História As alegrias e desencantos de um mundo desconhecido - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Magia, Taehyung, Vampiro
Exibições 50
Palavras 1.008
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Ecchi, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiieeeeeeeeeeeeee pessoalllll tudo bem com vocês? Ahh eu adorei essa foto do Taehyung sério ❤. Então eu vim com esse cap super fresquinho para vcs. Boa leitura

Capítulo 29 - Esquecida


Fanfic / Fanfiction As alegrias e desencantos de um mundo desconhecido - Capítulo 29 - Esquecida

- oi pra você também suga, ou melhor filho - ela disse abrindo um sorriso

- Eu não sou seu filho, então pare de me chamar assim - disse a olhando nos olhos

- ui, com quem será que você aprendeu isso? - ela disse colocando a mão no queixo - a é mesmo com migo hahaha -

- você veio falar só isso? - me levantei da pedra indo embora

- não!!, eu vim te fazer uma proposta, eu estou te dando uma última chance de ficar ao meu lado nesta batalha sangrenta -

- não tenho interesse  - disse me virando

- ahhh que coisas - ela fez bico - então sua amiga vai ter que sofrer -

- O que, não faça nada com ela entendeu - falei bravo mas ela me ignorou

- que tal cortar a garganta e deixa lá sangrando até morrer e depois mandar a cabeça para o seu amigo Taehyung, ou matá-la de uma vez? - ela disse com um sorriso nojento nos lábios - mas n teria graça, então vamos tortura-la!! 

- mas seu eu for com ela eu e  _________ iríamos morrer e não adiantaria de nada - eu falei para mim mesmo.

- O tempo acabou - ela disse, logo  desaparecendo no meio da floresta com um sorriso maligno.

                   Suga off

                 _________on

-________- ouvia uma voz aveludada me chamar.

-_________,  meu amor me responde -  abri meus olhos de vagar.

- Tae - falei colocando aminhas mãos em seu rosto.

-_________- ele disse logo me abraçando, deixando algumas lágrimas cristalinas caírem no chão

- por que você demorou tánto? - falei soluçando.

Estava tudo preto a nossa volta até ouvirmos um barulho, parecia uma voz, Taehyung me soltou e se levantou ficando de costas para mim.

- Tae! - falei mas ele parecia não me ouvir

- Tae! - o chamei de novo mas nada

- Taehyung meu querido venha aqui - logo ouvi uma voz feminina falar, olhei para traz e vi Mariana com a mão estendida para ele.

- Não Tae! - gritei - não vá com ela! - me levantei ainda com um pouco de dificuldade é segurei em sua blusa

O mesmo olhou para traz seus olhos estavam vermelhos, e eu pude ver o mau que abitava nele o ódio e a fúria a sede por sangue, aquele não era o Tae que eu conhecia, que eu amava, aquilo era um animal incompreensível, sedento por sangue, fui um pouco para traz com medo do que ele pudesse fazer.

Ele parou do lado de Mariana enquanto ela mexia em seus cabelos e olhava para mim dando um beijos em seus lábios grossos e macios, toda aquela cena me doeu ver, ela sussurrou alguma coisa em seu ouvido, mas seu rosto não tinha nenhuma expressão, é como se ele estivesse sendo controlado pela mesma.

Ele veio até mim, tive esperança que ele estivesse lembrado de mim ou qualquer outra coisa, mas não, senti uma dor enorme em minha barriga quando percebi Taehyung tinha atravessado minha barriga com sua mão, ele sorriu com minha dor com o meu desespero.

- Por que? - falei caindo no chão já não sentindo mais nada.

                     Sonho offff

- Não!!! - gritei, levantei assustada, estava chorando.

- O QUE!?!! - Lucas adentrou na sala quase quebrando a porta.

- o que aconteceu, você está bem? - Lucas veio até mim eu o abracei e comecei a chorar.

                      __________offf

                     Rap Monster on

Enquanto conversava com Jin eu compunha algums Raps que vinham em minha cabeça.

- Eu numca tinha visto Taehyung daquele jeito - o moreno disse sorrindo

- também não - afirmei

- agora ele tem uma razão para viver, uma razão para lutar, antes estar amando do que estar matando não é - quando ele terminou de falar essas palavras me lembrei de como o Taehyung era antes de nos conhecemos

- tem gente aki - falei me levantando e indo até a porta e a abrindo, dando de cara com Lisper e sua alcateia

- Então Rap Monster, eu estava conversando com minha alcateia e nós decidimos nos juntar a você -

- Victória e Mariana aquelas nojentas sangue sugas matarão muitos de nosso amigos e familiares, nós tomamos a decisão de nos juntarmos a vocês nesta guerra -

- Que começe a guerra - eu disse vendo todos sorrirem animados

                  Rap Monster offff

                  Narradora on

Então naquela noite escura e silenciosa todos estavam se preparando para a batalha aonde pessoas morreriam e outras viveram mas Taehyung está disposto a dar sua vida por sua amada não importando o preço a ser pago mesmo que o preço a ser pago fosse sua vida.

                      Narradora off

                     __________ on

Estava escuro nova mente, me levantei indo até a porta - calma você deve ser forte mesmo que Taehyung tenha esquecido de você, você deve lembra-lo de tudo o que vocês já passaram juntos do seu amor - empurrei a porta pesada que se abriu, avia um corredor enorme dos dois lados, eu não sabia para onde deveria ir resolvi ir pela direita, aviam tochas nas paredes que iluminavam de leve o local, dei de cara com uma escadaria enorme então decidi seguir por ela.

Chegando lá dou de cara com Mariana olhando para o além,tentei me distânciar mas ela me viu.

- Já vai - ela disse e eu fiquei em silêncio

- nunca se perguntou o que aconteceria se essa tal de Elizabeth voltasse?? -

- não -

- você acha que é muito  importante portante para Taehyung mas e se Elizabeth voltase ele iria te deixar e iria cuidar dela - ela disse com desprezo, quando me dei por mim ela já estava perto apertado minha garganta

- se Elizabeth volta-se ele iria te deixar assim como pessoas deixam livros em prateleiras juntando pó e os esquecem lá! - ela me soltou

- pense nisso - ela disse indo em Bora

- Será mesmo isso verdade? - falei chorando


Notas Finais


Então pessoal foi isso espero que tenham gostado, á e se tiverem perguntas dúvidas deixem aki nos comentários ou se quiserem falar sobre o que estão achando da fic deixe seu comentário ok beijos de arco-íris


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...