História Assim, do nada... (Imagine BTS - Suga) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 560
Palavras 1.717
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura ❤

Capítulo 3 - ...Ele Seguiu, Também Seguirei...


era de imaginar que você ficaria com ela, ?

Pensei comigo mesma, enquanto olhava pra foto do meu ex-namorado com uma das rodadas da minha antiga escola de Brasil. Aquilo... Doeu muito, sabe? Então... Decidi comentar... " Você teve escolhas melhores, abraços �� ". Sério, por dentro eu queria mesmo era chamar ele no chat e xingar de todos os palavrões que existem nessa Terra!

Se Ele seguiu em frente, também seguirei...

Voilà! Marcel me ligando pra me deixar salva de uma profunda tristeza e eu enfiar a cara nas Vodka... Agradeço por tudo ter esse moleque na minha vida...

Atendi a ligação e já se ouviu um grito estérico da bixa louca. Oxii, depois eu que sou a retardada do grupo '-'

— QUER ME DEIXAR SURDA!?

AI AMIGAAAAAA!!! EU MUITO FELIZ!!!

— Por que mesmo? '-'

A MINHA MÃE ME DEIXOU IR PRA !!

POOOORRRAAAAA CHUPA AS MINHAS BOLAS ESCOLA! VOCÊ VAI SE TORNAR UM INFERNOOOO!!!! BIIIRRRLLL

— CARALHO VIADO! SO-CO-RRO! E QUANDO CÊ VEM!?

mês que vem '-'

— Ah se fuder '-'

Desliguei na cara dele porque fiquei magoada. Mês que vem? Até lá, deve que meus pais já vão ter me mandado pra Rússia!

Subi para meu quarto. Vou meio que... Tomar um ar, sabe?

Tomei um banho, coloquei uma calça jeans, uma blusa de manga comprida amarela e calcei meu all star preto. Soltei meus cabelos e desci. Peguei a chave de casa, meu celular e meu fone de ouvido.

Andei pelas ruas de Seul, até encontrar uma praça. Fico andando por ela, até que esbarro com outro alguém.

— Ops, descul-... — percebendo quem era, eu decido calar a minha boca. — ...Ah, é só você...

— Eu ainda acho que você precisa de um óculos... — comentou.

— E eu ainda acho que você vira um poeta com a boca fechada. — falei.

Eu ia saindo, quando ele pegou no meu braço, me fazendo olhar pra ele na hora.

— O que você quer...? — pergunto.

— Bom... É que...

— Que...? — dei incentivo pra ele continuar.

— Precisodeajudaemmatemáticaeoprofessordissequevocêéboa... — ele disse tão rápido que Crêem em Deus Pai.

— Amor, não tô te entendendo... — falei. — Fala devagar, expira e inspira...

— Oxê '-' É que... Eu tenho um pouco de dificuldade em matemática, e o professor disse que estava vendo a sua ficha escolar, e disse que você é ótima em matemática, ele me sugiriu para que eu lhe encontrasse e que me ajudasse... — ele disse, tão calmo, chega dava medo...

— Eu? Eu só sei umas continhas de + e - — falei. — Pede pra ele procurar outra pessoa...

Eu ia sair andando, mas novamente ele pegou no meu braço. Puta que pariu, já tá me tirando do sério!

— Por favor ________... — falou, fazendo cara de cachorro pidão. Ow, aí fode com o meu psicológico...

Infelizmente, não resisti. — Aahhh, tudo bem! Vamos logo hoje que eu tô sozinha e meus pais não vão me encher...

— Ah, valeu... Bora passar lá em casa para eu pegar a minha mochila... — falou e eu assenti.

Andamos pela cidade, e a única coisa que ele comentou sobre ele, era que se chamava "Min Yoongi", mas a escola inteira o conhecia como "Suga". Ele é um dos populares, mas o cara parece ser tão... Nerd. Dificilmente, um nerd é popular... Mas tudo bem.

Paramos em frente à uma mansão.

— Bem-vinda à minha casinha... — ele disse e entramos. Tudo por dentro dela era muito lindo.

Yoongi pediu para que eu o esperasse na sala, sentada no sofá. Escuto uns latidos e vejo um cachorro grande e peludo pular em mim, como se ele já me conhecesse... Acariciei seu pelo e olhei em sua corrente... "Laura". Haaaaaaa asdorei!

O Suga logo desceu com seus materiais e eu me levantei. Saímos da casa dele, andando mais um pouco até chegar em minha casa.

— Fique à vontade em minha humilde residência... — falei, dando espaço pra ele passar.

— Maneiro... — sussurrou.

— Eu sei querido. — falei. — Vem, vamos pro meu quarto.

Abri a porta do quarto e entramos. Ele deixou os materiais dele em cima da minha cama e se sentou. Oxii, pegou intimidade tão rápido assim, é?

Peguei os meus materiais e me sentei em minha cama também.

— Tá, e no que você tem dificuldade...?

[...]

GLÓRIA! OBRIGADA! AMEEEEMMMMM!!! Ele tinha dificuldade em várias coisas mano. Quando terminei de ensinar tudo pra ele, eu fiz uma pipoca e derreti um chocolate e fomos assistir um filme de terror.

Na sala né, porque no meu quarto não!

Já disse que sou azarada? Não? Oras, sou azarada pra caralho! Os meus pais entraram bem na hora que nos sentamos pra ver o filme.

— OXEEEEE QUE PUTARIA É ESSA AQUI!? — perguntou a minha mãe. As vezes eu me arrependo profundamente por ensinar pra ela meus palavrões.

— CALMA QUE AQUI NÃO VIROU REDTUBE PRA TER PUTARIA! — gritei.

— E esse senhorzinho aí.... Quem é? — perguntou Edgar.

— Ah, esse "senhorzinho", é um colega que veio pedir ajuda em algumas coisinhas em matemática. Como a gente já terminou, pensei em ver um filme com ele. Por quê? Algum problema?

— Esse " senhorzinho " aí, tem nome? — perguntou novamente.

— Sim, e é Min Yoongi. — o próprio Yoongi respondeu. Meu padrasto parece que ficou surpreso e logo com uma expressão raivosa.

— Saia de minha casa... — ordenou.

— Hey hey hey! Como assim? Vai expulsar mesmo o moleque? — perguntei, Me levantando.

— Ele não tem mais o que fazer aqui... — falou e o Yoongi se levantou. Foi até o meu quarto, talvez pra pegar seus materiais.

— Cê tá maluco? — perguntei. — Ele não te fez nada!

— ________! Só fique longe desse garoto, estou ordenando! — falou Edgar. — E se puder ficar longe da família dele, melhor ainda.

— Eu fico perto de quem eu quiser! — falei.

— Filha... Não... Arranje briga, por favor... — disse minha mãe e eu me acalmei.

O Yoongi desceu e ele já estava com seus materiais. Ele olhava mortalmente para meu padrasto, e eu, olhava da mesma forma pra ele também. Acompanhei o Yoongi até a porta, de deboche e de respeito né! (De menina educada, eu não tenho nada, mas é para pelo menos evitar uma forte briga com a minha mãe.)

— Tchau ________, obrigado pela ajuda... — ele disse e sorriu pra mim. Ai meu cu, que sorriso é esse? — Passar bem Senhor e Senhora Blake.

— Tchau Yoongi e... — me aproximei do ouvido dele. — O machão alí, não é meu pai... — sussurrei e ele apresentou entender. — Por nada, caso precise de mais alguma ajuda, pode contar comigo!

Ele foi embora no meio da noite e eu Fechei a porta com tudo. Olhei pro meu padrasto em reprovação.

— Eu não sei o que tá rolando, mas você não vai me impedir de ficar perto de alguém... — eu falei e subi para o meu quarto.

Arrumei meu material e a minha cama. Logo, peguei a minha toalha e fui ao banheiro. Tomei um banho quente e escovei meus dentes. Como tinha comido muita pipoca, não irei jantar hoje. Vesti o meu pijama branco com bolinhas pretas curto e me deitei em minha cama, desbloqueando meu celular e vendo que tinham algumas mensagens do Marcel.

" Amigaaaaaa!!! Porq VC sumiu? "
" ta com algum boy vadia "
" Dps me conta tudo pelo skype! "

Entrei no skype e liguei pro Marcel, que no mesmo momento atendeu. Oxê, menino pontual '-'.

Rapariga! Onde tava!? — perguntou indignado comigo.

— Ah, é que o boy, que eu te disse que eu zuei na escola, veio pedir ajuda pra mim em matemática, e eu acabei topando em ajudá-lo porque... Ele fez uma carinha tão fofa que eu não resisti. Sabe? Então... Até agora eu tava com ele aqui, só que eu não entendi porque que o meu padrasto expulsou ele e pediu pra mim ficar longe dele e da família dele. Não entendi, mas ele não vai me impedir de nada!

Vai fazer a _________ rebelde? Olha, isso costuma dar merda. — falou e ele tinha razão. Sempre que eu dava uma de rebelde, acabava me ferrando.

— Eu não ligo Marcel, não tem essa de ficar longe de alguém, me recuso! — falei.

Mas seu padrasto pode estar certo, vai que ele e a família dele são um bando de mafiosos! — disse Marcel.

—Mafiosos? Ah claro, e eu virei a princesa Isabel. — respondi. — Tem alguma coisa hein... Ele nunca me proibiu de ficar perto de alguém, muito menos de menino porque ele sabia que eu não faria nenhuma besteira, se é que você me entende...

Claro, nem mesmo com o Gregory, você não fez nada. — disse Marcel, colocando na boca um docinho.

— Ah, cê viu a foto dele e dá Margarida no facebook? — perguntei.

É, eu vi também seu comentário. Achei super digno, até curti ele. — falou e eu ri um pouco.

— Será que ele respondeu? — perguntei.

Não, olhando aqui e nada... — falou. — E eu acho melhor assim, vai várias patadas nele...

— Pois é... Ow, hoje quando eu tava voltando pra casa, veio uns caras estranhos perguntando se eu queria carona... — contei pra ele.

E o que você fez? — perguntou.

— Eu até pensei em entrar pra zuar um pouco, mas sabe... Aquele medo de...

Você fez bem miga. — me interrompeu. — Homens são assim mesmo... E não me inclui nessa não, porque eu sou uma Deusa Purpurina...

— Sim, eu sei! Bom, eu vou dormir né, amanhã tem aula... Beijos amor! — me despedi de Marcel.

Tchauuu~

Desliguei a ligação por vídeo e bloqueei meu celular. Coloquei ele em cima da mesinha e desliguei a luz de meu quarto, finalmente conseguindo dormir. Mas sabe... Eu não parava de pensar no que o meu padrasto disse... Aaahhh, mas eu vou descobrir...

Senão, eu não me chamo ________ Blake!


Notas Finais


YOOOOOOO ta aí amores <3
O que será que o Senhor Edgar esconde de você, né?
Será que sua mãe também sabe?
Hmmm, não sei!
Beijocas ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...