História As Três Borboletas Do Elevador - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, Taehyung
Exibições 37
Palavras 1.204
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Mistério, Musical (Songfic), Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 14 - Um dia com Jungkook


Fanfic / Fanfiction As Três Borboletas Do Elevador - Capítulo 14 - Um dia com Jungkook

Eu não conseguia abrir meus olhos, eu apenas os machucava com a forte luz que entrava da janela. Eu tinha morrido? Ou...eu ainda estava no jardim? De alguma forma fui retomando minha visão, e audição novamente 

 


- Jang Lee? ~uma voz surge 

 


- é você Deus? ~eu tento me levantar 

 


- Eu estou mais pro Tio Lúcifer...~Jungkook me ajuda 

 


- ah...eu ainda estou presa aqui 

 


- você está pálida, está tudo bem mesmo? ~ele coloca a mão na minha testa 

 


- eu estou bem, não se preocupe ~tentei dar um sorriso 

 


- olha quem acordou ~Jimin adentrou no quarto 

 


- olá pra você também 

 


- Aish ~ele cruzou os braços 

 


Notei que ele não foi muito com a minha cara....Talvez ele só queira a verdade, e eu não a tenho. Quem era a garota das rosas? E por que ela não está aqui....com o Yoongi? 

 


- Você está recuperada certo? Pode ir agora ~Jimin pega o meu braço 

 


- Ela ainda está mal ~Jungkook retira a mão dele 

 


- você se preocupa com essa humana? Enquanto Yoongi? 

 


- eu me preocupo com ele também 

 


- Mais não parece...~ele saiu do quarto 

 


- está tudo bem? ~perguntei 

 


- Vai ficar ~ele pegou o meu braço e me tirou do quarto 

 

 

Jungkook estava com um olhar sério, até ele me levar em um dos quartos do jardim 

 


- quer jogar? ~ele abre a porta 

 


O quarto era repleto por máquinas de jogos. Parecia que eu tinha voltado à época dos fliperamas 

 


- Eu posso morar aqui? 

 


- não 

 


- que droga ~eu me aproximo de uma máquina 

 


Era uma máquina de bichos de pelúcia. Não pude deixar de lembrar do Taehyung....Como está o seu andar será? 

 


- você é péssima em jogos ~ele me empurra 

 


- nossa tio Lúcifer 

 


- observe e aprenda ~ele piscou 

 


Se eu tivesse um coração naquele momento, eu estaria morta com a piscada....

 


"...PERDEU PERDEU..." ~Som da máquina 

 


- parece que o chefão não é tão bom assim ~eu o empurro 

 


- Você é bem pior ~ele continuou a me empurrar 

 


Acabamos caindo na piscina de bolinhas, não enxergava merda nenhuma lá dentro 

 


- olha o que você fez ~eu falei 

 


- você que começou ~a voz vinha se aproximando 

 


- então esquecemos a parte de sermos "adultos"? 

 


- é melhor ser criança ~ele apareceu atras de mim 

 


- vai por mim ~ele continuou 

 


- dês de quando tem uma piscina de bolinhas aqui? 

 

 

- provavelmente ela já estava aqui a muito tempo 

 


- ela faz parte do jardim certo? 

 


- sim...

 


- então esses quartos podem estar relacionados com os andares 

 


- já que ele é ligado ao jardim 

 


- faz sentido...Taehyung ficou com esse quarto ~falei 

 


- Yoongi com a sala do piano 

 


- Jin com a cozinha ~minha barriga roncou 

 


- parece que temos que ir pro quarto do Kim Seokjin ~ele pegou o meu braço 

 

 

- eu não estou com fome ~ela roncou novamente 

 


- Um lanche não faz mal 

 


Enquanto estávamos passando pelo corredor, vimos Jimin saindo de um dos quartos 

 


- ahh...~Jimin e Jungkook trocaram olhares 

 


- estamos indo fazer um lanche...Você quer? ~perguntei ao Jimin 

 


- Suma ~ele me ignorou 

 


- Suma o teu cu ~andei pesadamente até a cozinha 

 


- Ele é assim com novas pessoas ~Jungkook 

 


- por que? 

 


- talvez ele só esteja preocupado 

 


- com Yoongi? 

 


- com todos na verdade....

 


- vocês todos são irmãos? 

 


- Somos "como" irmãos, os três, as outras rosas são nossos amigos 

 


- então eles não podem virar borboleta igual a vocês? 

 


- não sabemos direito....

 


- Entendi ~leve brisa 

 


- vai querer cenoura? ~ele a pega 

 


- Espera! Fica parado ~eu peguei meu celular 

 


- por que? O que vai fazer? 

 


- registrar isso ~eu tirei uma foto 

 


- registrar? 

 


- você parece um coelho 

 


- Aish! Como assim coelho? 

 


- seus dentes lembra um...

 


- eu não  sou um coelho ~ele pega a farinha do inferno 

 


- você que parece um fantasma ~ele joga na minha cara 

 


- você não fez isso 

 


- fiz e faço de novo ~ele joga novamente 

 


Eu comecei a correr igual uma idiota para todos os quartos, e nem percebi Jimin logo à frente

 


- ahh garota olha por onde anda 

 


Eu me abaixei rapidamente para não ser atingida pelo Jungkook. mas, no final quem levou o saco inteiro de farinha na cara foi Jimin 

 

 

- corre ~Jungkook falou 

 


- Você tá fudida ~Jimin tentava tirar a farinha do rosto 

 


- Socorro ~eu comecei a correr 

 


- Jungkook eu vou te matar ~ele começou a correr atrás de nós 

 

 

- por que você jogou nele? 

 


- Mais foi você que desviou

 


Vimos de relance o lugar onde ficava as rosas. E do lado delas tinha minha presilha marrom.....Talvez Jungkook a tenha colocado lá? Por que? 

 


- Entra aqui ~ele me jogou em um dos quartos 

 


O lugar estava escuto de mais para eu enxergar, então nós simplesmente trancamos a porta, e ficamos sentando na escuridão 

 


- ele não vai nos achar aqui certo? 

 

- eu acho que não ~ele acendeu as luzes 

 


Agora eu conseguia ver perfeitamente o quarto. Ele era repleto por quadros, e um deles era uma pintura do elevador com uma garota 

 


- ela poderia ser? 

 


- sim....mas o rosto dela está apagado 

 


- por que? 

 


- Não sei....a gente apareceu aqui do nada...não fazemos a regra desse jogo 

 

 

- que jogo estranho....~escutamos passos 

 


- Aish ~Jungkook apagou as luzes e sentou do meu lado 

 


- agora a gente tomou no cu 

 


- cala a boca, foi tudo culpa sua 

 


- minha? ~ele sussurrou 

 


- Estou cansada de correr ~eu encostei minha cabeça no seu ombro 

 


- descanse 

 


Eu não estava vendo o seu rosto, mas sabia que ele estava muito perto do meu. Pelo simples fato de sua respiração estar no meu pescoço 

 


- eu não vou te atrapalhar? 

 


- você não me atrapalha....diferente de Jimin 

 


- Você o odeia? ~sussurrei 

 

 

- "Odiar" é muito forte....Talvez rancor? 

 


- o que ele te fez Jungkook? 

 


- tirou o que eu mais amava ~sussurrou 

 


- família? 

 


- amor ~sussurrou novamente 

 


Logo depois disso ficamos em completo silêncio. Não foi um silêncio constrangedor, foi apenas, um silêncio bom...Por que "bom"? Eu não sabia exatamente

 


- Não pense em nada Não diga nem uma palavra Apenas me dê um sorriso
Ainda não consigo acreditar Tudo isso parece que foi um sonho Não tente desaparecer
É verdade? É verdade? Você, você Você é tão linda que tenho medo Inverdade, inverdade Você, você, você..."

 

~ele começou a cantar no meu ouvido 

 


- então você também canta? 

 


- Impressionada? 

 


- nenhum um pouco 

 


- eu sei que está ~ele deu um pequena risada 

 


Você vai ficar ao meu lado? Vai me prometer? Se eu soltar sua mão, você vai voar para longe Vai desaparecer, tenho medo disso
Você vai parar o tempo? Se esse momento passar Como se isso não tivesse acontecido Tenho medo disso, eu vou te perder
Borboleta, como uma borboleta Como uma borboleta, assim como uma borboleta Borboleta, como uma borboleta Como uma borboleta, assim como uma borboleta... 

 

~ ele continuou a cantar 

 


- Você vai ficar? ~Jungkook sussurrou

 


Eu acabei adormecendo....E nem pude responder aquela pergunta 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Obg Por ler e desculpa os erros <3 hoje foi o último dia de prova (GLORIA A MÁSCARA DE MADRE TEREZA) e semana que vem será a ultima snsnsjjddndmkdjdnsnsjsjsn <3 fiquem com um capítulo curto


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...