História Armagedom - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nino
Visualizações 68
Palavras 749
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Mistério, Sobrenatural, Survival, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Canibalismo, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiiiii gente desculpa mesmo ter apagadi mais eu sinti que a historia tinha tomado um rumo estranho e eu não estav conseguindo fazer o outro capitulo então espero que gostem ai e boa leitura
IMAGEM OFF
.
.
.
.
.

Capítulo 11 - Invasor (part.1)


Fanfic / Fanfiction Armagedom - Capítulo 11 - Invasor (part.1)

(leia as notas)

 #cap 9

ADRIEN/CHAT NOIR ON

Seus olhos,azuis como o céu limpo no verão,brilhando enquanto olhava fundo nos meus,aaah como sou apaixonado por esse céu em seu olhar

-Os seus no escuro ficam num tom verde neon, verdes como duas esmeraldas que no escuro hipnotizam

Dessa vez nao vou me controlar,ela pode ate me bater depois mais eu não vou exitar

MARINETTE/KITTY ON

Seus olhos verde neon fixados nos meus,seu rosto a pouco centímetros de meu,nossas respirações se misturando cada vez mais,minhas mãos indo de encontro ao seu rosto e as suas indo a minha cintura,meu rosto parecia pegar fogo a cada centímetro a cada toque...Ai meu santo gato preto ele...vai me beijar!

Meu olhar que estava fixado nos seus foram repentinamente atraidos para a porta da sacada o de um certo vulto passara...era uma sombra! sombra humana...ela pulou na grade da sacada olhou algumas coisa e sentou bem devagar tirando uma mochila das Costa

Adrien viu que eu olhava pra fora com uma sobrancelha erguida e se pos a olhar tbm,ele virou e olhou de relanda para a porta,suas mãos largaram a minha cintura e foram para o edredon que nos cobria,ele olhava com uma cara confusa e assustada enquanto a sombra la fora olhava tudo em volta,adrien me olhou novamente e fez um sinal de "agora ele ta fudido"...nois sempre reconhecemos o olhar um do outro...ele fez outro sinal oque me fez entender um "vamos pegalo se ele entrar" eu acenti e fui tirando o adredom de cima enquanto ele fazia o mesmo encarando a janela,eu tirei o edredom e fui pro banheiro pegar uma roupa coisa que eu não achei então olhei em volta e achei um roupão....nossa era pra eu ter revistado o banheiro antes de dormir,pensei e ri baixo...coloquei o roupão e sai vendo ele so de cueca sentado na cama...sera que essa sombra e do...não pode ser! pensei e fui atras do tralha e sentei ao seu lado sem fazer o minimu ruído...logo vi a sombra levantar e sem fazer ruido algum também ir para a porta e pegar alguma coisa,ele ia arrombar a porta,o tralha me olhou e fez um sinal tipo "fica ali e eu aqui" e assim que fiz fiquei de um lado da porta e ele do outro esperando a sombra arrombar a porta...ele consegui arrombar a porta e a impurrou bem devagar a quando pos o pé dentro do quarto o tralha o pegou bem rapido e o jogou pra dentro, um cara que parecia ter a nossa idade caiu no chão,ele usava uma roupa preta,luvas e tinha alguma coisa presa nos pulsos e eu não consegui ver o rosto...adrien depois de o ter jogado no chão e fechou a porta bem devagar tipo aqueles filmes macabros que eles iriam matar a vítima então ele fez essa cara...o cara levantou rapido mais o tralha em um movimento rápido voou em cima dele o agarrando pelo pescoço

-Quem e vc e oque quer aqui?

perguntou ele apertando o pescoço do garoto contra o chão eu desincostei da parede e fui ao lado do agreste logo conseguindo ver o rosto do garoto e ...meu deus ele e lindo! pode me sequestrar querido eu deixo ignorei meus pensamentos e fiquei so olhando,eu entendi ele queria desmaialo pra amarar ele...dito e feito em alguns minutos o garoto desmaiou e o tralha saiu de cima e me encarou

-Agora me ajuda vamos amarra-lo

-tabom!

Nem falei nada so o ajudei...bom enquanto ele pegava o garoto eu peguei a roupa mais forte e grossa que tínhamos comprado e no caso eu peguei una camisa dele e claro e voltei pro quarto

-poxa logo a camisa que eu mais gostei?

-não se preocupa eu compro outra pra você depois!

-então ta! vamos amarra-lo! pega uma cadeira la na cozinha!

Eu sai dali vendo o agreste enrrolando a camisa...fui pegar a cadeira e aproveiter e peguei água,não quero ver ninguém morto...bom não hoje!

Voltei com a cadeira e o tralha o pos sentado...enquanto ele segura o corpo eu o amarrava

-calmai voh pegar outra pra amarrar os pés

Sai dali enquanto o agreste ficou tirando as luvas e os aparelhos que o garoto tinha nos pulsos...peguei outra camisa e voltei vendo o tralha bebendo água e o garoto ainda desacordado,fui la e amarrei os pés dele e voltei pro tralha

-Eai deixa ele acorda por si ou o acordamos?

-melhor o acordarmos se não ele pode engatar e dormir!

-verdade então vamos!

Fomos em direção ao garoto e o tralha jogou o copo de água nele que acordou assustado analisando rapidamente tudo em volta e logo nos encarando...


Notas Finais


Eaiiiiii oque acharam? talvez eu disse TALVEZ hj ainda eu poste outro...ainda não sei bom...PERA AI PRODUÇÃO SOMOS 47 LEITORES...E ISSU MESMO PRODUÇAON
PROD:e issu sim milly
AEEEE CARAI AI SIM GENTE CARAI EU AMI MT VCS ( desculpem os erros)❤❤❤😍😂
BJSSS M.C


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...