História As Novas Fadas - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~itssuyanne

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Aquarius, Aries, Cana Alberona, Câncer, Capricórnio, Carla (Charle), Crux (Kurukkusu), Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Gemini, Gildartz, Gray Fullbuster, Happy, Horologium, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Libra, Loki, Lucy Heartfilia, Lyra, Mavis Vermilion, Mirajane Strauss, Nashi Dragneel, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Pantherlily, Personagens Originais, Pisces, Romeo Conbolt, Scorpio, Taurus, Virgo, Wendy Marvell, Zeref
Tags Gale, Gruvia, Jerza, Kenshi, Miraxus, Nalu, Prisna-sama, Zevis
Exibições 121
Palavras 862
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Boa leitura!

Capítulo 2 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction As Novas Fadas - Capítulo 2 - Capítulo 2

X811

- Hime! Natsu-kun disse-me para levar-lhes para Magnolia! - Virgo chegou e falou de uma só vez, três segundos depois estávamos eu e Lucy no porto de Magnólia.

- Obrigada Virgo! - Disse curvando-me

- Acho que você deveria agradecer a outra pessoa! - Uma voz masculina disse atrás de mim

- Quem? - Disse virando-me, vi um homem sem camisa e uma ruiva de armadura, não conhecia aquelas pessoas, ou pelo menos pensava assim

- Gray?! Erza?! - Mamãe disse e pulou para um abraço, pelo jeito eles são grandes amigos

- Err... Onde está o Otou-San? - Disse sem saber o que falar com aquelas pessoas

- Na guilda, sob cuidados da Porlyusica - A ruiva disse

- E-Ele está bem? Se machucou muito? - Mamãe estava visivelmente preocupada e nervosa

- Acalme-se Lucy, eles está bem, sofreu alguns machucados, nada demais para um cabeça de fósforo - O moreno chamado Gray disse

- Vamos? Estão todos esperando vocês duas! Vai ter bolo de morango também! - A ruiva, Erza, disse sorrindo

- Ah! Certo! - Falei seguindo-os

Nashi OFF

Lucy ON

A Nashi parecia empolgada, tenho quase certeza que é por conta da magia, do reencontro com os amigos e do Natsu. Acabei sorrindo sem perceber e a Erza notou.

- Deve estar feliz por poder revê-lo, e pela Nashi claro! - A Erza falou-me, sai de meus pensamentos e corei levemente

- Estou muito empolgada, foram quase 3 anos sem vê-lo! - Disse sorrindo - E você?  Como está com o Jellal? - Vi seu rosto enrubescer e sorri com aquilo

- Eu... Ele.... Nós... Err.... - Ela parou para pensar um pouco e recomeçou - O Jellal foi perdoado pelo o que aconteceu na Torre do Paraíso... E.... - Seu rosto parecia um pimentão, aquilo era muito fofo, com toda a certeza a Erza gosta do Jellal

- E...? - Perguntei curiosa

- Eu me casei com ele no mesmo ano que você, baka! - Disse rapidamente, quase me atacando - Já faz quase 19 anos e eu nem sei falar sobre isso, também tive uma filha, um pouco depois da mudança de vocês. Regulus e Sasuka agora namoram e continuam na guilda, a antiga guilda do Jellal, a Crime Sorcière, continua lutando, mas não só contra as guildas negras, eles tornaram-se uma oficial! Tudo está mudado, só falta a Nashi para brigar com o Kento... - Disse por fim

- Por que eu brigaria com esse? - Nashi, que percebeu seu nome na conversa falou

- Por que antes da missão daquele cabeça de fósforo, nós dois só faziamos brigar - Gray finalmente entra na conversa - Ele é o meu filho, você é do carvão, é quase previsível os dois brigarem!

- Ah! Certo, vou ver o que posso fazer... - Nashi afirmou

- Olha só! Conversamos demais, já chegamos! Prontas? - Erza falou

- Mais ou menos... - Disse com nervosismo

Lucy OFF

Nashi ON

- Mais ou menos... - Mamãe disse, ela ama aquelas pessoas, principalmente um certo rosado, estava bem claro em seus olhos

Assenti com a cabeça para a pergunta da Erza, então ela abre as portas de madeira. Vejo várias pessoas, nunca tinha visto tanta pessoa em um lugar só, estavam bebendo, conversando, brigando e alguns até voavam. Caminhei até a frente de uma espécie de bar com a mamãe, eu estava tímida, por que? Nunca me senti assim antes...

Vejo uma cabeleira rosa conversando com duas mulheres, eu sabia que era o papai... Não sabia que estaria tão feliz com esse reencontro, não tão quanto a Lucy, corri até ele e abracei-o de frente, assustando-o, mas sabia que logo ele havia entendido. Mamãe logo apareceu e abraçou-nos, ela estava chorando, e eu também, mais ainda quando ouvimos...

- Não aguento ver a minha loirinha e a minha rosada chorando, é uma sensação estranha - Sussurrou para nós, então eu encarei-o e sorri, não sabia de onde vinha aquela alegria, mas era muito bom senti-la

Nashi OFF

Natsu ON

Estava conversando com a Mavis e a Porlyusica sobre a missão, segundo elas, com o que eu consegui era possível salvar Zeref da Maldição de Ankhseram. Eu realmente queria aquilo, e a Mavis também parecia empolgada, ela falava sobre famílias, aquilo me fez lembrar da Nashi e da Lucy, eu finalmente vou revê-las!

E quando pensei isso, um corpo com feições femininas me abraçou, me assustei, claro, mas logo percebi que era a Nashi, e estava chorando, depois apareceu a Luce, a minha loirinha, me abraçou e tentou conter o choro em vão. 

- Não aguento ver a minha loirinha e a minha rosada chorando, é uma sensação estranha - Sussurrei para elas, aquilo mexeu mais ainda com a Luce, e então a Nashi ergueu a cabeça e sorriu pra mim, como se aquele fosse a melhor sensação de todas!

E então, alguém teve a coragem de interromper o nosso reencontro, aparentemente, a atenção de toda a guilda estava voltada para nós.

- Tenho a impressão que a sua loirinha, gostaria de ver outras pessoas também... - Disse Gajeel ironicamente, Levy estava do seu lado, e pareceu não gostar da reação do esposo, com razão. 

A Nashi saiu do abraço, admirando aquelas pessoas que pareciam amigáveis e estranhas ao mesmo tempo, ela sorriu percebendo que aquela era a sua verdadeira família, logo começaram as longas apresentações...

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...