudo bem:


 Brad – Tá tudo ótimo.


 James – Deixe ele em paz. - disse passando por nós e eu abaixei a cabeça.-


 Tristan – Discutiu com Lauren? Posso pega-la? - pergunta rindo e eu o encaro.-


 Brad – Faça bom aproveito.


 Tristan – Eu tô brincando, acha mesmo que eu iria fazer isso? - subi para meu quarto.-


   Eu precisava descansar minha cabeça, sinto-me confuso, sem o que fazer. Mandei uma mensagem para ela, enquanto ela não respondia, deitei na cama e liguei a tv. Peguei meu celular e a garota apenas visualiza. Tomei uma coragem maior e liguei para ela até a mesma atender:


 LaurenCaramba, tu não me dá paz hein?


 Brad Espera, vamos sair hoje a noite? - aquilo havia saído sem eu perceber.-


 LaurenAh..não sei não, já saí tantas vezes com você.


 Brad Por favor, Lauren dessa vez você não vai se arrepender...


 Lauren Tá, ás 20h30min esteja aqui...


 BradEstarei. - ela desliga.-


  Foi uma coragem em tanta, eu nem queria isso, pulou de uma vez da minha boca pra fora. Agora já é tarde, porém irei, e será o melhor encontro dela, eu farei ser. Fui para o banheiro e tomei um banho demorado, e morno, o ar estava quentinho, não queria sair mais dali. Porém já saí vestido, uma calça jeans justa preta, uma blusa branca, uma jaqueta e meu velho all star branco. Coloquei uma toca pra abaixar um pouco o volume dos meus cachos. Sentei-me na cama e esperei dar o tempo, o quão nervoso e ansioso estou não sei descrever legalmente. Respirei fundo e levantei da cama, desci as escadas lentamente e vi que os meninos não estavam mais na sala, suspirei aliviado e acelerei o passo, sai indo para garagem. Entrei no carro e o liguei seguindo para o endereço de Lauren, no caminho coloquei uma música para descontrair, porque o nervosismo Brad? Tenho que pelo menos agrada-lá, isso não teria acontecido também se eu ficasse na calado, se nos beijamos mais de uma vez porque aquela hora, eu pedi desculpas? Agora faz sentindo porque eu não tenho namorada.
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...