História Are you afraid of the Dark?-imagine Jimin - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Black Pink, EXO, Monsta X, Super Junior
Visualizações 23
Palavras 1.018
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Ficção, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Yaoi, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiii genteee><
Desculpa eu tava sem tempo para postar;-;
Mas não sumo mais:)
Divirtam-se
E
Boa
Leitura
<3

Capítulo 8 - Are yoυ aғraιd oғ тнe darĸ?,08


Fanfic / Fanfiction Are you afraid of the Dark?-imagine Jimin - Capítulo 8 - Are yoυ aғraιd oғ тнe darĸ?,08

Hoseok P.O.V

Taehyung se levantou e saiu sem dizer nada, eu estava confuso com meus sentimentos, Taehyung me protege e se preocupa comigo, já Yoongi...Ta pouco se fodendo para mim, só me pegou e adeus,nem fala comigo direito, acho que sou um terrível fracassado! Não sei se amor ainda existe, preciso descobrir, será que...devo dar uma chance a Taehyung?Ou não desistir do Yoongi? Ai meu deus!Não sei o que fazer, Taehyung voltou com uma bandeja de sanduíches em suas mãos:

-Você precisa comer meu Hobi!

-Não estou com fome Tae...Obrigado mesmo

Ele faz uma cara feia tentando por o sanduíche na minha boca. Admito que estava ótimo, como o sanduíche quase todo e Taehyung se deita no meu colo olhando para meus olhos:

-Sempre que precisar eu estarei aqui, para tudo mesmo amor!

-Obrigado Tae...

-Olha Hobi...Me perdoa, mas eu tenho que ir agora resolver coisas importantes, vai ficar bem sem mim?se não eu fico!

-Pode ir, ficarei bem.                                                                Menti.                                 

S/N P.O.V

Saio da casa do Jimin correndo até a minha, não lembrei das minhas coisas apenas queria desvendar logo essas ligações! 

Chego na minha casa, ela estava vazia, corri ao meu quarto e tentei chamar Shownu, bati no meu armário desesperadamente até algo aparecer, esperei, esperei e nada dele aparecer, deitei a cabeça no travesseiro e pensei um pouco, melhor explicar para o Jimin, mas meu celular estava na casa dele!Peguei um papel e uma caneta para escrever uma carta:

Querido Jimin,

Eu sei que  provávelmente você deve estar muito chateado comigo, bom eu também estaria...

Primeiramente queria me desculpar, eu sei que fui trouxa em não avisar nada, nem pelo menos ter pego minhas coisas e dado um adeus...Espero que possa me perdoar, eu estou passando por coisas difíceis Jimin, eu queria muito de verdade te contar, mas infelizmente não posso, espero que me entenda.

Com amor,

S/N.

Após ter escrito a carta vi a porta do armário abrir:

-Amém!

-Por que me chamou S/N?

-Preciso descobrir quem está me ligando!Todo dia aparece alguém me falando coisa ruins!

-Pode ser criança!

-Mas não é!Shownu me ajuda!

-Aishhh!Que saco, me da seu celular.

Procurei pelo quarto mas lembrei que tinha esquecido na casa do Jimin.

-E-eh...Tá na casa do Jimin!

-Assim não dá!Me chame amanhã então, até S/N.

Ele some.

Jimin P.O.V

Ainda estava sem entender o que deu na S/N, ela estava muito estranha esses dias, sai do meu quarto e peguei as coisas dela arrumando para entregar amanhã na aula, peguei a bolsa e deixei seu celular cair, peguei o mesmo e apareceu uma ligação do número:

(00)000-000

Mas que diabos é isso?Atendi o celular e ouvi uma voz feminina.

-S/N querida!Logo logo eu vou te encontrar, prometo não te matar...Mas não prometo nada se vou te machucar hahahaha.

Desliguei o celular e cai sentado na cama, ela estava sendo perseguida!Tenho que ajuda-la!

Peguei o carro do meu pai e dirigi até a casa dela, subi as escadas e abri a porta, ela abriu e logo soltou um sorriso, sorri também mas logo fiquei sério.

-S/N...Precisamos conversar...

Taehyung P.O.V

Sai da casa do Hobi, eu gosto muito dele, mas eu sei que ele ama o Yoongi...Tinha que seguir em frente, não vou perder contato com ele, mas também não vou dispensar o garoto que estou saindo, peguei minhas coisas e chamei o taxi, logo chegou e fui para um parque esperar ele, comprei um suco de morango por enquanto e sentei em um banco, logo de longe vejo ele se aproximar, sorri bobo e ele veio até mim sorrindo também: 

-Oi TaeTae!

-Oi amor!O que vamos fazer kookie?

-Que tal sorvete

Hoseok P.O.V

Após Tae sair, peguei meu celular e fui tentar falar com Yoongi, mas ele não antende, nem me respondia, precisava desabafar e contar tudo de uma vez, mas acho que só poderia estar me evitando, pensei que seria encomodo, mas eu iria a casa dele, peguei um casaco e sai, fazia tempo que não ia na casa dele, mas eu lembrei, o porteiro me deixou subir e bati na porta 802,esperei, ele abriu com cara de sono, uma camisa branca e um shorts muito colado, marcando bastante suas intimidades, minhas bochechas estavam muito vermelhas:

-Não vai entrar?

Não respondi apenas sorri e entrei, o mesmo pegou 2 copos e uma garrafa de vodka e colocou no copo:

-É...Eu não bebo...

-Então perdeu.

Ele sorriu e pegou um copo sentando no sofá, apenas encarei ele:

-Então Hobi!O que te trás aqui?

Respirei fundo.

-Então Yoongi, já faz um tempo, mas eu...eu...Gosto de você.

Ele apenas acenou com a cabeça .

-Ah já sabia, você não esconde bem filho, vem aqui, e senta aqui.

Fiz o que ele pediu e sentei do lado dele no sofá.

-Não era ai que eu queria...

Ele colocou o copo na mesinha em frente ao sofá e me pegou colocando-me em seu colo, corei e não sabia o que fazer, apenas o encarei e pude sentir sua ereção crescer.

-E você...sente o mesmo?

Ele não respondeu e me puxou para um beijo, retribui enlaçando meus braços no seu pescoço, já ele desceu as mãos para minhas nádegas a apertando-as, ele me carregou até seu quarto e me jogou na cama logo se jogando em cima de mim, senti sua mão dentro do meu shorts e logo tirando, ele tirou sua camisa e logo começou a me masturbar, dei um gemido alto deixando-me levar por ele:

-Podemos pular né?

Ele tirou sua calça ficando só de boxer, seu membro era grande e estava duro, me dando uma sensação de desejo, mas logo perguntei:

-Yoongi, você me ama?

O mesmo se sentou e eu o encarei, quebrei o clima, merda.

-Não diria amor sabe...diria mais desejo...

-Então você só quer meu corpo, está bem Yoongi...

Realmente fiz bem em ter quebrado, não queria perder minha virgindade com quem não me ama...Levantei da cama e vesti minhas roupas, correndo até a porta.

-Hoseok espera...Não era isso que eu queria dizer...

-Mas Disse.

Falei fechando a porta.

-Eu queria dizer que tenho desejo por tudo em você...Ah chega!

Sai da casa dele chorando e ligando para Jin, um ótimo conselheiro, estava chovendo e eu não sabia para onde ir, lembrei que por aqui era a casa do Namjoon!Corri em direção do lugar e bati na porta desesperado e quem atendeu foi Jin!

-Jin!Você nem me atendeu!Espera...O que estava fazendo aqui?

-É...Nada não hehe!

-Preciso de você, estou muito triste, mais uma ilusão amorosa, acho que tenho alguma divida com o cupido...





Notas Finais


Capítulo novo essa semana :)
Leiam também:
https://spiritfanfics.com/historia/dangerous-love-9582128


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...