História Atraída Por Olhares. - Capítulo 34


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Selena Gomez
Tags Mistério, Psicopata, Violencia
Exibições 35
Palavras 685
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Festa, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 34 - Eu quero que você mate a Fernanda


Fanfic / Fanfiction Atraída Por Olhares. - Capítulo 34 - Eu quero que você mate a Fernanda

A gente ficou se olhando por um tempo. Ouço uma voz feminina chamar o Justin, me arrepio. Justin olha para a menina em sua frente. Suspiro. Era a Fernanda. Levanto da areia raoido, Justin levanta logo em seguida. 

— Fernanda — Justin diz com desprezo. A morena abre um sorriso falso, logo depois ela me olha.

— Você chegou bem em casa? — ela pergunta. Fico com uma feição seria. Justin me olha, o mesmo balança a cabeça. Fernanda ficou me olhando sorrindo falso.

Saio andando rápido, deixando eles dois sozinhos. Vou andando para ao Hotel chorando. Sinto uma gota de água cair em mim, olho para o céu, de repente começa a chover. Diminuo meus passos, para em uma calça, me sento na calçada, fico chorando. Eu não acredito que ele passou a noite com ela. 

Depois de alguns minutos a chuva começou a ficar mais forte. Levanto da calça, vou andando para o Hotel, depois de alguns minutos chego no Hotel, entro no quarto. Me deparo com o Justin junto com o homem da boate. Assim que me vê, o loiro vem até mim. Fico olhando para ele. 

— O que aconteceu com você? — ele pergunta. Suspiro. Olho para o Justin. 

— Eu quero ir embora — digo. Justin me encara. O homem da boate fica me encarando assutado. 

— Selena... — interrompo ele. 

— Não Justin, eu não vou ouvir você se explicar pedindo desculpas, eu não consigo olhar na sua cara. Eu cansei — digo chorando. Ele fica me olhando. Olho o homem da boate sair do quarto. 

— Eu sei que você está com raiva, eu entendo isso, mas Selena — ele diz se aproximando de mim. Fico olhando para ele. — Eu amo você — sussurra. Deixo uma lágrima cair. Balanço a cabeça negando. 

— Eu não acredito mais em você — me afasto dele. — Quer saber de uma coisa?! Vocês dois se merecem — digo com o tom de voz alto. Justin fica me olhando triste.

— Você não tem para onde ir — ele diz me olhando. Suspiro. Olho para ele, o pior é que esse idiota está certo.

— Eu vou pra qualquer lugar longe de você — digo. O loiro fica me olhando. O mesmo se aproxima de mim. A gente fica se olhando. 

— Você não vai a lugar nenhum — ordena. Fico encarando o loiro em minha frente. Me afasto do loiro, sinto o mesmo segurar no meu braço, encaro ele assustada. 

— Me solta — digo com a voz falha. Eu realmente estou com medo do que o Justin pode fazer, ele é perigoso, não teria nem um pouco de pena de mim. 
                                                                                                                      ° Quebra de tempo°

— Se arruma — Justin diz me olhando. Encaro ele. O mesmo sai do quarto. Levanto da cama, tomo um banho quente. Coloco uma calça jeans é uma blusa preta, calço minha sandália.

Olho o loiro entrar no quarto novamente, eu já estava pronta. O loiro me encara, suspiro. Eu não consigo olhar na cara do Justin. Depois de alguns de minutos saímos do Hotel, fomos andando para a boate do amigo do Justin, chegamos na tal boate.

Entro na boate, olho umas garotas dançando com um short curto, pude ver os  olhares dos caras me olhando sorrindo, aperto o braço do Justin, o loiro me olha.

— O que estamos fazendo aqui? — pergunto. Ele não responde, olho o amigo dele vim até a gente sorrindo. Fomos para uma sala reservada sem ninguém. Me sento no sofá que havia na sala. 

— O que devo o honra de sua visita? — o homem pergunta. Fico olhando para o Justin esperando uma resposta.

 Eu quero que você mate a Fernanda — ordena. Olho assustada para o loiro. O homem abre um sorriso. Pude ver que o homem nunca gostou da Fernanda. 

— Por que quer que eu faça isso? — o homem pergunta. O loiro pensa um pouco, logo depois ele me olha.

— Pelo o bem dela — ele diz me olhando. O homem me olha. Fico olhando para o Justin. — Não quero que nada aconteça com ela — completa. Suspiro. 

— Sua palavra é uma ordem — o homem diz abaixando a cabeça em forma de respeito. Justin abre um sorriso.

— Se você falha, eu mato você — afirma. O homem engole o seco.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...