História Armageddon School - Capítulo 11


Postado
Categorias Originais
Tags Interativa, Magia, Mitologia Original, Original, Romance, School
Visualizações 55
Palavras 3.011
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mecha, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Shounen, Sobrenatural, Super Power, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


eae glr, estou aqui para mais um cap para vocês, e tenho que dizer, a treta está ficando cada vez mais insana mas não vou ficar enrolando aqui, fiquem com o cap


Ps: desculpem qualquer erro

Capítulo 11 - Corrida de obstáculos aquática?!


Diretor: COMECEM! – gritou sorrindo empolgado –

Ken: MERTENS! – disse animado –

Mertens: deixe comigo! – disse sorrindo –

Mertens pensamentos: vou usar meu melhor ataque e quebrar essa coisa logo! – pensou calmo –

Mertens: elemento fogo – chamas da carnificina! 

Uma quantidade absurda de chamas começou a ser liberada das mãos do loiro, Mertens então mirou as palmas de suas mãos para o alvo e atirou, as chamas foram em velocidade, um brilho contagiante tomava as chamas, o fogo atingiu o alvo mas apenas algumas trincadas apareceram na câmara, todos da equipe de Ken e da Tsuna arregalaram seus olhos surpresos

Tsuna: não é possível, eu vi que era muito difícil quebrar isso já que as outras equipes demoraram para quebrar mas mesmo assim, as chamas do Mertens são muito mais fortes que os outros usuários que foram, do que são feitas essa câmaras? – disse surpreso –

Kon: não é tão simples assim, elas são realmente resistentes! – disse sério –

Scarlet: não estou entendendo direito garoto foguinho, pode explicar? – disse brincalhona –

Kon: já que a garota faísca não entendeu eu vou explicar... – disse suspirando –

Uma veia de irritação cresceu na testa da ruiva enquanto uma pequena risada foi ouvida de Tsuna e os outros

Kon: eu realmente acho que o diretor fez todos os desafios com apenas um objetivo, reduzir o número de equipes! – disse sério –

Mikaela: faz sentido, assim somente sobrarão algumas para a próxima fase! – disse raciocinando –

Kon: exatamente Mika, somente aqueles com talento podem quebrar essa câmara rapidamente, vendo que o cara que quebrou mais rápido até agora levou quase 30 minutos usando magia sem parar e olha que ele era do elemento tempestade...

Tetsuya: mesmo assim, conheço o Mertens a pouco tempo mas já posso ver uma coisa, ele é capaz de quebrar essa droga de câmara e deixar o Ken seguir com o desafio! – disse convicto –

Kon: acho isso meio difícil, ele pode até quebrar mas vai demorar, até mesmo eu demoraria alguns minutos usando minhas chamas normais! – disse sério –

Jeanne: como assim normais? – disse confusa –

Kon: não é nada – disse suspirando –

Jeanne continuou encarando Kon com seus olhos semicerrados como se duvidasse de algo ou estivesse desconfiada, mesmo assim a loira deu de ombros e voltou a olhar para a arena, o participante do tal Xiuh não conseguia nem mesmo trincar a câmara, o garoto suava demais, não demorou muito para não agüentar e cair de joelhos, o tal Cyborg estava apenas parado sem fazer nada, muitos estavam confusos pensando no que ele estava fazendo, Mertens por sua vez ainda estava mandando chamas e mais chamas no alvo, a câmara tinha várias trincadas mas nada de grande importância, suor caia do rosto de Mertens

Mertens pensamentos: essa merda é feita do que?, já foram 10 minutos e nada! – pensou irritado –

Takeru: EI CYBORG, VAI LOGO CARALHO! – gritou irritado –

Todos prestaram atenção no alaranjado irritado e logo depois levaram seu olhar até o tal Cyborg, o mesmo deu de ombros e apontou uma de suas mãos para a câmara

Cyborg: elemento tempestade – esfera da tempestade!

Scarlet: ele não planeja destruir a câmara com uma simples esfera de tempestade né?, é uma das magias básicas e uma das mais fracas! – disse rindo –

A esfera de eletricidade vermelha viajou lentamente pelo ar até chegar no alvo, assim que a esfera entrou em contato com o tal alvo o mesmo explodiu de uma só vez em milhares de pedaços, todos arregalaram seus olhos, sem nenhuma exceção

Cyborg: pronto, satisfeito cabeça de cenoura? – disse com uma voz mecânica –

Takeru: sim, eu poderia ter feito isso também! – disse surpreso e suando frio –

Tsuna: que poder destrutivo incrível! – disse incrédulo –

Kon: o que é esse cara? – disse também muito surpreso –

Taewoo: eu nunca vi um elemento tão forte... – disse de olhos arregalados –

Cyborg: tudo bem, já posso ir para o meu laboratório? – disse calmo –

Cyborg nem esperou alguma resposta e começou a ir embora andando calmamente, todos davam espaços para ele passar com medo do mesmo, chegou o momento que Cyborg estava passou ao lado de Tsuna, o acastanhado olhava abismado para Cyborg, Cyborg por sua vez parou e começou a encarar Tsuna também, ficaram assim por alguns segundos apenas se encarando, Tsuna engoliu em seco com a intensidade no olhar de Cyborg, o acastanhado já estava com medo, foi ai que Jeanne entrou no meio dos dois com um olhar fulminante direcionado há Cyborg

Jeanne: perdeu algo aqui Cyborg? – disse séria –

Cyborg: não loba solitária, só estou analisando meu possível futuro oponente! – disse com uma voz robótica –

Cyborg então continuou andando e foi embora deixando um clima de tensão no ar, Tsuna suspirou mas logo arregalou seus olhos voltando e olhando novamente para a arena, Mertens ainda mandava chamas e mais chamas no alvo mas ainda tinha apenas trincadas na câmara, o outro garoto que estava na câmara pela equipe de Takeru se mantinha parado o que deixava Ken irritado

Ken: porque você não vai?, tem uma grande vantagem? – disse confuso e irritado –

???: acho que seria meio injusto eu ter essa vantagem, vou dar 5 minutos para vocês! – disse calmo –

Ken pensamentos: quem raios pensa em injusto nestas horas? – pensava surpreso –

Ken: qual o seu nome? – disse curioso –

Kirigaya: pode me chamar de Kirigaya! – disse sorrindo –

Takeru: KIRIGAYA SEU IDIOTA, CORRA LOGO! – gritou irritado –

Kirigaya se virou para Takeru e o encarou profundamente, o alaranjado recuou um pouco com o olhar do ruivo/albino mas se manteve firme, olhar de Kirigaya dizia algo como “você não manda em mim!” ...

Os olhares então foram direcionados para Mertens, o loiro ainda mandava chamas no alvo, suas chamas a cada segundo ficavam mais fracas, seu tempo estava se esgotando também, no relógio faltavam apenas 10 minutos para a prova se encerrar, se o loiro não conseguisse neste tempo, nem tentar Ken poderia

Kenzo: ele irá conseguir? – disse preocupado –

Tetsuya: eu tenho certeza que ele vai! – disse convicto –

Mertens pensamentos: está na hora de acabar com isso! – pensou sério –

Mertens então assumiu um olhar convicto e seguro, as chamas lançadas de suas mãos começaram a aumentar rapidamente em um nível muito veloz

Mertens: elemento fogo – vaporizador de chamas!

As chamas então começaram a brilhar, como se fossem o próprio sol, de uma só vez Mertens liberou todas as chamas que torraram o alvo, a câmara se quebrou de uma só vez libertando Ken que assumiu um sorriso em seu rosto, Kirigaya que estava ao seu lado somente pode sorrir com divertimento

Tetsuya: FINALMENTE QUEBROU SEU IDIOTA! – gritou brincalhão –

Mertens: cala essa boca, eu apenas demorei para deixar o desafio mais emocionante! – disse ofegante –

Ken: agora é comigo! – disse estalando seus dedos –

Kirigaya: preparado? – disse sorrindo –

Ken: mais do que nunca! – disse devolvendo o sorriso –

Assim Ken e Kirigaya começaram a correr na pista, toda aquela arena era preparada exclusivamente para aquele desafio, era uma grande pista feita de metal e envolta havia muita água, dentro da água tinham vários professores e instrutores que dominam o elemento água, era uma corrida, o primeiro que chegasse ao final da pista ganhava, Ken estava passando correndo na lateral quando um enorme cachorro feito de água pulou daquela enorme piscina, o cachorro começou a correr atrás de Ken que arregalou seus olhos vendo o grande animal

Ken: eles não estão de brincadeira mesmo! – disse surpreso –

O cachorro de água pulou tentando morder Ken que conseguiu desviar pulando para o lado, todos os dentes aquáticos do cachorro foram mostrados em um enorme sorriso da criatura

Ken: elemento tempestade – lança tempestade!

Então uma lança de eletricidade vermelha começou a se formar na mão direita de Ken, o cachorro então começou a correr na direção de Ken, o garoto de uma só vez lançou a lança que perfurou o cachorro o desfazendo em uma explosão aquática

Ken: foi fácil! – disse calmo –

Ken viu que Kirigaya já estava a alguma distancia boa, o azulado sorriu e apontou seus braços para trás com as palmas das mãos abertas

Ken: elemento tempestade – propulsor de eletricidade!

Raios de eletricidade vermelhos começaram a rodear o braço de Ken, pequenas esferas começaram a se formar nas mãos de Ken e de uma só vez explodiram, uma grande raio de eletricidade vermelha foi disparado e Ken começou a voar em alta velocidade

Ken pensamentos: assim vou chegar rapidinho! – pensou confiante –

Ken estava prestes a ultrapassar Kirigaya enquanto tinha um sorriso no rosto mas então uma grande parede de gelo se levantou bloqueando a passagem do azulado, Ken arregalou seus olhos e rapidamente virou seus braços para frente usando o raio do elemento tempestade para destruir a parede, Ken continuou correndo a poucos metros atrás de Kirigaya que olhou para a o azulado com um sorriso no rosto

Kirigaya: não pensou que eu ia deixar você vencer tão fácil né? – disse sorrindo –

Ken: droga! – disse sério –

Os dois continuaram correndo mais um pouco até que do nada um robô pulou da água ficando na frente dos dois garotos, esse robô tinha aproximadamente 10 metros de altura e seu corpo era bem grande em questão de estrutura, Tsuna na platéia olhou com seus olhos semicerrados para o professor Marco que estava com seu peito estufado parecendo orgulhoso, o acastanhado deduziu que tinha sido Marco a criar aquele robô

Ken pensamentos: droga, meu elemento tempestade não vai funcionar contra esse robô, como o elemento tempestade tem haver com a própria eletricidade provavelmente somente deixara o robô mais forte e energizado

Kirigaya: saia da minha frente lata velha! – disse sério –

Kirigaya então fez um movimento de soco com seu braço direito e assim um grande braço feito de gelo começou a nascer do solo, até que o braço de gelo aplicou um soco potente na perna do robô que foi automaticamente destruída, o robô foi ao chão facilmente, logo depois Kirigaya levantou sua perna e pisou fortemente no chão, uma camada de gelo começou a se formar e ir até o robô, o mesmo robô então começou a ser congelado por inteiro, alguns segundos depois ele estava totalmente congelado

Tsuna: incrível! – disse abismado –

Hotaro: que incrível controle Elemental de gelo! – disse com um pouco de inveja na voz –

Scarlet: tenho que confessa que ele é forte! – disse suspirando –

Kirigaya começou a correr novamente o que despertou Ken de seu transe, Ken estava pronto para correr também mas o sorriso de Kirigaya o deixou alerta

Kirigaya: tome cuidado, eu não congelei ele por inteiro! – disse sorrindo –

Quando Ken estava passando embaixo do robô a cabeça do mesmo girou, o robô então tentou dar um chute em Ken que por pouco conseguiu desviar e continuar correndo, o robô então tentou novamente aplicar um chute em Ken, o azulado rapidamente desviou e encostou no robô, raios de eletricidade vermelhos começaram a rodear o robô que se estabilizou e por causa do excesso de energia o robô explodi fazendo metal voar por toda a piscina, Kirigaya aumentou a velocidade de seus passos e o azulado fez o mesmo, estavam quase chegando ao final da pista, foi ai que dois professores pularam fora da água e ficaram na frente dos dois alunos

Professor 1: o ultimo obstáculo, terão que lutar contra nós! – disse sorrindo –

Professor 2: boa sorte! – disse também sorrindo –

Ken: elemento tempestade – punhos elétricos!

Os punhos de Ken então foram rodeados por eletricidade vermelha, o garoto correu até o professor e começou a tentar desferir socos e mais socos, o professor desviava com grande maestria dos golpes até que em um pequeno deslize Ken escorregou em uma poça de água, o professor sorriu com isso

Professor 1: elemento água – cúpula de água!

Uma grande esfera de água então se formou envolta de Ken que nem teve tempo de revidar, o azulado estava meio apavorado, afinal, estava embaixo da água, sem conseguir respirar, tinha que fazer algo rapidamente

Ken pensamentos: eu vou evaporar essa droga! – pensou sério –

Pequenos raios de eletricidade vermelhos começaram a circular o corpo de Ken, logo fumaça começou a sair da cúpula de água, de uma só vez Ken deu um grito e os raios aumentaram de uma forma insana, a água foi instantaneamente evaporada liberando Ken que de um sorriso tirando sua franja para o lado

Ken: continuando sensei! – disse sorrindo –

Professor 1: impressionante Ken-kun! – disse calmo –

Ken então partiu para cima do professor em velocidade tentando acertar mais socos envolvidos por eletricidade vermelha, mas o professor era muito bom em combate corporal, coisa que estava complicando as coisas para Ken ...

Ao lado Kirigaya estava encarando profundamente o professor que por sua vez tinha um sorriso no rosto enquanto esperava o garoto atacar, coisa que não tinha acontecido até agora, mas o professor então decidiu fazer algo que não deveria saber, não para Kirigaya pelo menos

Professor 2: então... Kirigaya-kun, eu vou tentar pegar leve para você ter pelo menos alguma chance com um forte e destemido professor como eu! – disse se gabando –

Kirigaya: calado...

Uma grande quantidade de gelo então foi mandada para cima do professor que só teve tempo de gritar desesperado, o gelo foi formado tão rapidamente que o vapor gélido saiu aos montes impedindo a visão de todos, depois que o vapor acabou revelou-se o professor completamente congelado com apenas o rosto de fora

Professor 2: isso não acabou, elemento águ-

Antes do professor terminar de falar gelo cobriu toda a sua boca, somente barulhos esquisitos eram ouvidos, Kirigaya mandou um olhar frio para o professor que ficou em silêncio

Kirigaya: eu mandei ficar calado! – disse frio –

Kirigaya então continuou correndo por alguns segundos até chegar ao final da pista passando pela linha de chegada, o diretor ainda um pouco pasmo disse...

Diretor: E O VENCEDOR DESTA RODADA É KIRIGAYA-KUN QUE GANHA 10 PONTOS PELA EQUIPE DO TAKERU-KUN! – gritou ainda surpreso –

Ken: merda, eu pelo menos tenho que ganhar alguns pontos para a equipe! – disse sério –

E assim Ken aplicou um forte soco no rosto do professor o mandando a nocaute, o azulado acelerou o passo e passou pela linha de chegada

Diretor: E O SEGUNDO LUGAR VAI PARA KEN-KUN QUE GANHA 5 PONTOS PELA SUA EQUIPE! – gritou sorrindo –

Todos na “platéia” começaram a gritar em empolgação, Ken voltou para perto dos outros dando um sorriso triste mas foi acolhido com um grande sorriso, assim como Mertens foi, o diretor então anunciou as outras 3 equipes para irem até a arena, Jeanne começou a se dirigir até a câmara enquanto Scarlet foi até a plataforma do alvo, enquanto todos gritavam e torciam Tsuna estava mergulhado em seus pensamentos

Tsuna pensamentos: então essa é a equipe do Takeru... eles são incrivelmente fortes mas mesmo assim ganharemos! – pensou lembrando de Cyborg e observando Kirigaya –

 

...

 

Hotaro tinha saído de perto do resto do grupo a algum tempo, o albino estava no banheiro fazendo sua necessidade básica, quando acabou o garoto foi até a pia e lavou suas mãos em seguida jogando um pouco de água no rosto

Hotaro: se pegarmos a equipe do Takeru na próxima fase eu terei que enfrentar aquele cara do gelo, droga, ainda não estou forte o suficiente! – disse irritado olhando para o espelho –

???: eu posso te ajudar a ficar forte!

Hotaro se assustou e olhou na direção que a voz veio, o albino então viu Cyborg, o mesmo estava escorado na parede, ainda com aquele enorme traje branco que cobria toda a sua aparência, Hotaro semicerrou seus olhos desconfiado

Hotaro: você é da equipe adversária, porque me ajudaria? – disse suspeitando –

Cyborg: vou mandar a real, não quero vencer esse campeonato, apenas estou participando porque aquele cabeça de cenoura praticamente me implorou, e eu quero muito ver ele chorar e a maneira mais fácil é deixando você forte, assim seu time já garante uma luta! – disse com um tom gentil e brincalhão –

Hotaro: eu posso te entender, também odeio o Takeru! – disse rindo –

Cyborg: mas vou te dizer, eu criei uma substancia muito forte, ela deixa o seu elemento muito mais forte, poderia dizer que seu elemento ficará tão destrutível quanto o elemento tempestade e tão forte quanto o elemento céu!

Hotaro: isso é sério? – disse surpreso –

Cyborg: sim, aquele garoto, o Kirigaya, ele tomou essa vacina, por isso ele ficou tão forte, se quiser eu posso... te dar um pouco! – disse calmo –

Hotaro: eu aceito! – disse instantaneamente –

Cyborg pensamentos: fácil...

Cyborg pegou de um de seus bolsos um seringa com um liquido verde dentro, Hotaro estendeu se braço e logo Cyborg aplicou a injeção injetando a substancia no albino que fez uma careta de dor

Hotaro: isso está ardendo...

Cyborg: claro que está, seu elemento está se multiplicando, ficando mais forte, seu corpo está se acostumando! – disse com sarcasmo disfarçado na voz –

Hotaro: entendo, bom, obrigado por tudo! – disse sorrindo –

Cyborg: não foi nada, gosto de ajudar os outros! – disse gentil –

Hotaro então foi embora deixando Cyborg ali, o mesmo se virou para a porta vendo ágüem entrando, era Kirigaya que encarou Cyborg com um olhar fulminante

Kirigaya: Cyborg, o que está fazendo aqui? – disse desconfiado –

Cyborg: não posso ir mais ao banheiro? – disse fingindo irritação –

Kirigaya: banheiro, sei...

Cyborg: a propósito Kirigaya-kun, porque não pensa melhor na minha oferta?, deixe eu injetar a substancia em você, ficará bem mais forte! – disse gentil –

Kirigaya: não sou idiota para ser um de seus experimentos, ah, e a propósito...

Kirigaya então chegou perto de Cyborg que se manteve parado e calmo, os dois agora estavam um ao lado do outro, vapor gélido começou a sair do corpo de Kirigaya, o banheiro congelava lentamente, Kirigaya se aproximou do ouvido de Cyborg e disse

Kirigaya: ... ainda lembro quando tentou injetar essa merda em mim enquanto eu dormia, eu juro que vou te congelar inteirinho se tentar de novo! – disse irritado –

Kirigaya então agarrou o braço de Cyborg congelando o mesmo enquanto Cyborg ainda continuava estático no mesmo lugar, totalmente calmo, Kirigaya então deu meia volta e saiu do banheiro, Cyborg soltou uma pequena risada

Cyborg: tudo bem, vou tirar você da minha lista Kirigaya-kun, mas o que será que vai acontecer com o tal Hotaro-kun?, o amigo dele virou aquele polvo gigante, o que será que o Hotaro-kun vai virar? – disse divertido –

...

 


Notas Finais


EITA PORRA, a treta está encarnada, sei que deixei você bem curiosos com esse final, eu plantei uma treta que pode explodir ou não HUEHEUEHEEUHEU, como eu adoro deixar o cap com drama no final hehehehehe

uma dica do próximo desafio, calma que eu sei que ainda não terminou esse, mas mesmo assim pode ser que eu comece o segundo já no próximo cap também, ele tem haver com o elemento trovão e também tem haver com pilares de ferro hehehe, buguei vocês :V

PERGUNTINHA DO CAP: qual personagem mitou mais até agora?

VLWS FLWS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...