História Até que o contrato nos separe - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 66
Palavras 716
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Isso foi um acidente?


 

Hoje eu acordei totalmente atrasada — talvez por passar a noite vendo série —. 

Quando cheguei fui direto ao elevador, mas ainda ia demorar a descer, então optei por subir as escadas... O que demorou mais.

— Cheguei. — Digo segurando uma mão na maçaneta e a outra nos joelhos, totalmente ofegante. 

— Está atrasa S/N. O que houve? — Namjoon pergunta.

— Me desculpem. — Fecho a porta e coloco minha mochila na cadeira. 

— Rhy disse para te entregar isso. — Jimin me dá um aparelho, mais próximo de um celular.

Eu desbloqueio a tela e começa a aparecer datas e tarefas.

— Huh? — Olho espantada e eles me cercam.

Eles encaram aquele negócio e logo concluem.

— Isso é pra você se manter informada sobre tudo. — Jungkook

Eu tinha certeza que logo saberia mexer naquilo, mas como não sabia, tentava do meu jeito. Acontece que era tudo muito confuso...

[...]

Eu estava voltando para onde os meninos estavam com umas roupas que trouxeram para eles e vejo eles com meu celular na mão.

— Huh? Eu não entendo. — Tae.

Jungkook logo tira o celular da mão dele e começa a falar inglês.

— Hello? S/N?... — Jungkook.

Eu reviro os olhos e entro com as roupas, depois pego o celular.

— Mãe? Estou trabalhando... Sim.. Sim... Eu estou bem, preciso desligar... Mãe, mais tarde eu ligo... Claro... Manda um beijo pro papai. Tchau — Desligo e o encaro.

— Eu não entendi nada. — Tae

— Minha mãe não fala coreano. — Digo jogando o celular em cima do sofá. 

Depois de me virar volto as roupas e tento organiza-las. Suga colocou uma música para tocar e começou a dublar, quando me virei os outros acompanharam. Eu comecei a rir e voltei pro trabalho. 

— Escute S/N. — Suga veio pra perto de mim.

Eles começaram a dançar a música.

— Não conhece? — Jimin.

— Claro que conheço, é Heart Attack da AOA. — Digo rindo.

Jungkook me puxa. Os meninos fazem uma roda, com a música um pouco alta todos estavamos dançando. 

— Vai S/N. — Tae me empurra pro meio da roda.

Eu penso "Por que não?" e começo a dançar também. Eu não dançava bem então logo sai da roda. Todos estavamos rindo e se divertindo. 

— O que é que.... — Rhy aparece na hora.

Jin vai até o rádio e desliga a música. Todos a encaram.

— S/N... Terminou o que tinha pra fazer? — Pergunta.

Antes de responder eu engulo seco e desvio o olhar.

— Ainda não. — Digo sem graça.

— Termine por favor. — Ela sai.

Rhy não era o tipo de pessoa que mostrava felicidade. Eu voltei ao trabalho, os meninos voltaram a fazer alguma coisa.

[...]

Depois de tudo organizado, Rhy apareceu com as estagiárias. 

— Escolhem uma para ir com vocês ver a roupa. — Rhy entra e sai depois de dizer.

— Aish... Ela não tem preço. — Hoseok. 

— Pode vim comigo Suga? — Suga logo pega sua roupa e sai.

— Hoseok? — Hoseok pega a roupa e sai também.

Logo foram chamando todos.

— Vamos? — Chamo Jin.

Ele sorri e me acompanha. Chegando lá ele foi logo trocando de roupa, eu o esperei, o que claro, demorou um pouco. Enquanto eu o esperava, fiquei mexendo no aparelho que Rhy me deu. 

— Está bom? — Jin diz se ajeitando.

— Ficou ótimo. Precisa de ajustes? — Pergunto.

— Acho que não, está bem justo. — Disse.

— Bom, então a gente só precisa... — Quando fui em direção a ele, tropecei.

Ele me puxou e eu cai em cima dele, dando um selinho por acidente. Ainda em cima dele, sentia meu coração bater cada vez mais forte, ele me encarava totalmente vermelho.

— E-Eu... — Digo levantando um pouco rápido.

— S/N... — Antes dele terminar de falar eu o interrompi.

— Então, o que eu tava dizendo, era que é só você apertar mais um pouco a gravata. — Disse ajeitando. 

Ele me encarou e eu também fiquei o olhando bem perto.

— Desculpe. — Disse

— Sem problemas. — Sorrio.

Rhy aparece a porta.

— Pronto? Ficou muito bonito Jin. — O elogia. — Troque de novo porque vamos guardar. 

— Oh, sim. — Ele sai novamente e eu o espero.

Logo retorna trocado e sorrindo. Retornamos a sala e os outros meninos foram chegando.

— Ela é louca. — Hoseok. 

— Como foi? — Pergunto

Todos contaram uma história engraçada. 

— Aish, Jin teve sorte de ir com a S/N. — Bufa Jimin.
Jin não contou sobre nosso acidente na sala, eu também fiquei calada e esperei que eles terminassem de reclamar. "Porra, eu beijei o Jin"


Notas Finais


Acidentes acontecem u.u


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...