História As irmãs haruno - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Akatsuki, Deidara, Drama, Naruhina, Naruto, Romance, Sasori, Sasusaku
Exibições 33
Palavras 1.065
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


hellou gente obrigada pelos favoritos!!! ^w^
xoxo, amo vcs!

Capítulo 2 - I miss you dear


Fanfic / Fanfiction As irmãs haruno - Capítulo 2 - I miss you dear

Sakura passou o batom da Sephora pelos lábios rosados, deixando eles mais rosados e amáveis do que antes. Estava se preparando no banheiro branco da escola para o namorado ,Sasuke Uchiha, um menino popular daquela escola. Era praticamente a mistura de um deus grego e um gênio: bonito e inteligente. Um orgulho para os pais. Ou talvez não, já que seu irmão mais velho, Itachi, era mais perfeito que eles.
Mas isso é uma história para depois.
Ao colocar o precioso batom na necessaire, se assustou quando ouviu o celular vibrar perto da pia. Franziu a testa. "Quem será que é?" Pensou, pegando o dispositivo.
"????: Você tem irmã???"
O coração da adolescente parou.
Shei. Estava. Na. Escola?!
Enfiou o celular agressivamente na bolsa e passou as mãos pelo rosto, suspirando.
Da última vez que vira a irmã, ela estava partindo para aquele internato de Yumogakure, uma cidade meio longe de Konoha. Elas eram melhores amigas e faziam tudo juntas. Certamente, quando Shei partira, Sakura chorou tanto..
Não precisava do mesmo tormento novamente. Não aguentaria.
"As coisas boas realmente duram pouco!" Revirou os lindos olhos verdes e colocou e enrolou a pequena bolsinha no ombro e saiu do banheiro.
O corredor principal do colégio estava cheio, já que era a hora do intervalo. A maioria lanchava na cantina, o lugar cheio de mesas onde se tinha a lanchonete. Aquele era o destino da Sakura, no momento, pelo menos até alguém ter tombado nela.
-Ai, me descul... Sakura? - A voz era feminina e suave. Também extremamente familiar... 
-Shei?! - Ela guinchou, os olhos extremamente arregalados, escondendo a sombra brilhante que colocara antes - V-Você... Volt.. - Antes de terminar a frase, levou a irmã para um local privativo, escondido dos olhares alheios de gente que não tinha nada a ver com o assunto.



-Sim, eu voltei.. - Shei responde, sorrindo - Eu senti tanto a sua falta!
Não conseguia mais se segurar. Abraçou a irmã fortemente, deixando as lágrimas rolarem pelo rosto. A saudade era tanta pra conseguir aguentar.
-Eu também... - A sua voz, normalmente feliz e calorosa, agora estava chorosa. - Não faz isso comigo de novo, sua doida..
-Eu não vou - Shei soltou uma risada alegre: Agora tinha de novo sua irmã ao lado, a maior companheira que podia ter no mundo. 
---

-O quê?! - Sakura guincha à fofoca que a irmã conta - Você esbarrou no Pein? - ela tenta o máximo não deixar aquilo alto, mas era realmente uma surpresa. E certamente não uma boa.
-Eu não sei, ele não me contou o nome dele.. - Shei dá de ombros enquanto enfia outra colherada de iogurte na boca - Só sei que tinha um monte de gente com ele, como se fosse um grupinho, eu sei lá!

As duas estavam sentadas numa das mesas da cantina, aproveitando o recreio enquanto se deliciavam das fofocas uma da outra. Cada uma contava o que acontecera com si mesma para a outra. Era bem divertido e elas praticavam isso desde pequenas - é tudo sobre experiência. Elas realmente faziam quase tudo juntas, mesmo.
-É sim o Pein - A outra suspira, tomando um pouco mais do suco de morango que comprara antes - E sim, ele tem sim um grupo, é a Akatsuki. Eles são tipo um grupo de bad boys ou coisa assim, só tem uma garota no grupo. Eles fazem bagunça e tem as melhores festas, basicamente. Mas se você se mete com um deles, no sentido ruim, você praticamente tá falando que quer morrer. Eles podem ferrar sua vida.

-Sério? 

-Ahã. Um dia, um cara chamado... Ah, sei lá. Só sei que o cara xingou o Kisame no Twitter. O cara foi pro hospital de ambulância no colégio no dia seguinte.
-Meu Deus! Ele tá bem? - A irmã pergunta, olhos arregalados.
-Ele tá vivo, pelo menos. - Sakura dá de ombros tristemente - Mas isso serve pra aprender que a Akatsuki não é o melhor grupo pra irritar. Só vamos rezar pra você ter feito uma boa impressão pro Pein. 
-Ahã. Mas e aí Sakura? Você tá a fim de algum garoto? - Shei pergunta com um sorrisinho. As bochechas da irmã ficam em brasas pela pergunta ousada.
-Tô namorando. 
-Quem?! 
-Você não conhece.
-Aff! Claro que não conheço, mas contaaa! - Ela reclama, fazendo um beicinho.
-Ok. Sasuke Uchiha. Aquele cara ali! - Sakura aponta com o dedo indicador para um garoto com cabelos pretos e olhos ônix.
-Ele é bonito. - Shei comenta - Ai ai, você namorando e eu aqui, solteirona.
-Calma, aposto que você vai arrumar namorado mais cedo ou mais tar..
As duas são interrompidas por uma garota de cabelos escuros e olhos claros se sentando na mesa delas enquanto sorria. Era Hinata Hyuga, uma das melhores amigas de Sakura. Ou seja, era bem bonita. Ou pelo menos o bastante pra deixar Shei insegura sobre a própria aparência.
-Oi, Sakura. - A Hyuga cumprimenta suavemente com a voz quieta e doce. O olhar dela se direciona para a irmã dela - Oi. Você é a irmã da Saku, certo? Eu sou Hinata. Prazer! - Ela forma um sorriso fofo.

-Ah, oi! Eu sou a Shei. Prazer, Hina! - A Hyuga cora pelo apelido, mas continua a sorrir.

-Oi Hinata, alguma novidade sobre o Naruto? - Sakura cantarola.

Ok, se Hina já estava vermelha antes, agora o rosto dela parecia um tomate. O Naruto era um assunto delicado entre elas duas, já que toda vez que a Hyuga o via, ela apenas queria colocar os braços entre o pescoço dele e o beijar. Acho que isso seria chamado... Amor. 
O único problema é que nenhuma delas sabia se o Uzumaki realmente sentia o mesmo por ela. Então tinha duas possibilidades de nome para aquela situação: amor platônico ou amor correspondido.

-Infelizmente, não.. 
-Quem é esse cara? 
-Ah. O garoto de quem Hinata gosta. - Sakura explica, sorrindo - A gente não sabe se ele gosta dela.
-Você é legal, Hinata, aposto que ele gosta sim de você! - Shei declara, fazendo a amiga sorrir de agradecimento - Pelo menos você tem alguém. Eu tô sozinha nesse mundo..
-Para de reclamar sobre homem sua doida! Caraca, você só fala disso...
Porém ela não sabia a real razão de Shei estar reclamando sobre isso. E era certamente justificado por uma cicatriz no coração da coitada.
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...