História As idiotices de uma adolescente - Capítulo 35


Escrita por: ~

Postado
Categorias Shawn Mendes
Personagens Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Shawnmendes
Visualizações 13
Palavras 675
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 35 - 33


— Kayli, acorda meu amor — ouvi alguém falar, mas o som era tão baixo quase inaudível. Tentei abrir meus olhos, mas eles não responderam ao meu comando.

Senti algo segurando minha mão, então apertei esse algo.

Shawn P.O.V

Já fazem 6 meses que a Kayli esta em coma e os médicos já não acreditam mais que ela poderá acordar. Mas eu sei que ela vai acordar, ela tem que acordar. 

Seis meses se passaram e minha vida está sendo resumida em hospital,casa, casa, hospital. Eu não consigo deixar ela aqui sozinha e prosseguir com minha vida como todos dizem para mim fazer. 

Marina também tem me ajudado muito durante esses seis meses. Ela fica com a Kayli quando eu não estou por perto. 

Esse acidente foi muito feio, toda a família se machucou. O bom é que ninguém morreu, além é claro do motorista do carro que bateu no carro da família da Kayli.  As únicas pessoas do acidente que sofreram mais, foram o Joseph e a Kayli. Joseph por que estava dirigindo e Kayli por que estava sem sinto, então foi arremessada para fora do carro.  

Joseph já está bem melhor, ele quebrou o fêmur, mas com as fisioterapias ele já consegue andar bem. 

O resto da família está muito bem de saúde e mal tiveram ferimentos pelo corpo.

Algumas vezes na semana eles vem aqui no hospital fazer visita para ela, mas não vêem sempre, por causa do trabalho e escola das crianças.

Eu venho recebendo muitas ligações de gravadoras para que eu assine contrato com elas, mas eu não estou com cabeça para isso. Então eu recuso todas elas. 

E hoje estou eu aqui novamente nesse quarto de hospital, olhando para meu amor totalmente entregue a esse sono profundo.

Já perdi as contas de quantas noites eu passei em claro chorando, pedindo para ela voltar para mim. Já orei tanto que, acho que Deus já está de saco cheio de escutar minhas orações.

— Kayli acorda meu amor — falei segurando sua mão. Logo ela aperta minha mão. Eu não consigo acreditar ela finalmente fez algum movimento! — meu amor se estiver me ouvindo, aperta minha mão de novo. — falei chorando e ele apertou mais uma vez minha mão! Obrigado meu Deus! Elas está acordando! — Meu amor você está acordando, Eu te amo, eu te amo! Acorda meu amor, abre os olhos. —

Nada foi feito, mas mesmo assim eu estou tão feliz! Ela finalmente teve uma reação depois de tantos meses em coma profundo. Corri imediatamente para chamar um dos médicos que ficou responsável por ela. Logo chegamos em seu quarto novamente.

— calma senhor Mendes, você tem certeza que ela apertou sua mão? — o meu diz me olhando por cima dos óculos e depois olhando para Kayli. 

— Sim, eu tenho certeza senhor! Ela apertou minha mão. — falei nervoso de alegria.

— Ok, o que o senhor falou para ela? Só para mim ver se ela vai fazer o mesmo comigo. — ele disse segurando a mão dela .

— Bom eu disse para ela acorda, aí ela apertou minha mão, depois eu falei para ela, que se ela tivesse me escutando, ela apertasse minha mão de novo. — falei

— Ok. Kayli se você estiver me escutando, aperte minha mão. — ele falou e logo olhei para a mão dela que se mexeu imediatamente. Ele me olhou espantado e abriu um sorriso. — Vamos lá garota, agora tente abrir os olhos. — ele disse, mas nada foi feito. — Bom por enquanto, parece que ela ainda não consegue acordar por completo, então ainda temos que esperar, mas esse já foi um grande passo para ela. Logo, logo, ela irá acordar. — ele disse soltando a mão dela e olha do para mim. Fiz um sinal de afirmação com a cabeça para ele. — agora eu vou indo, pois preciso checar alguns exames dela, para ver se ela terá alguma sequela, o que é bem provável. — ele disse e saiu do quarto. 

— Estou muito orgulhoso de você meu amor. Acorda logo, estou esperando por você. 






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...