História Arranged marriage - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~aninhags

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 72
Palavras 1.089
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Musical (Songfic), Poesias, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie gente , pra quem acompanha a fic e não tá entendendo , eu reepostei o primeiro capítulo , (porque eu tinha achado muito ruim e bem incompleto).Mais agora esse sim tá certo então queria pedir desculpas por confundir vocês /Sorry😂, amanhã tem mais 😘

Capítulo 1 - Memories


Fanfic / Fanfiction Arranged marriage - Capítulo 1 - Memories

  Bom, sou park jisoo os negócios da minha família foram a falência e cá estou eu esperando o meu “querido noivo” chegar , pois é a minha vida vai ser definida a partir de hoje por um (casamento arranjado) meu noivo é o famoso Jeon Jungkook filho de um dos maiores empresários do mundo , dizem que ele gosta de brincar com corações e de acabar com qualquer sentimento de afeto que as  pessoas tenham por ele, e eu sem muito bem disso , jeon Jungkook já brincou muito com meu coração no passado e eu sofri muito por isso.

Não sei se vou aguentar isso ja passei por muita coisa que as pessoas não tem ideia , espero que ele pelo menos não me machuque novamente...

-Já terminou de arrumar sua mala querida? -perguntou Sook  abrindo a porta do meu quarto.

-Sim sook -disse terminando de fechar a última mala.

-Ainda não acredito que serão capazes de fazer isso com sua única filha de vocês -a segui em direção pra sala de estar.


- Pare de idiotices jisoo, você sabe muito bem que estamos fazendo isso pro seu bem  -Disse se sentando no sofá.

-PRO MEU BEM, COMO ?, VOCÊS VÃO ME OBRIGAR A CASAR COM ALGUÉM QUE EU NEM CONHEÇO, E AINDA TEM A CARA DE PAU DE DIZER QUE É PRO MEU BEM  - aumentei o tom de voz, e me levantei a encarando.

-ESCUTA AQUI PARK JISOO NÃO SE ATREVA A GRITAR COMIGO - Sook levantou gritou e me empurrou fazendo minhas costa chocarem na parede.
 

- NÃO ME TOQUE!  - afastei sua mãos de mim.

Gritei e logo depois senti um ardência no meu rosto, sook havia me dado um tapa,  tão forte que eu me desequilibrei e cai no chão, a olhei com os olhos marejados e com a mão no lugar do tapa, ela olhou nos meus olhos e soltou uma risada abafada. Escutamos a campainha tocar e sook foi em direção a porta e mandou eu me recompor.

-Anda pirralha levanta não quer fazer feio na frente do seu "noivo"? Quer,  Anda levanta do chão e enxuga essas lágrimas.

-Sim sook , não vou discutir com você, não vai dar em nada mesmo. -Deixo escapar algumas lágrimas , mais rapidamente as seco.


- Enxuga essas lágrimas garota idiota, garanto que ainda vai me agradecer por isso.



-NUNCA! -Gritei e recebi um olhar ameaçador, abaixei a cabeça.
  

Sook on~

- Anda suba pra seu quarto e espere lá -ordenou.

- mais. .-  -a-interrompeu.

- mais nada Park Jisoo me obedeça, garota inútil,  ande suba para o seu quarto e espere lá até ser chamada  -disse e andou até a porta a destrancando.

- Ok mãe,  já cansei de discutir , você não se importa comigo mesmo, só liga pra esse maldito dinheiro que irá receber -jisoo se levantou enxugando as lágrimas que insistiam em cair e subiu o seu quarto.

 

 

-Tá tá , anda logo e cala a boca garota - sook disse abrindo a porta.

 

 

-  Prazer senhor Jeon  -Disse e se curvou para o moreno

 

 

-Prazer Min sook, onde está Jisoo? Sou um homem ocupado e tenho uma reunião de empresa hoje, não posso me atrasar -disse curto e grosso.

 

 

- Ela já está pronta senhor Jeon , espere só um segundo, vou chamá-la. -Disse subindo as escadas até o quarto de jisoo.

 

~*~

- Anda garota vamos seu maridinho chegou  - veio até mim e pegou minha mala levando-a para a sala - garanto que terá uma ótima surpresa quando vê-lo…

 

 

-Oque mais esperar de você né? Um casamento arranjado já é uma surpresa, só quero ver a cara desse idiota -disse e a segui até a sala onde meu querido “maridinho” se encontrava.

 

 

Jisoo on~

 

 

Ao chegar na sala eu vi ele, não, não pode ser ele, eu não vou me casar com esse monstro NUNCA …

 

No mesmo estante minha cabeça começou a rodar, é minha visão ficando turva, as lembranças horríveis do passado que ele me fez passar derrepente voltaram a minha mente.

 

Flashback on~

 

 

Cheguei em frente a sua casa e toquei a campainha, aguardei um tempo e nada, lembrei que ele guardava uma chave reserva embaixo do tapete da entrada , então abaixei e peguei a pequena chave e destrancando a porta. Assim que entrei na casa estava um total silêncio ,(estranho normalmente aqui é tão agitado), (hoje é nosso aniversário de namoro e resolvi fazer uma surpresa pra ele), suspeitei que ele estive no quarto, então fui em direção da escadas e escutei vozes , PERA VOZES NÃO , PARECEM GEMIDOS , não não pode ser kook não seria capaz deve ser um engano meu , continuei em direção ao seu quarto dando de frente a porta , os sons só aumentavam porém eu não queria acreditar nisso , ele não seria capaz , seria ?

 

Afastei delicadamente a porta vendo minhas suspeitas serem confirmadas.

A pior cena dá minha vida , ver ele , quem eu tanto amava com outra na cama , meus olhos já estava marejados e eu prestes a explodir então foi aí que eu gritei …

 

-OQUE É SIGNIFICA ISSO? - na mesma hora ele é aquela vadia pararam e me olharam com os olhos arregalados, até que ele para de me encarar e começa a rir alto.

 

 

-Isso oque, não está vendo querida ,estamos , como posso dizer?... Fazendo amor? -me encara.

 

 

-Como vc teve coragem ?PORQUE?? - perguntei já chorando.

 

 

-Simples eu não te amo, e nuca te amei você foi só mais uma vadia na minha vida querida -me olhou depois apontou pra porta -Vamos saia dá minha casa, estou ocupado não está vendo?

 

 

Na mesma hora eu saí correndo pra fora daquela casa , eu não acredito que ele fez isso comigo , não porque comigo ,eu acreditei que ele me amava …

 

 

  5 meses depois~

 

É bom poder voltar a vida normal , eu ainda não o esqueci , mas prometi pra mim mesma que esqueceria.

Depois que aquilo eu entrei em depressão, me cortei , tentei me matar várias vezes , não sei se ainda estaria viva se não fosse graças a minha melhor amiga  Kim seul bi , ela me apoiou nessa fase , e graças a ela eu me recuperei.

 

 Flashback off~

 

 

 

-J-jeon -foi tudo oque eu consegui dizer antes de minha visão ficar totalmente escura e minha voz falhar de vez.

 

 

 

-Olá querida, sentiu saudades ?

 

 

 Foi só o que me lembro de ouvir antes de apagar de vez…

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Amanhã terá mais ..
Estarei postando 15:00 dá tarde 😘😘, e sim o Jungkook é muito Cuzão e Putonn😑😑😑😑mais com o tempo que ele vai melhorar ....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...