História Atração Proibida - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Itachi Uchiha, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Drama, Fantasia, Ficção, Naruto, Romance
Exibições 35
Palavras 1.255
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi amorecos, desculpem a demora, mas como o prometido aí está.
Aproveitem a leitura ^-^

Capítulo 21 - Emoções


Sasuke: Infelizmente ele não é quem você e a maioria das pessoas de Konoha pensa. E nós estamos nos reunindo para desmascarar ele. Você vai querer fazer parte disso, Naruto?

Naruto: Eu não posso fazer parte de algo que eu não entendo o que é. Vocês podem me explicar de uma vez o que está acontecendo?

Gaara: Nós iremos te explicar, mas eu te aconselho a sentar. – Enquanto falava isso, o ruivo olhava seriamente para Naruto, que escutou o seu conselho e sentou-se numa das cadeiras que estavam na sala da Hokage.

            Depois de passarem a manhã quase toda conversando e acertando detalhes de como iriam acusar e prender o dono de uma das maiores fortunas de Konoha, decidiram almoçar e continuar a reunião uma hora depois. Sasuke saiu da sala da Hokage, acompanhado de Naruto, Gaara e Kakashi e se dirigiram para um restaurante próximo.

Kakashi: Eu confesso que fiquei muito surpreso quando te vi em Konoha de novo, Sasuke. Não pensei que você fosse pôr os pés aqui de novo. – Disse Kakashi já colocando os hashis na boca.

Sasuke: Eu tive que voltar. Não conseguiria viver bem se não consertasse o erro que cometi e fizesse o verdadeiro culpado pagar por isso.

Gaara: Não fale como se você não tivesse culpa nenhuma nisso. Você foi imprudente e não pense que me esqueci disso. – Os olhos azuis de Gaara fuzilavam o garoto que se sentiu incomodado com aquilo.

Sasuke: Não estou dizendo isso e irei arcar com as consequências dos meus atos.

Gaara: Ora, vejo que o menino mimado finalmente está amadurecendo. É uma pena que você demorou demais pra isso e teve que ferir tantas pessoas, não é?

Naruto: Acho que já chega, não é, Gaara? Você já falou demais.

Kakashi: Eu tenho que concordar com o Naruto. Vamos apenas comer e aproveitar enquanto a guerra não começa.

Sasuke: Tudo bem... Eu mereço ouvir tudo isso e muito mais. – Ele para por um momento – Desculpem-me, eu estou sem apetite. Irei na frente. Aproveitem a refeição.

            Naruto dá um peteleco na cabeça de Gaara e aponta para Sasuke – Viu o que você fez?

Gaara: Ele só está fazendo drama. Você não vê isso, Naruto?

            Enquanto os outros almoçavam e relaxavam depois da refeição, o Uchiha ficou sentado num banco da praça central. Olhando para cima, vendo as folhas caírem e os pássaros dançarem no céu azul com poucas nuvens. Aquela cena o fez lembrar as tardes na companhia de seu irmão quando eram mais jovens. Quando se deu conta viu uma lágrima escorrer pelo seu rosto fino. “Eu vou fazê-lo pagar por isso, Itachi. Eu te prometo!” – Pensou o moreno no momento em que enxugava os rastros que a lágrima deixou.

...

            Uma hora já havia se passado e todos retomaram a reunião. Os olhares que o Kazekage lançava para Sasuke não eram amigáveis, mas ele decidiu manter sua raiva bem controlada enquanto estivesse com essa missão nas mãos.

Tsunade: Bem, acho que já foi tudo esclarecido, então no mais tardar na semana que vem pegamos ele.

Sasuke: Tem uma informação que eu não passei a vocês. Eu tenho um auxiliar na Akatsuki. Foi ele quem me passou muitas dessas informações valiosas. Nós não podemos dar início ao plano sem antes eu falar com ele para se preparar.

Gaara: Fique tranqüilo, Sasuke. Eu presumo que o seu informante já saiba, não é mesmo, Sasori? – Todos se viraram para olhar a janela atrás da mesa da Hokage, onde estava Sasori.

Sasuke: O quê?!

Sasori: É... Eu ouvi o plano todo e concordo com cada passo. Agradeço por ter se preocupado comigo, Sasuke, mas eu sei me cuidar sozinho.

Sasuke: Você conseguiu o que te pedi?

Sasori: Você ta brincando? Claro que sim.

Naruto: Então fechou! Vamos embora que eu to com fome.

Gaara: Tomem cuidado e não comentem sobre isso com ninguém.

            Todos saíram da sala (exceto Sasori) já era por volta das 4h30min da tarde. Sasuke e Naruto foram para casa, mas Kakashi disse que tinha uma missão para concluir.

Naruto: Nós podíamos chamar as meninas para ir lá em casa, o que você acha?

Sasuke: É, pode ser...

Naruto: “É, pode ser”? Quanto ânimo pra ver a namorada, hein?

Sasuke: Não enche Naruto.

            Quando eles estavam chegando em casa avistaram Sakura e Hinata esperando no portão.

Hinata: Posso saber onde vocês estavam que não atendiam o celular?

Naruto: Calma, Hinata, nós estávamos conversando com a vovó Tsunade.

            No mesmo instante, Naruto puxou a rosada para dentro da casa e deixou Sasuke e Hinata a sós. O moreno cumprimentou a namorada com um beijo delicado e demorado.

Sasuke: Você está bem, amor?

Hinata: Sim, estou. E você?

Sasuke: Ah... Mais ou menos. Meu dia foi horrível.

Hinata: A Tsunade pegou pesado com você?

Sasuke: Não... O problema não é esse.

Hinata: Ué, amor, então o que houve? Pode falar.

Sasuke: É que eu tive que passar o dia todo longe desse seu perfume, da sua voz, da sua pessoa – Sorrindo e abraçando a garota.

Hinata: Ai, seu bobo! – Ela sorria e dava uma pequena tapa no braço de Sasuke.

Sasuke: Mas é sério, amor... Eu senti sua falta. Acho que eu fiquei mal acostumado a te ter todos os dias, todas as horas...

Hinata: Ah, amor... Eu também senti.

Sasuke: Então vem cá! – Ele puxa a garota para mais um beijo demorado, mas dessa vez também é mais intenso que é retribuído à altura.

            Os dois se envolviam cada vez mais pelo beijo e pelas carícias e Sasuke a convida para entrar.

Sasuke: Amor, eu to louco pra tomar um banho, quer vir comigo?

Hinata: Ah, não sei... É tão estranho fazer isso aqui na casa do Naruto.

Sasuke: Eu te garanto que ele não se importa e deve estar bem ocupado agora pra pensar nisso. – O rapaz sorria descaradamente.

Hinata: Tudo bem... Eu entro até o seu quarto, mas não vamos tomar banho juntos. Eu realmente não me sinto confortável em fazer isso aqui, ok?

Sasuke: Sério? – Fazendo bico

Hinata: Sim... Não faz essa cara. Você não vai me seduzir a esse ponto.

Sasuke: Tudo bem... Quero fazer o melhor pra você, amor.

            Eles entraram e dirigiram-se para o quarto de Sasuke sem se preocupar com o outro casal, já que aparentava estar bem ocupado. Hinata ficou esperando por ele deitada na cama. Quando ele saiu do banho foi para o quarto apenas de toalha, exibindo o seu físico extraordinário com algumas pequenas cicatrizes. Entrou e foi diretamente à Hinata na cama, que o aguardava com um largo sorriso no rosto.

            Aproximou-se da garota e deu-lhe um beijo cheio de carinho e ternura enquanto acariciava suas madeixas escuras. Logo aquele beijo morno e aconchegante se tornou um vulcão em erupção. Ambos deixaram-se guiar pelos instintos e sem nem perceber, Sasuke já estava por cima da garota e ela estava completamente nua. Ele admirava o seu corpo e passeava com a mão em cada centímetro dele. Ela se arrepiava a cada toque e gemia a cada movimento dos quadris do rapaz. Naquele momento um pertencia ao outro e a sensação de um era a sensação do outro. Eram um só. Eram inseparáveis... Mesmo depois de ambos terem atingido o orgasmo. Ele deitou ao lado dela e a puxou para perto em seguida beijou sua testa e sussurrou:

“Eu te amo, Hinata. Estou aqui para te amar e cuidar de você e nunca mais te largar. Sou completamente seu.”

            Ela não precisou responder, porque ele já sabia a resposta que estava escrita no olhar dela.


Notas Finais


Obrigada por ler, espero que tenha gostado e novamente desculpe a demora. O próximo sairá em uma semana. Beijinhos :*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...