História As Aventuras de uma Filha de Hades - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mitologia Grega
Personagens Personagens Originais
Exibições 3
Palavras 1.865
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


Haiii pessoal , finalmente ação nessa história , não descrevi muito a batalha porque tenho preguiça e não sou muito boa nisso , bom espero que gostem desse capitulo , bem boa leitura !!

Perdoem os erros ...

Capítulo 7 - Meu Herói


Eu brandi minha espada na direção do minotauro , mas ele apenas deu um sorriso de desprezo .
-Eu sou o minotauro – ecoou a voz estranha, como se o corredor inteiro estivesse falando – Você não pode me derrotar garota ! eu sou o guardião desse lugar , e ninguém  saí vivo desse labirinto e você não será uma exceção ! – disse o minotauro a encarando.

-Agradeço muito o convite , mas não posso ficar sabe , tenho outros compromissos e eles não incluem você – agradeci  com certo tom de deboche na voz .

Ao  ouvir o minotauro se enfureceu e partiu em minha direção , abaixando sua cabeça e direcionando a pontas de seus chifres em minha direção , desviei , mas o mesmo repetiu o movimento e não me deu tempo de desviar do ataque ,seu chifre esquerdo como navalha perfurou meu ombro que arderam de dor . Recuei com uma das mãos apertando meu ombro e a outra segurando a espada com força , quando olhei minha mão ,estava molhada e vermelha. A sensação de náusea quase me derrubou  mas de algum modo continuei em pé , o sangue me minha blusa já não escorria mais , sentia como se uma barra estive atravessando o meu ombro , mesmo que o chifre do minotauro não estivesse mais me perfurando , meu braço que segurava a espada começava a ficar pesado a voz do minotauro que resmungava alto parecia muito distante , como se viesse do fim de um túnel bem comprido .

- O que está acontecendo comigo?-  resmunguei baixinho – preciso sair daqui , preciso dar um fim nessa luta que mal começou e já me deixou assim .

O minotauro voltou a se aproximar indo em minha direção segurando algo que aparentava ser uma espada ( de onde aquilo surgiu ?) eu me perguntava , quando ele avançou contra mim novamente com a espada em mãos me esquivei institivamente e dei alguns passos para trás , segurei minha espada com mais firmeza e juntando o pouco de força que me restava  rolei pelo chão em um movimento rápido e ficando atrás do minotauro antes que o mesmo pudesse se virar desferir um golpe em sua perna esquerda fazendo um corte e em seguida desferi um golpe em suas   costas , não sabia ao certo onde tinha acertado , se seria um órgão vital , mas puxei minha espada vendo o minotauro cair de joelhos  sangrando em seguida caindo por inteiro no chão , o ecoo de seu corpo se chocando contra o chão foi um alivio para mim , logo não esperaria para ver se ele conseguiria se recompor , não tinha mais tempo , teria que misturar as substâncias magicas para fazer  a nevoa e me comunicar com o Gunther para me ajudar a desvendar o mapa e sair logo daquele lugar .

-Maldita hora que não prestei atenção na explicação dele sobre o mapa – praguejei me repreendendo .

FLASHBACK ON
Estávamos na biblioteca  elaborando e estudando o plano de fuga , Gunther me ajudava a entender o básico já que minha memória ainda não havia voltado .

-Tá , esse lugar é cheio de passagem secretas que nos levam a diversos lugres fora do castelo , além de também ser cheios de armadilhas e você tem um mapa que mostra os caminhos certos e onde eles levam além de mostrar toda localização das armadilhas , certo ?- falei baixo mais para mim do que para ele , mas mesmo assim ele entendeu .

-Exatamente garota , porém não é assim tão fácil , para não chamar atenção esse mapa passou por um feitiço , todas as indicações do mapa estão ocultas , vendo ele você diria que é um mapa comum , somente com algumas palavras se pode revelar as coordenadas a ser seguidas – Gunther  falou olhando para o mapa .

-Sim , tô entendendo , prossiga , prossiga – dizia baixo sem dar  muita atenção a final ele estaria comigo não precisava saber dessas  coisas agora , depois eu daria meu jeito de aprender se fosse necessário , então  deixei que meus pensamentos me guiarem , minha mãe invadiu minha mente , como será que ela estava ?será que sabe onde eu estou ? Será que ela está segura ? Como eu queria vê-la , falando em ver como eu queria ver aquele garoto das minhas visões , porque não consigo esquece-lo nem por um segundo , qual será nossa relação , porque não consigo me lembrar? Como era minha vida antes ? Muitas perguntas, poucas respostas  , preciso das um jeito de lembrar , mas isso ficaria para depois já que tinha um sátiro me fitando com um olhar MUITO furioso , provavelmente me matando mentalmente.

-Emily! Você sabe que essas é a única chance que temos, você tem que estar ciente do que fazer , como agir . Quando começarmos com isso você não poderá mais parar , a partir do momento em que fugir e segui esse mapa estará tudo em jogo , será tudo ou nada , vidas além da sua estarão em jogo e talvez eu não esteja sempre ao seu lado para te ajudar, então não me faça ter perdido meu tempo com você , não me faça  acreditar que escolhi errado , então preste atenção no que irei falar , vou repetir as palavra e tudo que precisar saber novamente , ok ? – Ele disse com um tom severo e com a expressão seria no rosto .

Assenti em seilêncio dessa vez prestando total atenção no que ele falava e no que iria começar a pronunciar , afinal depois daquele bronca era difícil não prestar atenção . Infelizmente quando Gunther ia começar  a repetir a explicação , meu encosto entrou na biblioteca , Hades entrou nos interrompendo .

-Emily , eu estava te procurando, o que fazem aqui?-Dizia Hades serio .

-Ah ...Ah ... – olhei para Gunther um pouco nervosa pela pergunta e a presença de Hades ali .

- Estavamos estudando a história dos deuses, para ajudar um pouco o conhecimento de Emily e ver se isso auxilia na melhora da memória dela. – Gunther disse rapidamente ao ver que Hades me fitava .

-E esta ajudando ? – Hades perguntou ignorando meu amigo e sem desviar os olhos de mim ( que chato ).

-Bom , não tivemos muito tempo de ver muita coisa já que nós fomos interrompidos por você , em fim o que você quer comigo para estar me procurando pessoalmente ?-disse revirando os olhos .

-Queria lhe mostrar uma parte do castelo que somente eu tenho permissão de visitar.


FLASHBACK OFF


Me ajoelhei  em lugar bem afastado do corpo caído do minotauro e peguei as sustâncias da mochila a jogando de lado deixando a mesma um pouco afastada  e comecei a mistura-las , isso levaria um tempinho mas acho que agora teria tempo de sobra , olhei de relance para a criatura  e voltei a me concentrar nos 7 frascos em minha frente , peguei o frasco maior com uma água especial , virei o fraco com liquido vermelho e o sacudi levemente misturando , em seguida peguei o frasco com o pó azul e coloquei somente um pouco que achei ser a medida de uma colher de sopa , novamente misturei  sacudindo o frasco suavemente , me preparava para pegar a nevoa contida em um frasco e misturar com as outras sustâncias quando o urro tão conhecido tomou conta do lugar , me virei para o lugar onde o minotauro esteva já me repreendendo mentalmente por não ter enfiado a espada  no coração daquele ser horrendo , lá estava ele sujo de sangue e seus olhos brilhavam de ódio ao me fuzilarem , não daria tempo  de terminar a poção e nem de pegar a adaga em minha mochila já que a mesma estava um pouco afastada ( maldita hora que joguei a merda da mochila longe ), apenas me levantei virando totalmente de frente para a criatura que já corria em minha direção com toda sua fúria , coloquei institivamente os braços na frente do corpo me preparando para tentar esquivar ou receber o golpe já que não estava cem por cento boa , meu ombro ainda doía e o cansaço tomava conta , meu corpo estava pesado  , não fazia ideia de quando tempo estava ali , quando ele estava mais próximo já me preparava mentalmente para o golpe , porém nada veio .
Uma nevoa  esfumaçada  tomou conta do lugar embaçando minha visão o ecoo de uma lamina rasgando o ar e encontrando com outra lamina tomou conta do recinto , fiquei alguns segundo sem entender , até que conseguir ver dois vultos batalhando em meio a nevoa , um juguei ser  o minotauro e o outro aparentava ser uma pessoa , mas não tinha certeza devia a nevoa , continuei em guarda pois não sabia o que estava acontecendo , aos poucos a nevoa se dissipou e ao olhar para onde ocorria a batalha minha boca foi ao chão , meus olhos se arregalaram em surpresa e espanto, minha respiração faltou , havia esquecido completamente como se respira , meu coração acelerou seus batimentos , minhas pernas bambearam e  uma imensa felicidade e alivio tomou conta de mim, não sabia como só sabia que tinha haver com ele , o jovem que empunhava uma espada .
O minotauro investiu contra o  garoto o deixando  sem escolha . O jovem o golpeou de baixo para cima , assim que a criatura recuou para trás  o garoto não pensou duas vezes , sua  espada tomou uma coloração diferente e com todas com toda sua força  passou a espada em uma linha horizontal contra o pescoço da criatura fazendo com que a cabeça da criatura caísse para um lado e seu corpo para outro .

Eu não conseguia acreditar , o garoto que eu tanto queria encontrar estava em minha frente e havia acabado de decapitar o minotauro , o pensamento de que ele estava incrivelmente sexy não saiu da minha cabeça . Ele estava com os cabelos grudados em seu rosto  devido o suor , sua camisa definia perfeitamente seus músculos , seu corpo escultural , uma gosta de suor escorria pela lateral de seu rosto deslizando ate seu pescoço, seus lábios estavam incrivelmente vermelhos e atraentes , tudo nele me atraia , me atraia por completo, mordi meu lábio inferior enquanto o fitava , porém sai de meus devaneios quando ele me olhou , sua espada estava com um coloração avermelhada , ele desviou o olhar de mim para o minotauro e em seguida , guardou  a espada na bainha se virando totalmente para mim enquanto um enorme sorriso ia se formando em seus lábios e não pude deixar de sorrir também , mesmo a distancia eu consegui ler em seus lábios que se movimentavam enquanto ele sussurrava algo para mim .

-Finalmente te achei – foi que ele disse .
-Finalmente me achou – Foi tudo que eu consegui pensar e dizer , senti minhas penas bambearem novamente a  força deixando meu corpo , minha visão foi ficando turva até escurecer por completo .

Continua ....

 


Notas Finais


O que será quem vai acontecer com Emy ?
Esse garoto é mesmo o rapaz que Emy quer encontrar ou será o labirinto pregando uma peça nela ?
Se for ele mesmo , como ele chegou lá ?

Espero que tenham gostado do capitulo é agradeço muito para quem está acompanhando !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...