História Arranged Marriage - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster
Tags Bts, Castelo, Jimin, Jin, Jungkook, Lemon, Mpreg, Namjoon, Principe, Rap Monster, Yaoi
Exibições 677
Palavras 918
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - 15: Filhos?


Jin?— o loiro chamou baixo e calmo enquanto entrava no local completamente branco com alguns detalhes dourados, vendo Seokjin distraido a olhar para o espelho do banheiro enquanto mantinha suas mãos delicadas e quase femininas apoiadas no mármore que segurava as pias, essas que ficavam na frente do espelho. O mais novo estava distraido, preso em seus pensamentos mais confusos e por isso não ouviu seu nome ser chamado, assim como não percebeu quando Namjoon entrou no banheiro, fechou a porta atrás de si e caminhou ate o de cabelos castanhos, parando ao lado dele.— Seokjin? Esta tudo bem?— o Kim levou uma de suas mãos ate o ombro de Jin, assustando o mesmo e fazendo-o olhar para seu noivo porém logo relaxando ao ver que era Namjoon ali. 

 

Ah, oi, Namjoon...— o mais novo disse sorrindo vergonhado e viu Kim Namjoon sorrir para si. Jin tinha que admitir, o sorriso do loiro a seu lado era seu sorrido preferido em todo mundo. O sorriso mais lindo, perfeito e verdadeiro, alem, logico, de ser o sorriso de quem ele também mais ama no mundo inteiro... — Estava distraído, desculpe. Bem...você havia falado algo comigo, certo? O que era? — ele afastou-se do mais velho apenas para terminar de lavar suas mãos e as enxugar.

 

Como você esta?— o Kim perguntou enquanto se virava para o espelho e ajeitava seus cabelos loiros que se bagunçaram por conta do vento que pegou ao sair do carro que os levou ate o hotel. Através do espelho o mais alto viu seu noivo fitar o chão por alguns segundos antes de finalmente voltar em passos calmos e curtos ate o loiro. — Sobre ontem... 

 

— Eu gostei. 

 

— C-como?

 

— Eu gostei, Namjoon. Não queria que tivesse parado, mas sei que fez isso por nos. Obrigado.— o mais novo disse e abraçou seu noivo por trás, rodeando o tronco bem trabalhado do mesmo com seus braços e escondendo seu rosto bonito nas costas largas do mais alto. Namjoon não podia ver, mas sabia que Seokjin tinha as bochechas num rubro totalmente fofo. Enquanto o mais velho segurava as mãos de seu garoto, o mais novo aproveitava que estava assim, tão próximo de Namjoon, e se concentrava em sentir o cheiro bom que o mesmo tinha.— Nammie, você quer ter filhos um dia?...

 

— Porque a pergunta, minha princesa? — Namjoon perguntou sorrindo carinhoso enquanto puxava o mais novo para sua frente e rodeava com seus braços fortes a cintura do mesmo, de forma que Seokjin ficasse de frente para si e assim o loiro poderia olhar e apreciar o garoto a quem ele poderia chamar de seu, vendo o mesmo sorrir, provavelmente por ouvir o apelido carinhoso que o loiro lhe dera.— Esta preocupado com o assunto "herdeiros"? — um beijo carinhoso foi depositado na testa do de cabelos castanhos apos os cabelos que caiam ali serem retirados com cuidado pela mão direita do mais alto. 

 

Talvez... — Jin murmurou num tom tão baixo que se Namjoon não estivesse perto talvez nem mesmo ouviria; e logo após desviou seu olhar para o peito de seu noivo, fingindo olhar a estampa detalhada da camisa que o mesmo usava. Jin não sabia se seria uma boa mamãe para seus filhos - ou filhas -, mas sabia que faria o possível e daria seu melhor nisto, já que ama crianças e sempre sonhou em ter sua própria familia. Ele apenas não sabia qual era a hora certa para isso, e, principalmente, se Namjoon queria isso. Isso sem sombra de duvidas o assustava... E se Namjoon simplesmente, de uma hora para outra, decidisse que não queria mais isso? Que não queria mais um relacionamento com o de bonitos cabelos castanhos?... Pensar nisto fazia o mais baixo sentir vontade de chorar, e por isso mesmo que o loiro se assustou ao ver uma lagrima solitária descer pela bochecha de pele macia de Seokjin.

 

Jin, porque esta chorando, meu anjo? — o mais velho perguntou preocupado enquanto enxugava a lágrima na bochecha do outro e logo depois levava seus dedos ao queixo de Seokjin, fazendo-o levantar a cabeça para olhar o de cabelos mais claros.— Me diga o que houve, Ok?... 

 

— N-Namjoon... Você me ama? — essa pergunta sem dúvidas surpreendeu o Kim, que agora fazia carinho nas costas do mais novo. Jin ainda tinha duvidas do amor de seu noivo? 

 

— Lógico que sim, Seokjin... Porque esta pergunta assim do nada? 

 

— E você quer ter filho comigo um dia?— o de cabelos castanhos perguntou tímido e abaixou a cabeça, não vendo quando o loiro deu um leve sorriso. Agora Namjoon havia entendido que o que Jin tinha era apenas insegurança. Insegurança essa que demorando ou não, o loiro faria questão de faze-la acabar. — Nammie? — o mais baixo chamou, estranhando o silencio e se assustou ao ser virado de frente, de forma que suas costas ficassem caladas ao peitoral do loiro e ambos ficassem de frente para ao espelho. As mãos de Namjoon foram - por cima da camisa - para o abdômen de Jin e ali ficaram, fazendo um singelo carinho. 

 

Nosso filhote um dia estará aqui, amor. E ele sera muito, muito amado. Eu vou falar com ele toda noite, contar uma história para ele. Nos dois vamos estar presentes em todos os momentos importantes dele... Você sera a melhor mamãe do mundo, e eu o melhor papai do mundo. — o loiro disse sorrindo e viu pelo espelho seu noivo sorrir de forma carinhosa. Namjoon não estava mentindo. Um dia eles teriam uma linda familia, e tudo seria perfeito.


Notas Finais


LEIAM:

""Panda de novo você com seus avisos?"" Sim, de novo eu com meus avisos.

1- Uma leitora no cap passado disse que achava que eu havia desistido dessa fic, e gente...lógico que eu não desisti. Apenas não estou tão bem, ou as vezes esqueço de postar. Apenas isso. E esse cap é dedicado especialmente a essa leitora, TitiaKamyo. Anjo eu não vou desisti dessa fic, fique tranquila, Ok? ;3

2- Nós chegamos a 500 favoritos. Mano... É muita pessoa. 500 pessoinhas lêem as coisa que escrevo e - espero eu - elas gostam. Tipo...caralho. Não sei o que falar, mas muito obrigada. Amo todos vocês S2

3- Sim, o lemon esta perto

4- Escrevi uma OS (one shot) VMin, e em breve irei posta-la (quando fizer isso eu coloco link aqui, e quem quiser e curtir o shipp lê :3)


Beijos, ate a próxima, e não se esqueçam de comentar pra deixar a Panda aqui feliz <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...