História Assistindo HTTYD - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Como Treinar o seu Dragão
Personagens Astrid, Banguela, Bocão, Melequento, Perna-de-Peixe, Soluço, Stoico
Tags Comedia, Família, Soluço, Stoico
Visualizações 371
Palavras 4.318
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Famí­lia, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hello eu voltei!!! 😄😄😄

Gostaria de agradecer aos 18 favoritos e 27 comentários, muito obrigada a todos

Eu sei que já faz mais de um mês que eu não autualizava essa história

Más de verdade e sinceramente a culpa não foi minha😖

Minha mãe ficou adoentada por causa do seu problema de coluna e como quem faz as coisas aqui em casa mais é eu e ela, com ela doente eu tive que me virar, até que fazer comida, arrumar a casa não é difícil é cansativo

Então não estava sobrando tempo para mim escrever, más agora ela já está melhor graças a uma injeção que ela tomou. Essa é uma das vantagens de se ter um médico na família

É juntou que eu só tive 5 dias de férias, pôr causa da greve

Más chega de notícias ruins eu consegui escrever o capítulo e isso é o que importa, e quanto ao sorteio............😋😋😋

Eu já estou com o nome do ou a ganhador (a) bem aqui, más primeiro vamos mostrar os participantes

nathinha235

ladyking
lia_cielo
Mikasa_87
senhorita_M
enchanting17
Aeon_S
labeat
Giselemlp
night_eagl
leitor 2016
Astridehiccup
laysllg
kittybug
BLUE_ SHARINGAN
b Vic
Marcosw041
Hana_yoon
Srt. Caf3
Tata_Hofesson
dark_princess11
jullysf
MayraMayra1327
T_Haddock
nashi_dragneel
ACDreame
monjie
shaaLuah

E se o seu nome não apareceu aí é porque você não colocou nos comentários a tag #EUQUERO que eu mencionei nos capítulos 11 e 12
então pôr tanto não estava participando

E o vendedor é?.........

"NEGRITO" fala
'NEGRITO' narração

"FALA" normal
'PENSAMENTO' normal

Capítulo 13 - Academia de dragões


Fanfic / Fanfiction Assistindo HTTYD - Capítulo 13 - Academia de dragões

Agora era a vez dos vikings ficarem ansiosos 

'A cena muda para uma enorme imensidão de um céu azul'

 Soluço (POV) 

'Esta é berk e durante gerações vikings lutaram contra dragões, màs um dia tudo mudou...eu conheci o banguela e juntos mostramos ao povo daqui que ao em vez de lutar contra dragões podemos monta-los, viver com eles e até treina-los'

 Soluço sorriu com orgukho, realmente seu trabalho valeu a pena 

Narrador (POV)

 "Beleza gente, vamo começa a disputa" Soluço diz pousando em pequena pedra no meio do oceano onde estão os outros adolescentes "quem vai ser o primeiro?" 

 "Eu!" Melequento disse

"Uhh" perna de peixe começou

"Eu" melequento disse

"Na verdade ... eu acho que é ..." perna de peixe continuou.

"Eu!" Melequento exclamou 

"Aí, pelo amor de Thor anda logo" Astrid gritou

 "Aí pelo amor de Thor na tempestade, anda logo!"Astrid exclamou

"Não esquenta nos vamos e quando fomos, determinado de anzol e eu vamos botar fogo no céu "melequento se gabou 

Astrid apenas suspirou com o argumento

 'Melequento aperta fortemente os chifres de dente de anzol o fazendo decolar bruscamente'

 "háaa, não, não" melequento grita quando ele é dente de anzol voam descontrolados no céu, passando por estreitas passagens de pedra e mergulhando bruscamente na água'

 Os adolescentes não conseguiram segurar o riso, fazendo melequento se encolher de vergonha 

 "Estou vivo? ... Estou vivo!"melequento gritou animado "... Claro que estou vivo" ele se gabou quando Astrid lhe lançou um olhar irritado

 "É a minha vez!"perna de peixe disse "pronto batatão "Ele perguntou , batatão grunhiu em resposta. Os dois planam ao redor da pequena pedra e logo depois posam "Sim! Novo recorde pessoal " ele diz abraçando batatão que o lambe em um gesto carinhoso

 "Que nojo" os gêmeos dizem em desgosto para a dupla

 "Minha vez!"Cabeça quente disse 

 "Não minha vez !" cabeça dura retroceu 

 "Não, minha vez!" Cabeça dura retrucou

"Não minha" cabeca quente exclamou 

 "Mentira, minha" cabeça dura disse 

 "Gente! é o mesmo dragão" soluço disse calmamente

 "Gente ..." soluço interrompeu "É o mesmo dragão ..." ele disse 

 "Oh, certo", disse cabeça dura "Eu não posso acreditar que você não sabia disso!"ele zombou. 

 "Eu?!" cabeça quente quase gritou

 "Não esquerda" Cabeça dura grita quando eles decolam

"Não direita" Cabeça quente contradiz

'Os gêmeos voam descontrolados até seu dragão os jogarem pelo ar em direção ao mar mas pegá-los antes que possam bater na água até aterrissar novamente na pilha no mar'

  "Nós quase morremos" Cabeça quente disse 

 "Eu sei ..." Cabeça dura ofegou, "Vamos de novo'

"Ei! É a minha vez" Astrid interrompe "Você pode querer tomar notas", disse ela maliciosamente a soluço. Ela é tempestade decolam fazendo belos giros e piruetas no ar logo após pousando. "muito bem tempestade" ela diz sorrindo orgulhosamente

 "Aprendeu " Astrid perguntou em um tom brincalhão para soluço

 "Sim, quero ver fazer isso sem o dragão?"melequento zombou, ganhando um olhar mortal de Astrid.

 "Só expressei minha opinião" melequento se defendeu ganhando um soco de Astrid

 "Isso vai ser moleza pra gente amigo" soluço disse alisando a cabeça de banguela que sorriu em troca 

 "Parece que isso vai ser moleza pra gente amigo" soluço disse acariciando a cabeça e de banguela. Banguela delecolou rapidamente mergulhando de volta ao oceano

 "Soluço " Stoico gritou em preocupação

 'Antes de bater na água soluço puxa as férias de banguela e os dois sobem fazendo belas manobras com incríveis giros no ar, banguela passa por baixo de um enorme arco de pedra enquanto soluço atravessa por cima, sempre com graça e performance soluço encontra a sela de banguela novamente do outro lado'

 "Uau!" ecoou pelo salão de vikings adimirados

 "Ainda são os melhores" Astrid elogiou enquanto o resto dos adolescentes olhavam para dupla adimirados

 "Outra vitória" soluço disse 

 "Bom trabalho amigo"

 'A cena muda para berk' 

Soluço (POV)

 "É...dragões a maioria aqui acha que a vida melhorou desde que fizemos as pazes com eles, mas dragões ainda são...dragões' 

Soluço (OFF)

 "Dragão feio solta a minha comida" uma viking grita enquanto tenta tomar uma baguete de um terror terrivel 

 "Saí de cima do meu telhado sua peste" alguns viings gritam ao fundo

 "Devolva as minhas maçãs" um mulher grita 

Alguns vikings suspiraram 'pelo jeito não seria tão fácil assim se acostumar com as feras' 

 "Cuidado dragões" um viking grita olhando para o céu onde vários dragões voam em sincronia, no chão vários vikings começam a correr e se esconder quando algo verde e nojento começa a cair

 "Perai...isso é côcô?" Melequento perguntou com repulsa

 "Aí ...que nojo... isso é côcô" soluço diz apontando para o céu

 Soluço (POV) 

 maioria das pessoas aceita a parte chata da situacao, mas tem aqueles que não aceitam e nunca aceitaram os dragões'

 Soluço (OFF) 

'A cena muda para uma cabana em uma colina afastada da aldeia, dentro da cabanaum tremor no telhado sacsde toda a casa fazendo com que alguns machados pendurados nno teto balançem de um lado para o outro, um velho rabugento e enrrugado arregala os olhos com o barulho. Um dos machados cai case acertando uma ovelha que foge e se esconde no vão de uma parede 

"Dragões, eu devia saber" bolor resmungou quando viu um gronckel adormecido em seu telhado "Podem subir no meu telhado e comer meu repolho... há minha plantação" ele exclamação quanquando ver vários groncks comendo todas suas hortaliças 

 "Eu disse que esses dragões seriam uma praga para todos nós" bolor gritou 

 "Vem fungo" bolor diz colocando seu elmo e seu cajado

 'A cena muda para a praça da aldeia' 

 "Coloque os alces no fundo, os barcos chegaram carregados" stoico diz para bocão

 "Stoico!" bolor chama ao longe

 "Lá vem o bolor com a reclamação do dia" Bocão sussurra para stoico que acente com a cabeça 

 "Lá vem o bolor com a reclamação do dia" bocão comenta

 "Veio em na hora bolor, estou amarzenando comida para o inverno" stoico diz 

 "De novo os dragões, essas feras não podem viver com homens civilizados" bolor exaspera

 "Nem você bolor, por que acha que fizemos sua casa bem longe da aldeia" bocão diz arrancando pequenas risadas do salão

 "Você também não bolor, porque acha que fizemos sua casa longe da aldeia" bocão diz ironicamente 

 "Podem ficar de brincadeirinha, enquanto isso os dragões estragam nossas carroças, quebram nossas casas e perturbam o sono de um pobre vellho, vejam só essas orelhas!" bolor grita ganhando vários avenida e gritos de concordância dos moradores

 "É verdade ele está horrivel" melequento sussurra

 "Verdade ele tá horrível" bocão diz

 "São feras selvagens, imprevisíveis até esmagsram o crânio deste homem como uma ovo" bolor afirma apontando seu cajado para baldão 

 "Ovo! Eu gosto de ovo, frito, mexido e cuzido" baldão diz animado

"Os dragões precisam ser colocados em jaulas, senão eles comeram toda a nossa comida e destruíram toda aldeia" bolor grita

 "Está certo" 

 "É verdade bolor" Banguela gruniu em preocupação para soluço

 "Relaxa amigo, eu não vou deixar nada acontecer com você" soluço acalmou

 "Mas vocês tem que entender que eles não fazem por mal, são apenas dragões sendo dragões" Soluço diz calmamente

"Escute bolor, se a um problema eu irei resolver" stoico diz tomando a frente 

 "Há tem problema sim stoico e acho que falo por todos quando digo que é melhor resolver isso logo" bolor diz se virando e abrindo caminho pelo meio da multidão ele vai embora

 "É" 

"Chega desses dragões" 

Stoico suspirou cansadamemte

  'A cena muda para casa de stoico '

 "Não podemos deixar os dragões por aí como os donos do pedaço" stoico diz andando impaciente de um lado para o outro

 "E se fizermos placas?"

 "Para dragões?" bocão perguntou

 " Placas para dragões?" bocao perguntou 

 "Não. Para as pessoas" stoico respondeu

"Não somos afalbetizados stoico" bocão disse

 "Poderiam ser, se quiserem" soluço sussurrou

 "Placas para vikings. Não somos afalbetizados" bocão disse

 "Já sei uma enorme rede sobre a praça" stoico diz 

"Redes? Não sabe que eles cospem fogo?" Bocão pergunta

"Sei muito bem que cospem fogo, talvez o bolor esteja certo" Stoico diz com raiva jogando uma cadeira no chão

 "Não perai. E se eu cuidar dos dragões?" soluço se oferece

 "Você?" stoico pergunta 

 "É quem mais, eu sou o homem certo pro trabalho" soluço diz confiante 

"Homem!?" Melequento rir para os gêmeos

"Soluço, você ainda não é um homem" stoico diz

 "Você ainda não é um homem meu filho" stoico diz calmamente

"Não se você não me deixar ser" soluço diz se aproximando de stoico 

 " Soluço. Você ainda tem 14 anos, você ainda não é um homem, você é um menino" stoico disse com seu lado paternal 

 "Tudo bem terá sua chance a partir de amanhã" Stoico responde fazendo Soluço sorrir

 'A cena muda para a praça da cidade'

 "Tudo bem galerinha, agora as coiscoisas vão dar uma mudada por aqui" soluço afirma confiante 

 "Saí...larga meu pão... saí daqui" uma mulher grita enquanto um Nadder tenta tomar seu pão 

 "Espera...deixa que eu te ajudo" soluço se oferece "não!" ele estendendo a mão para tocar seu nariz quando um grupo de dragões saem de um beco e começam a correr pela ilha. 

'Os dragões começam a se descontrolar, um pesadelo e um Nadder começam a brigar enquanto um rebanho de ovelhas saem correndo enquanto uma está em chamas 

Soluço suspirou 'isso seria mais difícil do que ele imaginava'

 "Banguela você separa aquela briga, eu vou apagar o fogo da ovelha" soluço diz pegando um balde com água e correndo atrás da ovelha

 'No meio da praça o caus se espalha quando vários dragões e vikings correm apressadamente' 

 "Dragões!"

 "Ele pegou minha carroça"

 'Soluço tenta alcançar a ovelha mas escorrega fazendo a ovelha passar por cima dele' Os adolescentes olharam com pena para soluço

 "O que ele tá fazendo?" Melequento pergunta junto com os outros adolescentes em cima de uma das torres de vigia 

 "Eu acho que tá ajudando os dragões a quebrarem tudo" cabeça dura responde 

 "Desculpa por isso" soluço diz quando finalmente consegue alcançar a ovelha

 "Nossa ele precisa de ajuda" Astrid diz

 "Tá agente ajuda" cabeça quente diz

 "Daqui a pouco" cabeça dura completa

 'No chão vários vikings começam a correr quando um grupo de dragões sobrevoa a vila' 

 "E já são três horas" Astrid diz

 "Há não" soluço geme quando um dos fertilizantes de dragão acerta sua cabeça 

Não era motivo de riso mas os vikings não conseguiram mais se segurar Soluço ficou vermelho de vergonha

 'A cena muda para a casa de stoico'

 "Aí, tá tudo doendo. Ate isso aqui" soluço diz apontando para sua perna de metal

 "Soluço?" Astrid chama

 "Astrid!" soluço diz ficando de pé rapidamente

 "Eu não tô com muita cara de cansado não, né?" ele pergunta com um sorriso em um olhar obviamente cansado fazendo banguela grunir em pena

 "Er...você quer, que sejamos sinceros?" cabeça quente pergunta

 "Ótimo, dragao com dó" soluço diz sarcasticamente 

"Hu...oi Astrid que surpresa boa" soluço diz quando Astrid entra no quarto 

"E ai como foi seu dia?" Astrid pergunta 

 "Nada de mais não, tava lá na praça de sabe" Soluço responde tentando ser otimista 

 "É agente viu você, eu não sei como ainda está de pé" Astrid responde 

 "Aí acho que eu vou ficar sonhando com ovelha flamejante o mês inteiro" soluço diz se jogando na cama 

 "Verdade" soluço diz

 "Soluço!" Stoico chama fazendo soluço ficar de pé rapidamente 

" soluço o que ouve? Parece que teve guerra na praça" Stoico diz entrando no quarto

 "Er...pai isso é só uma parte do meu grande plano" Soluço diz sorrindo falsamente

 "Você tem um plano!?" Melequento pergunta 

"Tenho" soluço afirma

 "Há...então você tem um plano?" Stoico pergunta com eufenismo

 "Claro que tenho! É cheio de esboços e partes que se mexem. Eu acho que o bicho vai pegar" Soluço diz 

 "O bicho vai pegar?" Astrid perguntou com ceticismo 

 "Filho" Stoico começou calmamente "não adianta mentir mais, agora eu exatamente quando você fala a verdade ou não" ele afirmou

 "Como você descobriu?" Soluço perguntou olhando para bocão com uma certa raiva fazendo bocão se encolher

 "O bicho vai pegar!? Acho bom mesmo, por que se não controlar logo os dragões vai ser guerra de novo" Stoico diz saindo da sala deixando banguela com um olhar preocupado para seu cavalheiro Banguela gruniu preocupadamente para soluço 

 "Relaxa amigo, eu não vou deixar nada acontecer com você" soluço disse acalmando seu amigo

 "Calma amigo" Soluço tranquilizou 

 "Você sabe que tem um zilhao de dragões lá fora,e você é um só " Astrid disse "Eu espero mesmo que tenha um plano"

 'A cena muda para a arena' 

 "O seu plano é esse, treinar dragões!?" Cabeca dura perguntou

 "Aqui! Aonde agente matava eles!?" Cabeça quequente completou 

"Basicamente" Soluço disse 

"É! Porque agente não faz mais essas coisas, então o lugar tá liberado" soluço disse com otimismo 

 "Na verdade os dragões estão um pouquinho desconfortáveis" Astrid disse alisando o focinho de tempestade

 "É! Principalmente o batatão, ele perdeu um primo aqui" Perna de peixe sussurrou 

"Perai, esse dragão não era menina?" Cabeça quente perguntou

"O perna de peixe ainda não aceitou o fato de que seu dragão é uma garota" melequento zombou

"Mentira" Perna de peixe exclamou

"Verdade" Cabeça dura disse

"Na verdade é mentira" Gabi disse "Aqui o perna de peixe ainda não descobriu que o batatão é na verdade a batatão" 

"Eu disse" perna de peixe diz

"É também vim avisar que no próximo episódio, eu vou trazer um convidado" Gabi anunciou

"É quem é?" Soluço perguntou com curiosidade

"Vocês teriam que esperar para descobrir" gabi respondeu

 "Eu achei bem legal seu pai ter dado a arena pra gente" Astrid comentou 

"E eu também acharia bem legal se ele tivesse dado, então vamos evitar falar disso" Soluço respondeu nervoso

 "Então é escondido do seu pai!?" Astrid atacou

 Stoico deu um olhar para soluço dizendo claramente que ele estava encrencado Soluço engoliu seco e se encolheu perto de banguela 

 "Perai, então é escondido do seu pai!?" Astrid perguntou

 "Opa! Se controla você já tá falando" Soluço respondeu com nervosismo 

"Então gente escuta, agente quer que os dragões vivam aqui com agente numa boa, mas acho que sozinhos eles não vão conseguir. Eles destroem tudo na aldeia. O que nós temos que fazer é..." Soluço disse para os outros adolescentes

 "Uh já sei! Ajudar os dragões a destruir tudo" Cabeça dura disse com entusiasmo

 "Na verdade não foi bem isso que eu falei" soluço disse

 "Já sei! Ajudar os dragões a destruirem tudo" Cabeça dura anunciou

"Na verdade o que eu falei foi..." Soluço começou 

 "Primeiro agente irrita eles pra caramba" Cabeça quente disse

 "Fácil! Agente irrita todo mundo" cabeça dura assegurou

 "Facil! Agente irrita todo mundo" Cabeça dura assegurou 

 "Gente isso é serio! O bolor quer todos os dragões em jaulas, não sei se pra vocês tá tudo bem mas pra mim não está" Soluço disse com firmeza 

"Verdade. Ela está pedindo desculpas" Cabeça dura apontou pra sua irmã que lhe deu um soco em troca 

 "Verdade. Ela pede desculpas" Cabeça dura disse apontando para a irmã que em troca estreitos os olhos para ele

 "Então é o seguinte próximo problema, os dragões costumam comer tudo o que eles vêem pela frente" Soluço disse pegando um baguete de dentro do cesto fazendo banguela lamber os beiços e tomar o pão em sua boca de um vez "Se um dragão pegar alguma coisa que não deve, ele vai larga facilmente se você acariciar embaixo do queixo" ele completou acariciando abaixo do queixo de banguela o fazendo imediatamente larga o pão 

Os vikings olharam impressionados para a tela 

 "Não não não! Pode funcionar com o banguela, mas eu e dente de anzol fazemos as coisas um pouquinho diferente. Quando eu quero que ele largue alguma coisa eu chego bem na cara dele e falo 'larga'" melequento disse fazendo dente de anzol o agarra-lo pela boca

 "Agente precisa ajudar ele?" cabeça quente pergunta

 "Precisa!" Melequento exclama

 "É daqui a pouco" Astrid diz sorrindo 

"Viu ele largo" melequento disse

 "Sim nós estamos vendo" Astrid diz sarcasticamente

"Quieta Astrid" melequento sussurra 

 "Temos muito trabalho mas juntos nós vamos conseguir colocar os dragões no eixo" soluço disse

 "Aí, alguém pode fazer o esquema de acariciar" melequento pergunta abafadamente quando todos os adolescentes foram embora "Alô? Ainda estão aí?" Melequento pergunta derrotado

 Os adolescentes tentaram sem sucesso abafar o riso

 'A cena muda para a praça da aldeia'

 "Hã... sem dragões?" perna de peixe comenta

 "Essa foi fácil" Cabeça quente diz 

 "Estranho..." soluço começa 

"Essa foi fácil" cabeça dura diz

 "Estranho...se os dragões não estão aqui onde eles estão?" Soluço pergunta 

 "Eu acho que estão para aquele lado" Astrid aponta para o lado sul da ilha onde uma grande explosão e gritos alertaram os adolescentes

 'A cena muda para o depósito de alimentos' 

 "Tempestade?" Astrid pergunta quando ver seu dragão comendo o resto dos alimentos

 "Dente de anzol" melequento disse quando ver seu dragão também participando 

 "Chega" 

 "Fora com esses dragãoes"

 "Comeram tudo, não sobrou nada para o inverno" Stoico diz com raiva enquanto joga um pedaço de madeira queimada para o lado

 "Malditos dragões"

 "Eu avisei você stoico, eu disse que esses dragões seriam uma praga para a nossa aldeia" bolor diz 

 "Quieto bolor, não ver que já estamos com problemas o suficiente?" Stoico responde com raiva 

 "Eu avisei você stoico, mas você me ouviu? Não! Em vez disso deixou uma adolescentes resolverem" Bolor aponta furiosamente para os adolescentes 

"E veja o que os dragões fizeram, essas feras nem merecem ir para jaulas" 

 "Pai! Nós vamos dá um jeito nisso, agente já tá começando a treinar" Soluço tenta

 "Não! Como acha que vai controlar todos os dragões da aldeia, se não controla nem o seu meu filho" stoico aponta para banguela que está terminando de comer os últimos peixes de um cesto

 "Há...banguela, porque?" soluço sussurrou, banguela olhou para o seu cavalheiro com uma certa tristeza

 "Há...banguela" soluço sussurra

 "Baldão, estrume peguem os baldes. Vamos pescar" Stoico disse jogando dois cestos para baldão e estrume

 "Tarde de mais stoico, demorou três meses para pergarmos aquilo tudo" Estrume diz calmamente

 "Nunca é tarde de mais" stoico diz alto

 "Nunca é tarde de mais" Stoico diz

 "Er...mas é claro. Que isso não fafala assim com o chefe, mas quanta negatividade" Estrume diz dando um leve tapa na cabeça de baldão 

"Ho...desculpe" Baldão disse

 "Pai me escuta! Eu conheço os dragões melhor do que ninguém" Soluço diz 

 "Não soluço! Os dragões já fizeram estrago de mais, até o anoitecer quieto todos em jaulas" Stoico disse em seu tom comandante 

 "Não!" Os adolescentes dizem em uníssono

 "Precisa manda-los embora stoico" Bolor se intrometeu

 "Não pode enjaula os dragões. Precisa manda-los embora" Bolor contradiz

 "É" 

 "Isso ai"

 "Certo. Até o anoitecer quero todos os dragões em jaulas e pela manhã o soluço os levará para longe da ilha" stoico anuncia

 "Sinto muito filho" Stoico diz culpado

 "Sinto muito filho" Stoico diz culposo enquanto observa a expressão triste do filho 

 "Isso" bolor comemora silenciosamente

 'A cena muda para o grande salão' 

 "Eu não tto acreditando que eles tem que ir embora" melequento diz tristemente

 "Vai ser muito estranho, já me acostumei a ver tempestade todo dia quando eu acordo" Astrid diz enquenta brinca tristemente com a comida

 "Todo dia antes de dormir, o batatão lambe os meus pés. Quem vai fazer isso agora?" Perna de peixe diz com a voz chorosa 

 "O cabeça dura é voluntário" Cabeça quente diz

 "Tanto faz" cabeça dura disse naturalmente 

 "Cabeça dura é voluntário" Cabeça quente diz 

 "Tanto faz. Que horas eu tenho que chegar?" Cabeça dura diz tristemente 

"Vamos embora gente. Vamos acabar logo com isso"Astrid diz se levantando

 "Esse é o pior dia da minha vida" Perna de peixe chora quando ele e os outros saem deixando apenas soluço lá 

 "Não posso deixar isso acontecer amigo" soluço sussurra acariciando banguela 

 "Eu não posso deixar isso acontecer, o banguela e o melhor amigo que eu ja tive" soluço diz para se mesmo

 "Há banguela sentirei a sua falta" bolor diz falsamente

 "Sabe qual foi o seu erro? Achar que poderia treinar dragões mas dragões sempre serão dragões é a natureza e a natureza sempre vence" bolor diz para soluço antes de ir embora 

'Um viking abre a porta deixando entrar uma forte rajada de vento que apaga uma enorme chama no meio do salão' 

 "Obrigada banguela" Uma mulher agradece quando banguela reacende as chamas

 "Quer saber eu acho que o bolor está certo. Vem amigão" Soluço diz correndo para fora da sala

 "O que você está tramando?" Astrid pergunta fazendo soluço dar um típico sorrisinho torto

 'A cena muda para a arena' 

 "Adeus dente de anzol" melequento se despede

 "Desculpa tempestade" Astrid diz acariciando sua amiga "Agora vai!"

 "Eu tô sentido como se garras afiadas estivessem cortando alguma coisa aqui dentro" melequento diz apertando seu peito 

 "Isso que você tá sentindo é coração partido" Astrid conforta

 "Não sou menina pra ter coração" melequento alegou

 "Não tenho coração. Não sou menina" melequento alega

 "E como você acha que ainda está vivo" Astrid pergunta grosseiramente 

"Não sei" Melequento diz sinceramente 

 "Parem! Não vamos trancar os dragões" Soluço diz pousando com banguela e com um certo esforço empurrando uma enorme alavanca levantando os portões novamente

 "O que foi, conseguiu convencer o seu pai?"Astrid pergunta esperançosa "Ou vai agir pelas costas de novo?" 

 "Er...um desses dois" Soluço responde nervoso Soluço desviou o olhar quando Astrid e stoico olharam seriamente para ele "A questão é que dragões sempre vão ser dragões. Só precisamos aprender a usar isso" Soluço anuncia 

'A cena muda para baldão e estrume dentro de um pequeno barco'

 "A rede está vazia de novo" Estrume anuncia frustado

 "Eu já comi os peixes? Tava bom? Fui muito negativo?" Baldão pergunta confuso 

 "Melequento assusta o nosso jantar" Soluço ordena do ar "Ataque de dragão" Melequento grita quando ele e dente de anzol mergulham rapidamente na água assustando vários peixes para a rede de pesca

 "Hee...isso aí foi maneiro"

 'A cena muda para a plantação de bolor'

 "Boa tarde bolor" Astrid diz quando tempestade arrasta no chão fazendo um enorme buraco para o plantio logo em seguida da soluço e banguela passam jogando as sementes na terra 

"E já são três horas" Soluço diz sorrindo

 "Três horas hora do fertilizante" Soluço diz sorrindo

 "Fertilizante?" Bolor pergunta confuso

 "Vai batatão manda ver" Perna de peixe encoraja quando vários dragões voam liberando seus detritos na terra

 "Há vai dá um sorriso bolor" soluço brinca

 'A cena muda para a floresta'

'Os gêmeos espantam um grupo de javalis os conduzindo para a cidade, soluço e banguela disparam levando os javalis em direção ao celeiro'

 "Como sabia que ia funcionar?" Astrid pergunta 

 "Porque só precisamos aprender a trabalhar com os dragões e não contra eles" Soluço explica

 "Como você sabia que ia funcionar?" Astrid pergunta pousando junto com tempestade 

 "Porque eles são dragões e dragões fazem coisas de dragões, só precisamos aprender a trabalhar com eles e não contra eles. Sabe a quem nos deveríamos agradecer?..." Soluço explica orgulhosamente 

 "Aí estão eles, eles não parecem enjaulados para mim" Bolor diz amargamente 

 "Não. Não foi isso que eu ordenei" Stoico diz seriamente 

'A cena muda para a arena' 

'Stoico e bocão abrem a porta, os adolescentes estão parados no meio enquanto os vikings observam a cena do lado de fora' 

 "Vocês me desobedeceram e haverá consequências" Stoico diz rígido 

 "O que o stoico vai fazer com agente?" Perna de peixe diz com medo 

"Essa não. O que o stoico vai fazer com agente?" Perna de peixe pergunta preocupado

"Eu sou linda de mais para morrer" Cabeça quente alega 

 "Quem te disse isso?" Cabeça dura diz friamente ganhando um soco de sua irmã 

 "Quem te disse isso?" Cabeça dura pergunta guanhzndo um olhar mortal de sua irmã

"Eu avisei que ia sobrar pra gente, você nunca me escuta" Astrid sussurra para soluço 

 "Verdade" Astrid confirma 

 "Pai se alguém merece ser punido aqui, esse alguém sou eu" Soluço se oferece dando um passo a frente

 "Você ouviu o que ele disse chefe" Melequento disse

 "Verdade, quem merece ser punido é ele" cabeça dura completa

 "Pelo o que eu saiba crianças todos vocês participaram" Stoico disse arqueando uma sobrancelha 

 "Não. Todos vocês participaram" Stoico responde rigidamente

 "Vamos gostar disso fungo" bolor sussurra

 "Isso vai ser bom fungo" Bolor diz maliciosamente "agora o bicho vai pegar" 

 "Fez essas coisas sem a minha permissão, soltou os dragões contra a minha vontade por isso..." Stoico diz em seu tom de comando

 "Vai abrir uma academia pra treinar dragoes" Bocão interrompe alegremente 

Os adolescentes sorriram com isso

 "Não!" bolor grita " Como pode fazer isso stoico. Depois de tudo o que essas feras fizeram" 

 "Calado seu velho" Bocão diz

 "Escutem o que estou dizendo, esses dragões ainda serao a nossa ruína" Bolor grita 

 "Ruína será você se não se sentar agora!" Gabi grita para bolor que sem escolha vai virando para seu lugar 


 "Bocão!" Stoico exaspera 

 "Fala" Bocão diz

 "Agora você já contou" Stoico diz

 "Fala da parte o quanto está orgulhoso dele" bocão encorajar

 "Bocão! Soluço vamos lá todos vocês me deixaram orgulhosos" Stoico diz caminhando até às jaulas "A academia de treinamento de dragões é para vocês" ele puxa uma enorme alavanca abrindo a jaula e liberando os dragões

 "Dente de anzol" melequento diz quando seu dragão o carreta pela gola da camisa

 "Tempestade que saudade" Astrid diz abraçando sua amiga

 "E ai amigão" Soluço diz amorosamente abraçando banguela

 "Agora só precisa treina-los" Stoico diz se aproximando de soluço

 "Facil, afinal eu tenho ele" Soluço garante apontando para banguela "E eles também" ele diz gesticulando para o resto dos adolescentes

Astrid sorrir para soluço 

Soluço (POV)

 'Dragoes não podem mudar quem são, mas afinal para que mudar? Dragões são criaturas fortes e incríveis'

 Soluço (OFF) 

 "Academia de treinamento de dragões de Berk. E eu gostei disso" Astrid elogia 

Soluço sorrir para Astrid que lhe dá um soco brincalhão de volta

 Soluço (ON)

 'E não importa quanto tempo vai demora eu ainda vou aprender tudo sobre eles você não faria isso?' 

Os vikings aplaudiram novamente

 O único que não aplaudiu foi bolor

 "Isso ainda não acabou eu ainda me livrarei desses dragões" bolor sussurrou amargamente  


Notas Finais


Ei, ei

Espero que tenham gostado

Obrigada por lerem 😍

Comentários e favoritos me ajudam muito 💖💖

É para as pessoas que possuam o amino eu estou postando essa história desde o começo lá nas seguintes comunidades 👇👇👇

http://aminoapps.com/p/f7wllv

http://aminoapps.com/p/dcflxy

E voltando ao sorteio

O vencedor é?....... BLUE_ SHARINGAN

Meus parabéns 🎈🎉🎉🎉

Meus meios de comunicação mais ativos no momento são: Wattsap, amino e Facebook

Se não quiser passar informações como seu usuário, perfil ou número mande no privado porque o próximo capítulo depende de você. Já que estará presente em quase todas as cenas

E quanto aos outros participantes não se preocupem eu garanto que vocês terão outra chance 😊😊😊

Até o próximo capítulo

E

Goodbye 😄😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...