História As aparências enganam - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Assassina, Psycho, Psychogaby, Sangue
Exibições 7
Palavras 271
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Policial, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Kill somebody?I think it's a good idea...


Fanfic / Fanfiction As aparências enganam - Capítulo 2 - Kill somebody?I think it's a good idea...

Então eu ligo para a Blood Lu,bem,Blood Lu não é o nome verdadeiro dela(autora:Claro né :P),o nome dela era Luiza,ela foi uma menina muito isolada,até que um dia ela matou os seus pais e matou todos que zoavam com ela,até que ela decidiu fugir do Brasil comigo,e nós duas fugimos simplesmente.Eu apelidei ela de Blood Lu pois a Lu ama sangue,assim como eu,as vezes eu tenho um costume de beber o sangue das minha vítimas.

Voltando pro assunto,eu liguei para a Lu

LIGAÇÃO ON

Lu:Oi.

PsychoGaby:Oi,Lu,e aí você tá afim de matar alguém?

Lu:Tanto faz.

PsychoGaby:Se quiser a gente faz uma "tortura".

Lu:Qual é sua melhor forma de tortura?

PsychoGaby:Eu chamo essa tortura de "Cama metálica"

Lu:Ok.Onde você está?

PsychoGaby:Perto da saída da floresta

Lu:Ok,tô indo aí.

LIGAÇÃO OFF

Depois de um tempo

-Finalmente,Lu,eu pensei que você ia vim aqui amanhã!

-Tanto faz,aproveita que está anoitecendo.

-Beleza,eu conheço um atalho onde ninguém vai ver a gente.

-Uhum.

Assim as suas entram no atalho que na verdade é um beco vazio e escuro.As duas psicopatas ficam escondidas até escurecer e esvaziar a rua.A Blood Lu usava um moletom todo escuro e suas calças eram azul de uma tonalidade bem escura o que fazia ela ficar totalmente "transparente" naquele escuro.

-Espera!

A PsychoGaby estica o braço para parar a Lu.

-Eu estou vendo alguém,sozinha no meio da Rua.

-Me fala,como você vai pegar ela?

-Simples,Lulu,simples...

-Não me chama de Lulu!

-Pff,tanto faz.

A Gaby pega um pano pequeno e quando a vítima ia passar pela "saída" do beco,ela é pega sendo puxada pelo rosto coberto pelo pano.

???-Hmmm!MmMmmm!!!

A vítima olhava assustada para Gaby e tentava falar algo,provavelmente gritar por ainda.E de repente a vítima desmaiou por causa do pano que atrapalhava sua respiração.

-Essa é a sua tortura?

-É apenas o começo,Lu...

Continua?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...