História As quatro estações (Imagine Lalisa Manoban) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Black Pink, WINNER
Personagens Jennie, Jinwoo, Jisoo, Lisa, Rosé, Seungyoon
Tags Black Pink, Imagine Kpop, Imagine Lisa, Imagines, Kpop, Lisa, Winner
Visualizações 50
Palavras 537
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), FemmeSlash, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá, Ohana!
Tudo bom com vocês? Espero que sim!

Trazendo mais um imagine, dessa vez com a Lisa. Aquela linda.
Será bem curtinho, e pretendo não demorar muito para terminá-lo.

Acho que não preciso dizer que é um imagine lésbico né?
Não gosta, não leia.

Boa leitura!
(Se flopar 'nois fingi que nunca aconteceu)

Capítulo 1 - Cold as winter.


Fanfic / Fanfiction As quatro estações (Imagine Lalisa Manoban) - Capítulo 1 - Cold as winter.

Quando havia completado meus vinte anos; implorei para meus pais para me deixarem morar na Coreia do Sul, sempre gostei muito da cultura daquele país, e me interessei tanto, que queria morar lá; com muita insistência de minha parte, eles haviam deixado ir, com uma condição, eu teria que morar junto com uma conhecida da minha mãe que já mora por lá.

Minha mãe dizia que era uma garota um pouco mais velha do que eu, e era de extrema confiança. Com muitas perguntas acabava descobrindo muito sobre a garota. O nome dela é Son (SeuNome), tinha vinte e três anos, havia morado na Tailândia por dois anos, e conheceu minha mãe pois trabalhavam na mesma empresa. 

Minha mãe dizia que ela era uma pessoa bastante engraçada, e carinhosa. A cada coisa que eu descobria sobre a garota me fazia ficar ainda mais animada para conhecê-la e morar com ela. 

Foi um pouco complicada a despedida, me despedir de todos ao me redor no meu país de origem, me fez deixar algumas lágrimas surgissem em meu rosto; meu coração estava completamente agitado por conta de um misto de emoções quando entrei no avião, felicidade, ansiedade, tristeza, medo; quando o avião começou a decolar, senti minha ansiedade aumentar.

Mal consegui dormir de tanta ansiedade, olhava a janela do avião imaginando como seria depois que eu desembarcasse.

Quando finalmente havia chegado em Anyang, olhava para todos os lados, procurando pela garota.

 

Olhando ao redor, havia encontrado uma garota com uma plaquinha com meu nome, me aproximei rapidamente da garota que me lançou um olhar, que fez meu corpo se arrepiar por completo, era um olhar frio, completamente diferente do que minha mãe havia me dito.

- Você é a Lalisa? - Apenas assenti com um sorriso, que não teve nenhuma retribuição.

- Você poderia me chamar apenas de Lisa? - Não gostava muito quando me chamavam pelo nome inteiro.

- Não tenho intimidade para chamá-la assim. - Disse sem mudar seu semblante. - Meu nome é (SeuNome), mas acho que você deve saber. - Sorri, havia pensado em inúmeros apelidos para chamá-la, nesses cinco meses que me preparei para vir para cá, mas fiquei receosa por chamá-la por qualquer um deles, com medo da reação. - Vem, vamos. 

A mais velha me ajudou com minhas malas, e fomos até sua casa, sem dizer nem ao menos uma palavra. Ela agia o tempo inteiro com frieza, e isso me assustava de certa forma.

- Você dormirá no meu quarto, - Disse no instante em que abriu a porta de sua casa. - eu dormirei no sofá até arrumarmos o outro quarto para você. - Era incrível como ela não esboçava nenhum sorriso.

- Eu posso ficar na sala.

- Acho melhor não, a cama é mais confortável. - Respondeu rapidamente.

- Então podemos dormir juntas, não acha melhor?

- Você acabou de chegar, - Olhou para mim. - não aja como se já me conhecesse.

 

Nosso primeiro contato não foi nada como eu havia imaginado, imaginava inúmeras risadas e conversas nossas logo de primeira vista, mas não foi assim.

Ela não era uma garota engraçada, divertida e carinhosa como minha mãe havia me contado.

Ela era fria, como o inverno.


Notas Finais


Foi bem curtinho, mais espero que tenham gostado dele.

Me perdoem qualquer erro...

Espero que tenham gostado! ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...