História Arlequina - Capítulo 2


Escrita por: ~, ~joker e ~Arlequina

Postado
Categorias Arlequina (Harley Quinn)
Tags Arlequina, Coringa
Exibições 18
Palavras 734
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


espero que gostem do cap

Capítulo 2 - A entrevista


Fanfic / Fanfiction Arlequina - Capítulo 2 - A entrevista

Gotham City 
Apartamento da Harleen 
06:23

       Hoje é dia da minha entrevista no Arkham , estou ansiosa quero muito que eles me contratem seria um sonho realizado Trabalhar num dos locais mais respeitados da cidade , falta alguns minutos para entrevista , estou no carro perto do Asilo , a cada minuto fico mais nervosa não quero que eles me rejeitem , mas pelo menos vou ter tido a chance de conhecer aquele lugar incrível, poucas pessoas viram aquele lugar por dentro , dizem que aquele lugar e assustador , mas na faculdade dizem que o medo e tudo imaginação de que algo possa acontecer com alguém ou com você mas tudo bem eu não ligo  

        Alguns minutos depois

     Estou em frente ao portão principal do Asilo , o lugar é enorme parecia um castelo só que bem mais obscuro e triste como se não tivesse alma naquele lugar até as árvores eram obscuras sem vida como se estivessem mortas agora sei o que as pessoas dizem desse lugar , tomo coragem e saio do carro e vou em direção a o interfone que parece ser antigo apertei um botão todo enferrujado acho que e por causa da chuva , uma voz grave e com um tom de nervosismo fala no interfone 

  Voz : Quem é - a voz diz eu me assusto

  Harleen : Sou a Dra Harleen , vim para a entrevista - respondo com a voz tremula 

  Voz : aguarde um momento Dra - ele diz com uma voz de desanimo 

  Harleen : está bem obrigada - respondo mas percebo que estava falando sozinha 

 

     O enorme portão preto abre rangendo aparentando ser antigo e enferrujado faz um som estrondoso e bate no muro com força me assusto um pouco com o som mas tomo coragem entro no carro e prossigo, eu sinto um arrepio quando atravesso o portão , passo por um tipo de trilha com algumas arvores que parecem estar mortas em direção ao Asilo , aquele lugar parece bem maior de perto ,

 

     Chego até uma enorme escada , estaciono o carro saio e subo á e vejo uma porta que parece ser blindada toda de prata , me assusto quando a porta se abre sem almenos eu toca-lá diferente do portão ela nem faz barulho, quando olho pra dentro vejo um enorme corredor branco nele tem um homem em pé olhando pra mim acho que ele estava me esperando , ele estava com uma jaleco , ele chega perto e fala comigo 

 

Homem : olá a sra deve ser a dra Harleen - O homem fala com uma voz calma

Harleen : sim prazer em conhecer o o senhor é ? - pergunto com curiosidade

Homem : meu nome é Jeremiah Arkham sou o diretor do Asilo meu avo quem criou este lugar a muito tempo - ele diz sorrindo mas com um tom serio 

Harleen : e com o sr que vou fazer a entrevista - acho que falei gagejando não achei que iria falar com o diretor de cara 

Jeremianh : vou te explicar , nos do Asilo fazemos uma seleção de pessoa que foram bem na faculdade para poder trabalhar , esse ano nos não chamamos muitas pessoas você vou selecionada para trabalhar aqui com mais três pessoas

Harleen : entendi - estava ansiosa

Jeremiah : a Sra já fez a entrevista , tudo que você vai ver aqui e assustador , como os acontecimentos do portão até aqui

Harleen : e as outras três pessoas ?- pergunto com interesse

Jeremiah : elas desistiram quando chegaram aqui você foi a única que passou e entrou aqui sem medo ou com coragem , então vamos vou te explicar como as coisas funcionam e vou te mostrar o local e sua sala .

Harleen : entendi mas eu estou contrata? - pergunto com dúvida

Jeremiah : mais e claro , então vamos 

        algum tempo depois 

 Jeremiah : a Sra entendeu como as coisas acontecem por aqui

Harleen : sim quando eu começo ? - estava animada para começar

Jeremiah : amanhã se a Dra preferir

Harleen : claro amanhã está ótimo

Jeremiah : você veio em boa hora está a ficha da sua primeira paciente , ela é difícil de se lidar ela exigiu uma mulher como psicóloga , ela diz que os homens não entende ela 

   Ele me entrega uma fica eu a abro

                         Hera venenosa.


Notas Finais


espero que tenham gostado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...