História Arkyos Angel— Family conflict - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Anjos, Arkyos Angel, Conflitos, Demonios, Família, Katrina, Luan, Luka, Mayane, Mayse
Exibições 30
Palavras 1.302
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Escolar, Famí­lia, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel, Yuri
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Não quero ninguém se intrometendo na minha vida


Fanfic / Fanfiction Arkyos Angel— Family conflict - Capítulo 2 - Não quero ninguém se intrometendo na minha vida

(Mayse on)

Eu e o Léo saímos para um passeio... Estávamos passando por um vilarejo perto do reino... Nós gostamos de conversar sobre muitas coisas...

Faz tempo que eu e o Léo somos amigos... Ele é a única pessoa que me entende... Onde tem encrenca tem eu e o Léo...

Léo— Ei Mayse... Duvido você conseguir pegar aquela maçã— ele aponta para uma maçã em uma macieira, que estava muito alta...

Mayse— O quê que eu irei ganhar com isso ?

Léo— Poderá pedir o que quiser princesa

Eu olho para o topo da árvore, que é muito alta... E está muito escuro... Eu coloco o pé em um galho, depois outro e outro... Até que consigo pegar a maçã... Quando eu ia descer o galho em que eu me apoiava quebra e eu caio...

(Aí aí aí )

Eu olho para o Léo que está em choque...

Léo— Você está bem... Você se machucou ?

Mayse— Aí seu idiota, a culpa foi sua ...

Pego a maçã que tinha caído e jogo nele mais ele desvia... Que fica um pouco assustado com a minha reação....

Luan— Mayse ! Você tá bem ?

Mayse— Eu vou me recuperar

Luan— O que vc fez seu imprestável ?

Léo— Ui que medo do príncipe Demônio meio Anjo de Arkyos...

Luan— Depois eu mato você

O meu irmão e o Léo são praticamente inimigos ...Luan me pega no colo e me lega para o castelo... Quando chega ele me põe na minha cama...

Luan— Por que você anda com aquele cachorro ?

Mayse— Isso não é da sua conta

Luan— Olha pra você, tá perecendo um lixo

Ele senta na minha cama e começa a tirar meu vestido... (Somos irmãos então é normal ele me ver sem roupas)... Depois de tirar toda a minha roupa ele olha os ferimentos...

Luan— Você não se cura fácil, eu vou te ajudar...

Mayse—  Não pré...

Nesse momento a porta abre... Era meu pai...

(Ops... Eu sei que ele é meu pai mais ele não pode me ver sem roupas)

Luka— Então você encontrou ela...

Ele disfarçar... Ele não estrou mais esta na porta...

Luan— Sim pai, ela estava com aquele cachorro... Ela está ferida... Pai que me ajudar a cura-la ?

Mayse— Eu quero ficar só... Saíam daqui...

Agora eu estava tão vermelha, vermelha de raiva do meu irmão e daquele idiota do Léo...

Luka— Luan pode me acompanhar, eu vou chamar a Katrina pra ajudar a sua irmã...

Luan— Okay...

Ele sai e eu fico só no meu quarto... Quando de repente eu escuto alguém batendo na janela...

(Léo?)

Léo— Princesa ?

Eu o ignoro pra ver se ele vai embora... Quando eu achei que ele tinha ido ele abre a janela e entra...

Léo— Nossa princesa, cheguei na hora exata...

Mayse— Sai daqui seu tarado

Léo— Qual é o problema ? Nós sempre nadava-mos pelados no lago... Se bem que você ficou mas gostosa...

May Seu Lobo pervertido sai daqui ou eu te mato...

Léo— Você e bem irritada para uma menina de 13 anos e gostosa demais...

Mayse— Oras seu...— agora o meu rosto deve estar mais vermelho do que antes...

Léo— Eu so vim ver se você está bem, mais... Acho que vi ainda mais— esse cara não para de me encará...

(Mayse off)

(Léo on)

Nossa o que eu ainda estou fazendo no quarto da princesa... Ai meu pai... Tenho que bloquear essas coisas eróticas da minha mente... Por que eu não consigo parar de olhar para ela... Esses olhos são tão encantadores... Essa boca tão vermelho... Esse cheiro... Essa pele tão branca e macia... Ela é perfeita, nesse momento só penso em... Eu tenho que sair daqui senão eu fico maluco...

Léo— Tchau, princesinha Mayse

Mayse— Já vai tarde, se mas alguém souber disso você tá frito, literalmente— Ela fica tão fofo assim vermelha...

Saio do quarto dela pela janela... Aí como eu sou pervertido, por que eu fui entrar no quarto da princesa ?... Por que eu não consigo falar uma coisa gentil pra ela, eu não consigo mais vê-la como amiga... Isso é ruim... O pai dela me odeia e a mãe dela é a rainha...

Caminho pelo um bosque florido... Foi aqui que eu conheci a Mayse... Ela tinha 5 anos e eu 7... Ela era tão pequena... Se irritava fácil e não tinha ninguém que segurasse aquela pirralha... Eu gostava muito dela é ainda gosto... Ela mudou tanto no jeito como na aparência, ela começou a ficar mas rebelde, radicalizou o estilo e isso só fez eu gostar mas dela... Gosto daquele jeito proibido dela ser... Gosto quando entramos em situações de risco... Gosto de quando ela ma xinga eu me bate... Eu não vivo sem a princesa... Depois que os meus pais me abandonaram eu não tinha ninguém... Tive que ser criado pela minha tia aqui em Arkyos... Mais agora a minha tia está muito doente... Ela é muito velha e nós lobos temos nossos limites... Eu nunca vou abandonar a princesa, mesmo ela não sabendo o que eu sinto por ela eu sempre vou cuidar dela é protege- la com a minha vida...

(Léo off)

(Katrina on)

Depois de ter ajudado a Mayse a se arrumar todos nós fomos para a sala de jantar... Todos vieram... A Suzumi e a sua filha Jeny... O Yukine, o Joker, o Ian, a Rose, e o Oliver... E mais alguns amigos de outros reinos... Estávamos todos nos divertindo e conversando um da vida do outro... O Yukine está solteiro, o que é um milagre... O Joker está seguindo a vida dele, apesar de ter alguns conflitos mentais... A Suzumi se casou e teve uma filha a Jeny, o seu marido não pode vir... A Rose diz ter pegado alguns caras mais agora está solteira... O Oliver diz ter uma namorada, que é uma raposa, em fim um coelho e uma raposa, sem comentários... O Ian tem vivido a vida chata de Ceifeiro dele é não se envolveu com nenhuma mulher, ele ainda é um solteirão de mais de 300 anos...

Yukine— Luka, você tem sorte de ter a Katrina como esposa— o Luka e o Yukine estão conversando da vida a leia...

Katrina— Ian, você a Rose e o Oliver ainda moram juntos ?

Ian— Digamos que sim, esses dois folgados vão viver as minha custas a vida toda...

Rose— Isso e jeito de falar com a gente Ian, somos uma família

Oliver— Isso papai, você tem que cuidar bem dos seus filhos

Ian— Oliver, nunca traga a sua namorada pra morar na minha casa okay

Oliver— Que maldade Ian

Katrina— Ian, e o Julian ?

Ian— Você quer mesmo saber dele... Bom... Ele se mudou de Arkyos, eu não sei mais onde ele mora

Katrina— Você sente saudades dele Ian ?

Ian— Eu quero mas é que ele se fod*

Eu estava tão feliz por ver todos de volta à Arkyos... Eu estava com muita saudade deles... A Mayana está conversando com alguns amigos dela o Léo está dando em cima de algumas garotas e a Mayse está sentada em um canto da sala... Acho melhor eu ir falar com ela...

Me aproximo dela que parece com raiva...

Katrina— Filha está tudo bem ?

Mayse— Não é da sua conta o que eu sinto, você na pode fazer nada

(Katrina off)

(Mayse on)

A minha mãe sempre quer se intrometer na minha vida, isso me da raiva...

Katrina— Filha será melhor se me contar o que está acontecendo

Mayse— Não está acontecendo nada, vê se me deixa em paz

Katrina— Filha eu me preocupo com você, se está acontecendo alguma coisa não tenha medo de me contar, e isso deve ser por causa do Léo na é ?

Mayse— PARA DE SE INTROMETER NA MINHA VIDA MÃE, ME DEIXA EM PAZ— Falo alto e todos do local olham para mim...

A minha mãe ficou um pouco assustada com a minha reação... Ai se eu pudesse voltar no tempo... Eu já estava imaginando a cena...

Luka— MAYSE, VOCÊ NÃO TEM O DIREITO DE FALAR ASSIM COM SUA MÃE

Mayse— E você não sabe o que está acontecendo, então não se mete, muito menos finja que se importa

Eu saio correndo...

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...