História Attention ✖ vkook - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jungkook, Taehyung, Taekook, Vkook, Yaoi
Visualizações 175
Palavras 572
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


✖ DESCULPEM PELO CAP TRISTE 😭😭

Capítulo 8 - 8


De alguma maneira, taehyung estava feliz e hoje seu humor estava em um dos melhores. Assim que chegou na escola, foi direto para a sala de aula, sorriu pois tinha prova e o mesmo havia estudado.

Olhou de canto para jungkook, que conversava com seus amigos, mas obviamente o mais novo nem notara a presença de taehyung na sala. Mas taehyung decidiu não ficar triste por isso.

                          ✖✖✖✖✖

— Professor, já acabei minha prova, posso ir no banheiro? — Taehyung perguntou, entregando a prova para o senhor Ching.

— Sim, não demore! — Taehyung assentiu.

Assim que o mais velho saiu da sala de aula, teve a sensação de estar sendo observado, o corredor que dava acesso ao banheiro, estava totalmente vazio, pois todos os alunos estavam em suas respectivas salas de aulas.

Sentiu um frio na barriga e assim que entrou no banheiro, fechou a porta com rapidez. Foi fazer suas necessidades e depois lavar suas mãos. Mas o pior estava para acontecer, assim que virou para a direção da porta, seu corpo congelou.

Ryuk estava ali, sorrindo maliciosamente para ele.

— Eu... preciso voltar para a sala de aula... me deixe passar — Disse gaguejando, com medo.

— Calma princesa, vamos nos divertir um pouco, sinto falta de quando você me chupava lembra?

Taehyung ficou com medo, por dois anos sofria abusos de Ryuk, apanhava, era abusado sexualmente e sempre ficou calado, tinha medo das ameaças que o mesmo fazia.

— Ryuk ... me deixe ir ... por favor — Algumas lágrimas desciam em seu rosto, mas seu corpo extremeceu quando ouviu o barulho do zíper sendo aberto. Piorou, quando ouviu a risada de Ryuk ecoar pelo banheiro.

POV Jungkook

Pedi para o professor me dar licença, eu tava enjoado daquela aula chata e depois de ter feito a prova, estava entediado.

Estava vagando pelos corredores, dei algumas voltas na quadra de basquete, joguei um pouco, pois a bola ficava a disposição do time e eu era capitão.

Assim que me aproximei do corredor aonde ficava o banheiro masculino, ouvi alguns gemidos e parecia alguem chorando. De primeira eu ignorei, mas eu estava reconhecendo aquela voz.

Taehyung? O nerd?

Me aproximei da porta e tentei abrir, mas estava trancada e somente pude ouvir um pedido de socorro dele.

Juntei todas as forças que eu podia e me joguei contra a porta, sorte que eu forte e não precisou de muita força para que ela fosse aberta.

Era lamentável a cena que eu vi. Taehyung estava no chão, totalmente machucado e Ryuk estava abusando dele. Senti uma raiva que eu não tive noção da onde ela estava surgindo e peguei Ryuk pelo pescoço.

— Acho bom você sair daqui agora ou irei avisar todos na escola, do que você anda fazendo com o taehyung e acredite, prisão será sua casa — Ele bati as mãos no meu braço pois eu estava o enforcando, ele saiu correndo do banheiro e me aproximei de taehyung, que estava jogado no chão, sangrando e sem roupas.

— Por favor... não me olhe nessa situação... por favor jungkook — Ele implorava, eu senti pena dele, peguei sua calça que estava do lado da porta e o vesti. Ele sentia muita dor.

— Vem, se apóie em mim, irei te levar para a infermaria e vão cuidar de você.

— Obrigado.... — Ele tossiu e acabou saindo um pouco de sangue, andei o mais rápido que pude com ele, eu não senti nojo dele ou raiva, eu queria ajudar ele e iria fazer de tudo, para que isso acontecesse.


Notas Finais


🌈 O QUE SERÁ QUE VAI ACONTECER HEIN?

🌈 AMANHA AS 10 HORAS TERÁ CAP NOVO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...